Pai e constituído Senhor do Universo



Baixar 1.59 Mb.
Página3/9
Encontro03.11.2017
Tamanho1.59 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9

RITOS INICIAIS



A9 D7M E4 A9

1. MANTOS E PALMAS ESPALHANDO VAI O POVO ALEGRE DE JERUSALÉM



A9 D7M E4 A9

LÁ BEM AO LONGE SE COMEÇA VER O FILHO DE DEUS QUE MONTADO VEM.



F#m C#m

ENQUANTO MIL VOZES RESSOAM POR AÍ:



D A9

“HOSANA AO QUE VEM EM NOME DO SENHOR”



F#m C#m

COM UM ALENTO DE GRANDE EXCLAMAÇÃO.



D E4 E7

PRORROMPEM COM VOZ TRIUNFAL:


A9 D7M E4 A9 A9 D7M E4 A9

HOSANA! HOSANA, AO REI! HOSANA! HOSANA, AO REI!
A9 D7M E4 A9

2. COMO NA ESTRADA DE JERUSALÉM, UM DIA TAMBÉM PODEREMOS CANTAR



A9 D7M E4 A9

A JESUS CRISTO QUE VIRÁ OUTRA VEZ PARA LEVAR-NOS AO ETERNO LAR



F#m C#m

ENQUANTO MIL VOZES RESSOAM POR AÍ:



D A9

“HOSANA AO QUE VEM EM NOME DO SENHOR”



F#m C#m

COM UM ALENTO DE GRANDE EXCLAMAÇÃO.



D E4 E7

PRORROMPEM COM VOZ TRIUNFAL:


A9 D7M E4 A9 A9 D7M E4 A9

HOSANA! HOSANA, AO REI! HOSANA! HOSANA, AO REI!
2. SAUDAÇÃO DO CELEBRANTE - CEL.: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. TODOS: Amém. - CEL.: Irmãos eleitos segundo a presciência de Deus Pai, pela santificação do Espírito, para obedecer a Jesus Cristo e participar da bênção da aspersão do seu Sangue, graça e paz vos sejam concedidos abundantemente. - TODOS: BENDITO SEJA DEUS, QUE NOS REUNIU NO AMOR DE CRISTO.
3. COMEMORAÇÃO DA ENTRADA DO SENHOR EM JERUSALÉM - CEL.: Meus irmãos e minhas irmãs, durante as cinco semanas da Quaresma preparamos os nossos corações pela oração, pela penitência e pela caridade. Hoje aqui nos reunimos e vamos iniciar, com toda a Igreja, a celebração da Páscoa de nosso Senhor. Para realizar o mistério de sua morte e ressurreição, Cristo entrou em Jerusalém, sua cidade. Celebrando com fé e piedade a memória dessa entrada, sigamos os passos de nosso Salvador, para que, associados pela graça à sua cruz, participemos também de sua ressurreição e de sua vida.

4. ORAÇÃO - CEL.: - OREMOS. DEUS ETERNO E TODO-PODEROSO, ABENÇOAI ESTES RAMOS, PARA QUE, SEGUINDO COM ALEGRIA O CRISTO, NOSSO REI, CHEGUEMOS POR ELE À ETERNA JERUSALÉM. POR CRISTO, SENHOR NOSSO. - TODOS: AMÉM.
5. EVANGELHO (Lc 19,28-40) - COM.: Lucas mostra que a multidão dos discípulos louva a Deus pelos prodígios vistos. A obra da salvação não permite que as pessoas se calem, por isso, aclamam Jesus como Rei que vem da parte de Deus. Ouçamos atentamente o Santo Evangelho.
6. CEL.: O Senhor esteja convosco. - TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. - CEL.: Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo, segundo Lucas - TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR! –

CEL.: Naquele tempo, Jesus caminhava à frente dos discípulos, subindo para Jerusalém. Quando se aproximou de Betfagé e Betânia, perto do monte chamado das Oliveiras, enviou dois de seus discípulos, dizendo: "Ide ao povoado ali na frente. Logo na entrada encontrareis um jumentinho amarrado, que nunca foi montado. Desamarrai-o e trazei-o aqui. Se alguém, por acaso, vos perguntar: 'Por que desamarrais o jumentinho?', respondereis assim: 'O Senhor precisa dele'". Os enviados partiram e encontraram tudo exatamente como Jesus lhes havia dito. Quando desamarravam o jumentinho, os donos perguntaram: "Por que estais desamarrando o jumentinho?" Eles responderam: "O Senhor precisa dele". E levaram o jumentinho a Jesus. Então puseram seus mantos sobre o animal e ajudaram Jesus a montar. E enquanto Jesus passava, o povo ia estendendo suas roupas no caminho. Quando chegou perto da descida do monte das Oliveiras, a multidão dos discípulos, aos gritos e cheia de alegria, começou a louvar a Deus por todos os milagres que tinha visto. Todos gritavam: "Bendito o Rei, que vem em nome do Senhor! Paz no céu e glória nas alturas!" Do meio da multidão, alguns dos fariseus disseram a Jesus: "Mestre, repreende teus discípulos!" Jesus, porém, respondeu: "Eu vos declaro: se eles se calarem, as pedras gritarão". - Palavra da Salvação! - TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR!
7. HOMILIA
8. PROCISSÃO - CEL.: Meus irmãos e minhas irmãs, imitando o povo que aclamou Jesus, comecemos com alegria a nossa procissão.

9. CANTO PROCESSIONAL
A9 D7M E4 A9

1. MANTOS E PALMAS ESPALHANDO VAI O POVO ALEGRE DE JERUSALÉM



A9 D7M E4 A9

LÁ BEM AO LONGE SE COMEÇA VER O FILHO DE DEUS QUE MONTADO VEM.



F#m C#m

ENQUANTO MIL VOZES RESSOAM POR AÍ:



D A9

“HOSANA AO QUE VEM EM NOME DO SENHOR”



F#m C#m

COM UM ALENTO DE GRANDE EXCLAMAÇÃO.



D E4 E7

PRORROMPEM COM VOZ TRIUNFAL:


A9 D7M E4 A9 A9 D7M E4 A9

HOSANA! HOSANA, AO REI! HOSANA! HOSANA, AO REI!
A9 D7M E4 A9

2. COMO NA ESTRADA DE JERUSALÉM, UM DIA TAMBÉM PODEREMOS CANTAR



A9 D7M E4 A9

A JESUS CRISTO QUE VIRÁ OUTRA VEZ PARA LEVAR-NOS AO ETERNO LAR



F#m C#m

ENQUANTO MIL VOZES RESSOAM POR AÍ:



D A9

“HOSANA AO QUE VEM EM NOME DO SENHOR”



F#m C#m

COM UM ALENTO DE GRANDE EXCLAMAÇÃO.



D E4 E7

PRORROMPEM COM VOZ TRIUNFAL:


A9 D7M E4 A9 A9 D7M E4 A9

HOSANA! HOSANA, AO REI! HOSANA! HOSANA, AO REI!

SANTA MISSA



10. ORAÇÃO DO DIA - CEL.: OREMOS (Pausa) DEUS ETERNO E TODO PODEROSO, PARA DAR AOS HOMENS UM EXEMPLO DE HUMILDADE, QUISESTES QUE O NOSSO SALVADOR SE FIZESSE HOMEM E MORRESSE NA CRUZ. CONCEDEI-NOS APRENDER O ENSINAMENTO DA SUA PAIXÃO E RESSUSCITAR COM ELE EM SUA GLÓRIA. POR NSJC. TODOS: AMÉM.

LITURGIA DA PALAVRA
COM.: A palavra de Deus revela-nos o grande mistério do amor de Deus. Jesus, de condição divina, esvaziou-se, tornando-se humano semelhante a nós. O Senhor deu-nos línguas e ouvidos de discípulos para anunciar seu reino. Comprometer-se com Cristo e com sua Palavra é escolher e defender a vida. Acompanhemos atentamente a palavra de Deus que nos será proclamado.
11. 1ª LEITURA (Is 50, 4-7)

Leitura do Livro do Profeta Isaías. - O Senhor Deus deu-me língua adestrada, para que eu saiba dizer palavras de conforto à pessoa abatida; ele me desperta cada manhã e me excita o ouvido, para prestar atenção como um discípulo. O Senhor abriu-me os ouvidos: não lhe resisti nem voltei atrás. Ofereci as costas para me baterem e as faces para me arrancarem a barba; não desviei o rosto de bofetões e cusparadas. Mas o Senhor Deus é meu Auxiliador, por isso não me deixei abater o ânimo, conservei o rosto impassível como pedra, porque sei que não sairei humilhado. Palavra do Senhor. –



TODOS: GRAÇAS A DEUS.

12. SALMO RESPONSORIAL – (do salmo 21)
Gm D7 Gm

TODOS: MEU DEUS, MEU DEUS, POR QUE ME ABANDONASTES? (1ª VEZ SOLISTA)

Gm D7 Gm

MEU DEUS, MEU DEUS, POR QUE ME ABANDONASTES?
SOLO:

Gm D7 Gm D7

1- RIEM DE MIM TODOS AQUELES QUE ME VÊEM,



Cm D7 Cm Gm

TORCEM OS LÁBIOS E SACODEM A CABEÇA.



Gm D7 Gm D7

“AO SENHOR SE CONFIOU, ELE O LIBERTE,



Cm D7 Gm

E AGORA O SALVE SE É VERDADE QUE ELE O AMA.”


Gm D7 Gm D7

2- CÃES NUMEROSOS ME RODEIAM FURIOSOS,



Cm D7 Cm Gm

E POR UM BANDO DE MALVADOS FUI CERCADO.



Gm D7 Gm D7

TRANSPASSARAM MINHAS MÃOS E OS MEUS PÉS



Cm D7 Gm

E EU POSSO CONTAR TODOS OS MEUS OSSOS.


Gm D7 Gm D7

3- ELES REPARTEM ENTRE SI AS MINHAS VESTES



Cm D7 Cm Gm

E SORTEIAM ENTRE SI A MINHA TÚNICA.



Gm D7 Gm D7

VÓS, PORÉM, Ó MEU DEUS, NÃO FIQUEIS LONGE.



Cm D7 Gm

Ó MINHA FORÇA, VINDE LOGO EM MEU SOCORRO.


Gm D7 Gm D7

4- ANUNCIAREI O VOSSO NOME AOS MEUS IRMÃOS



Cm D7 Cm Gm

E NO MEIO DA ASSEMBLÉIA HEI DE LOUVAR-VOS!



Gm D7 Gm D7

VÓS QUE TEMEIS AO SENHOR DEUS, DAI-LHE LOUVORES,



Cm D7 Gm

E RESPEITAI-O, TODA RAÇA DE ISRAEL.


14. 2ª LEITURA (Fl 2, 6-11)

Leitura da carta de São Paulo aos Filipenses. - Jesus Cristo, existindo em condição divina, não fez do ser igual a Deus uma usurpação, mas Ele esvaziou-se a si mesmo, assumindo a condição de escravo e tornando-se igual aos homens. Encontrado com aspecto humano, humilhou-se a si mesmo, fazendo-se obediente até à morte, e morte de cruz. Por isso, Deus o exaltou acima de tudo e lhe deu o Nome que está acima de todo nome. Assim, ao nome de Jesus, todo joelho se dobre no céu, na terra e abaixo da terra, e toda língua proclame: “Jesus Cristo é o Senhor!”, para a glória de Deus Pai. Palavra do Senhor TODOS: GRAÇAS A DEUS.


15. EVANGELHO (Lc 22,14-23,56) - COM.: O evangelista mostra que Jesus reza por si e pelos outros, o que indica a importância do momento em que ele se submeterá ao que há de mais indigno – morte de cruz – para dignificar a vida e salvar toda a humanidade. Que a Palavra do Senhor nos toque profundamente. Ouçamos com atenção, o relato da Paixão de Jesus, que é a prova de um amor sem medida. Com alegria, cantemos!

16. CANTO DE ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO
(Am) Am E Am

HOMENS: SALVE, Ó CRISTO OBEDIENTE!



E Am

TODOS: SALVE, AMOR ONIPOTENTE!

E Am

HOMENS: QUE TE ENTREGOU À CRUZ



E Am

TODOS: E TE RECEBEU NA LUZ!
C G C Am

1. MULHERES: O CRISTO OBEDECEU ATÉ À MORTE,



E7 Am

HUMILHOU-SE E OBEDECEU O BOM JESUS.



E7 Am

TODOS: HUMILHOU-SE E OBEDECEU SERENO E FORTE,

E7 Am

HUMILHOU-SE E OBEDECEU ATÉ À CRUZ.


C G C Am

2. MULHERES: POR ISSO O PAI DO CÉU O EXALTOU,



E7 Am

EXALTOU-O E LHE DEU UM GRANDE NOME,



E7 Am

TODOS: EXALTOU-O E LHE DEU PODER E GLÓRIA,

E7 Am

DIANTE DELE CÉUS E TERRA SE AJOELHEM!


17. DIÁCONO: O Senhor esteja convosco. TODOS: Ele está no meio de nós. DIÁCONO: Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo, segundo Lucas. - TODOS: Glória a Vós, Senhor!

DIÁCONO: Quando chegou a hora, Jesus pôs-se à mesa com os apóstolos e disse:

CELEBRANTE: Desejei ardentemente comer convosco esta ceia pascal, antes de sofrer. Pois eu vos digo que nunca mais a comerei, até que ela se realize no Reino de Deus.

DIÁCONO: Então Jesus tomou um cálice, deu graças e disse:

CELEBRANTE: Tomai este cálice e reparti entre vós; pois eu vos digo que, de agora em diante, não mais beberei do fruto da videira, até que venha o Reino de Deus.

DIÁCONO: A seguir, Jesus tomou um pão, deu graças, partiu-o e deu-o aos discípulos, dizendo:

CELEBRANTE: Isto é o meu corpo, que é dado por vós. Fazei isto em memória de mim.

DIÁCONO: Depois da ceia, Jesus fez o mesmo com o cálice, dizendo:

CELEBRANTE: Este cálice é a nova aliança no meu sangue, que é derramado por vós. Todavia, a mão de quem me vai entregar está comigo, nesta mesa. Sim, o Filho do Homem vai morrer, como está determinado. Mas ai daquele homem por meio de quem ele é entregue.

DIÁCONO: Então os apóstolos começaram a perguntar uns aos outros qual deles haveria de fazer tal coisa. Houve também uma discussão entre eles sobre qual deles deveria ser considerado o maior. Jesus, porém, lhes disse:

CELEBRANTE: Os reis das nações dominam sobre elas, e os que têm poder se fazem chamar benfeitores. Entre vós, não deve ser assim. Pelo contrário, o maior entre vós seja como o mais novo, e o que manda, como quem está servindo. Afinal, quem é o maior: quem está sentado à mesa, ou quem está servindo? Não é quem está sentado à mesa? Eu, porém, estou no meio de vós como aquele que serve. Vós ficastes comigo em minhas provações. Por isso, assim como o meu Pai me confiou o Reino, eu também vos confio o Reino. Vós havereis de comer e beber à minha mesa no meu Reino, e sentar-vos em tronos para julgar as doze tribos de Israel. Simão, Simão! Olha que Satanás pediu permissão para vos peneirar como trigo. Eu, porém, rezei por ti, para que tua fé não se apague. E tu, uma vez convertido, fortalece os teus irmãos.

DIÁCONO: Mas Simão disse:

TODOS: Senhor, eu estou pronto para ir contigo até mesmo à prisão e à morte!

DIÁCONO: Jesus, porém, respondeu:

CELEBRANTE: Pedro, eu te digo que hoje, antes que o galo cante, três vezes tu negarás que me conheces.

DIÁCONO: E Jesus lhes perguntou:

CELEBRANTE: Quando vos enviei sem bolsa, sem sacola, sem sandálias, faltou-vos alguma coisa?

DIÁCONO: Eles responderam:

TODOS: Nada!

DIÁCONO: Jesus continuou:

CELEBRANTE: Agora, porém, quem tiver bolsa, deve pegá-la; do mesmo modo, quem tiver uma sacola; e quem não tiver espada, venda o manto para comprar uma. Porque eu vos digo: É preciso que se cumpra em mim a palavra da Escritura: “Ele foi contado entre os malfeitores”. Pois o que foi dito a meu respeito tem de se realizar.

DIÁCONO: Mas eles disseram:

TODOS: Senhor, aqui estão duas espadas.

DIÁCONO: Jesus respondeu:

CELEBRANTE: Basta!

DIÁCONO: Jesus saiu e, como de costume, foi para o monte das Oliveiras. Os discípulos o acompanharam. Chegando ao lugar, Jesus lhes disse:

CELEBRANTE: Orai para não entrardes em tentação.

DIÁCONO: Então afastou-se a uma certa distância e, de joelhos, começou a rezar:

CELEBRANTE: Pai, se queres, afasta de mim este cálice; contudo, não seja feita a minha vontade, mas a tua!

DIÁCONO: Apareceu-lhe um anjo do céu, que o confortava. Tomado de angústia, Jesus rezava com mais insistência. Seu suor tornou-se como gotas de sangue que caíam no chão. Levantando-se da oração, Jesus foi para junto dos discípulos e encontrou-os dormindo, de tanta tristeza. E perguntou-lhes:

CELEBRANTE: Por que estais dormindo? Levantai-vos e orai para não entrardes em tentação.

DIÁCONO: Jesus ainda falava, quando chegou uma multidão. Na frente, vinha um dos Doze, chamado Judas, que se aproximou de Jesus para beijá-lo. Jesus lhe disse:

CELEBRANTE: Judas, com um beijo tu entregas o Filho do Homem?

DIÁCONO: Vendo o que ia acontecer, os que estavam com Jesus disseram:

TODOS: Senhor, vamos atacá-los com a espada?

DIÁCONO: E um deles feriu o empregado do Sumo Sacerdote, cortando-lhe a orelha direita. Jesus, porém, ordenou:

CELEBRANTE: Deixai, basta!

DIÁCONO: E tocando a orelha do homem, o curou. Depois Jesus disse aos sumos sacerdotes, aos chefes dos guardas do templo e aos anciãos, que tinham vindo prendê-lo:

CELEBRANTE: Vós saístes com espadas e paus, como se eu fosse um ladrão? Todos os dias eu estava convosco no templo, e nunca levantastes a mão contra mim. Mas esta é a vossa hora, a hora do poder das trevas.

DIÁCONO: Eles prenderam Jesus e o levaram, conduzindo-o à casa do Sumo Sacerdote. Pedro acompanhava de longe. Eles acenderam uma fogueira no meio do pátio e sentaram-se ao redor. Pedro sentou-se no meio deles. Ora, uma criada viu Pedro sentado perto do fogo; encarou-o bem e disse:

TODOS: Este aqui também estava com ele!

DIÁCONO: Mas Pedro negou:

TODOS: Mulher, eu nem o conheço!

DIÁCONO: Pouco depois, um outro viu Pedro e disse:

TODOS: Tu também és um deles.

DIÁCONO: Mas Pedro respondeu:

TODOS: Homem, não sou.

DIÁCONO: Passou mais ou menos uma hora, e um outro insistia:

TODOS: Certamente, este aqui também estava com ele, porque é galileu!

DIÁCONO: Mas Pedro respondeu:

TODOS: Homem, não sei o que estás dizendo!

DIÁCONO: Nesse momento, enquanto Pedro ainda falava, um galo cantou. Então o Senhor se voltou e olhou para Pedro. E Pedro lembrou-se da palavra que o Senhor lhe tinha dito: “Hoje, antes que o galo cante, três vezes me negarás”. Então Pedro saiu para fora e chorou amargamente. Os guardas caçoavam de Jesus e espancavam-no; cobriam o seu rosto e lhe diziam:

TODOS: Profetiza quem foi que te bateu?

DIÁCONO: E o insultavam de muitos outros modos. Ao amanhecer, os anciãos do povo, os sumos sacerdotes e os mestres da Lei reuniram-se em conselho e levaram Jesus ao tribunal deles. E diziam:

TODOS: Se és o Cristo, dize-nos!

DIÁCONO: Jesus respondeu:

CELEBRANTE: Se eu vos disser, não me acreditareis, e, se eu vos fizer perguntas, não me respondereis. Mas, de agora em diante, o Filho do Homem estará sentado à direita do Deus Poderoso.

DIÁCONO: Então todos perguntaram:

TODOS: Tu és, portanto, o Filho de Deus?

DIÁCONO: Jesus respondeu:

CELEBRANTE: Vós mesmos estais dizendo que eu sou!

DIÁCONO: Eles disseram:

TODOS: Será que ainda precisamos de testemunhas? Nós mesmos o ouvimos de sua própria boca!

DIÁCONO: Em seguida, toda a multidão se levantou e levou Jesus a Pilatos. Começaram então a acusá-lo, dizendo:

TODOS: Achamos este homem fazendo subversão entre o nosso povo, proibindo pagar impostos a César e afirmando ser ele mesmo Cristo, o Rei.

DIÁCONO: Pilatos o interrogou:

TODOS: Tu és o rei dos judeus?

DIÁCONO: Jesus respondeu, declarando:

CELEBRANTE: Tu o dizes!

DIÁCONO: Então Pilatos disse aos sumos sacerdotes e à multidão:

TODOS: Não encontro neste homem nenhum crime.

DIÁCONO: Eles, porém, insistiam:

TODOS: Ele agita o povo, ensinando por toda a Judéia, desde a Galiléia, onde começou, até aqui.

DIÁCONO: Quando ouviu isto, Pilatos perguntou:

TODOS: Este homem é galileu?

DIÁCONO: Ao saber que Jesus estava sob a autoridade de Herodes, Pilatos enviou-o a este, pois também Herodes estava em Jerusalém naqueles dias. Herodes ficou muito contente ao ver Jesus, pois havia muito tempo desejava vê-lo. Já ouvira falar a seu respeito e esperava vê-lo fazer algum milagre. Ele interrogou-o com muitas perguntas. Jesus, porém, nada lhe respondeu. Os sumos sacerdotes e os mestres da Lei estavam presentes e o acusavam com insistência. Herodes, com seus soldados, tratou Jesus com desprezo, zombou dele, vestiu-o com uma roupa vistosa e mandou-o de volta a Pilatos. Naquele dia Herodes e Pilatos ficaram amigos um do outro, pois antes eram inimigos. Então Pilatos convocou os sumos sacerdotes, os chefes e o povo, e lhes disse:

TODOS: Vós me trouxestes este homem como se fosse um agitador do povo. Pois bem! Já o interroguei diante de vós e não encontrei nele nenhum dos crimes de que o acusais; nem Herodes, pois o mandou de volta para nós. Como podeis ver, ele nada fez para merecer a morte. Portanto, vou castigá-lo e o soltarei.

DIÁCONO: Toda a multidão começou a gritar:

TODOS: Fora com ele! Solta-nos Barrabás!

DIÁCONO: Barrabás tinha sido preso por causa de uma revolta na cidade e por homicídio. Pilatos falou outra vez à multidão, pois queria libertar Jesus. Mas eles gritavam:

TODOS: Crucifica-o! Crucifica-o!

DIÁCONO: E Pilatos falou pela terceira vez:

TODOS: Que mal fez este homem? Não encontrei nele nenhum crime que mereça a morte. Portanto, vou castigá-lo e o soltarei.

DIÁCONO: Eles, porém, continuaram a gritar com toda a força, pedindo que fosse crucificado. E a gritaria deles aumentava sempre mais. Então Pilatos decidiu que fosse feito o que eles pediam. Soltou o homem que eles queriam – aquele que fora preso por revolta e homicídio – e entregou Jesus à vontade deles. Enquanto levavam Jesus, pegaram um certo Simão, de Cirene, que voltava do campo, e impuseram-lhe a cruz para carregá-la atrás de Jesus. Seguia-o uma grande multidão do povo e de mulheres que batiam no peito e choravam por ele. Jesus, porém, voltou-se e disse:

CELEBRANTE: Filhas de Jerusalém, não choreis por mim! Chorai por vós mesmas e por vossos filhos! Porque dias virão em que se dirá: “Felizes as mulheres que nunca tiveram filhos, os ventres que nunca deram à luz e os seios que nunca amamentaram”. Então começarão a pedir às montanhas: “Caí sobre nós!” e às colinas: “Escondei-nos!” Porque, se fazem assim com a árvore verde, o que não farão com a árvore seca?

DIÁCONO: Levavam também outros dois malfeitores para serem mortos junto com Jesus. Quando chegaram ao lugar chamado “Calvário”, ali crucificaram Jesus e os malfeitores: um à sua direita e outro à sua esquerda. Jesus dizia:

CELEBRANTE: Pai, perdoa-lhes! Eles não sabem o que fazem!

DIÁCONO: Depois fizeram um sorteio, repartindo entre si as roupas de Jesus. O povo permanecia lá, olhando. E até os chefes zombavam, dizendo:

TODOS: A outros ele salvou. Salve-se a si mesmo, se, de fato, é o Cristo de Deus, o Escolhido!

DIÁCONO: Os soldados também caçoavam dele; aproximavam-se, ofereciam-lhe vinagre, e diziam:

TODOS: Se és o rei dos judeus, salva-te a ti mesmo!

DIÁCONO: Acima dele havia um letreiro: “Este é o Rei dos Judeus”. Um dos malfeitores crucificados o insultava, dizendo:

TODOS: “Tu não és o Cristo? Salva-te a ti mesmo e a nós!

DIÁCONO: Mas o outro o repreendeu, dizendo:

TODOS: Nem sequer temes a Deus, tu que sofres a mesma condenação? Para nós, é justo, porque estamos recebendo o que merecemos; mas ele não fez nada de mal.

DIÁCONO: E acrescentou:

TODOS: Jesus, lembra-te de mim, quando entrares no teu reinado.

DIÁCONO: Jesus lhe respondeu:

CELEBRANTE: Em verdade eu te digo: ainda hoje estarás comigo no Paraíso.

DIÁCONO: Já era mais ou menos meio-dia e uma escuridão cobriu toda a terra até às três horas da tarde, pois o sol parou de brilhar. A cortina do santuário rasgou-se pelo meio, e Jesus deu um forte grito:

CELEBRANTE: Pai, em tuas mãos entrego o meu espírito.

DIÁCONO: Dizendo isso, expirou.
(Aqui, todos se ajoelham e faz-se uma pausa)
DIÁCONO: O oficial do exército romano viu o que acontecera e glorificou a Deus dizendo:

TODOS: De fato! Este homem era justo!

DIÁCONO: E as multidões, que tinham acorrido para assistir, viram o que havia acontecido, e voltaram para casa, batendo no peito. Todos os conhecidos de Jesus, bem como as mulheres que o acompanhavam desde a Galiléia, ficaram a distância, olhando essas coisas. Havia um homem bom e justo, chamado José, membro do Conselho, o qual não tinha aprovado a decisão nem a ação dos outros membros. Ele era de Arimatéia, uma cidade da Judéia, e esperava a vinda do Reino de Deus. José foi ter com Pilatos e pediu o corpo de Jesus. Desceu o corpo da cruz, enrolou-o num lençol e colocou-o num túmulo escavado na rocha, onde ninguém ainda tinha sido sepultado. Era o dia da preparação da Páscoa, e o sábado já estava começando. As mulheres, que tinham vindo da Galiléia com Jesus, foram com José, para ver o túmulo e como o corpo de Jesus ali fora colocado. Depois voltaram para casa e prepararam perfumes e bálsamos. E, no sábado, elas descansaram, conforme ordenava a Lei. – Palavra da Salvação.

TODOS: Glória a Vós, Senhor!
18. BREVE HOMILIA
19. PROFISSÃO DE FÉ
20. ORAÇÃO UNIVERSALCEL.: IRMÃOS CARÍSSIMOS, O RELATO DA PAIXÃO DE JESUS É A PROVA DE UM AMOR SEM MEDIDA. PODEMOS SUPLICAR AO PAI, EM NOME DE SEU FILHO PEDINDO: SENHOR, OUVI A PRECE DO VOSSO POVO.
TODOS: SENHOR, OUVI A PRECE DO VOSSO POVO.

  1. Pelo Santo Padre, o Papa N._________________, para que na Igreja e no mundo possa cumprir com fidelidade e coragem sua missão de promover o desenvolvimento moral e espiritual do homem, rezemos ao Senhor.

  2. Pela Santa Igreja de Deus, para que seja cada vez mais testemunha fiel do Cristo, que se entregou por amor à humanidade, rezemos ao Senhor.

  3. Pelos governantes do nosso país, para que reconheçam sua condição de pecadores diante de Deus , e acolham Seu amor que nos salva, rezemos ao Senhor.

  4. Pelas pessoas e de maneira especial pelos jovens para que diante da Semana Maior abram seus corações para acolher a graça da Redenção em nossa vida. E que possamos, responder com fé e disponibilidade: “Eis-me aqui, Senhor, envia-me!”, rezemos ao Senhor.

  5. Pelos jovens do mundo inteiro que se preparam para a Jornada Mundial da Juventude no Rio de Janeiro, para que fortalecidos pela Palavra de Deus, saibam proclamar, com entusiasmo, a Boa Nova da Salvação, rezemos ao Senhor.

  6. Por esta comunidade, para que, com compromisso cristão, saiba unir suas forças em favor de uma nova evangelização para a transmissão da fé, rezemos ao Senhor.


CEL.: OUVI, Ó PAI, O GRITO DA HUMANIDADE SOFREDORA E TORNAI NOSSOS CORAÇÕES CAPAZES DE COMPREENDER E COMPARTILHAR OS SOFRIMENTOS DOS IRMÃOS, EM COMUNHÃO COM JESUS CRISTO, VOSSO FILHO E NOSSO SENHOR.

TODOS: AMÉM.

LITURGIA EUCARÍSTICA



21. OFERTAS - COM.: Neste momento em que iniciamos a liturgia eucarística, ofertamos a Deus, junto com o pão e o vinho, nosso desejo de conversão e de compromisso com a Igreja no Brasil, assumindo a Campanha da Fraternidade, e nosso esforço de mudanças neste Ano da Fé. Com alegria e desprendimento, façamos nossas ofertas, cantando!
22. CANTO DE OFERTAS
D A7 D

1- OS GRÃOS QUE FORMAM A ESPIGA SE UNEM PRA SEREM PÃO;



Bm Em A7 D

OS HOMENS QUE SÃO IGREJA SE UNEM PELA OBLAÇÃO.


D7 G A7 D

DIANTE DO ALTAR, SENHOR, ENTENDO MINHA VOCAÇÃO:

Bm Em A7 D

DEVO SACRIFICAR A VIDA POR MEU IRMÃO (BIS).
D A7 D

2- O GRÃO CAÍDO NA TERRA SÓ VIVE SE VAI MORRER;



Bm Em A7 D

É DANDO QUE SE RECEBE, MORRENDO SE VAI VIVER.


D A7 D

3- O VINHO E O PÃO OFERTAMOS, SÃO NOSSA RESPOSTA DE AMOR.



Bm Em A7 D

PEDIMOS, HUMILDEMENTE: “ACEITA-NOS, Ó SENHOR!”.



23. CEL.: Orai, irmãos e irmãs... - TODOS: RECEBA O SENHOR POR TUAS MÃOS, ESTE SACRIFÍCIO, PARA GLÓRIA DO SEU NOME, PARA NOSSO BEM E DE TODA A SANTA IGREJA.
24. ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS - CEL.: Ó DEUS, PELA PAIXÃO DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO, SEJAMOS RECONCILIADOS CONVOSCO, DE MODO QUE, AJUDADOS PELA VOSSA MISERICÓRDIA, ALCANCEMOS PELO SACRIFÍCIO DE VOSSO FILHO O PERDÃO QUE NÃO MERECEMOS POR NOSSAS OBRAS. POR CRISTO, NOSSO SENHOR. - TODOS: AMÉM.
25. - ORAÇÃO EUCARÍSTICA II

Prefácio: A Paixão do Senhor. - CEL.: O Senhor esteja convosco. - TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. - CEL.: Corações ao alto. - TODOS: O NOSSO CORAÇÃO ESTÁ EM DEUS. - CEL.: Demos graças ao Senhor, nosso Deus - TODOS: É NOSSO DEVER E NOSSA SALVAÇÃO. - CEL.: Prefácio: A Paixão do Senhor. - CEL.: Na verdade, é justo e necessário, é nosso dever e salvação dar-Vos graças, sempre e em todo lugar, Senhor, Pai santo, Deus eterno e todo-poderoso, por Cristo, Senhor nosso. Inocente, Jesus quis sofrer pelos pecadores. Santíssimo, quis ser condenado a morrer pelos criminosos. Sua morte apagou nossos pecados e Sua ressurreição nos trouxe vida nova. Por Ele, os anjos cantam Vossa grandeza e os santos proclamam Vossa glória. Concedei-nos também a nós associar-nos a seus louvores, cantando a uma só voz:


Introdução: || F | Gm | Bb | C | F ||
F Gm Bb C F

HOSANA, HOSANA, HOSANA AO NOSSO REI! (BIS)
F C/E Dm C9

1- GLORIFICAREI TEU NOME, Ó DEUS,



F C/E Dm C9

COM CÂNTICOS TE CELEBRAREI!



F C Bb Gm7 C9 Gm7 C7

ÉS SANTO, Ó PAI, ÉS SANTO, Ó PAI; A TI TODO LOUVOR!



F C Bb C7 F D7

ÉS SANTO, Ó PAI, ÉS SANTO, Ó PAI; A TI TODO LOUVOR!


G Am C D G

HOSANA, HOSANA, HOSANA AO NOSSO REI! (BIS)
G D/F# Em D9

2- BENDITO O QUE VEM EM NOME DO SENHOR!



G D/F# Em D9

O CÉU E A TERRA PROCLAMAM SEU LOUVOR!



G D C Am7 D9 Am7 D7

TE EXALTAREI, TE EXALTAREI, DAREI O MEU LOUVOR!



G D C D7 G E7

TE EXALTAREI, TE EXALTAREI, DAREI O MEU LOUVOR!


A Bm D E A

HOSANA, HOSANA, HOSANA AO NOSSO REI! (BIS)
CEL.: Na verdade, ó Pai, Vós sois santo e fonte de toda santidade. Santificai, pois, estas oferendas, derramando sobre elas o Vosso Espírito, a fim de que se tornem para nós o Corpo e o Sangue de Jesus Cristo, Vosso Filho e Senhor nosso.

Gm D7 Gm

Todos: Santificai nossa oferenda, ó Senhor!

CEL.: Estando para ser entregue e abraçando livremente a paixão, Ele tomou o pão, deu graças, e o partiu e deu a Seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E COMEI: ISTO É O MEU CORPO, QUE SERÁ ENTREGUE POR VÓS. Do mesmo modo, ao fim da ceia, Ele tomou o cálice em Suas mãos, deu graças novamente, e o deu a Seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E BEBEI: ESTE É O CÁLICE DO MEU SANGUE, O SANGUE DA NOVA E ETERNA ALIANÇA, QUE SERÁ DERRAMADO POR VÓS E POR TODOS PARA REMISSÃO DOS PECADOS. FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM. Eis o mistério da fé. (C)
C C7 F G C G/B

TODOS: TODAS AS VEZES QUE COMEMOS DESTE PÃO E BEBEMOS DESTE CÁLICE,

Am Dm Dm/C G4 G7 C

ANUNCIAMOS, SENHOR, A VOSSA MORTE, ENQUANTO ESPERAMOS A VOSSA VINDA!
CEL.: Celebrando, pois, a memória da morte e ressurreição do Vosso Filho, nós Vos oferecemos, ó Pai, o pão da vida e o cálice da salvação; e Vos agradecemos porque nos tornastes dignos de estar aqui na Vossa presença e Vos servir.

Gm D7 Gm

TODOS: RECEBEI, Ó SENHOR, A NOSSA OFERTA!

CEL.: E nós Vos suplicamos que, participando do Corpo e Sangue de Cristo, sejamos reunidos pelo Espírito Santo num só corpo.

Gm D7 Gm

TODOS: FAZEI DE NÓS UM SÓ CORPO E UM SÓ ESPÍRITO!

CEL.: Lembrai-vos, ó Pai, da Vossa Igreja que se faz presente pelo mundo inteiro: que ela cresça na caridade, com o Papa N._________________, com o nosso Bispo Sérgio e seu Bispo Auxiliar, e todos os ministros do Vosso povo.

Gm D7 Gm

TODOS: LEMBRAI-VOS, Ó PAI, DA VOSSA IGREJA!

CEL.: Lembrai-vos também dos nossos irmãos e irmãs que morreram na esperança da ressurreição e de todos os que partiram desta vida: acolhei-os junto a Vós, na luz da Vossa face.

Gm D7 Gm

TODOS: LEMBRAI-VOS, Ó PAI, DOS VOSSOS FILHOS!

CEL.: Enfim, nós Vos pedimos, tende piedade de todos nós e dai-nos participar da vida eterna, com a Virgem Maria, Mãe de Deus, com os santos Apóstolos, São José e todos os que neste mundo Vos serviram, a fim de Vos louvarmos e glorificarmos por Jesus Cristo, Vosso Filho.

Gm D7 Gm

TODOS: CONCEDEI-NOS O CONVÍVIO DOS ELEITOS!

CEL.: Por Cristo, com Cristo, em Cristo, a Vós, Deus Pai todo-poderoso, na unidade do Espírito Santo, toda a honra e toda a glória, agora e para sempre.

G D/F# Em Bm C Am G D7 G

TODOS: A MÉM, A MÉM! A A A A MÉM! (3X)
RITO DA COMUNHÃO
CEL.: OBEDIENTES À PALAVRA DO SENHOR E FORMADOS POR SEU DIVINO ENSINAMENTO, OUSAMOS DIZER:
TODOS: Pai nosso que estais nos céus, santificado seja o vosso nome; venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido; e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal.
CEL.: LIVRAI-NOS DE TODOS OS MALES, Ó PAI, E DAI-NOS HOJE A VOSSA PAZ. AJUDADOS PELA VOSSA MISERICÓRDIA, SEJAMOS SEMPRE LIVRES DO PECADO E PROTEGIDOS DE TODOS OS PERIGOS, ENQUANTO, VIVENDO A ESPERANÇA, AGUARDAMOS A VINDA DO CRISTO SALVADOR.
TODOS: Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre!
CEL.: SENHOR JESUS CRISTO, DISSESTES AOS VOSSOS APÓSTOLOS: EU VOS DEIXO A PAZ, EU VOS DOU A MINHA PAZ. NÃO OLHEIS OS NOSSOS PECADOS, MAS A FÉ QUE ANIMA A VOSSA IGREJA; DAI-LHE, SEGUNDO O VOSSO DESEJO, A PAZ E A UNIDADE. VÓS QUE SOIS DEUS COM O PAI E O ESPÍRITO SANTO.
TODOS: AMÉM!
CEL.: A PAZ DO SENHOR ESTEJA SEMPRE CONVOSCO.
TODOS: O amor de Cristo nos uniu.
CEL.: IRMÃOS E IRMÃS, SAUDAI-VOS EM CRISTO JESUS.
CEL.: ESTA UNIÃO DO CORPO E DO SANGUE DE JESUS, O CRISTO E SENHOR NOSSO, QUE VAMOS RECEBER, NOS SIRVA PARA A VIDA ETERNA.
26. CORDEIRO
E A B7 C#m

CORDEIRO DE DEUS QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO,



A B7 E

TENDE PIEDADE DE NÓS.



G#m C#m A F#m B7

CORDEIRO DE DEUS QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO,



E F# B

TENDE PIEDADE DE NÓS.



A F#m B9 G#m C#m

CORDEIRO DE DEUS QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO,



F#m B7 G#m A C#m A F#m B7 E

DAI-NOS A PAZ, DAI-NOS A PAZ, DAI-NOS VOSSA PAZ!


CEL.: SENHOR JESUS CRISTO, FILHO DO DEUS VIVO, QUE, CUMPRINDO A VONTADE DO PAI E AGINDO COM O ESPÍRITO SANTO, PELA VOSSA MORTE DESTES VIDA AO MUNDO, LIVRAI-ME DOS MEUS PECADOS E DE TODO MAL; PELO VOSSO CORPO E PELO VOSSO SANGUE, DAI-ME CUMPRIR SEMPRE A VOSSA VONTADE E JAMAIS SEPARAR-ME DE VÓS.
CEL.: FELIZES OS CONVIDADOS PARA A CEIA DO SENHOR. EIS O CORDEIRO DE DEUS, QUE TIRA O PECADO DO MUNDO.
TODOS: Senhor, eu não sou digno(a) que entreis em minha morada, mas dizei uma palavra e serei salvo.
CEL.: QUE O CORPO DE CRISTO ME GUARDE PARA A VIDA ETERNA. QUE O SANGUE DE CRISTO ME GUARDE PARA A VIDA ETERNA.
27. COMUNHÃO - COM.: O olhar de Deus se volta para os fracos. Cheio de misericórdia reza por Jerusalém. Jesus aniquila-se, assumindo a condição de servo e na cruz dá a própria vida. Sua carne torna-se alimento. Em seu sangue, renova-se a Aliança com o Pai. Jesus é nosso único Rei, e nos que pede nesta Campanha da Fraternidade que nos coloquemos à Sua disposição e com muita fé possamos dizer: “Eis-me aqui, envia-me!” Confiantes em Sua misericórdia e perdão, iremos recebê-Lo, cantando!

28. CANTO DE COMUNHÃO (A)
Dm Am Dm Gm A7 Dm

TODOS: MEU DEUS, Ó MEU DEUS, POR QUE ME ABANDONASTE?

Dm Am Dm Gm A7 Dm

MEU DEUS, Ó MEU DEUS, POR QUE ME ABANDONASTE?
Dm Bb Gm Dm

1. MULHERES: MEU DEUS, Ó MEU DEUS, POR QUE ME ABANDONASTE?



Bb F C F A

NÃO ACHA ESTE TRASTE PAZ EM SEU LAMENTO.



Dm C Bb Dm

HOMENS: DE DIA, EU NÃO AGÜENTO DE TANTO CHORAR,

Bb Gm A Dm

DE NOITE, A GRITAR, E SEM TER ALENTO.


Dm Bb Gm Dm

2. MULHERES: E TU QUE ESTÁS NO TRONO ASSENTADO,



Bb F C F A

OS PAIS, NO PASSADO, EM TI CONFIAVAM.



Dm C Bb Dm

HOMENS: QUANDO ELES CHAMAVAM, ERAM LIBERTADOS,

Bb Gm A Dm

ASSIM CONFIADOS, NÃO SE ENVERGONHAVAM.


Dm Bb Gm Dm

3. MULHERES: QUANTO A MIM SOU UM VERME, UM ENTE SEM GRAÇA,



Bb F C F A

MOTIVO NAS PRAÇAS DE RISO E GALHOFA.



Dm C Bb Dm

HOMENS: E DIZEM COM MOFA: QUE DEUS O LIBERTE

Bb Gm A Dm

E O DESAPERTE, SE DELE ‘INDA GOSTA.


Dm Bb Gm Dm

4. MULHERES: POR TI FUI FORMADO NO VENTRE MATERNO,



Bb F C F A

CO’AFAGO TÃO TERNO, EU FUI ALEITADO.



Dm C Bb Dm

HOMENS: A TI CONSAGRADO, BEM PEQUENININHO,

Bb Gm A Dm

E HOJE, SOZINHO, E TÃO ANGUSTIADO.


Dm Bb Gm Dm

5. MULHERES: ME SINTO CERCADO DE TOUROS FEROZES,



Bb F C F A

ME ATACAM ATROZES, PARECEM LEÕES.



Dm C Bb Dm

HOMENS: JÁ SE DECOMPÕE MINH’ALMA PARTIDA,

Bb Gm A Dm

QUAL CERA VERTIDA É MEU CORAÇÃO.


Dm Bb Gm Dm

6. MULHERES: FURARAM MINHAS MÃOS, CRAVARAM MEUS PÉS,



Bb F C F A

MEUS OSSOS, DE VEZ, EU POSSO CONTAR.



Dm C Bb Dm

HOMENS: PESSOAS A OLHAR, MEXENDO AS CABEÇAS,

Bb Gm A Dm

MINHAS VESTES SORTEIAM E PEGAM A MANGAR.



29. CANTO DE COMUNHÃO (B)
G A#º G/B C Am7

1. AO RECEBERMOS, SENHOR, TUA PRESENÇA SAGRADA,



D D/F# C/G A#º G/B D6

PRA CONFIRMAR TEU AMOR, FAZ DE NÓS TUA MORADA.



G A#º G/B C Am7

SURGE UM SINCERO LOUVOR, BROTA A SEMENTE PLANTADA,



D D/F# Am7 D7 G D7

FAZ-NOS SEGUIR TEU CAMINHO, SEMPRE TRILHAR TUA ESTRADA.


G D E7

DESAMARREM AS SANDÁLIAS E DESCANSEM;

Am D G D7

ESTE CHÃO É TERRA SANTA, IRMÃOS MEUS!

G G7/F C/E Am

VENHAM, OREM, COMAM, CANTEM, VENHAM TODOS!

Bm7(b5) E7 Am7 D7 G (Em)

E RENOVEM A ESPERANÇA NO SENHOR! (3X, ÚLTIMA VEZ) C G/B Am G
G A#º G/B C Am7

2. O FILHO DE DEUS COM O PAI E O ESPÍRITO SANTO:



D D/F# C/G A#º G/B D6

NESTA TRINDADE UM SÓ SER, QUE PEDE A NÓS SERMOS SANTOS.



G A#º G/B C Am7

DÁ-NOS, JESUS, TEU PODER DE SE DOAR SEM MEDIDA,



D D/F# Am7 D7 G D7

DEIXA QUE COMPREENDAMOS QUE ESTE É O SENTIDO DA VIDA.


G A#º G/B C Am7

3. AO VIRMOS TE RECEBER, NÓS TE PEDIMOS, Ó CRISTO,



D D/F# C/G A#º G/B D6

FAZE VIBRAR NOSSO SER, INDO AO ENCONTRO AO PAI SANTO.



G A#º G/B C Am7

SEM DESCUIDAR DOS IRMÃOS, MIL FACES DA TUA FACE.



D D/F# Am7 D7 G D7

FAZE QUE O CORAÇÃO SINTA A FORÇA DA CARIDADE.


29. ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO - CEL.: OREMOS: (Pausa) SACIADOS PELO VOSSO SACRAMENTO, NÓS VOS PEDIMOS, Ó DEUS: COMO PELA MORTE DO VOSSO FILHO NOS DESTES ESPERAR O QUE CREMOS, DAI-NOS PELA SUA RESSURREIÇÃO ALCANÇAR O QUE BUSCAMOS. POR CRISTO, NOSSO SENHOR. - TODOS: AMÉM.
RITOS FINAIS
30. BÊNÇÃO FINAL - CEL.: O Senhor esteja convosco. - TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. - CEL.: O Pai de misericórdia, que vos deu um exemplo de amor na Paixão do seu Filho, vos conceda, pela vossa dedicação a Deus e ao próximo, a graça de sua bênção. - TODOS: AMÉM. - CEL.: O Cristo, cuja morte vos libertou da morte eterna, conceda-vos receber o dom da vida. - TODOS: AMÉM. - CEL.: Tendo seguido a lição de humildade deixada pelo Cristo, participeis igualmente de sua ressurreição. - TODOS: AMÉM. - CEL.: Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai e Filho e Espírito Santo. - TODOS: AMÉM. - CEL.: Ide em paz, e o Senhor vos acompanhe. - TODOS: GRAÇAS A DEUS!


31. CANTO FINAL (A)
F A Dm Bb C7

TU ÉS O REI DOS REIS! O DEUS DO CÉU DEU-TE REINO, FORÇA E GLÓRIA!

F Bb F Bb F C F Bb F

E ENTREGOU EM TUAS MÃOS A NOSSA HISTÓRIA: TU ÉS REI E O AMOR É A TUA LEI!
A Dm C7 F

1. SOU O PRIMEIRO E O DERRADEIRO, FUI UNGIDO PELO AMOR.



Bb F Dm C7

VÓS SOIS MEU POVO, EU VOSSO REI E SENHOR REDENTOR!


A Dm C7 F

2. VOS LEVAREI ÀS GRANDES FONTES: DOR E FOME NÃO TEREIS.



Bb F Dm C7

VÓS SOIS MEU POVO, EU VOSSO REI. JUNTO A MIM VIVEREIS!



32. CANTO FINAL (B)
Em G D

O SENHOR É REI, O SENHOR É MEU PASTOR E REI



Em G D

O SENHOR É REI, O SENHOR É MEU PASTOR E REI



Em G D C Em

O SENHOR ESTÁ NO CÉU, O SENHOR ESTÁ NO MAR, NA EXTENSÃO DO INFINITO



Em G D C Em

O SENHOR ESTÁ NO CÉU, O SENHOR ESTÁ NO MAR, NA EXTENSÃO DO INFINITO


G D D D#º Em C D D9 D4

ESTÁ NO CÉU, ESTÁ NO MAR, NA EXTENSÃO DO INFINITO



G D D D#º Em C D D9 D4

ESTÁ NO CÉU, ESTÁ NO MAR, NA EXTENSÃO DO INFINITO


Em G D C Em

QUANDO EU VACILAR, EU NÃO TEMEREI, POIS O SENHOR ESTÁ COMIGO



Em G D C Em

QUANDO EU VACILAR, EU NÃO TEMEREI, POIS O SENHOR ESTÁ COMIGO


Em G D C Em

O SENHOR ESTÁ NO CÉU, O SENHOR ESTÁ NO MAR, NA EXTENSÃO DO INFINITO



Em G D C Em

O SENHOR ESTÁ NO CÉU, O SENHOR ESTÁ NO MAR, NA EXTENSÃO DO INFINITO


G D D D#º Em C D D9 D4

ESTÁ NO CÉU, ESTÁ NO MAR, NA EXTENSÃO DO INFINITO



G D D D#º Em C D D9 D4

ESTÁ NO CÉU, ESTÁ NO MAR, NA EXTENSÃO DO INFINITO



SEGUNDA-FEIRA – SEMANA SANTA
INTRODUÇÃO - COM.: Iniciamos a Semana Santa, que nos conduz aos mistérios centrais de nossa fé: Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus. Acolhendo o mistério redentor de Cristo e sua Palavra, meditando os acontecimentos de nossa redenção, só poderemos crescer na alegria e na paz do Deus que nos ofereceu sua vida. Ele é o libertador e salvador, que nos permite passar para a vida verdadeira e definitiva. Conscientes disso, participemos da liturgia, cantando!!


RITOS INICIAIS


  1. CANTO DE ENTRADA


D Bm A D G D A D

CONVERTEI-VOS E CREDE NO EVANGELHO”, EIS O TEMPO FAVORÁ Á VEL!


F#m Bm Em G A7 D

1. TIRAREI DE VÓS UM CORAÇÃO DE PEDRA, E POREI EM VÓS UM CORAÇÃO DE CARNE!


F#m Bm Em G A7 D

2. DAR-VOS-EI O MEU ESPÍRITO DE VIDA, MUDAREI A ESCRAVIDÃO EM LIBERDADE!


F#m Bm Em G A7 D

3. RETORNAREI DE CORAÇÃO ARREPENDIDO, PORQUE DEUS É COMPASSIVO E INDULGENTE!



2. SAUDAÇÃO DO CELEBRANTE - CEL.: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. - TODOS: AMÉM. - CEL.: A graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a Comunhão do Espírito Santo estejam convosco. - TODOS: BENDITO SEJA DEUS, QUE NOS REUNIU NO AMOR DE CRISTO.
3. ATO PENITENCIAL - CEL.: Irmãos e irmãs, reconheçamos as nossas culpas para celebrarmos dignamente os santos mistérios. (PAUSA).

4. CANTO
Cm G Cm

1- EU CONFESSO A DEUS E A VÓS, IRMÃOS,



Bb Eb C7

TANTAS VEZES PEQUEI, NÃO FUI FIEL.



Fm G Cm G#

PENSAMENTOS E PALAVRAS, ATITUDES, OMISSÕES...



D7 G Cm C7

POR MINHA CULPA, TÃO GRANDE CULPA.


Fm Bb Eb Cm Fm G Cm C7

SENHOR PIEDADE, CRISTO PIEDADE! TEM PIEDADE, Ó SENHOR!

Fm Bb Eb Cm Fm G Cm (G# Cm)

SENHOR PIEDADE, CRISTO PIEDADE! TEM PIEDADE, Ó SENHOR!
Cm G Cm

2- PEÇO À VIRGEM MARIA, NOSSA MÃE,



Bb Eb C7

E A VÓS, MEUS IRMÃOS, ROGUEIS POR MIM



Fm G Cm G#

A DEUS PAI QUE NOS PERDOA E NOS SUSTENTA EM SUA MÃO.



D7 G Cm C7

POR SEU AMOR, TÃO GRANDE AMOR...


5. ORAÇÃO DO DIA - CEL.: OREMOS: (Pausa) CONCEDEI, Ó DEUS, AO VOSSO POVO, QUE DESFALECE POR SUA FRAQUEZA, RECOBRAR NOVO ALENTO PELA PAIXÃO DO VOSSO FILHO. POR NOSSO SENHOR JESUS CRISTO...

TODOS - AMÉM.

LITURGIA DA PALAVRA



COM.: A salvação é dom gratuito de Deus, e da profunda humilhação de Cristo veio-nos a eterna salvação. O servo compassivo e manso não deixa de exercer suas obrigações para com Deus, liberta os oprimidos e promove a justiça. Ouçamos!
6- 1ª LEITURA (Is 42,1-7)

Leitura do Livro do Profeta Isaías. - "Eis o meu servo - eu o recebo; eis o meu eleito - nele se compraz minh"alma; pus meu espírito sobre ele, ele promoverá o julgamento das nações. Ele não clama nem levanta a voz, nem se faz ouvir pelas ruas. Não quebra uma cana rachada nem apaga um pavio que ainda fumega; mas promoverá o julgamento para obter a verdade. Não esmorecerá nem se deixará abater, enquanto não estabelecer a justiça na terra; os países distantes esperam seus ensinamentos." Isto diz o Senhor Deus, que criou o céu e o estendeu, firmou a terra e tudo que dela germina, que dá a respiração aos seus habitantes e o sopro da vida ao que nela se move: "Eu, o Senhor, te chamei para a justiça e te tomei pela mão; eu te formei e te constituí como o centro de aliança do povo, luz das nações, para abrires os olhos dos cegos, tirar os cativos da prisão, livrar do cárcere os que vivem nas trevas. Palavra do Senhor.



TODOS: GRAÇAS A DEUS.
7- SALMO RESPONSORIAL - Do Salmo 26(27)

8- CANTO



REFRÃO: O SENHOR É MINHA LUZ E SALVAÇÃO.
1. O SENHOR É MINHA LUZ E SALVAÇÃO;

DE QUEM EU TEREI MEDO?

O SENHOR É A PROTEÇÃO DA MINHA VIDA;

PERANTE QUEM EU TREMEREI?


2. QUANDO AVANÇAM OS MALVADOS CONTRA MIM,

QUERENDO DEVORAR-ME,

SÃO ELES, INIMIGOS E OPRESSORES,

QUE TROPEÇAM E SUCUMBEM.


3. SE CONTRA MIM UM EXÉRCITO SE ARMAR,

NÃO TEMERÁ MEU CORAÇÃO;

SE CONTRA MIM UMA BATALHA ESTOURAR,

MESMO ASSIM CONFIAREI.


4. SEI QUE A BONDADE DO SENHOR EU HEI DE VER

NA TERRA DOS VIVENTES.

ESPERA NO SENHOR E TEM CORAGEM,
9- EVANGELHO (Jo 12,1-11) - COM.: Maria lavou e perfumou os pés de Jesus. Diante da inquietação de Judas, Jesus disse: “deixa-a; ela fez isto em vista do dia de minha sepultura.” Que a Palavra do Senhor nos toque profundamente. Cantando, aclamemos o Santo Evangelho.

10- CANTO DE ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO
G G7 C D7 G

REFRÃO: JESUS CRISTO, SOIS BENDITO, SOIS O UNGIDO DE DEUS PAI! (2x)
Em Am D C G

SALVE, NOSSO REI, SOMENTE VÓS TENDES COMPAIXÃO DOS NOSSOS ERROS.


11- CEL.: O Senhor esteja convosco. - TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. - CEL.: Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São João. - TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR! - CEL.: Seis dias antes da Páscoa, Jesus foi para Betânia, onde morava Lázaro, que ele havia ressuscitado dos mortos. Ali ofereceram a Jesus um jantar; Marta servia e Lázaro era um dos que estavam à mesa com ele. Maria, tomando quase meio litro de perfume de nardo puro e muito caro, ungiu os pés de Jesus e enxugou-os com seus cabelos. A casa inteira ficou cheia do perfume do bálsamo. Então, falou Judas Iscariotes, um dos seus discípulos, aquele que o havia de entregar: "Por que não se vendeu este perfume por trezentas moedas de prata, para as dar aos pobres?" Judas falou assim, não porque se preocupasse com os pobres, mas porque era ladrão; ele tomava conta da bolsa comum e roubava o que se depositava nela. Jesus, porém, disse: "Deixa-a; ela fez isto em vista do dia de minha sepultura. Pobres, sempre os tereis convosco, enquanto a mim, nem sempre me tereis." Muitos judeus, tendo sabido que Jesus estava em Betânia, foram para lá, não só por causa de Jesus, mas também para verem Lázaro, que Jesus havia ressuscitado dos mortos. Então, os sumos sacerdotes decidiram matar também Lázaro, porque, por causa dele, muitos deixavam os judeus e acreditavam em Jesus. Palavra da salvação. - TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR!
12- HOMILIA
13- PROFISSÃO DE FÉ
14- ORAÇÃO UNIVERSAL

CEL.: IRMÃOS E IRMÃS, SUPLIQUEMOS A DEUS, QUE SE REVELOU AO HOMEM PARA CHAMÁ-LO A COLABORAR COM ELE EM SEU PLANO DE SALVAÇÃO. DIGAMOS COM FERVOR: SANTIFICAI, SENHOR, VOSSO POVO.
TODOS: SANTIFICAI, SENHOR, VOSSO POVO.

  1. Pelo Santo Padre, o Papa N._________________, para que na Igreja e no mundo possa cumprir com fidelidade e coragem sua missão de promover o desenvolvimento moral e espiritual do homem, rezemos ao Senhor.

  2. Pela Santa Igreja de Deus, para que, consciente da sua própria identidade missionária, se empenhe em seguir Cristo fielmente, proclamando o Evangelho, a todos os povos, rezemos ao Senhor.

  3. Pelos jovens do mundo inteiro, para que, atentos ao convite de Jesus, respondam com prontidão ao Seu chamado, testemunhando a beleza do Evangelho aos companheiros de juventude, rezemos ao Senhor.

  4. Por todos nós aqui reunidos, para que saibamos reservar preciosos momentos no nosso dia a dia para ouvir a voz de Deus, principalmente pelo exercício da oração, rezemos ao Senhor.


CEL.: SENHOR, PAI MISERICORDIOSO E FIEL, CUIDAI COM CARINHO DOS QUE CHAMASTES PARA O VOSSO SERVIÇO E FORTALECEI COM VOSSO AMOR OS QUE VACILAM NO CAMINHO. POR CRISTO, NOSSO SENHOR.TODOS: AMÉM.

LITURGIA EUCARÍSTICA



15- COM.: O pão e o vinho serão transubstanciados em corpo e sangue de Jesus. Peçamos-Lhe que afaste de nós a inveja, a traição e que possamos amar e servir como Maria. Façamos nossas ofertas, cantando!

16- CANTO DE OFERTAS


D A7 D

1- OS GRÃOS QUE FORMAM A ESPIGA SE UNEM PRA SEREM PÃO;



Bm Em A7 D

OS HOMENS QUE SÃO IGREJA SE UNEM PELA OBLAÇÃO.


D7 G A7 D

DIANTE DO ALTAR, SENHOR, ENTENDO MINHA VOCAÇÃO:

Bm Em A7 D

DEVO SACRIFICAR A VIDA POR MEU IRMÃO (BIS).
D A7 D

2- O GRÃO CAÍDO NA TERRA SÓ VIVE SE VAI MORRER;



Bm Em A7 D

É DANDO QUE SE RECEBE, MORRENDO SE VAI VIVER.


D A7 D

3- O VINHO E O PÃO OFERTAMOS, SÃO NOSSA RESPOSTA DE AMOR.



Bm Em A7 D

PEDIMOS, HUMILDEMENTE: “ACEITA-NOS, Ó SENHOR!”.


17- CEL.: Orai, irmãos e irmãs... - TODOS: RECEBA O SENHOR, POR TUAS MÃOS, ESTE SACRIFÍCIO, PARA GLÓRIA DO SEU NOME, PARA NOSSO BEM E DE TODA A SANTA IGREJA.
18- ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS - CEL.: CONSIDERAI, Ó DEUS, COM BONDADE OS SAGRADOS MISTÉRIOS QUE CELEBRAMOS, E O REMÉDIO QUE DESTINASTES A SANAR O MAL QUE COMETEMOS PRODUZA EM NÓS A VIDA ETERNA. POR CRISTO NOSSO SENHOR. - TODOS: AMÉM.
19- ORAÇÃO EUCARÍSTICA II - CEL.: O Senhor esteja convosco. - TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. - CEL.: Corações ao alto! - TODOS: NOSSO CORAÇÃO ESTÁ EM DEUS. - CEL.: Demos graças ao Senhor, nosso Deus. - TODOS: É NOSSO DEVER E NOSSA SALVAÇÃO. - CEL.: Na verdade, é justo e necessário, é nosso dever e salvação dar-vos graças, sempre e em todo o lugar, Senhor, Pai santo, Deus eterno e todo-poderoso, por Cristo, Senhor nosso. Já se aproximam os dias de sua paixão salvadora e de sua gloriosa ressurreição. Dias em que celebramos, com fervor, a vitória sobre o antigo inimigo e entramos no mistério da nossa redenção. Enquanto a multidão dos anjos e dos santos se alegra eternamente na vossa presença em humilde adoração, nós nos associamos aos seus louvores, cantando a uma só voz:
A C#m Bm

SANTO, SANTO É O SENHOR!



D E Bm E A E

TERRA E CÉUS CANTAM O SEU LOUVOR!



A Em A7 D

SANTO! PROCLAMAM SUAS CRIATURAS!



D#° A F#m Bm E A A7

HOSANA, HOSANA, HOSANA NAS ALTURAS!



D A E A

HOSANA CANTEMOS, HOSANA, LOUVEMOS, COM FILIAL TERNURA!


D A

BENDITO É O QUE VEM EM NOME DO CRIADOR!



Bm E Bm E A

BENDITO É O QUE TRAZ A PAZ EM PLENITUDE DO AMOR!



D E A

HOSANA!
CEL.: Na verdade, ó Pai, Vós sois santo e fonte de toda santidade. Santificai, pois, estas oferendas, derramando sobre elas o Vosso Espírito, a fim de que se tornem para nós o Corpo e o Sangue de Jesus Cristo, Vosso Filho e Senhor nosso.



Todos: Santificai nossa oferenda, ó Senhor!

CEL.: Estando para ser entregue e abraçando livremente a paixão, Ele tomou o pão, deu graças, e o partiu e deu a Seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E COMEI: ISTO É O MEU CORPO, QUE SERÁ ENTREGUE POR VÓS. Do mesmo modo, ao fim da ceia, Ele tomou o cálice em Suas mãos, deu graças novamente, e o deu a Seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E BEBEI: ESTE É O CÁLICE DO MEU SANGUE, O SANGUE DA NOVA E ETERNA ALIANÇA, QUE SERÁ DERRAMADO POR VÓS E POR TODOS PARA REMISSÃO DOS PECADOS. FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM. Eis o mistério da fé.

Todos: Anunciamos, Senhor, a vossa morte e proclamamos a vossa ressurreição. Vinde, Senhor Jesus!

CEL.: Celebrando, pois, a memória da morte e ressurreição do Vosso Filho, nós Vos oferecemos, ó Pai, o pão da vida e o cálice da salvação; e Vos agradecemos porque nos tornastes dignos de estar aqui na Vossa presença e Vos servir.

Todos: Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!

CEL.: E nós Vos suplicamos que, participando do Corpo e Sangue de Cristo, sejamos reunidos pelo Espírito Santo num só corpo.

Todos: Fazei de nós um só corpo e um só espírito!

CEL.: Lembrai-vos, ó Pai, da Vossa Igreja que se faz presente pelo mundo inteiro: que ela cresça na caridade, com o Papa N._________________, com o nosso bispo Sérgio e seus Bispos Auxiliares, e todos os ministros do Vosso povo.

Todos: Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja!

CEL.: Lembrai-vos também dos nossos irmãos e irmãs que morreram na esperança da ressurreição e de todos os que partiram desta vida: acolhei-os junto a Vós, na luz da Vossa face.

Todos: Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos!

CEL.: Enfim, nós Vos pedimos, tende piedade de todos nós e dai-nos participar da vida eterna, com a Virgem Maria, Mãe de Deus, com os santos Apóstolos e todos os que neste mundo Vos serviram, a fim de Vos louvarmos e glorificarmos por Jesus Cristo, Vosso Filho.

Todos: Concedei-nos o convívio dos eleitos!

CEL.: Por Cristo, com Cristo, em Cristo, a Vós, Deus Pai todo-poderoso, na unidade do Espírito Santo, toda a honra e toda a glória, agora e para sempre.

TODOS: Amém.

20- RITO DA COMUNHÃO
CEL.: OBEDIENTES À PALAVRA DO SENHOR E FORMADOS POR SEU DIVINO ENSINAMENTO, OUSAMOS DIZER:
TODOS: Pai nosso que estais nos céus, santificado seja o vosso nome; venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido; e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal.
CEL.: LIVRAI-NOS DE TODOS OS MALES, Ó PAI, E DAI-NOS HOJE A VOSSA PAZ. AJUDADOS PELA VOSSA MISERICÓRDIA, SEJAMOS SEMPRE LIVRES DO PECADO E PROTEGIDOS DE TODOS OS PERIGOS, ENQUANTO, VIVENDO A ESPERANÇA, AGUARDAMOS A VINDA DO CRISTO SALVADOR.
TODOS: Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre!
CEL.: SENHOR JESUS CRISTO, DISSESTES AOS VOSSOS APÓSTOLOS: EU VOS DEIXO A PAZ, EU VOS DOU A MINHA PAZ. NÃO OLHEIS OS NOSSOS PECADOS, MAS A FÉ QUE ANIMA A VOSSA IGREJA; DAI-LHE, SEGUNDO O VOSSO DESEJO, A PAZ E A UNIDADE. VÓS QUE SOIS DEUS COM O PAI E O ESPÍRITO SANTO. TODOS: AMÉM!
CEL.: A PAZ DO SENHOR ESTEJA SEMPRE CONVOSCO.
TODOS: O amor de Cristo nos uniu.
CEL.: IRMÃOS E IRMÃS, SAUDAI-VOS EM CRISTO JESUS.
CEL.: ESTA UNIÃO DO CORPO E DO SANGUE DE JESUS, O CRISTO E SENHOR NOSSO, QUE VAMOS RECEBER, NOS SIRVA PARA A VIDA ETERNA.
21- CORDEIRO

CORDEIRO DE DEUS QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO, TENDE PIEDADE DE NÓS.

CORDEIRO DE DEUS QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO, TENDE PIEDADE DE NÓS.

CORDEIRO DE DEUS QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO, DAI-NOS A PAZ.


CEL.: SENHOR JESUS CRISTO, FILHO DO DEUS VIVO, QUE, CUMPRINDO A VONTADE DO PAI E AGINDO COM O ESPÍRITO SANTO, PELA VOSSA MORTE DESTES VIDA AO MUNDO, LIVRAI-ME DOS MEUS PECADOS E DE TODO MAL; PELO VOSSO CORPO E PELO VOSSO SANGUE, DAI-ME CUMPRIR SEMPRE A VOSSA VONTADE E JAMAIS SEPARAR-ME DE VÓS.
CEL.: FELIZES OS CONVIDADOS PARA A CEIA DO SENHOR. EIS O CORDEIRO DE DEUS, QUE TIRA O PECADO DO MUNDO.
TODOS: Senhor, eu não sou digno(a) que entreis em minha morada, mas dizei uma palavra e serei salvo.
CEL.: QUE O CORPO DE CRISTO ME GUARDE PARA A VIDA ETERNA. QUE O SANGUE DE CRISTO ME GUARDE PARA A VIDA ETERNA.

22- COMUNHÃO - COM.: Nossa vida deve ser dotada de fé e amor profundos, capazes de oferecer a Deus o que há de mais nobre. Na entrega de Jesus Cristo vemos o esplendor de tal atitude e encontramos a meta que deve nortear a vida humana. Recebamos Jesus, cantando!
23-CANTO DE COMUNHÃO (A)
D F#m

1. MEU SENHOR DESPOJOU-SE DE SI, SENDO DEUS,



G A D A

SE FEZ HOMEM, SE ENTREGOU E MORREU NUMA CRUZ.



D F#m

MEU SENHOR, PARA SALVAR A MIM E MEUS IRMÃOS,



G A D Am D7

SE HUMILHOU, VEIO AO MUNDO E DAS TREVAS FEZ LUZ.


G A/G F#m Bm

EU TE AMO, SOU LOUCO DE AMOR POR TI, MEU JESUS,

Em A Am D7

TU ÉS MINHA PAZ, MINHA LUZ, MEU REI E MEU BOM PASTOR!

G A/G F#m Bm

EU TE AMO, SOU LOUCO DE AMOR POR TI, MEU JESUS,

Em A D9

TU ÉS MINHA PAZ, MINHA LUZ, MEU DEUS, MEU SENHOR!
D F#m

2. MEU SENHOR, QUE TUDO CRIOU POR AMOR,



G A D A

NÃO FOI RECEBIDO PELO POVO SEU.



D F#m

LÁ NA CRUZ, PEDE AO PAI QUE PERDOE AOS CRUÉIS,



G A D Am D7

QUE NÃO SABEM QUE MATAM O FILHO DE DEUS


D F#m

3. MEU SENHOR CUMPRIU A PROMESSA, NOS DEU



G A D A

O ESPÍRITO SANTO DA PARTE DE DEUS.



D F#m

FOI À CASA DO PAI PREPARAR-NOS LUGAR,



G A D Am D7

PRA LEVAR-NOS CONSIGO AO REINO DOS CÉUS.


24- ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO - CEL.: OREMOS: (Pausa) VISITAI, Ó DEUS, O VOSSO POVO E ASSISTI COM VOSSO AMOR DE PAI OS QUE CELEBRAM OS VOSSOS MISTÉRIOS, PARA QUE CONSERVEMOS, PELA VOSSA PROTEÇÃO, OS REMÉDIOS DA SALVAÇÃO ETERNA QUE RECEBEMOS DE VOSSA MISERICÓRDIA. POR CRISTO NOSSO SENHOR. - TODOS: AMÉM.
RITOS FINAIS
25. BÊNÇÃO FINAL - CEL.: O Senhor esteja convosco. - TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. - CEL.: Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai e Filho e Espírito Santo. - TODOS: AMÉM. - CEL.: Ide em paz, e o Senhor vos acompanhe, - TODOS: GRAÇAS A DEUS!

26. CANTO FINAL
Gm Cm

1. SEI QUE PERGUNTAS, JUVENTUDE, DE ONDE VEIO



D Gm

TEU BELO JEITO SEMPRE NOVO E VERDADEIRO.



Cm Gm

EU FIZ BROTAR EM TI DESDE O MATERNO SEIO



A D7 G

ESSA VONTADE DE MUDAR O MUNDO INTEIRO.


G C D7 G

ESTOU AQUI, MEU SENHOR, SOU JOVEM, SOU TEU POVO!

C

EU TENHO FOME DE JUSTIÇA E DE AMOR,

Am D G

QUERO AJUDAR A CONSTRUIR UM MUNDO NOVO.

C D G

ESTOU AQUI, MEU SENHOR, SOU JOVEM, SOU TEU POVO!

C

PARA FORMAR A REDE DA FRATERNIDADE,

Am D7 G

E UM NOVO CÉU, UMA NOVA TERRA, A TUA VONTADE.

Em C D7 G

EIS-ME AQUI, ENVIA-ME SENHOR! (2X)
Gm Cm

2. LEVEM A TODOS MEU CHAMADO À LIBERDADE



D Gm

ONDE A GANÂNCIA GERA IRMÃOS ESCRAVIZADOS.



Cm Gm

QUERO A MENSAGEM QUE HUMANIZA A SOCIEDADE



A D7 G

FALADA ÀS CLARAS, PUBLICADA NOS TELHADOS.


Gm Cm

3. PARA SALVAR A QUEM PERDEU A ESPERANÇA



D Gm

SEREI A FORÇA, PLENA LUZ A TE GUIAR.



Cm Gm

POR TUA VOZ EU FALAREI, TEM CONFIANÇA,



A D7 G

NÃO TENHAS MEDO, NOVO REINO A CHEGAR!



TERÇA-FEIRA – SEMANA SANTA
INTRODUÇÃO - COM.: Em toda a sua vida, Jesus revelou seu amor à humanidade por meio de gestos e palavras. O ser humano, no entanto, não agiu conforme o ensinamento divino, porque não soube acolher a mensagem de salvação. Porém, na fraqueza humana é revelado o poder salvador de Deus. Iniciemos nossa celebração, cantando!


RITOS INICIAIS


  1. CANTO DE ENTRADA


D Bm A D G D A D

CONVERTEI-VOS E CREDE NO EVANGELHO”, EIS O TEMPO FAVORÁ Á VEL!


F#m Bm Em G A7 D

1. TIRAREI DE VÓS UM CORAÇÃO DE PEDRA, E POREI EM VÓS UM CORAÇÃO DE CARNE!


F#m Bm Em G A7 D

2. DAR-VOS-EI O MEU ESPÍRITO DE VIDA, MUDAREI A ESCRAVIDÃO EM LIBERDADE!


F#m Bm Em G A7 D

3. RETORNAREI DE CORAÇÃO ARREPENDIDO, PORQUE DEUS É COMPASSIVO E INDULGENTE!



2. SAUDAÇÃO DO CELEBRANTE - CEL.: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. - TODOS: AMÉM. - CEL.: A graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a Comunhão do Espírito Santo estejam convosco. - TODOS: BENDITO SEJA DEUS, QUE NOS REUNIU NO AMOR DE CRISTO.

3. ATO PENITENCIAL - CEL.: Irmãos e irmãs, reconheçamos as nossas culpas para celebrarmos dignamente os santos mistérios. (PAUSA).

4. CANTO
Cm G Cm

1- EU CONFESSO A DEUS E A VÓS, IRMÃOS,



Bb Eb C7

TANTAS VEZES PEQUEI, NÃO FUI FIEL.



Fm G Cm G#

PENSAMENTOS E PALAVRAS, ATITUDES, OMISSÕES...



D7 G Cm C7

POR MINHA CULPA, TÃO GRANDE CULPA.


Fm Bb Eb Cm Fm G Cm C7

SENHOR PIEDADE, CRISTO PIEDADE! TEM PIEDADE, Ó SENHOR!

Fm Bb Eb Cm Fm G Cm (G# Cm)

SENHOR PIEDADE, CRISTO PIEDADE! TEM PIEDADE, Ó SENHOR!
Cm G Cm

2- PEÇO À VIRGEM MARIA, NOSSA MÃE,



Bb Eb C7

E A VÓS, MEUS IRMÃOS, ROGUEIS POR MIM



Fm G Cm G#

A DEUS PAI QUE NOS PERDOA E NOS SUSTENTA EM SUA MÃO.



D7 G Cm C7

POR SEU AMOR, TÃO GRANDE AMOR...


5. ORAÇÃO DO DIA - CEL.: OREMOS: (Pausa) DEUS ETERNO E TODO PODEROSO, DAI-NOS CELEBRAR DE TAL MODO OS MISTÉRIOS DA PAIXÃO DO SENHOR, QUE POSSAMOS ALCANÇAR VOSSO PERDÃO. POR NOSSO SENHOR JESUS CRISTO...

TODOS - AMÉM.

LITURGIA DA PALAVRA



COM.: Desde o ventre materno, o servo recebe a missão de proclamar a palavra do Senhor para reunir e restaurar seu povo disperso. “Eu te farei luz das nações, para que minha salvação chegue até aos confins da terra.” Ouçamos com veemência a Palavra que será proclamada.
6- 1ª LEITURA (Is 49,1-6)

Leitura do Livro do Profeta Isaías. - Nações marinhas, ouvi-me, povos distantes, prestai atenção: o Senhor chamou-me antes de eu nascer, desde o ventre de minha mãe ele tinha na mente o meu nome; fez de minha palavra uma espada afiada, protegeu-me à sombra de sua mão e fez de mim uma flecha aguçada, escondida em sua aljava, e disse-me: "Tu és o meu Servo, Israel, em quem serei glorificado". E eu disse: "Trabalhei em vão, gastei minhas forças sem fruto, inutilmente; entretanto o Senhor me fará justiça e o meu Deus me dará recompensa". E agora diz-me o Senhor - ele que me preparou desde o nascimento para ser seu Servo - que eu recupere Jacó para ele e faça Israel unir-se a ele; aos olhos do Senhor esta é a minha glória. Disse ele: "Não basta seres meu Servo para restaurar as tribos de Jacó e reconduzir os remanescentes de Israel: eu te farei luz das nações, para que minha salvação chegue até aos confins da terra". Palavra do Senhor.



TODOS: GRAÇAS A DEUS.
7- SALMO RESPONSORIAL - Do Salmo 70(71)

8- CANTO



REFRÃO: MINHA BOCA ANUNCIARÁ VOSSA JUSTIÇA.
1. EU PROCURO MEU REFÚGIO EM VÓS, SENHOR:

QUE EU NÃO SEJA ENVERGONHADO PARA SEMPRE!

PORQUE SOIS JUSTO, DEFENDEI-ME E LIBERTAI-ME!

ESCUTAI A MINHA VOZ, VINDE SALVAR-ME!


2. SEDE UMA ROCHA PROTETORA PARA MIM,

UM ABRIGO BEM SEGURO QUE ME SALVE!

PORQUE SOIS A MINHA FORÇA E MEU AMPARO,

O MEU REFÚGIO, PROTEÇÃO E SEGURANÇA!

LIBERTAI-ME, Ó MEU DEUS, DAS MÃOS DO ÍMPIO.
3. PORQUE SOIS, Ó SENHOR DEUS, MINHA ESPERANÇA,

EM VÓS CONFIO DESDE A MINHA JUVENTUDE!

SOIS MEU APOIO DESDE ANTES QUE EU NASCESSE,

DESDE O SEIO MATERNAL, O MEU AMPARO.


4. MINHA BOCA ANUNCIARÁ TODOS OS DIAS

VOSSA JUSTIÇA E VOSSAS GRAÇAS INCONTÁVEIS.

VÓS ME ENSINASTES DESDE A MINHA JUVENTUDE,

E ATÉ HOJE CANTO AS VOSSAS MARAVILHAS.


9- EVANGELHO (Jo 13,21-33.36-38) - COM.: Embora as traições de Judas e Pedro sejam completamente distintas, ambas sinalizam a fraqueza constante do ser humano. Jesus aproxima-se daquele que irá traí-lo, pois conhece bem de perto a fragilidade humana, porém, muito maior é o seu amor. Aclamemos cantando o evangelho.

10- CANTO DE ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO
G G7 C D7 G

REFRÃO: JESUS CRISTO, SOIS BENDITO, SOIS O UNGIDO DE DEUS PAI! (2x)
Em Am

SALVE, Ó REI, OBEDIENTE AO PAI; VÓS FOSTES LEVADO



D C G

PARA SER CRUCIFICADO COMO UM MANSO CORDEIRO É CONDUZIDO À MATANÇA.


11- CEL.: O Senhor esteja convosco. - TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. - CEL.: Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São João. - TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR! - CEL.: Naquele tempo: Estando à mesa com seus discípulos, Jesus ficou profundamente comovido e testemunhou: "Em verdade, em verdade vos digo, um de vós me entregará." Desconcertados, os discípulos olhavam uns para os outros, pois não sabiam de quem Jesus estava falando. Um deles, a quem Jesus amava, estava recostado ao lado de Jesus. Simão Pedro fez-lhe um sinal para que ele procurasse saber de quem Jesus estava falando. Então, o discípulo, reclinando-se sobre o peito de Jesus, perguntou-lhe: "Senhor, quem é?" Jesus respondeu: "É aquele a quem eu der o pedaço de pão passado no molho." Então Jesus molhou um pedaço de pão e deu-o a Judas, filho de Simão Iscariotes. Depois do pedaço de pão, Satanás entrou em Judas. Então Jesus lhe disse: "O que tens a fazer, executa-o depressa." Nenhum dos presentes compreendeu por que Jesus lhe disse isso. Como Judas guardava a bolsa, alguns pensavam que Jesus lhe queria dizer: "Compra o que precisamos para a festa", ou que desse alguma coisa aos pobres. Depois de receber o pedaço de pão, Judas saiu imediatamente. Era noite. Depois que Judas saiu, disse Jesus: "Agora foi glorificado o Filho do Homem, e Deus foi glorificado nele. Se Deus foi glorificado nele, também Deus o glorificará em si mesmo, e o glorificará logo. Filhinhos, por pouco tempo estou ainda convosco. Vós me procurareis, e agora vos digo, como eu disse também aos judeus: "Para onde eu vou, vós não podeis ir". Simão Pedro perguntou: "Senhor, para onde vais?" Jesus respondeu-lhe: "Para onde eu vou, tu não me podes seguir agora, mas me seguirás mais tarde." Pedro disse: "Senhor, por que não posso seguir-te agora? Eu darei a minha vida por ti!" Respondeu Jesus: "Darás a tua vida por mim? Em verdade, em verdade te digo: o galo não cantará antes que me tenhas negado três vezes." Palavra da salvação. - TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR!
12- HOMILIA
13- PROFISSÃO DE FÉ
14- ORAÇÃO UNIVERSAL - CEL.: CAROS IRMÃOS, OREMOS PARA QUE TODOS OS QUE SOFREM DESCUBRAM, NO AMOR DE DEUS E NAS PALAVRAS DE CRISTO, O BÁLSAMO PARA OS SEUS SOFRIMENTOS. PEÇAMOS COM TODO CONFIANÇA: PELA VOSSA MISERICÓRDIA, OUVI-NOS, SENHOR.

TODOS: PELA VOSSA MISERICÓRDIA, OUVI-NOS, SENHOR.

  1. Pelo Santo Padre, o Papa N._________________, para que não cesse de advertir contra os perigos provenientes da criação de leis insanas, que não exprimem a vontade de Deus, rezemos ao Senhor.

  2. Pela Santa Igreja de Deus, para que combata de forma profética, a exclusão social que atenta e mata a dignidade dos seres humanos, rezemos ao Senhor.

  3. Pelos nossos governantes, para que atuem sempre com honradez, integridade e amor à verdade, rezemos ao Senhor.

  4. Pelos jovens de nossa Arquidiocese, para que, neste tempo favorável da Quaresma, se reconciliem com Deus e com os irmãos, rezemos ao Senhor.


CEL.: SENHOR NOSSO DEUS, QUE PARA CURAR E SALVAR O MUNDO, LHE DESTES O VOSSO FILHO MUITO AMADO, AJUDAI-NOS A VER N’ELE O VOSSO MODELO, COLOCANDO-NOS A SERVIÇO UNS DOS OUTROS. POR CRISTO, SENHOR NOSSO.TODOS: AMÉM.

LITURGIA EUCARÍSTICA



15- COM.: Neste momento da apresentação do pão e do vinho, já reconciliados com Deus e com os irmãos, vamos participar fraternalmente da festa preparada para nossa volta à casa do Pai. Com espírito de entrega total façamos nossas ofertas, cantando!

16- CANTO DE OFERTAS


D A7 D

1- OS GRÃOS QUE FORMAM A ESPIGA SE UNEM PRA SEREM PÃO;



Bm Em A7 D

OS HOMENS QUE SÃO IGREJA SE UNEM PELA OBLAÇÃO.


D7 G A7 D

DIANTE DO ALTAR, SENHOR, ENTENDO MINHA VOCAÇÃO:

Bm Em A7 D

DEVO SACRIFICAR A VIDA POR MEU IRMÃO (BIS).
D A7 D

2- O GRÃO CAÍDO NA TERRA SÓ VIVE SE VAI MORRER;



Bm Em A7 D

É DANDO QUE SE RECEBE, MORRENDO SE VAI VIVER.


D A7 D

3- O VINHO E O PÃO OFERTAMOS, SÃO NOSSA RESPOSTA DE AMOR.



Bm Em A7 D

PEDIMOS, HUMILDEMENTE: “ACEITA-NOS, Ó SENHOR!”.


17- CEL.: Orai, irmãos e irmãs... - TODOS: RECEBA O SENHOR, POR TUAS MÃOS, ESTE SACRIFÍCIO, PARA GLÓRIA DO SEU NOME, PARA NOSSO BEM E DE TODA A SANTA IGREJA.
18- ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS - CEL.: CONSIDERAI, Ó DEUS, COM BONDADE, AS OFERENDAS DA VOSSA FAMÍLIA. SE PODEMOS AGORA PARTICIPAR DOS VOSSOS DONS SAGRADOS, FAZEI-NOS CHEGAR TAMBÉM À SUA PLENITUDE. POR CRISTO, NOSSO SENHOR. - TODOS: AMÉM.
19- ORAÇÃO EUCARÍSTICA II - CEL.: O Senhor esteja convosco. - TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. - CEL.: Corações ao alto! - TODOS: NOSSO CORAÇÃO ESTÁ EM DEUS. - CEL.: Demos graças ao Senhor, nosso Deus. - TODOS: É NOSSO DEVER E NOSSA SALVAÇÃO. - CEL.: Na verdade, é justo e necessário, é nosso dever e salvação dar-vos graças, sempre e em todo o lugar, Senhor, Pai santo, Deus eterno e todo-poderoso, por Cristo, Senhor nosso. Já se aproximam os dias de sua paixão salvadora e de sua gloriosa ressurreição. Dias em que celebramos, com fervor, a vitória sobre o antigo inimigo e entramos no mistério da nossa redenção. Enquanto a multidão dos anjos e dos santos se alegra eternamente na vossa presença em humilde adoração, nós nos associamos aos seus louvores, cantando a uma só voz:

A C#m Bm

SANTO, SANTO É O SENHOR!



D E Bm E A E

TERRA E CÉUS CANTAM O SEU LOUVOR!



A Em A7 D

SANTO! PROCLAMAM SUAS CRIATURAS!



D#° A F#m Bm E A A7

HOSANA, HOSANA, HOSANA NAS ALTURAS!



D A E A

HOSANA CANTEMOS, HOSANA, LOUVEMOS, COM FILIAL TERNURA!


D A

BENDITO É O QUE VEM EM NOME DO CRIADOR!



Bm E Bm E A

BENDITO É O QUE TRAZ A PAZ EM PLENITUDE DO AMOR!



D E A

HOSANA!
CEL.: Na verdade, ó Pai, Vós sois santo e fonte de toda santidade. Santificai, pois, estas oferendas, derramando sobre elas o Vosso Espírito, a fim de que se tornem para nós o Corpo e o Sangue de Jesus Cristo, Vosso Filho e Senhor nosso.



Todos: Santificai nossa oferenda, ó Senhor!

CEL.: Estando para ser entregue e abraçando livremente a paixão, Ele tomou o pão, deu graças, e o partiu e deu a Seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E COMEI: ISTO É O MEU CORPO, QUE SERÁ ENTREGUE POR VÓS. Do mesmo modo, ao fim da ceia, Ele tomou o cálice em Suas mãos, deu graças novamente, e o deu a Seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E BEBEI: ESTE É O CÁLICE DO MEU SANGUE, O SANGUE DA NOVA E ETERNA ALIANÇA, QUE SERÁ DERRAMADO POR VÓS E POR TODOS PARA REMISSÃO DOS PECADOS. FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM. Eis o mistério da fé.

Todos: Anunciamos, Senhor, a vossa morte e proclamamos a vossa ressurreição. Vinde, Senhor Jesus!

CEL.: Celebrando, pois, a memória da morte e ressurreição do Vosso Filho, nós Vos oferecemos, ó Pai, o pão da vida e o cálice da salvação; e Vos agradecemos porque nos tornastes dignos de estar aqui na Vossa presença e Vos servir.

Todos: Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!

CEL.: E nós Vos suplicamos que, participando do Corpo e Sangue de Cristo, sejamos reunidos pelo Espírito Santo num só corpo.

Todos: Fazei de nós um só corpo e um só espírito!

CEL.: Lembrai-vos, ó Pai, da Vossa Igreja que se faz presente pelo mundo inteiro: que ela cresça na caridade, com o Papa N._________________, com o nosso bispo Sérgio e seus Bispos Auxiliares, e todos os ministros do Vosso povo.

Todos: Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja!

CEL.: Lembrai-vos também dos nossos irmãos e irmãs que morreram na esperança da ressurreição e de todos os que partiram desta vida: acolhei-os junto a Vós, na luz da Vossa face.

Todos: Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos!

CEL.: Enfim, nós Vos pedimos, tende piedade de todos nós e dai-nos participar da vida eterna, com a Virgem Maria, Mãe de Deus, com os santos Apóstolos e todos os que neste mundo Vos serviram, a fim de Vos louvarmos e glorificarmos por Jesus Cristo, Vosso Filho.

Todos: Concedei-nos o convívio dos eleitos!

CEL.: Por Cristo, com Cristo, em Cristo, a Vós, Deus Pai todo-poderoso, na unidade do Espírito Santo, toda a honra e toda a glória, agora e para sempre.

TODOS: Amém.

20- RITO DA COMUNHÃO
CEL.: OBEDIENTES À PALAVRA DO SENHOR E FORMADOS POR SEU DIVINO ENSINAMENTO, OUSAMOS DIZER:
TODOS: Pai nosso que estais nos céus, santificado seja o vosso nome; venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido; e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal.
CEL.: LIVRAI-NOS DE TODOS OS MALES, Ó PAI, E DAI-NOS HOJE A VOSSA PAZ. AJUDADOS PELA VOSSA MISERICÓRDIA, SEJAMOS SEMPRE LIVRES DO PECADO E PROTEGIDOS DE TODOS OS PERIGOS, ENQUANTO, VIVENDO A ESPERANÇA, AGUARDAMOS A VINDA DO CRISTO SALVADOR.
TODOS: Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre!
CEL.: SENHOR JESUS CRISTO, DISSESTES AOS VOSSOS APÓSTOLOS: EU VOS DEIXO A PAZ, EU VOS DOU A MINHA PAZ. NÃO OLHEIS OS NOSSOS PECADOS, MAS A FÉ QUE ANIMA A VOSSA IGREJA; DAI-LHE, SEGUNDO O VOSSO DESEJO, A PAZ E A UNIDADE. VÓS QUE SOIS DEUS COM O PAI E O ESPÍRITO SANTO. TODOS: AMÉM!
CEL.: A PAZ DO SENHOR ESTEJA SEMPRE CONVOSCO.
TODOS: O amor de Cristo nos uniu.
CEL.: IRMÃOS E IRMÃS, SAUDAI-VOS EM CRISTO JESUS.
CEL.: ESTA UNIÃO DO CORPO E DO SANGUE DE JESUS, O CRISTO E SENHOR NOSSO, QUE VAMOS RECEBER, NOS SIRVA PARA A VIDA ETERNA.
21- CORDEIRO

CORDEIRO DE DEUS QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO, TENDE PIEDADE DE NÓS.

CORDEIRO DE DEUS QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO, TENDE PIEDADE DE NÓS.

CORDEIRO DE DEUS QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO, DAI-NOS A PAZ.


CEL.: SENHOR JESUS CRISTO, FILHO DO DEUS VIVO, QUE, CUMPRINDO A VONTADE DO PAI E AGINDO COM O ESPÍRITO SANTO, PELA VOSSA MORTE DESTES VIDA AO MUNDO, LIVRAI-ME DOS MEUS PECADOS E DE TODO MAL; PELO VOSSO CORPO E PELO VOSSO SANGUE, DAI-ME CUMPRIR SEMPRE A VOSSA VONTADE E JAMAIS SEPARAR-ME DE VÓS.
CEL.: FELIZES OS CONVIDADOS PARA A CEIA DO SENHOR. EIS O CORDEIRO DE DEUS, QUE TIRA O PECADO DO MUNDO.
TODOS: Senhor, eu não sou digno(a) que entreis em minha morada, mas dizei uma palavra e serei salvo.
CEL.: QUE O CORPO DE CRISTO ME GUARDE PARA A VIDA ETERNA. QUE O SANGUE DE CRISTO ME GUARDE PARA A VIDA ETERNA.
22- COMUNHÃO - COM.: Renovamos os gestos e as palavras de Jesus na última ceia, memorial do seu sacrifício. Na eucaristia, Cristo se oferece como cordeiro imolado e pão sem fermento para nosso alimento. Façamos nossos corações sacrários vivos para receber Jesus. Cantemos!
23-CANTO DE COMUNHÃO (A)
D F#m

1. MEU SENHOR DESPOJOU-SE DE SI, SENDO DEUS,



G A D A

SE FEZ HOMEM, SE ENTREGOU E MORREU NUMA CRUZ.



D F#m

MEU SENHOR, PARA SALVAR A MIM E MEUS IRMÃOS,



G A D Am D7

SE HUMILHOU, VEIO AO MUNDO E DAS TREVAS FEZ LUZ.


G A/G F#m Bm

EU TE AMO, SOU LOUCO DE AMOR POR TI, MEU JESUS,

Em A Am D7

TU ÉS MINHA PAZ, MINHA LUZ, MEU REI E MEU BOM PASTOR!

G A/G F#m Bm

EU TE AMO, SOU LOUCO DE AMOR POR TI, MEU JESUS,

Em A D9

TU ÉS MINHA PAZ, MINHA LUZ, MEU DEUS, MEU SENHOR!
D F#m

2. MEU SENHOR, QUE TUDO CRIOU POR AMOR,



G A D A

NÃO FOI RECEBIDO PELO POVO SEU.



D F#m

LÁ NA CRUZ, PEDE AO PAI QUE PERDOE AOS CRUÉIS,



G A D Am D7

QUE NÃO SABEM QUE MATAM O FILHO DE DEUS


D F#m

3. MEU SENHOR CUMPRIU A PROMESSA, NOS DEU



G A D A

O ESPÍRITO SANTO DA PARTE DE DEUS.



D F#m

FOI À CASA DO PAI PREPARAR-NOS LUGAR,



G A D Am D7

PRA LEVAR-NOS CONSIGO AO REINO DOS CÉUS.


24- ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO - CEL.: OREMOS: (Pausa) NUTRIDOS PELOS DONS QUE NOS SALVAM, IMPLORAMOS, Ó DEUS, VOSSA MISERICÓRDIA, PARA QUE O MESMO SACRAMENTO QUE NOS ALIMENTA NA TERRA NOS FAÇA PARTICIPAR DA VIDA ETERNA. POR CRISTO, NOSSO SENHOR. - TODOS: AMÉM.
RITOS FINAIS
25. BÊNÇÃO FINAL - CEL.: O Senhor esteja convosco. - TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. - CEL.: Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai e Filho e Espírito Santo. - TODOS: AMÉM. - CEL.: Ide em paz, e o Senhor vos acompanhe, - TODOS: GRAÇAS A DEUS!
26. CANTO FINAL
Gm Cm

1. SEI QUE PERGUNTAS, JUVENTUDE, DE ONDE VEIO



D Gm

TEU BELO JEITO SEMPRE NOVO E VERDADEIRO.



Cm Gm

EU FIZ BROTAR EM TI DESDE O MATERNO SEIO



A D7 G

ESSA VONTADE DE MUDAR O MUNDO INTEIRO.


G C D7 G

ESTOU AQUI, MEU SENHOR, SOU JOVEM, SOU TEU POVO!

C

EU TENHO FOME DE JUSTIÇA E DE AMOR,

Am D G

QUERO AJUDAR A CONSTRUIR UM MUNDO NOVO.

C D G

ESTOU AQUI, MEU SENHOR, SOU JOVEM, SOU TEU POVO!

C

PARA FORMAR A REDE DA FRATERNIDADE,

Am D7 G

E UM NOVO CÉU, UMA NOVA TERRA, A TUA VONTADE.

Em C D7 G

EIS-ME AQUI, ENVIA-ME SENHOR! (2X)
Gm Cm

2. LEVEM A TODOS MEU CHAMADO À LIBERDADE



D Gm

ONDE A GANÂNCIA GERA IRMÃOS ESCRAVIZADOS.



Cm Gm

QUERO A MENSAGEM QUE HUMANIZA A SOCIEDADE



A D7 G

FALADA ÀS CLARAS, PUBLICADA NOS TELHADOS.


Gm Cm

3. PARA SALVAR A QUEM PERDEU A ESPERANÇA



D Gm

SEREI A FORÇA, PLENA LUZ A TE GUIAR.



Cm Gm

POR TUA VOZ EU FALAREI, TEM CONFIANÇA,



A D7 G

NÃO TENHAS MEDO, NOVO REINO A CHEGAR!



QUARTA-FEIRA – SEMANA SANTA
INTRODUÇÃO - COM.: Ao aproximar-se a celebração do Tríduo Pascal, deixemo-nos tocar pela grandeza do amor de Cristo por nós. Durante a Quaresma, unidos com Jesus, passamos pelo deserto da oração e da penitência, pelas tentações e deixamos a Palavra de Deus julgar a nossa vida. Somos convidados a “Viver o ano da Fé”, e “O caminho da fé dura toda a vida”. Confiantes de nossos compromissos, iniciemos nossa celebração, cantando!


RITOS INICIAIS


  1. CANTO DE ENTRADA


D Bm A D G D A D

CONVERTEI-VOS E CREDE NO EVANGELHO”, EIS O TEMPO FAVORÁ Á VEL!


F#m Bm Em G A7 D

1. TIRAREI DE VÓS UM CORAÇÃO DE PEDRA, E POREI EM VÓS UM CORAÇÃO DE CARNE!


F#m Bm Em G A7 D

2. DAR-VOS-EI O MEU ESPÍRITO DE VIDA, MUDAREI A ESCRAVIDÃO EM LIBERDADE!


F#m Bm Em G A7 D

3. RETORNAREI DE CORAÇÃO ARREPENDIDO, PORQUE DEUS É COMPASSIVO E INDULGENTE!



2. SAUDAÇÃO DO CELEBRANTE - CEL.: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. - TODOS: AMÉM. - CEL.: A graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a Comunhão do Espírito Santo estejam convosco. - TODOS: BENDITO SEJA DEUS, QUE NOS REUNIU NO AMOR DE CRISTO.

3. ATO PENITENCIAL - CEL.: Irmãos e irmãs, reconheçamos as nossas culpas para celebrarmos dignamente os santos mistérios. (PAUSA).

4. CANTO
Cm G Cm

1- EU CONFESSO A DEUS E A VÓS, IRMÃOS,



Bb Eb C7

TANTAS VEZES PEQUEI, NÃO FUI FIEL.



Fm G Cm G#

PENSAMENTOS E PALAVRAS, ATITUDES, OMISSÕES...



D7 G Cm C7

POR MINHA CULPA, TÃO GRANDE CULPA.


Fm Bb Eb Cm Fm G Cm C7

SENHOR PIEDADE, CRISTO PIEDADE! TEM PIEDADE, Ó SENHOR!

Fm Bb Eb Cm Fm G Cm (G# Cm)

SENHOR PIEDADE, CRISTO PIEDADE! TEM PIEDADE, Ó SENHOR!
Cm G Cm

2- PEÇO À VIRGEM MARIA, NOSSA MÃE,



Bb Eb C7

E A VÓS, MEUS IRMÃOS, ROGUEIS POR MIM



Fm G Cm G#

A DEUS PAI QUE NOS PERDOA E NOS SUSTENTA EM SUA MÃO.



D7 G Cm C7

POR SEU AMOR, TÃO GRANDE AMOR...



5. ORAÇÃO DO DIA - CEL.: OREMOS: (Pausa) Ó DEUS, QUE FIZESTES VOSSO FILHO PADECER O SUPLÍCIO DA CRUZ PARA ARRANCAR-NOS À ESCRAVIDÃO DO PECADO, CONCEDEI AOS VOSSOS SERVOS E SERVAS A GRAÇA DA RESSURREIÇÃO. POR NOSSO SENHOR JESUS CRISTO...

TODOS - AMÉM.

LITURGIA DA PALAVRA



COM.: O Senhor desperta-nos cada manhã, e atentos aprendemos Dele lições de vida, de misericórdia e de esperança. Nossa vocação é para a união com Cristo e entre nós. Ouçamos com veemência a Palavra de hoje.
6- 1ª LEITURA (Is 50,4-9a)

Leitura do Livro do Profeta Isaías. - O Senhor Deus deu-me língua adestrada, para que eu saiba dizer palavras de conforto à pessoa abatida; ele me desperta cada manhã e me excita o ouvido, para prestar atenção como um discípulo. O Senhor abriu-me os ouvidos; não lhe resisti nem voltei atrás. Ofereci as costas para me baterem e as faces para me arrancarem a barba: não desviei o rosto de bofetões e cusparadas. Mas o Senhor Deus é meu Auxiliador, por isso não me deixei abater o ânimo, conservei o rosto impassível como pedra, porque sei que não sairei humilhado. A meu lado está quem me justifica; alguém me fará objeções? Vejamos. Quem é meu adversário? Aproxime-se. Sim, o Senhor Deus é meu Auxiliador; quem é que me vai condenar? Palavra do Senhor.



TODOS: GRAÇAS A DEUS.
7- SALMO RESPONSORIAL - Do Salmo 68(69)

8- CANTO



REFRÃO: RESPONDEI-ME PELO VOSSO IMENSO AMOR,

NESTE TEMPO FAVORÁVEL, SENHOR DEUS.
1. POR VOSSA CAUSA É QUE SOFRI TANTOS INSULTOS,

E O MEU ROSTO SE COBRIU DE CONFUSÃO;

EU ME TORNEI COMO UM ESTRANHO A MEUS IRMÃOS,

COMO ESTRANGEIRO PARA OS FILHOS DE MINHA MÃE.

POIS MEU ZELO E MEU AMOR POR VOSSA CASA

ME DEVORAM COMO FOGO ABRASADOR;

E OS INSULTOS DE INFIÉIS QUE VOS ULTRAJAM

RECAÍRAM TODOS ELES SOBRE MIM!


2. O INSULTO ME PARTIU O CORAÇÃO;

EU ESPEREI QUE ALGUÉM DE MIM TIVESSE PENA;

PROCUREI QUEM ME ALIVIASSE E NÃO ACHEI!

DERAM-ME FEL COMO SE FOSSE UM ALIMENTO,

EM MINHA SEDE OFERECERAM-ME VINAGRE!
3. CANTANDO EU LOUVAREI O VOSSO NOME

E AGRADECIDO EXULTAREI DE ALEGRIA!

HUMILDES, VEDE ISTO E ALEGRAI-VOS:

O VOSSO CORAÇÃO REVIVERÁ,

SE PROCURARDES O SENHOR CONTINUAMENTE!

POIS NOSSO DEUS ATENDE À PRECE DOS SEUS POBRES,

E NÃO DESPREZA O CLAMOR DE SEUS CATIVOS.
9- EVANGELHO (Mt 26,14-25) - COM.: Mateus insiste na forma em que se deu a entrega de Jesus e seu valor à humanidade. O gesto de Judas é infame. Que não nos sintamos senhores da vida, mas que nossa vida seja do Senhor e para Ele, como a vida de Cristo foi para o Pai e seu Reino. Cantando, aclamemos o Santo Evangelho.
10- CANTO DE ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO
G G7 C D7 G

REFRÃO: JESUS CRISTO, SOIS BENDITO, SOIS O UNGIDO DE DEUS PAI! (2x)
Em Am D C G

SALVE, NOSSO REI, SOMENTE VÓS TENDES COMPAIXÃO DOS NOSSOS ERROS.


11- CEL.: O Senhor esteja convosco. - TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. - CEL.: Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus. - TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR! - CEL.: Naquele tempo: Um dos doze discípulos, chamado Judas Iscariotes, foi ter com os sumos sacerdotes e disse: "O que me dareis se vos entregar Jesus?" Combinaram, então, trinta moedas de prata. E daí em diante, Judas procurava uma oportunidade para entregar Jesus. No primeiro dia da festa dos Ázimos, os discípulos aproximaram-se de Jesus e perguntaram: "Onde queres que façamos os preparativos para comer a Páscoa?" Jesus respondeu: "Ide à cidade, procurai certo homem e dizei-lhe: "O Mestre manda dizer: o meu tempo está próximo, vou celebrar a Páscoa em tua casa, junto com meus discípulos". Os discípulos fizeram como Jesus mandou e prepararam a Páscoa. Ao cair da tarde, Jesus pôs-se à mesa com os doze discípulos. Enquanto comiam, Jesus disse: "Em verdade eu vos digo, um de vós vai me trair." Eles ficaram muito tristes e, um por um, começaram a lhe perguntar: "Senhor, será que sou eu?" Jesus respondeu: "Quem vai me trair é aquele que comigo põe a mão no prato. O Filho do Homem vai morrer, conforme diz a Escritura a respeito dele. Contudo, ai daquele que trair o Filho do Homem! Seria melhor que nunca tivesse nascido!" Então Judas, o traidor, perguntou: "Mestre, serei eu?" Jesus lhe respondeu: "Tu o dizes." Palavra da salvação. - TODOS: GLÓRIA A VÓS, SENHOR!
12- HOMILIA
13- PROFISSÃO DE FÉ
14- ORAÇÃO UNIVERSAL - CEL.: IRMÃOS CARÍSSIMOS, COM A CERTEZA DE QUE A GRAÇA DE DEUS NUNCA SE ESGOTA, PEÇAMOS-LHE PELA IGREJA E POR TODAS AS NECESSIDADES DO MUNDO, DIZENDO, HUMILDEMENTE: SENHOR OUVI AS NOSSAS PRECES.

TODOS: SENHOR OUVI AS NOSSAS PRECES.

  1. Pelo Santo Padre, o Papa N._________________, para que continue firme em sua missão, sendo fiel aos ensinamentos de Cristo, rezemos ao Senhor.

  2. Pelas autoridades governamentais, para que conduzam nossa Pátria, com justiça, a fim de construírem um país, onde as necessidades básicas sejam atendidas, rezemos ao Senhor.

  3. Pelos sacerdotes de nossa Arquidiocese, para que, neste Ano da Fé, imitem Nosso Redentor que se fez servo de todos, rezemos ao Senhor

  4. Pelos jovens do mundo inteiro que se preparam para a Jornada Mundial da Juventude, para que fortalecidos pela Palavra de Deus, saibam proclamar com entusiasmo, a Boa Nova da Salvação, rezemos ao Senhor.

  5. Pela nossa comunidade, para que, por meio do exercício da fé, possa contribuir para a construção de uma sociedade comprometida com o bem comum, rezemos ao Senhor.


CEL.: Ó DEUS DE AMOR, OUVI AS NOSSAS PRECES E CONCEDEI-NOS A GRAÇA DO DESPOJAMENTO, PARA QUE NUNCA NOS FALTE A GRAÇA DA VOSSA PROVIDÊNCIA. POR CRISTO, NOSSO SENHOR.TODOS: AMÉM.


LITURGIA EUCARÍSTICA



15- COM.: Fazer oferta é para corações puros e generosos. O pão e o vinho colocados sobre o altar representam os frutos da terra e do trabalho do homem. Peçamos a Jesus que esta Campanha da Fraternidade transforme os jovens e lhes dê coragem para renovarem sua fé. Alegremente, façamos nossas ofertas, cantando!

16- CANTO DE OFERTAS


D A7 D

1- OS GRÃOS QUE FORMAM A ESPIGA SE UNEM PRA SEREM PÃO;



Bm Em A7 D

OS HOMENS QUE SÃO IGREJA SE UNEM PELA OBLAÇÃO.


D7 G A7 D

DIANTE DO ALTAR, SENHOR, ENTENDO MINHA VOCAÇÃO:

Bm Em A7 D

DEVO SACRIFICAR A VIDA POR MEU IRMÃO (BIS).
D A7 D

2- O GRÃO CAÍDO NA TERRA SÓ VIVE SE VAI MORRER;



Bm Em A7 D

É DANDO QUE SE RECEBE, MORRENDO SE VAI VIVER.


D A7 D

3- O VINHO E O PÃO OFERTAMOS, SÃO NOSSA RESPOSTA DE AMOR.



Bm Em A7 D

PEDIMOS, HUMILDEMENTE: “ACEITA-NOS, Ó SENHOR!”.


17- CEL.: Orai, irmãos e irmãs... - TODOS: RECEBA O SENHOR, POR TUAS MÃOS, ESTE SACRIFÍCIO, PARA GLÓRIA DO SEU NOME, PARA NOSSO BEM E DE TODA A SANTA IGREJA.
18- ORAÇÃO SOBRE AS OFERENDAS - CEL.: ACOLHEI, Ó DEUS, NOSSA OFERENDA E DEIXAI AGIR VOSSA MISERICÓRDIA, PARA QUE CONSIGAMOS OS FRUTOS DO SACRAMENTO EM QUE CELEBRAMOS A PAIXÃO DO VOSSO FILHO. QUE VIVE E REINA PARA SEMPRE. - TODOS: AMÉM.
19- ORAÇÃO EUCARÍSTICA II - CEL.: O Senhor esteja convosco. - TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. - CEL.: Corações ao alto! - TODOS: NOSSO CORAÇÃO ESTÁ EM DEUS. - CEL.: Demos graças ao Senhor, nosso Deus. - TODOS: É NOSSO DEVER E NOSSA SALVAÇÃO. - CEL.: Na verdade, é justo e necessário, é nosso dever e salvação dar-vos graças, sempre e em todo o lugar, Senhor, Pai santo, Deus eterno e todo-poderoso, por Cristo, Senhor nosso. Já se aproximam os dias de sua paixão salvadora e de sua gloriosa ressurreição. Dias em que celebramos, com fervor, a vitória sobre o antigo inimigo e entramos no mistério da nossa redenção. Enquanto a multidão dos anjos e dos santos se alegra eternamente na vossa presença em humilde adoração, nós nos associamos aos seus louvores, cantando a uma só voz:

A C#m Bm

SANTO, SANTO É O SENHOR!



D E Bm E A E

TERRA E CÉUS CANTAM O SEU LOUVOR!



A Em A7 D

SANTO! PROCLAMAM SUAS CRIATURAS!



D#° A F#m Bm E A A7

HOSANA, HOSANA, HOSANA NAS ALTURAS!



D A E A

HOSANA CANTEMOS, HOSANA, LOUVEMOS, COM FILIAL TERNURA!


D A

BENDITO É O QUE VEM EM NOME DO CRIADOR!



Bm E Bm E A

BENDITO É O QUE TRAZ A PAZ EM PLENITUDE DO AMOR!



D E A

HOSANA!
CEL.: Na verdade, ó Pai, Vós sois santo e fonte de toda santidade. Santificai, pois, estas oferendas, derramando sobre elas o Vosso Espírito, a fim de que se tornem para nós o Corpo e o Sangue de Jesus Cristo, Vosso Filho e Senhor nosso.



Todos: Santificai nossa oferenda, ó Senhor!

CEL.: Estando para ser entregue e abraçando livremente a paixão, Ele tomou o pão, deu graças, e o partiu e deu a Seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E COMEI: ISTO É O MEU CORPO, QUE SERÁ ENTREGUE POR VÓS. Do mesmo modo, ao fim da ceia, Ele tomou o cálice em Suas mãos, deu graças novamente, e o deu a Seus discípulos, dizendo: TOMAI, TODOS, E BEBEI: ESTE É O CÁLICE DO MEU SANGUE, O SANGUE DA NOVA E ETERNA ALIANÇA, QUE SERÁ DERRAMADO POR VÓS E POR TODOS PARA REMISSÃO DOS PECADOS. FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM. Eis o mistério da fé.

Todos: Anunciamos, Senhor, a vossa morte e proclamamos a vossa ressurreição. Vinde, Senhor Jesus!

CEL.: Celebrando, pois, a memória da morte e ressurreição do Vosso Filho, nós Vos oferecemos, ó Pai, o pão da vida e o cálice da salvação; e Vos agradecemos porque nos tornastes dignos de estar aqui na Vossa presença e Vos servir.

Todos: Recebei, ó Senhor, a nossa oferta!

CEL.: E nós Vos suplicamos que, participando do Corpo e Sangue de Cristo, sejamos reunidos pelo Espírito Santo num só corpo.

Todos: Fazei de nós um só corpo e um só espírito!

CEL.: Lembrai-vos, ó Pai, da Vossa Igreja que se faz presente pelo mundo inteiro: que ela cresça na caridade, com o Papa N._________________, com o nosso bispo Sérgio e seus Bispos Auxiliares, e todos os ministros do Vosso povo.

Todos: Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja!

CEL.: Lembrai-vos também dos nossos irmãos e irmãs que morreram na esperança da ressurreição e de todos os que partiram desta vida: acolhei-os junto a Vós, na luz da Vossa face.

Todos: Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos!

CEL.: Enfim, nós Vos pedimos, tende piedade de todos nós e dai-nos participar da vida eterna, com a Virgem Maria, Mãe de Deus, com os santos Apóstolos e todos os que neste mundo Vos serviram, a fim de Vos louvarmos e glorificarmos por Jesus Cristo, Vosso Filho.

Todos: Concedei-nos o convívio dos eleitos!

CEL.: Por Cristo, com Cristo, em Cristo, a Vós, Deus Pai todo-poderoso, na unidade do Espírito Santo, toda a honra e toda a glória, agora e para sempre.

TODOS: Amém.

20- RITO DA COMUNHÃO
CEL.: OBEDIENTES À PALAVRA DO SENHOR E FORMADOS POR SEU DIVINO ENSINAMENTO, OUSAMOS DIZER:
TODOS: Pai nosso que estais nos céus, santificado seja o vosso nome; venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido; e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal.
CEL.: LIVRAI-NOS DE TODOS OS MALES, Ó PAI, E DAI-NOS HOJE A VOSSA PAZ. AJUDADOS PELA VOSSA MISERICÓRDIA, SEJAMOS SEMPRE LIVRES DO PECADO E PROTEGIDOS DE TODOS OS PERIGOS, ENQUANTO, VIVENDO A ESPERANÇA, AGUARDAMOS A VINDA DO CRISTO SALVADOR.
TODOS: Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre!
CEL.: SENHOR JESUS CRISTO, DISSESTES AOS VOSSOS APÓSTOLOS: EU VOS DEIXO A PAZ, EU VOS DOU A MINHA PAZ. NÃO OLHEIS OS NOSSOS PECADOS, MAS A FÉ QUE ANIMA A VOSSA IGREJA; DAI-LHE, SEGUNDO O VOSSO DESEJO, A PAZ E A UNIDADE. VÓS QUE SOIS DEUS COM O PAI E O ESPÍRITO SANTO. TODOS: AMÉM!
CEL.: A PAZ DO SENHOR ESTEJA SEMPRE CONVOSCO.
TODOS: O amor de Cristo nos uniu.
CEL.: IRMÃOS E IRMÃS, SAUDAI-VOS EM CRISTO JESUS.
CEL.: ESTA UNIÃO DO CORPO E DO SANGUE DE JESUS, O CRISTO E SENHOR NOSSO, QUE VAMOS RECEBER, NOS SIRVA PARA A VIDA ETERNA.
21- CORDEIRO

CORDEIRO DE DEUS QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO, TENDE PIEDADE DE NÓS.

CORDEIRO DE DEUS QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO, TENDE PIEDADE DE NÓS.

CORDEIRO DE DEUS QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO, DAI-NOS A PAZ.


CEL.: SENHOR JESUS CRISTO, FILHO DO DEUS VIVO, QUE, CUMPRINDO A VONTADE DO PAI E AGINDO COM O ESPÍRITO SANTO, PELA VOSSA MORTE DESTES VIDA AO MUNDO, LIVRAI-ME DOS MEUS PECADOS E DE TODO MAL; PELO VOSSO CORPO E PELO VOSSO SANGUE, DAI-ME CUMPRIR SEMPRE A VOSSA VONTADE E JAMAIS SEPARAR-ME DE VÓS.
CEL.: FELIZES OS CONVIDADOS PARA A CEIA DO SENHOR. EIS O CORDEIRO DE DEUS, QUE TIRA O PECADO DO MUNDO.
TODOS: Senhor, eu não sou digno(a) que entreis em minha morada, mas dizei uma palavra e serei salvo.
CEL.: QUE O CORPO DE CRISTO ME GUARDE PARA A VIDA ETERNA. QUE O SANGUE DE CRISTO ME GUARDE PARA A VIDA ETERNA.

22- COMUNHÃO - COM.: Jesus em sua infinita bondade, nos convida a participar de seu banquete eucarístico. Pela eucaristia nos tornamos fortes, autênticos e capazes de atitudes que agradam nosso Deus. Com muita alegria e fé, iremos ao Seu encontro, cantando!
23-CANTO DE COMUNHÃO (A)
D F#m

1. MEU SENHOR DESPOJOU-SE DE SI, SENDO DEUS,



G A D A

SE FEZ HOMEM, SE ENTREGOU E MORREU NUMA CRUZ.



D F#m

MEU SENHOR, PARA SALVAR A MIM E MEUS IRMÃOS,



G A D Am D7

SE HUMILHOU, VEIO AO MUNDO E DAS TREVAS FEZ LUZ.


G A/G F#m Bm

EU TE AMO, SOU LOUCO DE AMOR POR TI, MEU JESUS,

Em A Am D7

TU ÉS MINHA PAZ, MINHA LUZ, MEU REI E MEU BOM PASTOR!

G A/G F#m Bm

EU TE AMO, SOU LOUCO DE AMOR POR TI, MEU JESUS,

Em A D9

TU ÉS MINHA PAZ, MINHA LUZ, MEU DEUS, MEU SENHOR!
D F#m

2. MEU SENHOR, QUE TUDO CRIOU POR AMOR,



G A D A

NÃO FOI RECEBIDO PELO POVO SEU.



D F#m

LÁ NA CRUZ, PEDE AO PAI QUE PERDOE AOS CRUÉIS,



G A D Am D7

QUE NÃO SABEM QUE MATAM O FILHO DE DEUS


D F#m

3. MEU SENHOR CUMPRIU A PROMESSA, NOS DEU



G A D A

O ESPÍRITO SANTO DA PARTE DE DEUS.



D F#m

FOI À CASA DO PAI PREPARAR-NOS LUGAR,



G A D Am D7

PRA LEVAR-NOS CONSIGO AO REINO DOS CÉUS.


24- ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO - CEL.: OREMOS: (Pausa) Ó DEUS TODO-PODEROSO, PELA MORTE DO VOSSO FILHO, PROCLAMADA EM CADA EUCARISTIA, CONCEDEI-NOS CRER PROFUNDAMENTE QUE NOS DESTES A VIDA ETERNA. POR CRISTO NOSSO SENHOR. - TODOS: AMÉM.
RITOS FINAIS
25. BÊNÇÃO FINAL - CEL.: O Senhor esteja convosco. - TODOS: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. - CEL.: Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai e Filho e Espírito Santo. - TODOS: AMÉM. - CEL.: Ide em paz, e o Senhor vos acompanhe, - TODOS: GRAÇAS A DEUS!

26. CANTO FINAL
Gm Cm

1. SEI QUE PERGUNTAS, JUVENTUDE, DE ONDE VEIO



D Gm

TEU BELO JEITO SEMPRE NOVO E VERDADEIRO.



Cm Gm

EU FIZ BROTAR EM TI DESDE O MATERNO SEIO



A D7 G

ESSA VONTADE DE MUDAR O MUNDO INTEIRO.


G C D7 G

ESTOU AQUI, MEU SENHOR, SOU JOVEM, SOU TEU POVO!

C

EU TENHO FOME DE JUSTIÇA E DE AMOR,

Am D G

QUERO AJUDAR A CONSTRUIR UM MUNDO NOVO.

C D G

ESTOU AQUI, MEU SENHOR, SOU JOVEM, SOU TEU POVO!

C

PARA FORMAR A REDE DA FRATERNIDADE,

Am D7 G

E UM NOVO CÉU, UMA NOVA TERRA, A TUA VONTADE.

Em C D7 G

EIS-ME AQUI, ENVIA-ME SENHOR! (2X)
Gm Cm

2. LEVEM A TODOS MEU CHAMADO À LIBERDADE



D Gm

ONDE A GANÂNCIA GERA IRMÃOS ESCRAVIZADOS.



Cm Gm

QUERO A MENSAGEM QUE HUMANIZA A SOCIEDADE



A D7 G

FALADA ÀS CLARAS, PUBLICADA NOS TELHADOS.


Gm Cm

3. PARA SALVAR A QUEM PERDEU A ESPERANÇA



D Gm

SEREI A FORÇA, PLENA LUZ A TE GUIAR.



Cm Gm

POR TUA VOZ EU FALAREI, TEM CONFIANÇA,



A D7 G

NÃO TENHAS MEDO, NOVO REINO A CHEGAR!


MISSA VESPERTINA DA CEIA DO SENHOR

INTRODUÇÃO - COM.: A Igreja celebra com fervor a Nova Aliança selada no Corpo e Sangue de Cristo. Jesus esvazia-se plenamente entregando sua vida inteira pela nossa salvação. Ensina-nos a viver do jeito que ele viveu: a vida em constante oblação. Com sua profunda humildade ao lavar os pés dos discípulos, rompem-se as barreiras de raça e cultura, de povos e nações, pois é gesto profundamente humano e divino. A vida que Cristo nos doou por amor e por serviço ensina-nos a amar, defender e respeitar a sacralidade da vida. Iniciemos o Tríduo Pascal com amor e fé, cantando!


Baixar 1.59 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9




©bemvin.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
CÂmara municipal
ensino fundamental
ensino médio
concurso público
catarina município
Dispõe sobre
reunião ordinária
Serviço público
câmara municipal
público federal
Processo seletivo
processo licitatório
educaçÃo universidade
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
ensino superior
Relatório técnico
Universidade estadual
Conselho municipal
técnico científico
direitos humanos
científico período
espírito santo
pregão eletrônico
Curriculum vitae
Sequência didática
Quarta feira
prefeito municipal
distrito federal
conselho municipal
língua portuguesa
nossa senhora
educaçÃo secretaria
segunda feira
Pregão presencial
recursos humanos
Terça feira
educaçÃO ciência
agricultura familiar