Dedicatória


Décima quinta experiência



Baixar 234.31 Kb.
Página3/3
Encontro30.10.2016
Tamanho234.31 Kb.
1   2   3

Décima quinta experiência

Amados irmãos/as, amigos/as, gostaria de compartilhar com todos mais essa derradeira experiência que tive com YaORRúCHUA (Jesus Cristo). Essa foi realmente incrível! No dia 12 de junho de 2010, estava em minha casa quando de repente senti um enjôo e uma tonteira forte ao acordar. Logo após comecei a sentir falta de ar e me dirigi ao hospital mais próximo de minha residência, o Hospital Santa Marta, no bairro de Santa Rosa- Niterói-RJ. Chegando lá fui atendido por uma médica que segundo o seu diagnóstico, eu  estava com algum problema de estômago. Assim sendo, fui medicado com soro à base de ranitidina e Plasil. Nessa peregrinação fiquei aguardando a melhora por cerca de 1 hora. Logo que me senti melhor, ou seja, melhorou o enjôo, fui liberado. No dia seguinte, 13 de junho, procurei o meu médico clinico e relatei o que tinha acontecido. Assim, ele me receitou dois tipos de remédios: um de nome Labirin, e outro, Dramin86. Fui para casa, porém ainda com tonteiras e nada de melhorar. À noite voltei ao hospital Santa Marta e o médico que me atendeu perguntou se eu tinha tomado algum medicamento. Disse os que meu clinico havia receitado. Logo após eu fui submetido a uma tremenda dose de cortisona na veia e mais 6 gotas de Rivotril debaixo da língua. Fiquei aguardando por cerca de uma hora até  melhorar, mas a melhora foi muito pouca e logo após fui liberado. Ao chegar em casa, como tinha tomado essa dose do calmante Rivotril, fui para cama e dormi até o dia seguinte, pois estava dopado com o referido remédio. No dia 14 de junho, ao acordar, quando fui tomar o café pela manhã  não consegui engolir nada, fiquei com a glutição totalmente paralisada, nada passava  pela minha garganta. Fiquei apavorado e corri para outro hospital, dessa vez para o Hospital  HCN de Niterói-RJ e relatei o que tinha acontecido. Logo ao ser atendido por uma médica, prontamente ela identificou  que eu estava com  sintoma de um AVC. No mesmo instante fui encaminhado para a emergência e colocaram duas aspirinas debaixo de minha língua. De imediato fiquei sufocado e quase tive uma parada cardíaca, pois fiquei totalmente asfixiado. Foi uma experiência horrível que passei. Interessante é que eu estava na própria emergência de um hospital. Logo após ter sobrevivido a essa outra terrível experiência, na verdade uma tortura, fui levado às pressas para o CTI, ficando numa agonia durante os dois primeiros dias com falta de ar. Pedia aos médicos que eu fosse sedado, pois não estava aguentando de tanto sofrimento. Porém, como o caso era neurológico não havia como me sedar. Assim, fiquei passando por uma tremenda tribulação com  a falta de ar. Cheguei a pedir a Deus que me levasse, pois o sofrimento era muito intenso, não estava mais suportando tanta agonia com a falta de ar. Minha saliva ficou como uma gelatina dura agarrando no céu da garganta. Tentava engolir, mas não descia e ao mesmo tempo me sufocava. Quando conseguia expelir parecia uma gelatina branca. No terceiro dia no CTI, a enfermeira colocou uma aspirina com água dentro de uma seringa e pediu que eu tentasse engolir. Novamente  fiquei sufocado com a paralisação da respiração, quase morri novamente asfixiado, e o pior, dentro do próprio CTI. Foi mais um grande trauma que passei, mas com a graça de Deus consegui respirar e sair daquela intensa agonia. Foi Yaorú quem me livrou novamente graças a confiança que eu sempre tive Nele, ou seja, a minha fé num milagre. Já não aguentava mais de tanto sofrimento e o pior de tudo, tinha medo de tentar engolir novamente qualquer coisa, devido aos engasgos e a  intensa falta de ar. Foi quando a enfermeira chegou ao meu leito de dor e disse: - O senhor precisa fazer uma forçinha e tentar comer alguma coisa, caso contrário  o senhor não aguentará ficar somente com  o soro fisiológico, pois está muito fraco. Caso contrário, teremos que entubá-lo para que o senhor possa se alimentar pela sonda. Logo após ela trouxe a bandeja com alimentos pastosos, purê de batata, purê de abóbora, e outras coisas que não me lembro bem. Foi quando tentei dar uma colherada e novamente engasguei, ficando novamente asfixiado. Outra tribulação terrível, mas consegui novamente respirar e sobreviver. O tempo estava passando e eu precisava me alimentar, a fome era terrível, pois estava somente no soro, mas fiquei com um trauma terrível pensando que iria engasgar novamente  e o medo se apoderou de mim. Naquele momento comecei a buscar a ajuda de Deus. Fiquei orando muito, clamando ao meu Jesus que me desse um livramento ou mesmo me levasse logo, pois o sofrimento era muito grande. Comecei a orar incessantemente, meu clamor foi tão intenso que de repente comecei a levitar na cama daquela UTI. Tive a impressão que estava sendo levantado por alguma força, ou mesmo Deus estaria me levando naquele momento de oração, conforme as minhas súplicas. Em questão de alguns minutos, senti meu corpo muito leve e a sensação que  tive é como se uma força estivesse me levantando da própria cama. Foi uma sensação maravilhosa e aquela falta de ar, em questão de segundos sumiu, foi quando percebi que minha oração tinha chegado ao Trono de Deus. Naquele exato momento, recebi uma mensagem em minha mente como se fosse uma telepatia. Não ouvi nenhuma voz, mas foi uma mensagem que com certeza veio de Deus, e me disse: - Senta e come. Imediatamente acatei aquela ordem com muita fé. Sentei na cama, peguei uma colherzinha de plástico, e dei a primeira colherada, invocando o nome de YahorúChua o Senhor Jesus Cristo. Naquele instante aconteceu o milagre. Na primeira colherada que dei os alimentos passaram em minha garganta sem acontecer nada! A segunda idem, a terceira idem, e assim sucessivamente consegui ingerir todos os alimentos que estavam na bandeja. Desde esse dia, passei a me alimentar quase normalmente, porém com um pouco de dificuldade, pois somente conseguia ingerir alimentos pastosos, mas o milagre aconteceu por completo e pude me alimentar normalmente. Hoje, com alta hospitalar, estou já ingerindo alimentos sólidos, comendo de tudo, Aleluia e Glória a Deus por esse grande milagre que aconteceu em minha vida. Jesus disse: Invoca-me no dia da angústia, Eu te livrarei, e tu me glorificarás. Foi justamente o que aconteceu comigo, glorifiquei muito a Deus pela sua misericórdia. Deus é verdadeiramente mais que um Pai, Ele é tudo que de melhor temos em nossas vidas. Hoje tenho a certeza que foi uma grande provação de Deus, e um grande livramento através do Espírito Santo, pois segundo os médicos, na região que tive o AVC é fatal, dificilmente uma pessoa escapa da morte quando isso acontece. Dou glória a Deus por esse milagre em minha vida. No dia seguinte, quando estava dormindo já em minha casa, começou uma gosma em minha garganta novamente querendo me sufocar. Fiquei novamente apavorado pensando que iria voltar o problema. Foi quando comecei novamente a clamar ao meu Deus e o Espírito Santo em oração me revelou: - Tú estás contendendo contra satanás, mas o Senhor é contigo e te livrará de todo o mal. Logo ao receber essa doce mensagem, tudo passou. Fiquei tranquilo, a gosma na garganta desapareceu e pude respirar normalmente. Fiquei novamente bem, graças a Deus. Hoje estou me recuperando a cada dia, cada dia é uma vitória. Graças ao Senhor Jesus estou bem. A única coisa que resultou foi uma disfagia, mas a cada dia estou melhorando e minha voz está voltando ao normal. Geralmente quem tem problema de AVC fica sem forças nas mãos e nas pernas, muitos ficam entrevados numa cama, e as vezes em uma cadeira de rodas. Deus foi tão misericordioso comigo que fico invocando Ele 24 horas ao dia. Hoje só quero glorificar ao meu Deus. Ele é o meu refúgio, bem presente na angústia. Espero que essa experiência que passei sirva de alerta para muitos irmãos/as, amigos/as. Se tivesse sido detectado o problema no primeiro dia, segundo a médica que me atendeu no HCN e descobriu o problema, talvez eu não tivesse passado por essa grande tribulação. Se alguém sentir tonteiras dando a entender que seja uma labirintite, não perca tempo, tome logo duas aspirinas de 100mg, e se dirija logo para um hospital e peça para fazer uma ressonância magnética, para identificar se não se trata de um AVC. Na verdade foi o único exame que detectou o problema, pois fiz duas tomografias computadorizadas e não apresentou nenhum problema. Portanto, fazer uma ressonância magnética do cérebro é fundamental para se detectar um AVC. Deve-se procurar logo um neurologista e fazer todos os testes.

Acredito que essa tribulação que aconteceu comigo deve ter sido uma provação, talvez não tivesse fazendo verdadeiramente a vontade de Deus. De repente alguma coisa que eu estava fazendo errado estivesse entristecendo o Espírito Santo. Quando Jesus curou um paralítico, Ele disse: - Não peques mais, para que coisa nenhuma pior te aconteça. Essa passagem bíblica encontra-se no evangelho de João Cap.5 v.14.

Deus já tinha me livrado de muitas coisas terríveis e de repente eu ainda não estava agradecendo a Ele como deveria agradecer. São suposições que somente Deus pode decifrar, mas tudo indica que tudo que passei foi uma grande provação, pois se o Senhor quisesse me levar teria me levado. No entanto, não foi a vontade Dele. De repente Ele tem um novo plano para a minha vida. De uma coisa eu tenho certeza, estou procurando segui-lo conforme suas ordenanças, e disse para mim mesmo: - Vou seguir o Senhor até o fim de minha vida, custe o que custar.

Décima sexta experiência

Essa foi de arrepiar. No dia 12/07/2011 perdi o meu óculos de leitura. Vasculhei toda a minha casa, escadas, enfim, vi tudo e nada de aparecer os óculos. Interessante que ele se encontrava em cima da mesinha de cabeceira, ao lado de minha cama. Minha esposa e eu olhamos todos os lugares e nada! Procuramos debaixo da cama, pensando que ele poderia ter caído, olhamos no lençol, enfim, vasculhamos tudo e nada de aparecer. Levantei bem cedo e peguei meu MP4 que estava em cima da mesinha de cabeceira como costumo fazer diariamente, pois nesse MP4 encontram-se gravadas diversas aulas de inglês e eu tenho a mania de todos os dias estudar pela manhã. É de costume também acordar a minha esposa às 08h00min horas. Quando saí de meu escritório justamente para acordar a minha esposa, logo ao entrar no quarto percebi que ela ainda se encontrava dormindo. De repente olhei para a mesinha de cabeceira e lá se encontrava o meu óculos. Acordei minha esposa e perguntei se ela tinha achado o óculos e colocado naquele local, ao que ela disse não, mas achei muito estranho o óculos ter aparecido na mesinha, pois tínhamos vasculhado tudo. Ficamos perplexos com o referido fato, pois como o óculos poderia ter aparecido lá se nada havia antes? Ficamos estupefatos com o ocorrido. Voltei para o meu escritório e comecei a orar e pedir a Deus uma resposta para o referido acontecimento. Logo quando abri a Bíblia Sagrada, a primeira coisa que li estava no Capítulo 3 de João versículo 12 que diz o seguinte: Se vos falei de coisas terrestres, e não crestes, como crereis, se vos falar das celestiais? Deus falou poderosamente comigo e pude entender que esse foi um grande sinal vindo do Senhor. Naturalmente Deus permitiu que tal fenômeno acontecesse para provar que Ele pode todas as coisas. O Senhor deve ter enviado um anjo para que o meu óculos aparecesse naquela mesinha, pois conforme disse, nada tinha em cima dela. Foi um milagre o que aconteceu. Contando esse fato ninguém irá acreditar, mas minha esposa é testemunha fiel e viva do que estou relatando. São os mistérios de Deus quem poderá decifrá-los, mas aconteceu verdadeiramente comigo esse fato e foi real.



Décima sétima experiência

Por incrível que pareça essa experiência que vivenciei foi também com esse mesmo óculos. Num determinado dia estava procurando alguma coisa, acho que dentro do meu próprio carro. Coloquei esse mesmo óculos e comecei a procurar o objeto que não me lembro o que era. O tempo passou e chegou a hora de levar a minha esposa ao trabalho. Como é de costume ela sempre pega o aerobarco. Ao abrir a porta da garagem, tirei o óculos e coloquei o mesmo em cima do caput do carro, porém esqueci de pegá-lo novamente. Saímos com o carro e no meio do caminho minha esposa pediu que eu parasse o veículo de repente. Pensei que ela estivesse passando mal, logo de imediato parei o carro e ela me disse: - Olha para o caput do carro. Quando olhei vi o meu óculos no mesmo lugar que tinha esquecido. Até aí tudo bem, mas o interessante é o seguinte: como ele não caiu com a trepidação dos buracos que passei e com as curvas que fiz, e também o vento com a velocidade do carro, pela Lei da física não tem explicação se formos levar em consideração a lei da gravidade, pois o caput do carro é liso e escorregadio. Humanamente falando seria impossível aquele óculos permanecer no local que tinha estado. Na verdade é impossível, mas com certeza aquele óculos permaneceu sem cair do caput durante todo o percurso de Santa Rosa até a praia de Charitas. Somente vivenciando o que vivenciamos dá para acreditar. Com certeza foi outro milagre aquele óculos permanecer intacto sem cair durante toda a trepidação do automóvel. São os mistérios de Deus.

É isso, amados irmãos/as, amigos/as, sigam os preceitos de Yaorúchua (Jesus), pois com certeza vocês serão mais do que vencedores.

O choro pode durar uma noite, mas certamente a alegria virá pela manhã. Que Deus nos livre de todo o mal dando-nos o discernimento de sua Palavra, de sua vontade. Disse Jesus: - Buscai primeiro o Reino de Deus e a sua justiça, e todas as coisas vos serão acrescentadas.

Que promessa maravilhosa! Todas as coisas, tais como: saúde, prosperidade, amor, muita paz e alegria. Sigam  a Yaorúchua (Jesus) que verdadeiramente suas vidas mudarão para melhor. Deus não pode mentir, suas promessas são fiéis. Que Ele abençoe a todos. Em nome do Pai (Yáoru), do Filho (Yarúchua) e em nome do Espírito do Pai (Espírito Santo). No princípio era o Verbo e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por Ele, e sem Ele nada do que foi feito se fez. 

 Paulo Pasini

 

 

 



 

 

 



 



Baixar 234.31 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3




©bemvin.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
CÂmara municipal
ensino fundamental
ensino médio
concurso público
catarina município
Dispõe sobre
reunião ordinária
Serviço público
câmara municipal
público federal
Processo seletivo
processo licitatório
educaçÃo universidade
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
ensino superior
Relatório técnico
Universidade estadual
Conselho municipal
técnico científico
direitos humanos
científico período
espírito santo
pregão eletrônico
Curriculum vitae
Sequência didática
Quarta feira
prefeito municipal
distrito federal
conselho municipal
língua portuguesa
nossa senhora
educaçÃo secretaria
segunda feira
Pregão presencial
recursos humanos
Terça feira
educaçÃO ciência
agricultura familiar