Dias da música 2015 Luzes, Câmara… Música!


domingo – 19h00 C9 – Pequeno Auditório



Baixar 0.86 Mb.
Página18/27
Encontro30.10.2016
Tamanho0.86 Mb.
1   ...   14   15   16   17   18   19   20   21   ...   27

domingo – 19h00

C9 – Pequeno Auditório



Melodias dos Anos de Ouro da MGM
The boy next door (Hugh Martin)

Trolley song (Hugh Martin)

If you feel like singing sing (Harry Warren; Mark Gordon)

When You're Smiling (Larry Shay/ Mark Fisher/ Joe Goodwin)

Over the rainbow (Harold Arlen/E. Harburg)

I'm old fashioned (Jerome Kern/Johnny Mercer)

Embraceable you (George/Ira Gershwin)

Zing! Went the strings of my heart (James F. Hanley)

Cláudia Franco, voz
Rui Caetano, piano

Afonso Pais de Sousa, guitarra

João Custódio, contrabaixo

Pedro Felgar, bateria

Judy Garland encantou Hollywood nos anos 1930 e 40 com a sua genialidade enquanto cantora e atriz, nos épicos filmes musicais que protagonizou.

A "Era de Ouro" da MGM não faria sentido sem Garland e as suas interpretações, que se tornaram referências incontornáveis.

O concerto de Cláudia Franco, cantora revelação no jazz em Portugal, propõe levar o público numa viagem ao universo das canções celebrizadas por Judy Garland, numa abordagem contemporânea que procura refletir a essência e a magia dos originais.



SALA LUÍS DE FREITAS BRANCO




domingo – 13h00

C10 – Sala Luís de Freitas Branco



Tous les Matins du Monde
Jean de Sainte-Colombe

Les Pleurs

Le Tendre: Gavotte

(Concerts à deux violes esgales - Ms. da Biblioteca Nacional de França)


Marin Marais

L'Arabesque

(4ème livre de Pièces de Viole - Paris, 1717)


Anónimos europeus do séc. XVI/Jehan Chardavoine

Une jeune fillette (Le recueil des plus excellentes chansons, Paris, 1576)
Marin Marais

Le Badinage

(4ème livre de Pièces de Viole - Paris, 1717)


Jean de Sainte-Colombe

Concert Le Retour

(Concerts à deux violes esgales - Ms. da Biblioteca Nacional de França)


Marin Marais

La Rêveuse (4ème livre de Pièces de Viole - Paris, 1717)
François Couperin

Troisième Leçon de Ténèbres du Mercredi

(Leçons de Ténèbres a uma e duas vozes - Paris, [1714])
Marin Marais

Tombeau de M. de Sainte-Colombe

(1er livre de Pièces de Viole - Paris, 1701)




Ludovice Ensemble

Orlanda Velez Isidro, soprano

Mónica Monteiro, soprano

Sofia Diniz & Laura Frey, violas de gamba

Josep Maria Martí, tiorba

Fernando Miguel Jalôto cravo, órgão, direção musical

«Ouvi, Senhor, os soluços de dor da minha filha:



estão mais perto da música que as vossas escalas»
«Todas as manhãs do mundo são sem regresso»... Assim se inicia o xxvi capítulo do excecional romance homónimo de Pascal Quignard, publicado em 1991, e no mesmo ano adaptado ao cinema por Alain Corneau. Premiado em 1992 com sete Césares e um Urso de Ouro, entre muitos outros prémios, Tous les matins du monde é não só uma obra prima literária e cinematográfica, que ilustra o que de melhor o cinema francês produziu na década final do século passado, como elevou a sua banda sonora exemplar à categoria de uma verdadeira obra-prima. Jordi Savall, virtuoso e mediático violista e diretor catalão, assinou-a, responsabilizando-se pela seleção das obras e pela sua interpretação; obras que, mais do que ilustrar, assumem um papel primordial e incontornável na narração da conturbada relação entre dois dos mais ilustres e famosos violistas de sempre: Marin Marais e o seu professor Monsieur de Sainte-Colombe. Para todos os amantes da viola de gamba em particular, e da música antiga em geral, este é um filme de culto, e muitos de nós sabemos de cor – em francês ou em português – as belas frases de Quignard, verdadeiros aforismos, trocadas entre Marais, Sainte-Colombe, Madeleine, Toinette, ou Madame de Sainte-Colombe, bem como a exata obra que as acompanha. Alguém disse que este filme fez mais pela redescoberta da viola da gamba do que todos os recitais, livros, palestras e simpósios juntos, e na verdade 24 anos passados Les Pleurs, La Rêveuse, Le Badinage ou a Troisième leçon du mercredi transformaram-se em intemporais sucessos, que ofuscam hoje na memória a interpretação um tanto ou quanto caricatural e baça de Gérard Depardieu no papel principal. Que importa hoje saber que o afinal o misterioso Sainte-Colombe do filme se chamava Jean, e tinha vários filhos, incluindo um primogénito varão, e não só duas filhas? Ou que a maravilhosa Leçon de Ténèbres, de Couperin, ainda não havia sido composta há data das peripécias narradas no filme? O que fica é este imenso hino aos amores impossíveis, à nostalgia do passado, e à verdadeira essência da música, destilada nas mais ternas mas agridoces melodias.

Fernando Miguel Jalôto, fevereiro de 2015


domingo – 15h00

C11 – Sala Luís de Freitas Branco



Legends of the Silver Screen

Concerto comentado por: Armando Possante

Wolfgang Amadeus Mozart: Abertura da Flauta Mágica (arr. Ben Parry)

Filmes: A Outra Face; A Flauta Mágica; Amadeus; Miss Detetive; Operação Elefante; As Aventuras de Rocketeer; All the Wrong Places; In all innocence; A Filha do General; Watch it; Keiner liebt mich; Sweet sixteen

Leonard Cohen: Hallelujah (Arr. Philip Lawson)

Filmes: Shrek; O Banquete do Amor; Os Edukadores; Vinterkyss; O Senhor da Guerra
John Lennon e Paul McCartney: Honey Pie (arr. Paul Hart)

Filmes: América Louca
Sarah McLachlan: Angel (arr. Roger Treece)

Filmes: A Cidade dos Anjos
Billy Joel: Lullaby (arr. Philip Lawson)

Filmes: Song for Marion
Andrew Lloyd Webber: All I ask of you(Arr. Bob Chilcott)

Filmes: O Fantasma da Ópera
Richard Rodgres e Lorenz Hart: Blue Moon (arr. David Blackwell)

Filmes: Hollywood em Festa; O Inimigo Público Número Um; Um Dia no Circo; Viva Las Vegas; Grease; Blue Jasmine
Randy Newman: When she loved me (Arr. Philip Lawson)

Filmes: Toy Story 2: Em Busca de Woody
Harold Arlen: Over the Rainbow (arr. Andrew Carter)

Filmes: O Feiticeiro de Oz; Acordei aos Gritos; Casamento Escandaloso; Corações na Penumbra; O Génio do Crime; Sintonia de Amor; Você Tem Uma Mensagem; Uma estrela Caída do Céu; Umas Férias Inesperadas
Concerto comentado por Armando Possante
Grupo Vocal Olisipo

Elsa Cortez, soprano

Maria Luisa Tavares, meio-soprano

Lucinda Gerhardt, meio-soprano

Carlos Monteiro, tenor

Armando Possante, barítono

Carlos Pedro Santos, baixo

O Grupo Vocal Olisipo revisita neste programa a cappella a história do cinema. Dos anos 1930 à atualidade, do drama à comédia, de Bergman a Shrek, de Mozart a Billy Joel, recordaremos as músicas do cinema que, em grande parte dos casos, se celebrizaram tanto ou mais do que os próprios filmes que abrilhantaram.





Baixar 0.86 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   14   15   16   17   18   19   20   21   ...   27




©bemvin.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
CÂmara municipal
ensino fundamental
ensino médio
concurso público
catarina município
Dispõe sobre
reunião ordinária
Serviço público
câmara municipal
público federal
Processo seletivo
processo licitatório
educaçÃo universidade
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
ensino superior
Relatório técnico
Universidade estadual
Conselho municipal
técnico científico
direitos humanos
científico período
espírito santo
pregão eletrônico
Curriculum vitae
Sequência didática
Quarta feira
prefeito municipal
distrito federal
conselho municipal
língua portuguesa
nossa senhora
educaçÃo secretaria
segunda feira
Pregão presencial
recursos humanos
Terça feira
educaçÃO ciência
agricultura familiar