Por: Pascoal Naib



Baixar 60.99 Kb.
Encontro03.11.2017
Tamanho60.99 Kb.
SERÁ QUE A TORRE DE VIGIA ESTÁ IMPLODINDO?

Por:Pascoal Naib | dia: quinta-feira, 26 de novembro de 2015 40 Comentários



APRESENTO ABAIXO A TRADUÇÃO DO ARTIGO PUBLICADO NO SITE JWSURVEY, DE AUTORIA DE JOHN CEDARS, QUE FALA SOBRE A POSSIBILIDADE DE FALÊNCIA DA ORGANIZAÇÃO TORRE DE VIGIA E O SEU CONSEQUENTE FIM.

Tradução feita por Artur Araújo.
Será que a Torre de Vigia está implodindo? 10 razões pelas quais o fim poderia estar próximo.

Para muitos que são Testemunhas de Jeová, ou que já foram um dia, que se encontram vítimas de algumas das características cruéis de seita da Torre de Vigia, a perspectiva de testemunhar o fim da organização parece boa demais para ser verdade.
Especialmente quando você passou muitos anos aceitando as falsas promessas de futuros eventos extraordinários, é compreensível que você seja cuidadoso ao depositar as suas esperanças sobre algo tão importante como a queda da organização que enganou você.
Eu, obviamente, não vou fazer a você nenhuma promessa, porque eu aprendi a ser extremamente cauteloso com expectativas, em todas as suas formas. Mas quando eu olho para o que está acontecendo com a Torre de Vigia, eu vejo uma organização desmoronando em um ritmo mais rápido do que eu jamais poderia ter razoavelmente previsto.

A mais recente evidência de queda livre da organização vem na forma de uma carta a todos os anciãos no território dos Estados Unidos, datado de 8 de julho de 2015. Você pode ler sobre o novo "plano mestre" da Torre de Vigia por conta própria, mas, essencialmente, ele acrescenta mais uma advertência às suas manobras “quebra e agarra” e “dízimo-dissimulado” do ano passado. (Os agradecimentos vão para JWleaks.org por ser o primeiro a tornar essa carta disponível.) *

A nova carta diz essencialmente aos publicadores (ou não diz aos publicadores, porque é uma carta só para anciãos): "Não só vamos fazer vocês prometerem que vão enviar dinheiro todos os meses para a manutenção de um Salão do Reino que não é de sua propriedade em qualquer sentido, como também estamos avisando que provavelmente vamos vender seu Salão do Reino, embolsar os lucros e encaminhar sua congregação para ir compartilhar o Salão do Reino de outra congregação, enquanto ainda vamos cobrar as parcelas do financiamento do Salão do Reino da sua congregação que acabamos de vender. "
Ao invés de escrever um resumo exaustivo da carta, e rediscutir assuntos que eu já apresentei em artigos anteriores, eu pensei em fazer uma abordagem diferente, adicionando este último acontecimento na minha lista de 10 razões pelas quais eu acredito que a Watchtower pode estar perto do seu fim. Aqui vai …
1 – TESTEMUNHAS DE JEOVÁ ESTÁ SE TORNANDO UM NOME COM PÉSSIMA REPUTAÇÃO

A internet está mais hostil do que nunca em relação às Testemunhas de Jeová. À medida que o mundo torna-se mais consciente do fenômeno seita (em parte graças ao sucesso dos documentários como "Going Clear" filme da HBO sobre a Cientologia) jornalistas estão se tornando cada vez menos sensíveis quando se trata de destacar as características de seita da Organização em artigos de jornais e noticiários.Ex-Testemunhas já tornaram o YouTube em uma zona proibida para Testemunhas de Jeová ativas, e continuam a explorar estratégias engenhosas para alcançar aqueles que ainda estão sob o feitiço da Torre de Vigia. Até mesmo blogs de não-Testemunhas de Jeová, como “Friendly Atheist” (Ateu amigável) agora estão se reunindo para a causa ex-TJ e se fazendo ouvir cada vez mais sobre práticas prejudiciais da organização. Tudo isso significa que é mais difícil do que nunca para a seita conseguir novos convertidos e mais fácil do que nunca perder seus atuais convertidos.
2 – MENOS “ALIMENTO ESPIRITUAL” ESTÁ SENDO PUBLICADO

As revistas sobre os carrinhos de literatura testemunham uma enorme queda na saída impressa de 39% para a impressão mensal da revista desde 2005. Se a “verdadeira organização de Deus” é florescente, então por que tem escalado tão drasticamente para baixo em seu "alimento espiritual?" A verdade é simples, imprimir é caro, muito caro. Um bom indicador de prosperidade para qualquer Organização de impressão é a sua saída impressa. Se uma empresa de impressão tem um problema, ela irá imprimir menos material. Isso é exatamente o que nós já temos visto por algum tempo com a Torre de Vigia.
3 – GLOBALMENTE A ORGANIZAÇÃO ESTÁ RECUANDO

A Torre de Vigia está fechando filiais a uma taxa nunca vista antes, com a quantidade de filiais em queda livre a partir de 118 em 2009 para apenas 90 desde o ano passado. A Organização costumava orgulhar-se de sua presença global, e anunciava a inauguração de novas filiais como prova de apoio de Deus para a obra de pregação global. Agora Torre de Vigia está em franco recuo, usando uma única filial para executar os negócios de vários países. As GTRs, ou "Gabinetes de tradução remota" (pense em um GTR como uma pequena Bethel), são vistos como uma forma de manter algum tipo de presença em territórios longínquos, mas os dias de glória da expansão global implacável da Torre de Vigia estão desaparecendo rapidamente no espelho retrovisor.
4 – A MENDICÂNCIA COMEÇOU

Pela primeira vez na história da organização, o Corpo Governante admitiu abertamente um défice de fundos necessários no episódio de maio de 2015 do JW Broadcasting. Este anuncio sem precedentes foi feito apesar da Torre de Vigia ter embolsado 1 bilhão de dólares com a venda às escondidas de seu portfólio de Brooklyn ($ 375,000,000 em uma única transação), o que poderia indicar que os rendimentos de Brooklyn já foram gastos. Afinal de contas, quando a transparência contábil é zero, nós não temos nenhuma maneira de saber o quão endividada a Organização está. Nenhuma quantidade de receita de venda de imóveis será de muita utilidade para a Torre de Vigia se tudo for sugado em um poço sem fundo da dívida acumulada.
5 – O DÍZIMO DISFARÇADO COMEÇOU

Não surpreende uma organização em perigo financeiro desesperadamente se agarrar em torno de novas maneiras de trazer mais dinheiro de ativos disponíveis. No caso da Torre de Vigia, eles são impedidos de exigir dinheiro de membros individuais, porque isso seria classificado como "dízimo" - uma prática associada a falsa religião que a organização condenou desde a sua criação. O que a Torre de Vigia pode fazer é cobrar dízimo, não de indivíduos, mas das congregações. Este é precisamente o que o novo arranjo "Projeto Local/Construção" alcançou.No ano passado anciãos foram forçados a prometer um montante fixo para ser doado a Torre de Vigia todos os meses a partir de sua conta congregação, com base em (1) no valor que a congregação já estava enviando para pagar um empréstimo de construção/restauração (ou reforma), ou (2) pequenos pedaços de papel anônimos passados de mão em mão para que os publicadores indicassem a quantia que estavam dispostos a doar todo mês. As Congregações foram orientadas a enviar quaisquer fundos excedentes que seriam reservados para os momentos difíceis da Torre de Vigia, deixando apenas US $ 5.000 mais o equivalente a três meses das despesas operacionais regulares.Surpreendentemente, a maioria das Testemunhas continuam a ignorar esse ato que equivale a um “assalto-relâmpago”, e vivem sob a suposição de que Torre de Vigia misericordiosamente perdoou todos os empréstimos para construção do Salão do Reino.
6 – COMPARTILHAMENTO DE SALÕES DO REINO ESTÃO NA MODA

Como já mencionado, Torre de Vigia instruiu todos os anciãos nos Estados Unidos, a partir de 08 de julho de 2015, para estarem prontos para a possibilidade de transferir suas respectivas congregações para um Salão do Reino diferente, caso seja necessário aplicar o novo “plano mestre” da Organização. A carta marca o sinal verde para a redução que já estamos vendo na sucursal, e que em breve deve ser lançado a nível congregacional, e é mais uma vez clara evidência de que a Torre de Vigia está desesperada para economizar todo o dinheiro que puder e se tornar uma Organização menor, financeiramente mais ágil .A jogada final seria criar múltiplos Salões do Reino em locais no centro da cidade, compartilhados por cinco ou mais congregações – uma situação bem distante daquele sentimento paroquial que Testemunhas mais antigas estão acostumadas.Encantador como seja imaginar uma enorme regressão na presença local da Organização, não dá para evitar se sentir mal por todas aquelas Testemunhas de longa data que doaram milhares ao longo dos anos sob a falsa suposição de que elas eram responsáveis pela manutenção do seu salão do Reino local. Em breve, apesar de toda a sua bondade e generosidade, tais pessoas podem enfrentar longas e custosas viagens de carro para lugares sem alma, intimidadores, com localização inconveniente no centro da cidade, designados pela Torre de Vigia.
7 – PESSOAS ESTÃO SENDO DISPENSADAS

No ano passado, os superintendentes distritais receberam a indesejada notícia de que suas posições já não existiam mais, e eles eram desnecessários. Embora alguns tenham sido rebaixados para o posto de superintendente de circuito, a maioria foi descartada pela organização, abandonados a própria sorte – uma classe hierárquica inteira da organização foi dissolvida, e considerados não reparáveis ou não rentáveis. De uma maneira semelhante e sem cerimônia, os trabalhadores das filiais sujeitas ao encerramento de suas atividades pela Torre de Vigia ficaram à deriva, com anos ou mesmo décadas de serviço leal, aparentemente não podem contar com a Organização para fazer face às suas despesas pessoais. Uma história que surgiu recentemente de um betelita de Wallkill, que foi praticamente jogado na rua devido a "cortes", sugere que a cúpula da organização não têm escrúpulos quando se trata de empunhar o machado. Betelitas no coração da Torre de Vigia fariam bem em prestar atenção a suas costas e preparar para o pior tendo em vista que a Organização procura cortar gastos onde quer que ela possa.
8 – AS ARMAS SECRETAS FALHARAM

Apesar de todo o alarde e propaganda, a JW.org tem sido incapaz de atrair aqueles que não são Testemunhas - seu principal público-alvo. Basicamente o site só prega para os já convertidos. O anuário de 2015 se gabou de que JW.org recebeu 850,000,000 + total de visitas nos primeiros dois anos a partir de 27 agosto de 2012 a 31 de agosto de 2014. Este número parece impressionante até que você levar em conta o número de Testemunhas de Jeová - 8.000.000. Supondo que cada Testemunha ativa visita seu próprio site pelo menos uma vez por semana, você chega a apenas um número ligeiramente inferior de 832,000,000 visitas ao longo dos dois anos (8.000.000 x 52 x 2).*E isso sem contar com a provável visita de apóstatas.E, apesar de ter sucesso em tornar a organização mais visível, não houve nenhum aumento notável em batismos nos dois anos desde que programa de carrinhos de literatura (ou "testemunho metropolitano") foi lançado. Afinal de contas, deixar literatura nas mãos de alguém não vai impedi-los de ir na internet e verificar os fatos quando chegar em casa. E isso supondo que alguém está interessado em se aproximar dos carrinhos, para começar. Neste artigo do Guardian, o repórter observou alguns carrinhos em uma parte movimentada de Londres por uma hora, e a única pessoa que se aproximou das Testemunhas fizeram isso porque eles precisavam de instruções.
9 – AS COMPORTAS DO ABUSO INFANTIL FORAM ABERTAS

Como foi previsto na época, tem havido um fluxo incessante de ações judiciais sobre abuso infantil movidas contra a Torre de Vigia desde o veredicto do Caso Cadence Conti em 2012. Em 2013, um ano depois do caso Conti, o advogado Irwin Zalkin me disse que ele tinha não menos do que 11 ações judiciais em seus livros. Embora muitos desses processos tenham resultado em acordos, o sucesso do caso José Lopez e a recente vitória na Alta Corte de Londres mostraram que se vítimas de abuso infantil estiverem dispostas a fincar os pés e manter o rumo, elas podem obter não apenas as indenizações, mas a sensação de justiça cumprida.Tudo isso acaba prejudicando ainda mais uma organização que já é atacada por suas práticas sectárias, tais como o repúdio aos desassociados e as fatais proibições de transfusão de sangue. E para além da reputação atroz, conta ainda com jornalistas bem informados como Trey Bundy, espalhando os problemas de má gestão organizacional nos meios de comunicação, e a questão do dinheiro para pagar indenizações multimilionárias e acordos extrajudiciais, que tem que vir de algum lugar.Ainda que o Corpo Governante enviasse amanhã mesmo uma carta bem atrasada FINALMENTE orientando os anciãos a reportar todas as acusações de abuso infantil diretamente à polícia, mesmo assim a Torre de Vigia teria que responder por todos os processos acumulados das vítimas que sofreram enquanto a regra das duas testemunhas estava em vigor. Tais vítimas podem ter apenas uma pequena janela de oportunidade para conseguir algum dinheiro da Torre de Vigia
10 – A TORRE DE VIGIA NÃO POSSUI UMA ESTRATÉGIA DE RP

Você é uma organização internacional sem fins lucrativos, baseada na fé e com péssima reputação tanto na internet quanto na mídia. Cada vez menos pessoas de países ricos e desenvolvidos com internet estão se juntando a você, e, assim, as doações estão diminuindo. Para toda a obra evangelizadora e de promoção dos seus membros, alguns cliques no Google pode desmantelar completamente a mensagem de sua organização. Para piorar as coisas, você tem montanhas de custas judiciais e acordos extrajudiciais para pagar, sem mencionar um fluxo de receitas cada vez menor. O que você precisa urgentemente é de uma boa estratégia de RP (relações públicas) para tornar mais fácil trazer novos convertidos (e suas doações) - mas mesmo nesse ponto a Torre de Vigia é quase comicamente incompetente.A organização tem basicamente duas estratégias de RP: (1) enterrar a cabeça na areia e esperar que seus opositores fique cansados e desapareçam, ou (2) refutar as alegações feitas por seus opositores, usando mentiras descaradas (* tosse * Rick Fenton ). Ambos os métodos podem ajudar tipos como Tony Morris a conseguir dormir à noite, no curto prazo, mas no final eles são autodestrutivos. Para observadores neutros, o silêncio da organização é incriminatório quando acusações sérias são divulgadas – especialmente as relacionadas com abuso infantil. E quando você apresenta mais mentiras sobre suas políticas e ensinos prejudiciais a única coisa que consegue é oferecer ainda mais corda para críticos como eu enforcá-lo.A única estratégia viável que a Torre de Vigia pode aplicar nesse estágio é uma profunda reforma, mas a experiência passada mostra que qualquer forma de "acordo" é vista pelo Corpo Governante como capitulação às hordas de Satanás. Em suma, a Torre de Vigia está afundando porque seus líderes iludidos são seus próprios piores inimigos.
O QUE RESERVA O FUTURO?
Em momento algum eu sugeri que nós vamos ver o fim das Testemunhas de Jeová como religião em nosso tempo de vida. O fato de continuar a haver tal coisa como os Estudantes da Bíblia, que ainda se agarram a Charles Taze Russell e seus desacreditadas ensinamentos estranhos, diz-nos que as religiões têm habilidades incríveis de sobrevivência, mesmo quando os membros sejam privados de sua liderança. Fé, afinal de contas, é um produto da mente das pessoas. Quando uma quantidade suficiente de pessoas começa a acreditar que em uma mesma coisa sem fundamento você tem uma religião, independentemente da existência de uma pessoa ou organização para conduzi-la.

Mas enquanto as religiões são virtualmente indestrutíveis, as corporações não são. Organizações sem fins lucrativos como a Torre de Vigia são tão capazes de ficar em dívida como qualquer outro negócio. E quando o seu gerente de banco começa um processo de falência contra você, por você não poder mais honrar suas dívidas, é fim de jogo.
Aqueles que sugerem que a Torre de Vigia é muito grande e bem sucedida para falir precisam apenas atentar para o fato de que ela já está diminuindo desde que atingiu seu auge (em termos de ramos de operação e impressão) em algum momento entre 2005 e 2010. Acrescente a isso o desesperado apego por dinheiro ao longo dos cinco anos desde então, e você terá os presságios de um colapso organizacional.

Os ventos da mudança já dominaram completamente a Torre de Vigia na era da internet, e o Corpo Governante está diante de uma situação totalmente diferente daquela enfrentada por seus antecessores. Se as coisas estão realmente tão ruins quanto eu imagino, a Torre de Vigia vai ter que reduzir drasticamente suas operações para, digamos, um punhado de filiais e nada de imprimir publicações. Em outras palavras, a organização precisa imitar seu vizinho barulhento, a Cientologia, que apesar de ter apenas cerca de 50.000 membros (e uma reputação bem pior) ainda tem um impressionante portfólio de propriedades valiosas espalhadas por todo o globo e despesas gerais mínimas quando comparada com a Torre de Vigia.

Mas qualquer redução dessa magnitude colocaria a Torre de Vigia em um espiral ainda mais vicioso, no qual teria início uma “hemorragia” até mesmo entre os membros mais obstinados. Afinal, quando você passa décadas apontando para o seu sucesso como evidência de apoio divino, como você pode explicar qualquer acentuado declínio repentino?
Se a Torre de Vigia for à falência, ela sempre poderá tentar alegar que a Grande Tribulação começou e os servos de Satanás (seus credores) começaram a atacar abertamente o povo de Deus, mas isso simplesmente não vai funcionar com as Testemunhas mais inteligentes. Seja o que for que reste da organização (talvez um novo nome para abandonar o velho “Torre de Vigia” totalmente, mantendo os membros do Corpo Governante na dianteira) ainda assim teria um enorme êxodo em suas mãos.

É precisamente por causa de todo o orgulho em jogo que, em minha mente, uma implosão súbita parece cada vez mais plausível. Ao contrário de organizações comerciais comuns que têm a flexibilidade para alterar o seu tamanho e escopo de acordo com as condições prevalecentes, para ter qualquer credibilidade a "organização de Deus" só pode ser vista pelos seus membros como estando em uma trajetória ascendente para suas pretensões grandiosas de direção divina. Qualquer regressão perceptível seria justamente interpretada como evidência da ausência do favor de Deus. Dessa forma, qualquer problema seria autorizado a se acumular atrás de portas fechadas até que atinjam uma massa crítica.
É claro que eu posso estar errado, mas se isso é assim, então a Torre de Vigia está fazendo uma enorme quantidade de mendicância e enxugamento de despesas sem qualquer razão em particular, e com muito a perder ao fazê-lo. Poderia muito bem ser que alguns acontecimentos incríveis estejam à frente enquanto o dilema da Torre de Vigia deteriora cada vez mais, ao tempo que os membros do Corpo Governante lentamente descobrem que Jeová não está vindo para o resgate. É melhor eu começar logo a escrever meu livro enquanto ainda há uma organização para escrever sobre. Parece que a maldição do nome Jeová, que surgiu em1518 que vem do Hebraico está caindo sobre essa seita: O real significado da palavra 'yehovah' é "destruição, desolação, perdição" pode o leitor consultar qualquer dicionário Biblico Hebraico e verá que é assim, E pense a quem você tem adorado. É ISSO QUE AS TESTEMUNHAS ADORAM?
JOHN CEDARS

Link do texto original

http://jwsurvey.org/cedars-blog/is-watchtower-imploding-10-reasons-why-the-end-could-be-nigh
Baixar 60.99 Kb.

Compartilhe com seus amigos:




©bemvin.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
CÂmara municipal
ensino fundamental
ensino médio
concurso público
catarina município
reunião ordinária
Dispõe sobre
Serviço público
câmara municipal
público federal
Processo seletivo
processo licitatório
educaçÃo universidade
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
ensino superior
Universidade estadual
Relatório técnico
Conselho municipal
técnico científico
direitos humanos
científico período
pregão eletrônico
Curriculum vitae
espírito santo
Sequência didática
Quarta feira
conselho municipal
prefeito municipal
distrito federal
língua portuguesa
nossa senhora
educaçÃo secretaria
Pregão presencial
segunda feira
recursos humanos
educaçÃO ciência
Terça feira
agricultura familiar