Professor marcos valer



Baixar 346.3 Kb.
Página2/2
Encontro01.11.2017
Tamanho346.3 Kb.
1   2

16-A partir da análise da charge acima e dos conhecimentos que você possui a respeito da política republicana entre 1945 e 1964, em especial durante o segundo governo Vargas (1951-1954), é correto afirmar que:

I - A oposição da UDN contra Vargas acentuou-se, de forma dramática, após o atentado da Rua Tonelero, do qual teria saído ferido o jornalista e deputado Carlos Lacerda, principal porta-voz das denúncias contra o "mar de lama" que assolava o Palácio do Catete.

II - Os militares constituíram-se, ao longo do período compreendido entre 1945 e 1964, em árbitros da vida política brasileira, tanto que o posicionamento adotado por vários de seus expoentes possivelmente contribuiu para que Vargas optasse pelo suicídio em 1954.

III - A presença das setas, apontando em sentidos contrários - para "golpe" e "ditadura", de um lado, e para "31/1/1956", data de posse do novo presidente eleito, de outro, - evidenciava o dilema que perpassou a vida política brasileira ao longo do período, ou seja, a tensão entre as soluções golpistas e legalistas. Assinale:

a) Se somente a afirmativa II está correta.

b) Se somente a afirmativa III está correta.

c) Se somente as afirmativas I e II estão corretas

d) Se somente as afirmativas I e III estão corretas.



e) Se todas as afirmativas estão corretas. 


17- Tomando como referência a imagem anterior e o contexto político-cultural da década 1950 no Brasil, assinale a alternativa correta.

a) O período, embora tenha se iniciado com a derrota do Brasil na copa do mundo de futebol em 1950, culminou com o seu primeiro título mundial em 1958 e a euforia expressa nos versos "a taça do mundo é nossa, com brasileiro não há quem possa". Essa euforia foi acompanhada pela liberalização da mulher brasileira, promovida por publicações femininas, entre as quais, "Jornal das Moças", "Querida" e "Cláudia".

b) A imagem revela o fascínio exercido pelas novidades científicas e tecnológicas, alimentado pelos investimentos em publicidade, criando novas necessidades para estimular o consumo. O acesso das classes populares aos novos bens de consumo angariou grande apoio ao trabalhismo de Vargas, corroborando para amenizar a crise do populismo no Brasil.

c) O governo Vargas foi marcado por intensos debates entre nacionalistas e defensores da entrada de capital estrangeiro no país. No interior desse embate, ganhou fôlego a campanha "o petróleo é nosso", culminando com a fundação da estatal Petrobrás, apesar das pressões contrárias dos Estados Unidos e da UDN, liderada por Carlos Lacerda.

d) Ao clima de transformações culturais, juntava-se o quadro político de liberdade democrática iniciado pelo Governo Dutra ao liberalizar o funcionamento do PCB, Partido Comunista do Brasil. Neste período, houve grande promoção da cultura brasileira nos programas de rádio e televisão, evitando, assim, a penetração de valores e hábitos de consumo importados dos Estados Unidos.

e) Nenhuma das afirmações anteriores está certa.



18- O presidente Juscelino Kubitschek visita a fábrica da Volkswagen, em São Bernardo do Campo (SP), em novembro de 1959. Nesse período, a indústria brasileira ingressa definitivamente no restrito clube de países que dominam a tecnologia de fabricação de automóveis.

Crédito: Divulgação - Volkswagen do Brasil A foto e o texto indicam a política adotada por JK durante seu governo. Analise as alternativas abaixo e assinale a que NÃO apresenta relação com as medidas adotadas por esse governo.

a) Em seus discursos, o referido presidente divulga a idéia de um amplo desenvolvimento industrial e infra-estrutural, com o slogan "50 anos em 5".

b) Ao adotar o "Plano de Metas", JK privilegia setores de infra-estrutura, como transporte e produção (ou geração) de energia.

c) Com a política de incentivos governamentais, como a redução de tarifas, várias multinacionais foram implantadas em nosso território.

d) A criação da Petrobrás e da Eletrobrás, ambas estatais, serviriam como estratégia para a implantação de indústrias automobilísticas.

e) Promoção do desenvolvimento regional, com destaque para a criação da SUDENE e abertura de novas estradas no interior do País. 



19- Varre, varre, varre, varre, vassourinha. Varre, varre a bandalheira, Que o povo já está cansado De sofrer desta maneira. Jânio Quadros é a esperança deste povo abandonado. (Nosso Século. São Paulo: Abril Cultural, 1980.)

Esse "jingle" acompanhou o candidato Jânio Quadros durante a sua campanha à presidência da República, em 1960. A letra sintetiza a seguinte política de resolução dos problemas da época:

a) a austeridade do governo e o controle dos gastos públicos conteriam a inflação e a corrupção oficial

b) a disputa de mercados externos e a ideologia nacionalista aumentariam o superávit comercial e a geração de renda

c) o atendimento à economia popular e à produção de alimentos baixariam o custo de vida e os gastos do governo

d) a defesa dos interesses nacionais e a adoção de uma política externa independente gerariam emprego e novas possibilidades econômicas.

e) a política liberal do governo e o rompimento das relações econômicas com os países socialistas.



20-"Perdendo o terreno na luta mobilizatória, os golpistas militares e civis aceitaram uma solução de compromisso aprovada no Congresso: a instauração do regime parlamentarista. Entre os dias 5 e 7 de setembro, Jango retornou a Brasília, prestou juramento como presidente da República e iniciou um governo extremamente tenso e instável." (Edgard Luiz de Barros. "O Brasil de 1945 a 1964").

Esta "perda de terreno na luta mobilizatória", à qual o texto se refere, é:

a) ampla participação dos trabalhadores no comício da Central do Brasil, em apoio às medidas nacionalistas propostas pelo presidente Jango;

b) denominada Rede da Legalidade, liderada por Leonel Brizola, com apoio de outros governadores e do III Exército, pela posse constitucional de Jango;

c) ampla participação de diferentes setores sociais progressistas na Marcha de Família com Deus pela Liberdade na defesa do parlamentarismo, como uma saída controlada para a posse de Jango;

d) articulação de Tancredo Neves com parlamentares, radicalizando-os contra os militares e civis golpistas em prol da política proposta por Jango;

e) apoio e, simultaneamente, paralisação, por 72 horas, de trabalhadores da cidade e do campo pela posse de Jango. 




21- A introdução do Parlamentarismo no Brasil República ocorreu num período marcado por grave crise política e significou:

a) tentativa para que se aprovassem rapidamente as reformas de base, parte importante do programa que o governo Jango queria implementar.

b) tendência para limitar o Poder Executivo, no momento em que o vice-presidente João Goulart assumisse o cargo após a renúncia do presidente.

c) desejo de reformular e até extinguir certas instituições, principalmente as que diziam respeito à previdência social, herdadas da Era Vargas.

d) intenção de diminuir os poderes excessivos do presidente Jânio Quadros e de impedir a manobra golpista, que o tornaria ditador do Brasil.

e) a intenção de implementar um golpe político baseado no Comunismo.




22- Observe as imagens a seguir:




A primeira imagem refere-se ao Comício da Central do Brasil realizado no dia 13 de março de 1964. A segunda imagem retrata a Marcha da Família com Deus pela liberdade, realizada seis dias depois. Sobre estes acontecimentos é INCORRETO afirmar que:

a) No Comício da Central do Brasil, João Goulart buscou o apoio popular às reformas de base, dentre elas a reforma agrária.

b) O Golpe de 1964, desfecho da crise política, foi organizado exclusivamente pelos militares, visto que a sociedade civil manteve-se alheia aos debates políticos.

c) Setores conservadores, temerosos da esquerdização do governo, organizaram a Marcha da Família com Deus pela liberdade.

d) João Goulart pretendia estabelecer um governo nacionalista e popular provocando o aumento das tensões políticas levando que levaram ao Golpe de 1964. 

e) Parte da imprensa e da igreja Católica apoiou o golpe contra Jango, por afirmarem que suas Reformas de Base eram radicais ao extremo.




23- No fundo, chegamos à conclusão de que fizemos a revolução contra nós mesmos. Essa lamentosa frase de Ademar de Barros sintetizava o ânimo de alguns conspiradores civis com os rumos do governo militar. Após duras críticas ao regime, Ademar chegou a exigir a renúncia do presidente Castelo Branco em um manifesto à nação. Em junho de 1966 teve seus direitos políticos cassados por dez anos. (Flávio Campos, "Oficina de História: história do Brasil").

Carlos Lacerda, outro importante civil articulador do golpe de 1964, reagiu contra o regime por meio:

a) da criação, no Rio de Janeiro, do Comitê pela Anistia, em 1968, com o apoio de militares e civis cassados pelo regime de exceção.

b) da defesa de eleições diretas para a presidência da República e governos estaduais e apoiou, em 1968, contraditoriamente, o AI-5.

c) de um mandado de segurança apresentado, em 1969, ao Supremo Tribunal Federal, reivindicando o afastamento de Costa e Silva.

d) de uma representação ao Congresso Nacional, exigindo a imediata reconsideração acerca do AI-2, que criou a ARENA e o MDB.

e) da organização da Frente Ampla, em 1967, que contou com a participação dos ex-presidentes Juscelino Kubitschek e João Goulart. 


24- Considere as seguintes afirmativas sobre o Regime Militar, instaurado no Brasil a partir do golpe de 1964.

I- Representou um período de desenvolvimento econômico, que atingiu amplos setores da sociedade brasileira, desde empresários até operários. Em especial no período Geisel de 15 de março de 1974 a 15 de março de 1979.

II- Decretou, durante o governo do Marechal Artur da Costa e Silva, o Ato Institucional nº 5 (AI-5), que conferia ao presidente da república poderes totais para reprimir e perseguir as oposições. Entre outras coisas, ele poderia suspender os direitos civis de quaisquer cidadãos pelo prazo de 10 anos; restringir liberdades individuais e suspender a garantia ao habeas corpus.

III- Extinguiu os partidos políticos e instituiu apenas dois: um para apoiar totalmente o governo (Aliança Renovadora Nacional – ARENA) e outro para fazer uma oposição dentro de limites considerados aceitáveis pelos militares (Movimento Democrático Brasileiro – MDB).

Das proposições acima,

a) apenas I está correta.

b) apenas II está correta.

c) apenas I e II estão corretas.

d) apenas II e III estão corretas.

e) I, II e III estão corretas.



25- O AI-5, decretado por Costa e Silva, marcou o endurecimento do regime militar, abrindo-se um novo ciclo de cassações de mandatos, perda de direitos políticos e censura aos meios de comunicação, e, na época, a tortura passou a constituir-se como um dos métodos de ação do governo.

Sobre essa conjuntura, é correto afirmar que:

a) a guerrilha urbana expandiu-se por todo o Brasil, tendo êxito comprovado em todas as suas ações.

b) os principais órgãos de tortura do regime militar foram a OBAN e os DOI-CODI.

c) a sociedade brasileira apoiou o foco guerrilheiro do Araguaia, em 1973.

d) os torturadores foram punidos e presos depois da Lei da Anistia, em 1979.

e) o habeas corpusfoi amplamente utilizado em favor dos presos políticos.




26- O período compreendido entre a Redemocratização de 1945 e o início das "aberturas democráticas" pelo ex-presidente Ernesto Geisel apresentou diferentes momentos com relação às políticas econômicas adotadas. Assim, podemos dizer que:

a) João Goulart tentou, durante seu governo, retomar o crescimento econômico do Brasil com o Plano Salte (que visava ao pagamento de nossa dívida externa e o combate à inflação), o que lhe daria amplo apoio dos grupos financeiros internacionais.

b) No governo de Jânio Quadros, o apelo nacionalista de grande impacto sobre a classe média urbana levou ao desenvolvimento da capacidade produtiva dos setores ligados à energia e aos combustíveis, sendo exemplo disso a fundação da Petrobrás.

c) Juscelino Kubitschek, com seu Plano de Metas, possibilitou o desenvolvimento industrial em função de um vigoroso monopólio nacional dos chamados setores de ponta de nossa economia e, para tal, obteve forte apoio da burguesia nacional.

d) O período compreendido entre 1970 e 1973 representou o apogeu do conhecido "milagre brasileiro", que se baseava no investimento de capitais estrangeiros, na participação do Estado nos chamados setores básicos e na expansão do sistema de crédito ao consumidor.

e) O populismo do governo de Getúlio Vargas tentou orientar a política econômica no sentido de favorecer as classes agrárias, que constituíram o segmento político mais expressivo naquele momento.



27- Após duas décadas de governos militares e da intensa campanha popular pelas diretas em 1984, as eleições presidenciais de 1985 foram:

a) diretas, vencidas por José Sarney, candidato do PDS (Partido Democrático Social), que apoiava o regime militar.

b) diretas, vencidas pelos partidos de esquerda que nasceram após a anistia política de 1979: PT (Partido dos Trabalhadores) e PDT (Partido Democrático Trabalhista).

c) indiretas, vencidas pelo general João Figueiredo, da ARENA (Aliança Renovadora Nacional), que se tornou o último presidente militar do Brasil.

d) indiretas, vencidas pela Aliança Democrática, que reunia o PMDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro), de oposição, e setores dissidentes do PDS.

e) diretas, vencidas pelo PFL (Partido da Frente Liberal), que apoiara o regime militar e que, após a redemocratização, passou para a oposição.




28-A respeito da Constituição de 1988, é correto afirmar que:

a) o direito de promover ações de inconstitucionalidade foi retirado do Ministério Público, que se enfraqueceu.

b) o direito de voto foi assegurado a todos os brasileiros e brasileiras, a partir dos dezesseis anos, desde que alfabetizados.

c) os direitos civis foram amplamente assegurados, sendo a prática de racismo classificada como crime inafiançável.

d) o direito do poder público intervir nos sindicatos foi assegurado, aumentando o controle do Estado sobre os trabalhadores.

e) o direito à informação ampliou-se, ainda que o governo possa impor censura prévia à imprensa. 




29- Em 2015, completaram-se 30 anos da morte de Tancredo Neves, primeiro presidente eleito após o encerramento da ditadura militar no Brasil. Na ocasião, após a morte de Tancredo, a presidência foi assumida pelo então vice-presidente José Sarney, que, dentre os inúmeros problemas herdados do ciclo militar, teve de enfrentar uma economia em crise, com alta da inflação, que ultrapassava os 200%.

Sobre esse período, considere as asserções a seguir.

I. Uma tentativa de conter a inflação foi o Plano Cruzado, que congelou os preços por um ano e adotou o mecanismo do “gatilho” para reajuste dos salários.

II. Atendendo à convocação de Sarney para travar uma “guerra de vida ou morte” contra a inflação, muitos brasileiros entravam nos supermercados exibindo bottons com a inscrição “sou fiscal do Sarney” e denunciando os estabelecimentos quando havia remarcação indevida de preços.

III. Os empresários apoiaram o plano e as exportações de produtos industrializados explodiram.

IV. A crise das contas externas levou o Brasil a declarar a chamada “moratória técnica”, em 1987.

É verdadeiro apenas o que se afirma em:

a) I e II.

b) I e III.

c) I, II e III.

d) I, II e IV.

e) III e IV.

30- Associe os nomes dos presidentes brasileiros do período da Nova República (coluna A) às características de sua Presidência (coluna B).

Coluna A

1. José Sarney

2. Fernando Collor de Mello

3. Fernando Henrique Cardoso

4. Luís Inácio “Lula” da Silva

Coluna B

( ) Seu mandato foi marcado pela busca da estabilida­de monetária, pelo controle da emissão de moedas e pelo baixo crescimento industrial, devido aos efeitos negativos sobre a indústria, decorrentes da abertura da economia brasileira ao mercado internacional.

( ) Sua presidência foi marcada pela estabilidade monetária, pelo crescimento da economia, im­pulsionado pela exportação de commodities, e pelo incremento do consumo interno, através de políticas de ampliação de renda e crédito, e de redistribuição de renda.

( ) Seu governo enfrentou uma forte inflação através de planos econômicos como o Plano Cruzado, o Plano Cruzado II e o Plano Verão, que acabaram fracassando e gerando grande impopularidade ao presidente no fim de seu mandato.

( ) Em seu mandato, procurou combater a inflação através do confisco da poupança, tentou moderni­zar a economia brasileira, iniciando a sua abertura para o mercado internacional, e enfrentou grande instabilidade política, perdendo o apoio do Con­gresso.

( ) Tentou marcar o seu governo pelo slogan “Tudo Pelo Social”, promovendo a criação da “farmácia básica” e do seguro desemprego, a extensão dos benefícios da previdência ao trabalhador rural e a aplicação do Programa do Leite.

A numeração correta, de cima para baixo, é :

A) 1 – 2 – 3 – 4 – 3

B) 2 – 3 – 4 – 1 – 2

C) 3 – 1 – 4 – 2 – 4

D) 3 – 4 – 1 – 2 – 1

E) 3 – 4 – 2 – 1 – 4



GABARITO – Este é o último simulado 2015, obrigado pela confiança e participação durante o ano. Tua dedicação será recompensada.

BOA SORTE!!!!

1-A.


2-B.

3-E.


4-C.

5-A.


6-D.

7-E.


8-B.

9-D.


10-B.

11-D.


12-E.

13-C.


14-B.

15-B.


16-E.

17-C.


18-D.

19-A.


20-B.

21-B.


22-B.

23-E.


24-D.

25-B.


26-D.

27-D.


28-C.

29-D.


30-D.


Baixar 346.3 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2




©bemvin.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
CÂmara municipal
ensino fundamental
ensino médio
concurso público
catarina município
Dispõe sobre
reunião ordinária
Serviço público
câmara municipal
público federal
Processo seletivo
processo licitatório
educaçÃo universidade
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
ensino superior
Relatório técnico
Universidade estadual
Conselho municipal
técnico científico
direitos humanos
científico período
espírito santo
pregão eletrônico
Curriculum vitae
Sequência didática
Quarta feira
prefeito municipal
distrito federal
conselho municipal
língua portuguesa
nossa senhora
educaçÃo secretaria
segunda feira
Pregão presencial
recursos humanos
Terça feira
educaçÃO ciência
agricultura familiar