Licenciamento ambiental para piscicultura


ESCOLHA DO LOCAL PARA A IMPLANTAÇÃO DE VIVEIROS



Baixar 3.27 Mb.
Página11/14
Encontro31.10.2016
Tamanho3.27 Mb.
1   ...   6   7   8   9   10   11   12   13   14


ESCOLHA DO LOCAL PARA A IMPLANTAÇÃO DE VIVEIROS



CLIMA

Temperatura, pluviosidade, ventos  escolha da sp a ser cultivada ( variações diárias e sazonais)


ÁGUA

Aspectos quantitativos



  • Ser perene e sob controle do proprietário

  • Compensar perdas por evaporação (100 a 200 m e percolação (5 % de renovação/ dia)

  • Na prática 10 a 15 l / s / ha de área alagada ( 600 l / min / ha)  dimensionar a área a ser inundada  tamanho do empreendimento

  • Realizar as medições no período da estiagem.

V = C : T x P x L

Onde: V = vazão estimada

C = comprimento do riacho demarcado

L = largura média do trecho demarcado

P = profundidade média do trecho demarcado

T = tempo que o flutuador leva para percorrer o trecho (em seg.)

Aspectos qualitativos



  • natureza do suprimento da água - mina, represa, córrego, rio (água deve chegar ao tanque por gravidade)

  • ideal usar água com nascente na propriedade

  • avaliar as características físicas e químicas


SOLO E TOPOGRAFIA


  • solos mistos, areno-argilosos = barrentos (areia, limo, e argila)  favoresce a escavação e compactação; arenosos  infiltração, lixiviação, assoreamento; argilosos  racham facilmente com a seca, dificulta escavação; terras turfosas   humus (ác. úmico - cor chá); pedregosos ou rasos  difícil escavação

  • características físico químicas do solo

  • regiões montanhosas e planas devem ser evitadas

  • ideal com declividade de 2 a 3 % ( a cada 100 m de lançante, a altura deverá cair de 2 a 3 m)

  • construir a represa de preferência em vale tipo V aberto (ribeirões e rios devem ser evitados  construção de diques, barragens e canais  custo)

  • fazer curvas de nível


ESCOLHA DO LOCAL PARA A IMPLANTAÇÃO DE TANQUES REDE

Locais situados próximos às culturas agrícolas, cidades e de indústrias, não são indicados para a prática de criação em tanques-rede, pois as águas desses ambientes podem estar contaminadas com efluentes contendo resíduos de defensivos agrícolas, esgotos domésticos e industriais, que prejudicam o desenvolvimento dos peixes e, por conseguinte, o sucesso do empreendimento.

Áreas próximas à captação de água para abastecimento público, locais onde haja navegação e vizinhanças de clubes recreativos não são favoráveis à implantação de tanques-rede.

É importante também que não haja corredores de ventos e correntes fortes de água, pois podem causar o rompimento das estruturas de fixação dos tanques-rede, sendo desejado um local que proporcione ambiente calmo aos peixes.

Alguns cuidados devem ser tomados quanto à proteção ambiental no local de instalação. É interessante a existência de proteção natural em torno do reservatório para evitar erosão das margens e assoreamento no período de chuvas, o que implicaria em aumento das partículas sólidas no ambiente de criação e assim prejuízo para a qualidade da água. Desta forma, a manutenção das matas ciliares representa estratégia primordial para proteção ambiental dos cursos d’água.

Em todo o caso, antes de se iniciar a implantação do empreendimento é necessária a realização da análise da água do local a ser utilizado, para se evitar contratempos.

O processo decisório para a implantação do projeto depende ainda da facilidade do acesso aos tanques-rede, pois são necessários barcos/canoas, passarelas ou balsas para locomoção e chegada dos insumos ao local. As distâncias não devem ser muito longas, de maneira a baratear o custo do frete, reduzindo assim o custo de produção.

Devem-se considerar, também, aspectos de segurança, uma vez que os peixes ali confinados são presas fáceis para roubos ou furtos.

O acesso até as instalações para armazenamento de insumos como, por exemplo, a ração, deve possuir estradas em adequado estado de conservação, de maneira a não acarretar custos adicionais de frete, nem com manutenção e reparo dos veículos.
PROFUNDIDADE E VELOCIDADE DA ÁGUA
Ambientes lênticos, como reservatórios, representam lugares potencialmente aptos para se instalar o empreendimento, especialmente quando possuem boa taxa de circulação de água.

Além da constante renovação de água, recomenda-se que o local tenha uma profundidade de pelo menos uma vez a altura do tanque rede entre a parte inferior (fundo do tanque-rede) até o fundo do reservatório, ou seja, tanques-rede de 2 metros de altura, o local deve ter pelo menos 4 metros de profundidade na sua cota mínima.

Em ambientes lênticos, é comum a ocorrência da estratificação térmica e química, ou seja, temperatura, oxigênio, gases e compostos orgânicos e inorgânicos presentes na água podem apresentar distribuição heterogênea na coluna d’água. O fenômeno da desestratificação da coluna d’ água caracteriza-se quando ocorre queda na temperatura do ar, resfria-se a camada superficial da massa d’água tornando-a mais densa, favorecendo a mistura das diversas camadas d’água.

Tal mistura faz com que gases nocivos como o gás sulfídrico, amônia (geralmente em alta concentração), CO2 e metano, que se concentram na parte inferior do reservatório, circulem em toda coluna d’água, ocasionando

assim, mortandade dos peixes. Esse fenômeno se verifica, especialmente, em corpos hídricos com grande volume de matéria orgânica em decomposição.

Em locais com pouca circulação hídrica, haverá pouca renovação da água nos tanques-rede, diminuindo a circulação do oxigênio dissolvido na coluna d’água. O comportamento dos peixes será um indicador do estado da água. Assim, poderá ocorrer diminuição do apetite e boquejamento na superfície, onde o uso de aeradores será necessário para superar tais dificuldades.


DINÂMICA (CORRENTES, VENTOS E ONDAS)
Os tanques-rede exercem naturalmente resistência às correntes de água e, quanto maior for a intensidade das correntes atuantes, mais resistente deverá ser a estrutura de criação e sua ancoragem. Diante deste fato, é conveniente identificar locais “calmos” no corpo hídrico, como pequenas reentrâncias e enseadas, para diminuir os riscos de danos às estruturas de criação.

Existem métodos mais acurados para determinar correntes em ambientes aquáticos, com o uso de equipamentos apropriados como correntógrafos e medidores de vazão, entretanto, uma “dica” dada pelo ambiente em relação à dinâmica de um determinado local é a granulometria do sedimento no fundo naquele local, além do conhecimento natural dos moradores e da observação visual continuada.

Coletando-se uma amostra do fundo do reservatório onde se pretende instalar os tanques-rede, com uma draga ou equipamento similar, pode-se observar a existência de grãos finos (lama), a grãos grossos (rochas, pedregulhos), o que mostra, indiretamente, a dinâmica naquele local. O sedimento rico em grãos finos indica um local de baixa dinâmica.

Deve ser previamente avaliado o regime de ondas incidentes no local onde se pretende implantar o empreendimento, evitando-se aquelas regiões onde ocorram grandes ondas. Assim, verifica-se que o regime de ondas é diretamente influenciado pelo regime de ventos ocorrentes na região.

É importante salientar que os ambientes protegidos e de baixa dinâmica, se por um lado são interessantes por apresentarem menor desgaste às estruturas de criação, por outro, são mais facilmente suscetíveis a problemas com a qualidade da água.
DISTÂNCIA E POSICIONAMENTO DOS TANQUES-REDE
Para que se tenha uma boa renovação de água nos tanques rede, é necessário que a corrente de água passe de maneira perpendicular às instalações. Sendo assim, a posição dos tanques-rede nos reservatórios vai depender do movimento das correntes de água.

É importante que a água de um tanque-rede não passe para um próximo, devido à consequente redução de sua qualidade, pelo carreamento dos detritos e queda do oxigênio dissolvido.

Geralmente os tanques-rede são posicionados em linhas, podendo ser em uma única linha ou mais de uma. Quando for posicionar mais de uma linha, sugere-se manter uma distância de 10 a 20 metros entre linhas.

A distância recomendada entre os tanques-rede é de uma a duas vezes o seu comprimento, por exemplo, se o tanque-rede medir 2 metros de comprimento, a distância será de 2 a 4 metros entre os demais.



É demonstrado nas figuras a seguir o posicionamento de tanques rede em linha(s).

Tanques-rede em linha simples Tanques-rede em quatro linhas



Catálogo: intra -> wp-content -> uploads -> downloads -> 2013

Baixar 3.27 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   6   7   8   9   10   11   12   13   14




©bemvin.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
CÂmara municipal
ensino fundamental
ensino médio
concurso público
catarina município
Dispõe sobre
reunião ordinária
Serviço público
câmara municipal
público federal
Processo seletivo
processo licitatório
educaçÃo universidade
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
ensino superior
Relatório técnico
Universidade estadual
Conselho municipal
técnico científico
direitos humanos
científico período
espírito santo
pregão eletrônico
Curriculum vitae
Sequência didática
Quarta feira
prefeito municipal
distrito federal
conselho municipal
língua portuguesa
nossa senhora
educaçÃo secretaria
segunda feira
Pregão presencial
recursos humanos
Terça feira
educaçÃO ciência
agricultura familiar