Indústria nuclear



Baixar 82.24 Kb.
Encontro01.08.2022
Tamanho82.24 Kb.
#145684
Relatório

Cabeçalho: TÍTULO DO SEU ARTIGO

Processos Químicos Industriais
INDÚSTRIA NUCLEAR

Rayanne Cristina Ribeiro


Serviço Nacional de Aprendizagem - SENAI
Introdução
A Indústria Nuclear consiste em instalações que produzem energia liberada em uma reação nuclear.

História Breve


O processo físico denominado fissão nuclear, fundamental para geração de energia nuclear, foi observada pela primeira vez em 1938 e em fevereiro de 1939 a física Lise Meitner descreveu como executá-la. Esse processo é uma reação exotérmica que libera energia e ocorre em usinas nucleares (de maneira controlada) e em bombas atômicas (reação em cadeia). Atualmente a fissão nuclear do Urânio é usada em centenas de usinas nucleares pelo mundo.

Quantidade produzida anualmente


Segundo dados publicados em maio de 2019 pela Associação Nuclear Mundial, existem 447 reatores nucleares em operação pelo mundo em 30 países, com capacidade de 398,154 MWe.
De acordo com o relatório publicado pela Agência Internacional de Energia (IEA) em 2018 10,7% da produção de energia elétrica mundial era proveniente de reatores nucleares.

Reação química


Existem mais de 1000 possíveis fissões de Urânio-235, como a seguinte:

Insumos
Como matéria-prima desse processo temos o Urânio e seus isótopos. Já como fatores de produção temos: capital, reator, equipamentos, estrutura rígida, água e mão de obra nas centrais de controle e manutenção.


Sub-produtos e resíduos
Radiação gama, alguns nêutrons e resíduos de elementos químicos sem propósito prático. Rejeitos radioativos como Criptônio, plutônio, estrôncio, césio, iodo e etc são colocados em recipientes especiais e armazenados em locais com revestimento de concreto, devendo permanecer por um longo tempo que pode variar de 50 a 300 anos, tempo para radiação desaparecer e não oferecer mais riscos.

Processo
Processo de obtenção de energia por meio de fissão nuclear de acordo com a usina de Angra dos Reis:


Circuito primário:No reator tem barras onde se encontra o Urânio e água que aquece à 320°C mas não vira vapor graças ao pressurizador que mantém uma pressão alta fazendo com que a água circule e chegue até o gerador de vapor (circuito secundário)onde passa por canos, troca calor com a água do circuito secundário, mas que não entra em contato com a do sistema primário, e volta para o reator.
A água do sistema secundário entra no gerador de vapor no estado líquido onde troca de calor com a água vinda do reator e vai até a turbina que gira e leva energia até o gerador elétrico. Após girar a turbina a água é levada até um condensador que utiliza água do mar, que não entra em contato com a água contaminada, para esfriar e virar líquido e volta para o processo.
Fluxograma do processo



Referências
https://pt.wikipedia.org/wiki/Energia_nuclear#Hist%C3%B3ria_da_energia_nuclear
https://www.eletronuclear.gov.br/Sociedade-e-Meio-Ambiente/Espaco-do-Conhecimento/Paginas/Energia-nuclear-no-mundo.aspx
https://brasilescola.uol.com.br/quimica/lixo-nuclear-perigo.htm
https://www.youtube.com/watch?v=ZsR-2zkEwCM
Baixar 82.24 Kb.

Compartilhe com seus amigos:




©bemvin.org 2022
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
CÂmara municipal
ensino médio
ensino fundamental
concurso público
catarina município
Serviço público
Dispõe sobre
reunião ordinária
câmara municipal
público federal
processo licitatório
Processo seletivo
educaçÃo universidade
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
ensino superior
Universidade estadual
Relatório técnico
técnico científico
Conselho municipal
direitos humanos
Curriculum vitae
científico período
espírito santo
língua portuguesa
pregão eletrônico
Sequência didática
distrito federal
Quarta feira
conselho municipal
prefeito municipal
educaçÃo secretaria
nossa senhora
segunda feira
Pregão presencial
educaçÃO ciência
Terça feira
agricultura familiar
recursos humanos