Nome: filosofia política característica: Obrigatória Período: 3º Carga Horária semestral: 60 horas Ementa



Baixar 48.22 Kb.
Encontro28.10.2017
Tamanho48.22 Kb.
#36936





Nome: FILOSOFIA POLÍTICA

Característica: Obrigatória

Período:

Carga Horária semestral: 60 horas
Ementa

O curso enfrenta alguns dos principais temas que se confrontam com continuidade à histórica do pensamento e da ação política, tais como o relacionamento entre política e o sacro, o social, a ética, o conflito, a autoridade e o poder. Na primeira parte são examinados criticamente os conceitos fundativos do pensamento político ocidental, estudados no contexto histórico no qual surgem, privilegiando o estudo dos textos originais dos autores. Tais conceitos vêm seguidos nas etapas principais da própria história até considerar o modo com o qual são apresentados aos nossos dias. Na segunda parte, estuda-se os princípios políticos do “projeto moderno” que se desenvolve paralelamente ao abrir de um horizonte maior que o europeu. Nas revoluções políticas do século XVIII são encontrados os gérmens das ideias que se desenvolverão nos movimentos políticos dos dois séculos sucessivos, esses surgem no contexto espacial – geográfico e cultural – do Atlântico, em uma interação entre Europa, América e África. Particular atenção é dada aos princípios de liberdade, igualdade e fraternidade, enquanto princípios emergentes que interpretam a dimensão política. O curso busca assim contribuir a repensar a ideia de política, através de um trabalho crítico de compreensão e reinterpretação dos seus fundamentos.





  • Bibliografia básica

ARENDT, Hannah. Verdade e Política. Lisboa: Relogio d’Agua, 1998 [trechos escolhidos].

ARISTOTELES. Ética a Nicomaco. São Paulo: Atlas Editora, 2009, Livros I, VIII.
ARISTOTELES, Política. São Paulo: Editora Icone, 2007, Livro I.
AGOSTINHO, A Cidade de Deus - Parte II. Petrópolis: Vozes de Bolso, 2012, Cap. XIV, XV, XVIII.

BAGGIO, Antonio M. Trinità e politica. Riflessione su alcune categorie politiche alla luce della rivelazione trinitaria, em “Nuova Umanità”, XIX (1997/6) 114, pp. 727-797.
BAGGIO, Antonio M., A idéia de fraternidade em duas Revoluções: Paris 1789 e Haiti 1791, em O princípio esquecido/1. A fraternidade na reflexão actual das ciências políticas. São Paulo: Cidade Nova, 2008, pp. 25-55.
COSTA LIMA, Alexandre J., A dialética da fraternidade, da dignidade e do pluralismo. In BAGGIO Antonio M. (Org.), O princípio esquecido/2. Exigências, recursos e definições da fraternidade na política. São Paulo: Cidade Nova, 2009, pp. 65-83.
GUARDINI, Romano. El Poder. Madrid (Espanha): Ediciones Cristiandad, 1991 [trechos escolhidos].

IGHINA, Domingo. “Unidos ou dominados”. Sobre uma leitura da fraternidade em função latino-americana. In BAGGIO Antonio M. (Org.), O princípio esquecido/2. Exigências, recursos e definições da fraternidade na política. São Paulo: Cidade Nova, 2009, pp. 33-42.
MAQUIAVEL, Nicolau. O Principe. São Paulo: Editora Hedra, 2007, Cap. I, II, XVIII.
MAQUIAVEL, Nicolau. Discursos Sobre a Primeira Década de Tito Lívio, São Paulo: Martins Fontes, 2007, Cap. I, II, IV, V, IX, X.
MARITAIN, Jacques. O Homem e o Estado. São Paulo: Agir, 1966. [trechos escolhidos].

MARX, Karl. Teses sobre Feuerbach, em Obras de Karl Marx. São Paulo: Centaur, 2014.


TOMAS DE AQUINO, Suma Teologica, Ia IIae, q. 90, a.3; Ia IIae, q. 91, a. 2, 3; IIa IIae, q. 57, a. 2. Loyola, 2009.
POPPER, Carl. Sociedade aberta e os seus inimigos I. O Sortílegio de Platão. São Paulo: Ediçoes 70, 2012 e IDEM, Sociedade aberta e os seus inimigos II. Hegel e Marx. São Paulo: Ediçoes 70, 2013 [trechos escolhidos].

TOSI, Giuseppe. A fraternidade é uma categoria política? In BAGGIO Antonio M. (Org.), O princípio esquecido/2. Exigências, recursos e definições da fraternidade na política. São Paulo: Cidade Nova, 2009, pp. 43-64.
WEBER, Max. A Política como Profissão. Lisboa: Edições Universitárias Lusófonas, 2000 [trechos escolhidos].

BAGGIO, Antonio M. Toussaint Louverture et l’existence politique du Peuple Noir, in Toussaint Louverture, Lettres à la France (1794-1798). Idées pour la libération du Peuple Noir d’Haïti. Introduction et appareil critique d’Antonio Maria Baggio et Ricardo Augustin. Paris: Nouvelle Cité, 2011, pp. 11-141.


KYMLICKA, Will. Filosofia política contemporânea. São Paulo: Martins Editora, 2006.
REALE, G.; ANTISERI, D. História da filosofia, I-VII. São Paulo: Paulus, 1990-2006



Baixar 48.22 Kb.

Compartilhe com seus amigos:




©bemvin.org 2022
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
CÂmara municipal
ensino médio
ensino fundamental
concurso público
catarina município
Serviço público
Dispõe sobre
reunião ordinária
câmara municipal
público federal
processo licitatório
Processo seletivo
educaçÃo universidade
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
Universidade estadual
ensino superior
Relatório técnico
técnico científico
Conselho municipal
direitos humanos
Curriculum vitae
científico período
espírito santo
língua portuguesa
Sequência didática
pregão eletrônico
distrito federal
Quarta feira
conselho municipal
prefeito municipal
educaçÃo secretaria
nossa senhora
segunda feira
Pregão presencial
educaçÃO ciência
Terça feira
agricultura familiar
educaçÃo profissional