Disciplina: novos modelos de empresas



Baixar 127.76 Kb.
Encontro24.12.2016
Tamanho127.76 Kb.
#4005




CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO PARA GRADUADOS - CEAG

DISCIPLINA: NOVOS MODELOS DE EMPRESAS

PROFESSOR ONÓFRIO NOTARNICOLA FILHO
INDÚSTRIA DO ENTRETENIMENTO

TV GLOBO

Caio Souza

Lia Jardini

Lucila Turqueto

Maria Beatriz Lorena de Mello Grella Vieira

Marina Auler

Marina Torrens

Dezembro / 2010

SUMÁRIO

Pág.
1. Análise do arranjo organizacional.................................................................................00


2. Análise do ambiente setorial.........................................................................................00
3. Análise da estratégia do negócio...................................................................................00
4. Análise da operação do negócio....................................................................................00
5. Oportunidades de novos modelos organizacionais......................................................00

1. ANÁLISE DO ARRANJO ORGANIZACIONAL


1.1. Cronologia das Organizações Globo
As Organizações Globo iniciaram seus trabalhos em 1911 com a fundação por Irineu Marinho do jornal “A Noite”, que circulou pela primeira vez em 18 de agosto de referido ano.
Em 20/05/1925 Irineu Marinho deixou o jornal “A Noite” e, em junho deste mesmo ano, ele fundou o jornal “O Globo”.
Em junho de 1937, a marca Globo apareceu pela primeira vez em uma revista, com o lançamento da revista “O Globo Juvenil”.
Dois anos depois, mais duas revistas foram lançadas: A revista em quadrinhos “O Gibi” e a revista “Rio”.
Em 02/12/1944 foi inaugurada a Rádio Globo.
Treze anos mais tarde, em 1957, foi fundada a “Rio Gráfica Editora”, comandada por Roberto Marinho e que, em 1986, passou a se chamar “Editora Globo”.
Em 1960 as Organizações Globo fundaram a Indústria Brasileira de Alimentos S/A (Inbasa).
Em 26/04/1965 foi inaugurada a TV Globo, no Rio de Janeiro. Um mês depois foi inaugurada sua sucursal em São Paulo, por meio da aquisição da antiga TV Paulista da Organização Victor Costa.
Em 05/02/1968, a TV Globo inaugurou em Belo Horizonte a TV Globo Minas, sua segunda sucursal, adquirida do grupo J. B. do Amaral.
Em 1969 foi fundada a Sigla: Sistema Globo de Gravações Audiovisuais. Após dois anos, em 1971, a Sigla criou o selo Som Livre, cujo primeiro produto foi a trilha sonora da novela O Cafona.
No dia 01/09/1969, a Rede Globo de Televisão teve início efetivamente, com operação regular via Embratel (o primeiro programa transmitido em rede nacional foi o Jornal Nacional).
Em 21/04/1971, a TV Globo inaugurou sua terceira sucursal, em Brasília. No ano seguinte ela inaugurou sua quarta sucursal, na cidade de Recife.
A partir de 1974 começou a ser usado o nome Sistema Globo de Rádio para se referir às empresas de rádio do grupo Globo.
Em novembro de 1977, foi criada a Fundação Roberto Marinho, entidade privada sem fins lucrativos, que tem por objetivo desenvolver ações nas áreas de educação, patrimônio e ecologia. Em dezembro deste mesmo ano, foi inaugurado o Sistema Globo de Tecnologia Educacional Ltda. (Globotec), empresa especializada na produção e comercialização de programas educacionais e comerciais. A partir de 1981 sua denominação mudou para Globotec – Produção e Tecnologia de Videotapes Comerciais Ltda. Em 1989, ela se desvinculou das Organizações Globo e passou a atuar como produtora independente.
Em 15/05/1981, foi inaugurado o Sistema Globo de Videocomunicação Ltda. (Globovídeo), que assumiu o trabalho de distribuição de vídeo desenvolvido pela Globotec, a qual passou a se dedicar exclusivamente à produção. Em agosto de 1988, a Globovideo deixou de existir como empresa independente e foi incorporada a outros núcleos das Organizações Globo.
Em 21/07/1983, a Sigla e a empresa fonográfica Retre Quattro firmaram um acordo para criar a sigla Quattro, que passou a lançar discos brasileiros.
Em outubro de 1985 foi criada a Victori Comunicações (Vicom), empresa prestadora de serviços de telecomunicações pertencentes às Organizações Globo em sociedade com a italiana Stet, o Bradesco e a Victori Internacional. Em julho de 1995, a Vicom criou a empresa Teletrim, de serviços de comunicação móvel através de aparelhos pagers. Em fevereiro de 2000, a Globocabo comprou 100% das ações da Vicom, empresa que possui mais de três mil estações de telecomunicações por satélite instaladas no Brasil. Em setembro de 2004, as Organizações Globo anunciaram a venda da Vicom para a norte–americana Comsat.
Neste mesmo ano as Organizações Globo, em sociedade com a italiana Rai, adquiriram a TV Internazionale, dona dos direitos de transmissão em italiano da Telemontecarlo, no Principado de Mônaco. Em 1994, a Globopar vendeu as suas ações da cadeia Telemontecarlo para o grupo italiano Ferruzzi, que passou a controlar totalmente a empresa.
No ano de 1989: (i) a Editora Globo comprou a revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios; (ii) a Editora Globo investiu cerca de US$ 10 milhões no lançamento de novas publicações como as revistas Destino e Querida, e no relançamento da revista Criativa; e (iii) as Organizações Globo, em associação com o Arab Banking Corporation, criaram o Banco ABC Roma.
Em 1990 foi criada a Netcom, uma indústria de telefonia, e a Roma Seguradora (esta última, em parceria com a Golden Cross e o Moinho Santista). Em 13 de dezembro de 2005, as Organizações Globo anunciaram a venda da Roma Seguradora para o Grupo MAPFRE. 
No ano de 1991: (i) a holding COMAR Produções Empreendimentos e Participações passou a se chamar GLOBOPAR – Globo Comunicação e Participações; (ii) a Editora Globo lançou, no Brasil, a revista feminina Marie Claire; (iii) foi inaugurada a Globo Cochrane, resultado da sociedade da Globopar com o grupo chileno Cochrane (investimentos de cerca de US$ 20 milhões na instalação da gráfica, com cerca de 7 mil m2, em Vinhedo, interior de São Paulo); (iv) entrou no ar a Rádio CBN, primeira emissora de rádio a transmitir 24 horas de jornalismo; (v) inauguração da Globosat, com seus quatro primeiros canais de TV por assinatura: GNT (jornalismo), Multishow (variedades), Sportv (esportes) e Telecine (filmes) – com transmissão via satélite, sistema DBS; e (vi) Antônio Dias Leite fundou a Multicanal Telecomunicações, de que as Organizações Globo possuem 33,3% das ações - Em 5 de outubro de 1997, a Globopar comprou as ações da Multicanal pertencentes a Antônio Dias Leite Neto, passando a ter o controle acionário da empresa.
Em outubro de 1992, foi inaugurada a Sociedade Independente de Comunicação (SIC), primeiro canal de televisão privado de Portugal, do qual as Organizações Globo detinham, naquele momento, 15% de participação. Em novembro de 2003, as Organizações Globo venderam a sua participação de 15% na cadeia de televisão portuguesa SIC para o Banco Português do Investimento (BPI).
Em 1993, foi criada a primeira multi-operadora do país, a Net Brasil (futuramente Globocabo), que passou a fornecer TV por assinatura via cabo, DBS e outros sistemas de transmissão.
Em 02/10/1995, foi inaugurada a nova sede da Central Globo de Produção, o Projac, complexo de estúdios e produção da Rede Globo, em Jacarepaguá.
Neste mesmo ano, a Globopar e o grupo News Corporation (liderado pelo empresário Rupert Murdoch) se associaram e constituíram duas empresas: uma voltada exclusivamente para o mercado brasileiro, controlada pela Globo, e outra para os demais países da América Latina, controlada pela News Corporation, com o intuito de explorar um novo filão de negócios do mercado de TV por assinatura, o Direct Home TV.
O ano de 1995 também foi marcante para as Organizações Globo em virtude da decisão de reanalisar a estratégia do grupo. As Organizações Globo reviram sua estratégia de diversificação e decidiram concentrar seus negócios em comunicação e entretenimento. Seguindo essa lógica, venderam a Inbasa.
Em 1996, as Organizações Globo lançaram a TV por assinatura SKY, o canal GloboNews e o site Globo Online.
Em 22/09/1997, estreou o Futura, primeiro canal privado dedicado à educação, com 24 horas de programação diária. O canal é mantido por 14 grupos empresariais e gerenciado pela Fundação Roberto Marinho.
Em 1998, foram lançados o jornal Extra, a revista Época e a Globo Filmes (produtora de cinema das Organizações Globo).
Neste mesmo ano, ainda, houve uma nova reorganização e as Organizações Globo passaram por uma reformulação geral. Houve a implantação de uma nova estrutura baseada em unidades de negócios. Roberto Marinho e seus filhos – Roberto Irineu, João Roberto e José Roberto – abandonaram suas funções executivas e formaram um Conselho de Gestão, dedicado unicamente à definição de estratégias para as empresas. Foram organizados quatro núcleos de negócios (Televisão e Entretenimento, Mídia Impressa e Rádios, Telecomunicações e Distribuição e Globopar), cujo comando foi entregue a diretores-gerais.
Em 1999: (i) foi inaugurado o novo parque gráfico do jornal O Globo; (ii) a Globocabo vendeu 11% do seu capital para a Microsoft, a qual investiu cerca de US$ 126 milhões no negócio, que envolve acordos para o desenvolvimento de produtos e exploração conjunta de serviços pela internet; e (iii) entrou no ar a TV Globo Internacional, primeiro canal brasileiro transmitido 24 horas por dia no exterior.
No ano 2000: (i) foi lançado o portal das Organizações Globo na internet, Globo.com – Em 2006 a Globo.com lança o G1, seu novo portal de notícias, por meio do qual o público tem acesso, em um só endereço, ao conteúdo de jornalismo da TV Globo, da Globo News, das rádios Globo e CBN, dos jornais O Globo e Diário de São Paulo, das revistas Época e Globo Rural, entre outras; (ii) entrou em circulação o jornal Valor Econômico, criado pela Infoglobo e pelo Grupo Folha, que dividem igualmente seu controle acionário; (iii) a Telecom Itália adquiriu 30% do portal Globo.com, realizando o maior negócio, até então, no segmento de internet na América Latina; (iv) foi criada a Globo Marcas, que passou a se responsabilizar pelo licenciamento de todas as marcas da TV Globo; (v) as Organizações Globo e o Grupo Estado se unem para comprar o portal Planetaimovel.com, então considerado o mais importante do setor imobiliário, com cerca de 100 mil anúncios de imóveis para venda e locação no Rio de Janeiro e em São Paulo; (vi) a Editora Globo lançou a revista Quem Acontece, uma publicação semanal enfocada na vida de celebridades; e (vii) a Globosat adquiriu 25% das ações do canal ESPN, especializado em esportes - Até então, o canal era distribuído somente pela TVA e pela DirecTV e, a partir de novembro de 2000, passou a ser distribuído também pelas operadoras NET e Sky.
Em 2001, a Infoglobo comprou o jornal paulistano Diário Popular, que pertencia ao ex–governador de São Paulo Orestes Quércia. No dia 23/09/2001, o jornal Diário Popular, adquirido pela Infoglobo em abril, foi reformado e passou a se chamar Diário de S. Paulo.
Neste mesmo ano, a TV Globo e a Telemundo (emissora porto–riquenha comprada pela rede norte-americana NBC em 2001) assinaram um contrato de cindo anos que prevê a produção de telenovelas em espanhol (a primeira novela da TV Globo adaptada para o mercado hispânico dos Estados Unidos é Vale Tudo, de 1988). Em setembro de 2001, foi lançado o portal Globonews.com, especializado em notícias. Este portal reúne o conteúdo dos jornais O Globo, Extra e Diário de S. Paulo, do Sistema Globo de Rádio, da Editora Globo, além de todo o telejornalismo da TV Globo e da GloboNews.
No dia 06/08/2003, morreu o jornalista e empresário Roberto Marinho. Roberto Irineu Marinho passou a ocupar o cargo de presidente das Organizações Globo. João Roberto Marinho continua ocupando a vice–presidência de Relações Institucionais, presidindo o Conselho Editorial das Organizações Globo, e José Roberto Marinho prossegue como vice–presidente de Responsabilidade Social, liderando projetos de ação comunitária e a Fundação Roberto Marinho.
Em 2005 a TV Globo anunciou um acordo de distribuição de programação com a Buena Vista Internacional, divisão de distribuição da Walt Disney Televisão Internacional, por meio do qual a Globo detém direitos exclusivos de exibição no Brasil de um variado pacote de atrações da Disney. Neste ano também ocorreu a parceria entre as Organizações Globo e o grupo mexicano Telmex.
Em 15/10/2009, a Infoglobo Comunicação e Participações – empresa das Organizações Globo que controla os jornais O Globo, Extra e Expresso – anunciou a venda dos ativos da marca Diário de S. Paulo para o grupo Traffic, do empresário José Hawilla.
Neste ano de 2010, a TV Globo e a emissora portuguesa SIC anunciaram uma parceria para a co-produção de dramaturgia em Portugal. O acordo inicial prevê a produção de duas novelas, sendo a primeira Laços de Sangue, com supervisão de Aguinaldo Silva, e o envolvimento das duas empresas em todas as etapas de criação e produção. Além do acordo de produção com a SIC, a TV Globo possui parcerias semelhantes com a Telemundo, que exibe a novela El Clon nos EUA e no México; e com a TV Azteca, para a exibição da novela Louco Amor, no México.
Ainda em 2010, no mês de setembro, a TV Globo anunciou o lançamento de sua primeira experiência multimídia com conteúdo em várias plataformas simultâneas. Coração Centenário foi uma iniciativa da Central Globo de Esporte, que usou as comemorações pelo centenário do Corinthians como tema para desenvolver o primeiro aplicativo da emissora para tablets, como o iPad. O produto em formato multimídia conta com experiências simultâneas de vídeo, áudio, texto, gráficos interativos, fotos, podcasts e games. Com produção do repórter Guilherme Roseguini, do Esporte Espetacular, coordenação de Emanuel Castro e direção de João Pedro Paes Leme, Coração Centenário permite ao usuário navegar pelas décadas de história do Timão, conhecendo torcedores, gols, curiosidades e craques do Alvinegro. O torcedor pode optar por acompanhar esses conteúdos na home do globoesporte.com ou baixando gratuitamente o aplicativo para iPad e iPhone na Apple Store.
1.2. História da TV Globo
Em 05/01/1951, a Rádio Globo encaminhou ao presidente Eurico Gaspar Dutra pedido de concessão de um canal de televisão. Quatro dias depois, em 09 de janeiro, a Comissão Técnica de Rádio emitiu parecer favorável à concessão.
Em 13/03/1951, já sob a chefia de Getúlio Vargas, que tomara posse como presidente do Brasil em 31 de janeiro de 1951, o governo aprovou o requerimento para a concessão de um canal de TV para a Rádio Globo. Dois anos depois, entretanto, o presidente da República voltaria atrás, e o requerimento seria indeferido.
Em 24/01/1953, o presidente Getúlio Vargas indeferiu o requerimento da Rádio Globo para um canal de televisão, contrariando o parecer técnico emitido anteriormente pelo próprio governo em 13 de março de 1951.
Em 11/07/1957, o presidente Juscelino Kubitschek aprovou a concessão de uma estação de televisão à Rádio Globo.
Em 30/12/1957, o Conselho Nacional de Telecomunicações publicou o decreto outorgando o Canal 4 do Rio de Janeiro à Radio Globo.
Em 24/07/1962, Roberto Marinho firmou contrato de assistência técnica com o Time-Life. Pouco tempo depois, o grupo norte-americano enviou para o Brasil o técnico Alberto Catá para ajudar na montagem da TV Globo. Foi dele a idéia da emissora trabalhar com o sistema de comercial rotativo.
Em 1963, foi formada a primeira equipe da TV Globo, responsável pela implantação da emissora. Rubens Amaral, então diretor da Rádio Globo, esteve à frente da equipe, composta também por Lauro Medeiros (diretor técnico), Armando Queiroz (diretor administrativo), Herculano Siqueira (diretor comercial), Mauro Salles (diretor de jornalismo) e Abdon Torres (diretor de programação, que saiu antes da TV entrar no ar).
Em 26/04/1965, foi inaugurada a TV Globo, canal 4, no Rio de Janeiro. A sua sede, no Jardim Botânico, foi o primeiro prédio no Brasil especialmente projetado para abrigar uma emissora de TV. O projeto de construção foi inspirado em uma estação de televisão que o grupo Time-Life tinha em Indianápolis, EUA. A TV Globo foi inaugurada às 10h45, emitindo como sinal de teste a canção Moon River, de Henry Mancini. Rubens Amaral pronunciou as primeiras palavras, apresentando a emissora aos telespectadores da cidade do Rio de Janeiro e do estado da Guanabara. Às 11h, foi exibida a primeira atração: o programa infantil Uni-duni-tê, com Tia Fernanda. Ao meio-dia, os desenhos animados Gato Félix e Hércules preencheram a telinha. Os principais destaques do dia foram o noticiário Teleglobo, os programas Sempre mulher, o Musicalíssima e Show da noite, o jornalístico Se a cidade contasse e o infantil Capitão Furacão. Na dramaturgia, estrearam a série Rua da Matriz e a novela Ilusões perdidas.
Em 27/05/1965, Roberto Marinho adquiriu, da Organização Victor Costa, a TV Paulista, canal 5, que passou a se chamar TV Globo no ano seguinte. A compra foi autorizada pela portaria n. 163 do DENTEL. Ainda em 1965, também ocorreu uma mudança na direção-geral da TV Globo, com a contratação de Walter Clark para o cargo de diretor-geral da TV Globo. Nos 12 anos que permaneceu no cargo, ele implantou idéias e programas que há décadas são sucesso, ajudando a transformar a emissora em líder de audiência. Ele deixou a TV Globo em 05/1977, e Roberto Marinho assumiu a direção geral da emissora, acumulando essa função com o cargo de presidente das Organizações Globo.
Em 01/09/1966 Armando Nogueira assumiu a direção do jornalismo da TV Globo. Mais uma mudança na direção ocorreu em 1967, quando José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, foi contratado pela TV Globo e se tornou superintendente de produção e programação.
Conforme já apontado no item acima, em 1968 foi inaugurada a TV Globo de Belo Horizonte, adquirida do grupo João Batista do Amaral. A sucursal de Brasília foi inaugurada 3 anos depois, em 1971. No ano seguinte, mais precisamente em 22/04/1972, foi inaugurada a TV Globo do Recife.
Em 28/02/1969, a TV Globo realizou a primeira transmissão via satélite. Hilton Gomes na Itália enviou imagens da cidade de Roma e o pronunciamento do Papa Paulo VI.
Em 13/07/1969, as instalações da TV Globo de São Paulo foram destruídas por um incêndio, e toda a programação passou a ser produzida no Rio de Janeiro.
Em 1970, houve mudanças na dramaturgia. Daniel Filho assumiu o cargo de produtor geral de dramaturgia da TV Globo, tornando-se responsável por todas as iniciativas dessa área. A mudança significou a apresentação de tramas mais modernas e ágeis, com uma linguagem coloquial e mais próxima da realidade brasileira, e o progressivo afastamento do estilo capa e espada que marcava o trabalho da cubana Glória Magadan, ex-responsável pela área de teledramaturgia da TV Globo.
Em junho deste ano, durante a Copa do Mundo, ocorreram as primeiras transmissões experimentais em cores. Após dois anos, em 10/02/1972, ocorreu a primeira transmissão oficial em cores, com imagens da Festa da Uva na cidade de Caxias, no Rio Grande do Sul. Em 1977, a cor, até então restrita ao jornalismo e à novela das 22h, foi definitivamente incorporada a toda a programação da Rede Globo.
Ainda em 1970, iniciaram-se em Bauru as operações da TV Oeste Paulista.
Em 1972, foi criado o Departamento de Análise e Pesquisa da TV Globo, sob a direção de Homero Icaza Sanchez, com o objetivo era aferir a opinião, a expectativa, o hábito e o comportamento do telespectador de forma a subsidiar a produção de conteúdo da programação.
Em 1973, a TV Globo assinou contrato com a agência de notícias UPI (United Press International), incrementando o seu noticiário internacional. A partir de então, a agência passou a enviar imagens diariamente, do mundo inteiro e via satélite. Antes, o material da UPI seguia de avião e chegava com uma defasagem de até três dias. Ainda neste ano, foi inaugurado o escritório da TV Globo em Nova York (EUA). Sob a chefia do jornalista Hélio Costa, até então correspondente freelancer, a sucursal começou numa pequena sala e com apenas uma câmera. Em seguida, foram instalados estúdios de áudio e vídeo, além de um arquivo com imagens de noticiários norte-americanos. No final da década de 1970, a equipe em Nova York contava com cerca de 30 profissionais.
No ano seguinte, 1974, foi inaugurado o escritório da TV Globo em Londres, Inglaterra. A equipe inicial da sucursal contava apenas com a repórter Sandra Passarinho e o cinegrafista Orlando Moreira. Mobilizados para a cobertura da Revolução dos Cravos, ocorrida em abril daquele ano em Portugal, o material enviado pelos jornalistas fez tanto sucesso que os dois tiveram sua viagem estendida, realizando também as coberturas da morte do general Franco, na Espanha, as eleições na França e o referendo sobre aborto na Itália. A ampliação da cobertura dos fatos no continente europeu culminou com a criação do escritório em Londres.
Outro incêndio atingiu a TV Globo, em 04/06/1976, destruindo parte das instalações da TV Globo, no Rio. A programação da rede foi descentralizada, passando a ser produzida também em São Paulo. Neste mesmo ano, o jornalismo da TV Globo começou a usar o Eletronic News Gathering (ENG), equipamento eletrônico que deu agilidade às matérias e reportagens ao substituir as tradicionais e pesadas câmeras de 16mm do cinema. A TV Globo começou a exportar seus programas, dublados em espanhol, para países da América Latina.
Em junho de 1977, ocorreu a primeira entrada ao vivo com ENG (Eletronic News Gathering) no Jornal Nacional: a repórter Glória Maria e o cinegrafista Roberto Padula foram à Avenida Brasil, no Rio de Janeiro, para cobrir um engarrafamento. Neste ano Roberto Irineu Marinho começou a trabalhar na TV Globo, na área de planejamento estratégico.
Em 1981 houve a introdução da computação gráfica na Rede Globo. No ano seguinte, 1982, a Rede Globo introduziu o uso do satélite na transmissão de sua programação para todas as suas emissoras e afiliadas, o que trouxe ganhos significativos de qualidade nas operações da rede.
Em 1984, Daniel Filho assumiu a direção da Central Globo de Produção (CGP), dividindo com Boni as decisões sobre as produções artísticas da Rede Globo. Em abril de 1990 Alberico de Sousa Cruz assumiu o cargo de diretor da Central Globo de Jornalismo. Em 05/05/1995, Evandro Carlos de Andrade assumiu o cargo de diretor da Central Globo de Jornalismo. Com o falecimento de Evandro Carlos de Andrade, Carlos Henrique Schroder assumiu a direção da Central Globo de Jornalismo.
Em 19/09/1988, com o fim da Censura Federal, a Rede Globo enviou aos seus funcionários um memorando (também publicado no jornal O Globo) com orientações sobre a linha da programação da emissora.
Em 1993, foi criado o Plano de Gestão Participativa (PGP), com o objetivo de estimular a participação dos funcionários nos processos de decisão, aumentando a produtividade e competitividade da Rede Globo.
Em 02/10/1995, foi inaugurada a Central Globo de Produção, o Projac, complexo de estúdios e produção da Rede Globo, em Jacarepaguá. Na presença de 500 pessoas, entre atores, produtores, técnicos e diretores, Roberto Marinho comandou, com uma claquete, o início da gravação da primeira cena de estúdio da novela Explode coração, de Glória Perez.
Em 1997, a Rede Globo iniciou, no Jornal Nacional, a utilização do closed caption, tecnologia que insere legendas no vídeo de televisores, permitindo a deficientes auditivos acompanharem diálogos e falas de programas. Em 26/09/2005, houve a implantação do closed caption na teledramaturgia
Em 1977, José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, deixou sua função executiva na Rede Globo e passou a ser consultor da vice-presidência.
Em 10/06/1998, a Globo realizou a primeira transmissão digital em alta definição, ao vivo, no Brasil: a partida inaugural da Copa do Mundo, Brasil x Escócia. Neste ano ainda, Marluce Dias da Silva assumiu o cargo de diretora-geral da Rede Globo. Em outubro de 2002 ela se licenciou da direção-geral da TV Globo para tratamento de saúde, e assumiu o seu lugar, interinamente, Octávio Florisbal.
Em 1999 foi inaugurada a nova sede da TV Globo em São Paulo. Logo em seguida, a emissora paulista passou a produzir integralmente e gerar telejornais de rede, como o Jornal Hoje e o Jornal da Globo. Ainda em 1999, entrou no ar a Globo Internacional, canal que apresenta a programação da Rede Globo no exterior.
Em 2001, a TV Globo realizou a primeira transmissão através de videofone – computador que, através de um modem e de uma pequena antena, transmite imagens via satélite. O equipamento, especialmente desenvolvido pela emissora, foi utilizado pelo repórter Pedro Bial, que falou direto de Xangai, na China, para o Jornal Nacional, quando teve início a guerra do Afeganistão.
Em janeiro de 2004, os escritórios internacionais da TV Globo foram reformulados, e correspondentes foram enviados para Buenos Aires, Paris e Tel Aviv.
Em 13/08/2004, Octávio Florisbal assumiu oficialmente a direção-geral da TV Globo. Marluce Dias da Silva tornou-se assessora da presidência executiva das Organizações Globo, coordenando projetos estratégicos.
Em abril de 2006, a Globo ganhou mais duas emissoras afiliadas: a TV Gazeta Noroeste, em Colatina, Espírito Santo, e a TV Mirante Açailândia, na região oeste do Maranhão. A Rede Globo, então, passou a ser composta por 121 emissoras, sendo 116 afiliadas. No dia 26 de fevereiro de 2009, a Rede Globo ganhou sua primeira emissora afiliada no exterior, a IPCTV, do Japão. Destinada à comunidade brasileira naquele país, a IPCTV é, ainda, a primeira rede de televisão em língua portuguesa com grade de programação adequada ao horário japonês. No dia 1/10/2009, entrou no ar a TV Verdes Mares Cariri, com sede na cidade de Juazeiro do Norte, no sul do Ceará. Trata-se da 122ª exibidora da Rede Globo. A TV Verdes Mares Cariri, que passou a cobrir 66 municípios, com mais de 1 milhão e setecentos mil telespectadores potenciais, é a segunda afiliada do mesmo grupo no Ceará. Até então, a região Sul do estado era coberta pela TV Verdes Mares de Fortaleza.
No dia 01/10/2007, entrou no ar a TV Globo Portugal, uma parceira entre a TV Globo e a portuguesa TV Cabo. A grade do canal foi montada com programas da TV Globo e da Globosat, oferecendo as minisséries e novelas mais marcantes, documentários, seriados, telejornais, programas esportivos, infantis e de entrevistas, musicais e humorísticos. 
A partir do dia 02/12/2007, o telespectador brasileiro passou a ter a possibilidade de assistir à televisão com qualidade digital. Às 20h30 daquele domingo, ocorreu em São Paulo a transmissão inaugural, em cadeia nacional, de um pool de emissoras. Logo a seguir, a TV Globo levou ao ar seu primeiro programa com a nova tecnologia, o Fantástico, que apresentou a série Mundos invisíveis, do astrofísico Marcelo Gleiser, primeiro quadro a ser transmitido em alta definição. Ainda no Fantástico, foram exibidas reportagens – também em alta definição – que a apresentadora Glória Maria gravou no Parque Indígena do Xingu, no Mato Grosso.
Em agosto de 2008, a agência de classificação de risco Standard & Poor's elevou as notas de crédito da Globo Comunicação e Participações S.A. de “BB+” para “BBB-”, com perspectiva estável. Em setembro, a agência Fitch também elevou o índice de classificação da Globo para “BBB-”. Isso significa que as agências concederam grau de investimento à controladora do braço de TV, internet e das participações em TV a cabo das Organizações Globo. O chamado “grau de investimento” é uma avaliação da capacidade que uma empresa ou um país tem de pagar seus compromissos e, na prática, funciona como uma espécie de carta de recomendação aos investidores internacionais. Para concedê-lo, as agências consideraram vários fatores, como a saúde financeira e as estimativas de crescimento da Globo, além da sua liderança no mercado brasileiro de televisão e a forma transparente como apresenta seus resultados ao mercado.
Em 18 de maio deste ano de 2010, a TV Globo e a Globosat lançaram o Canal Viva, que passou a ser oferecido no portfólio de 23 canais da GLOBOSAT; um canal dedicado à família e com foco especial no público feminino, o Canal Viva terá uma grade programação 24 horas no ar.
1.3. TV Globo nos dias de hoje
A TV Globo é controlada pela família Marinho através das Organizações Globo, que atualmente também são detentoras das empresas Globopar (Estúdio TV, Editora e Gráfica, TV Paga e Internet), Rádio Globo e Infoglobo.
A TV opera em todo Brasil com cinco emissoras próprias (São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife e Brasília) e 117 afiliadas.
A empresa trabalha basicamente com duas grandes centrais, a de programação - com sede no Rio de Janeiro, o Projac – e sua central de comercialização, com sede em São Paulo.
Abaixo, apresentamos um organograma da estrutura organizacional da TV Globo:




2. ANÁLISE DO AMBIENTE SETORIAL
Entretenimento1 pode ser definido como distração, passatempo, divertimento. A indústria do entretenimento está vivenciando mudanças rápidas, em decorrência, principalmente, dos avanços tecnológicos vivenciados no século 21. Isto interfere tanto nas formas de entretenimento quanto nas preferências das pessoas no momento de escolher o entretenimento.
Dentre as atividades recreativas mais apreciadas pelas pessoas estão assistir TV. As pesquisas mostram que o público está consumindo mais entretenimento do que nunca, o que mantém todo o setor televisivo em uma fase de crescimento.
Apesar das mudanças ocorridas e que estão por vir neste setor, a TV deve continuar presente como uma forma de entretenimento, mesmo que sua aparência mude e que ela passe a interagir com outros aparelhos.
Com isso, vemos que a TV se encontra em boa posição na indústria do entretenimento. Porém, as empresas do setor vêm apresentando perdas financeiras e queda em seus valores de mercado por diversos motivos.
Um exemplo recente é a notícia a respeito do prejuízo milionário do Banco PanAmericano e da possível venda do SBT, Jequiti, o Baú e também Tele Sena gerou especulações no mercado de televisão aberta, atraindo o interesse dos maiores concorrentes do Sílvio Santos e causando preocupação nos funcionários do SBT. 2
Tais perdas mencionadas acima refletem-se na estrutura interna das organizações: executivos importantes perdem seus empregos e os que ficam lutam para se manter nas empresas, tentando apresentar números de crescimento constantes ou aumento de faturamento.
Este cenário pode ocorrer devido a três fatores principalmente:
(i) Batalha pelo mercado total do entretenimento:
Embora exista um crescimento no dinheiro gasto pelo público no consumo de produtos de entretenimento, o setor agora oferece muito mais opções. Os gastos estão se movendo de jornais e revistas para DVDs, Videogames e TVs Pagas.
(ii) Difusão da Pirataria:
Sites de Internet oferecem conteúdo pago de forma gratuita a seus visitantes. Além disto, temos novos sistemas de download P2P como o E-Mule. Em meio a essa ameaça, a indústria ainda luta para oferecer um sistema de negócio lucrativo para distribuição online.
(iii) Falta de conteúdo:
As empresas do setor de televisão dão muita atenção para métodos de melhora na forma de distribuição ao invés de se preocupar com o conteúdo. Isso acarretou um quadro de conteúdo "simples" e "desinteressante" que é distribuído pelas mais diversas mídias.
A falta de conteúdo interessante e “complexo” talvez seja um dos fatores mais notáveis desta indústria de televisão aberta.
Jornais sofrem restrição física das folhas de papéis, varejistas possuem custos e espaços limitados para armazenar e vender DVDs. As redes de televisão, por exemplo, possuem “slots” em sua programação que somente podem ocupar o limite máximo de 24 horas/dia.
Devido a este fator, as grandes empresas do mercado ocupam seus produtos com notícias, filmes, programas de auditório e outros que tenham público e receita certa: a maioria do público.
Conteúdo mais elaborado ou voltado para nichos é considerado irrelevante e caro para manter, pois a demanda é considerada baixa. Isso tende a mudar com a entrada de tecnologias que portem o conteúdo para o meio digital.

3. ANÁLISE DA ESTRATÉGIA DO NEGÓCIO


Analisando a estratégia da emissora de acordo com o modelo de Porter, temos o seguinte panorama:
Barreiras de Entrada:
A ameaça de entrantes é baixa, pois o setor está na fase de maturidade. No caso da Rede Globo, a preocupação não é com novos entrantes, mas sim com as emissoras que já existem, pois cada vez mais elas estão crescendo e a competição fica cada vez mais acirrada.
Rivalidade Competitiva:
Hoje a emissora líder do país é a Rede Globo. A Rede Record se tornou a vice-líder, ultrapassando o SBT.
Hoje a Rede Globo, aposta em todos os setores, no esporte principalmente. A TV Record detém exclusividades nos Jogos Olímpicos de Inverno, em Vancouver, Jogos Sul-Americanos de Medellín, na Colômbia, Jogos Panamericanos de 2011, Guadalajara, no México, Jogos Olímpicos de 2012, em Londres, e a transmissão, embora que compartilhada com a Globo, dos Jogos Olímpicos do Rio, em 2016.
Ameaça de Substitutos:
A tecnologia está mudando cada vez nosso jeito de ver TV, diante de tantas mudanças de paradigmas, do processo de convergência digital, da fusão crescente com a internet, da popularização lenta das imagens de alta definição, das perspectivas da TV tridimensional (TV3D), da chegada dos Blu-ray discs, das novas e revolucionárias tecnologias para monitores, tornando-os cada vez maiores e com melhor qualidade. Mesmo que estejamos longe dos aparelhos habituais de televisão é possível assistirmos a sua programação, através da internet ou celular. Por isto a grande ameaça das emissoras abertas são os pacotes que as televisões fechadas estão oferecendo visando a possibilidade de recepção de conteúdos em qualquer lugar, via dispositivos portáteis, como celulares e laptops. É esperado que, no longo prazo, as televisões de conteúdo fechado possam substituir as emissoras abertas, em especial nos países mais desenvolvidos. No Brasil, o fenômeno parece mais distante, pois a TV aberta ainda está presente em mais de 95% dos domicílios enquanto a TV paga está em apenas 10%.
Poder dos clientes:
O poder dos consumidores é bem alto, pois eles têm muitas opções e facilidades para escolher.
Poder dos fornecedores:
Os fornecedores têm um baixo poder de barganha, pois eles não têm muitos canais de distribuição disponíveis, tornando os assim dependentes dos clientes.
Apesar do acirramento da concorrência entre as emissoras de TV aberta no país a TV Globo continua na liderança e as concorrentes, SBT e Record, se alternam no segundo lugar. Para enfrentar o novo cenário da comunicação nos próximos anos a Globo aposta em alguns pontos:
(i) Qualidade de sua programação, que ao contrário da maioria de seus concorrentes, mantêm cerca de de 90% de sua grade produzida internamente, o que torna a empresa a principal geradora de emprego para artistas, autores, jornalistas, produtores e técnicos, que produzem mais de 2.500 horas anuais de novela e programas, recorde mundial de teledramaturgia, além das mais de 1.800 horas anuais de telejornalismo.
(ii) Rede de afiliados. Hoje a emissora cobre 98,44% do território brasileiro com programas net e principalmente com programas regionais. Uma característica bem particular da empresa que graças a essa capilaridade é capas de entregar a seus telespectadores uma programação regional de qualidade e que tenha pertinência a realidade de cada região e microregiões do país. Essa filosofia de operação esta no DNA da empresa que já nasceu com essa característica e moldou seu relacionamento com seus afiliados durante seus 45 anos.
(iii) Investimento em tecnologia. A emissora foi pioneira tanto nos estudos de captação quanto na transmissão em HDTV. Hoje boa parte da programação da emissora é captada e gerada em HD (Futebol, minisséries, novelas, séries, filmes e especiais) tanto pelas emissoras Globo pertencentes à família Marinho quanto as emissoras afiliadas. Vale lembrar que atualmente toda programação Globo esta disponível em dispositivos portáteis. Além disso, a emissora é a primeira no país a realizar captações em 3D, o Carnaval 2009 e Futebol 2009 são exemplos disso.
(iv) Convergência. Desde 2008 a TV Globo estuda, investe e experimenta o comportamento do storytelling em diversos veículos (portáteis e não portáteis) isso faz com que ela esteja na dianteira de projetos de convergência digital no país.
(v) A fim de amenizar as ameaças, uma das estratégias de crescimento que a Rede Globo adota é a internacionalização: hoje ela tem presença forte em países da África, América Latina, Europa e também Canadá, Estados Unidos, entre outros países que falam língua portuguesa e/ou que possuem uma significativa comunidade brasileira. Por meio da TV Globo Internacional (TVGI), canal à la carte transmitido 24 horas via satélite e cabo com os parâmetros digitais, totalmente em português brasileiro, a emissora atinge um público-alvo de aproximadamente 5,5 milhões de pessoas, incluindo brasileiros, portugueses e lusófonos, em 115 países nos cinco continentes: África, Américas, Ásia, Europa e Oceania. Atualmente, a TVGI está disponível a aproximadamente 500.000 assinantes premium em todo o mundo e oferece mais de quatro mil horas/ano de programas de entretenimento, incluindo novelas, minisséries, festivais de música, programas humorísticos,documentários, noticiários e futebol ao vivo. O sinal do canal é gerado pela TV Globo no Rio de Janeiro, e transmitido via satélite para os diferentes distribuidores internacionais.

(vi) Além disso, a Rede Globo também fechou pacotes com cruzeiros marítimos3. Nestes mercados ela funciona como uma TV paga e não como TV aberta.


A Rede Globo renovou até abril o seu acordo de distribuição com a Oceans TV, operadora de canais em cruzeiros marítimos. Durante o período, passageiros dos navios “Splendour of the Seas” e “Vision of the Seas”, ambos da “Royal Caribbean”, poderão assistir a todos os programas da emissora brasileira. Este trabalho atende mais de 60 mil pessoas.

4. ANÁLISE DA OPERAÇÃO DO NEGÓCIO
Hoje, o principal negócio da empresa é a venda de publicidade. E a complexidade começa no fato do público comprador, os anunciantes, não ser o público final dos produtos da empresa.
Além disso, os produtos se relacionam, já que durante um telejornal pode haver uma chamada para a transmissão de um evento esportivo, por exemplo. Outro exemplo ocorre quando o anunciante patrocina o evento esportivo, e acaba se beneficiando da audiência do telejornal.
O processo de produção é, da mesma forma que o modelo de negócios, complexa. Os programas são muito distintos e envolvem uma enormidade de atividades, desde logística até a construção de cenários.
Vale comentar que faz um ano que a empresa está em fase de amadurecimento de um grande projeto de BI que visa a tomada de decisão baseada mais em informações e não somente na experiência de seus produtores.
Vale ressaltar que a TV Globo opera com mais de 600 áreas de custo e, aproximadamente 200 processos, quadro que dificulta o relacionamento de cada produto, a seu processo e área de custo, propiciando pontos relacionais que ultrapassam 1 milhão.

5. OPORTUNIDADES DE NOVOS MODELOS ORGANIZACIONAIS
Existem algumas oportunidades de novos modelos organizacionais que podem ser exploradas. Como exemplos, temos:
1- Fornecedor de conteúdo Multi-Plataforma:
Atualmente oferece distribuição de conteúdo com foco único no aparelho de televisão convencional. Entretanto esse modelo tem apresentado desgaste principalmente por dois motivos:
• Primeiramente, o consumidor precisa se dirigir até o aparelho fixo em algum cômodo.
• Em segundo lugar, mas não menos importante, os horários dos programas são fixos. Isso é um fator extremamente limitante para o telespectador que interesse em assistir alguns programas em específico mas não tem disponibilidade justamente no horário de exibição de tais programas.
Com a estratégia de oferecer conteúdo via Internet, a Globo pode adotar uma postura de fornecedor de conteúdo multi-plataforma.
A rede alcançaria um público em potencial que não necessariamente precisa estar em casa, no escritório ou próximo a uma TV para acompanhar seu show predileto ao vivo.
O elemento chave nesta estratégia seria a busca por associações com plataformas já consolidadas que permitam acesso por intermédio de um grande número de “gadgets”.
Por exemplo, a utilização da plataforma do YouTube poderia distribuir parte do conteúdo da Globo para usuários de Netbooks, Iphones e o recém-lançado iPad.
2 - Streaming via Internet:
A estratégia.
A disponibilização do conteúdo via Internet permitirá que a Globo disponibilize praticamente toda a programação já apresentada para os espectadores. Algo parecido começou a ser feito com o canal da TV a cabo ViVa.
Você gostaria de ver algum conteúdo que não é mais exibido? Basta acessar um site específico e adquirir episódios antigos de novelas, seriados ou documentários. Com essa política, é possível fidelizar não só os espectadores atuais, como angariar novos espectadores. Com os recursos da Internet, é possível acessar praticamente toda a história televisiva da emissora, disponibilizando todos os programas e material de todos os apresentadores que trabalharam na emissora, aumentando exponencialmente a identificação dos espectadores com a emissora.


1 http://michaelis.uol.com.br/moderno/portugues/index.php?lingua=portugues-portugues&palavra=entretenimento

2 Fonte: http://tvcanalaudiencia.com/?tag=falencia-do-sbt

3 http://audienciadatv.wordpress.com/2010/01/14/bastidores-da-tv-por-flavio-ricco-1401-2/



Baixar 127.76 Kb.

Compartilhe com seus amigos:




©bemvin.org 2022
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
CÂmara municipal
ensino fundamental
ensino médio
concurso público
catarina município
Serviço público
Dispõe sobre
reunião ordinária
câmara municipal
público federal
processo licitatório
Processo seletivo
educaçÃo universidade
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
Universidade estadual
ensino superior
Relatório técnico
técnico científico
Conselho municipal
direitos humanos
científico período
Curriculum vitae
espírito santo
pregão eletrônico
língua portuguesa
Sequência didática
distrito federal
Quarta feira
prefeito municipal
conselho municipal
educaçÃo secretaria
nossa senhora
segunda feira
Pregão presencial
educaçÃO ciência
Terça feira
agricultura familiar
educaçÃo profissional