Decreto nº 049/2016. Cria a comissão intersetorial para discussão e elaboraçÃo decenal dos direitos humanos de crianças e adolescentes, e dá outras providências. Augusto aristo da silva



Baixar 82.29 Kb.
Encontro24.08.2018
Tamanho82.29 Kb.




DECRETO Nº 049/2016.
CRIA A COMISSÃO INTERSETORIAL PARA DISCUSSÃO E ELABORAÇÃO DECENAL DOS DIREITOS HUMANOS DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.
AUGUSTO ARISTO DA SILVA, Prefeito Municipal em Exercício de Governador Celso Ramos, no uso das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica Municipal, e naquilo que confere a Lei 398, de 19 de dezembro de 1996, considerando:


  • A Resolução CONANDA N. 161, de 04 de dezembro de 2013, que estabelece os parâmetros para discussão, formulação e deliberação dos planos decenais dos direitos humanos da criança e do adolescente em âmbito estadual, distrital e municipal, em conformidade com os princípios e diretrizes da Política Nacional de Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes e com os eixos e objetivos estratégicos do Plano Nacional Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes.

  • A Resolução CONANDA nº 171, de 04 de dezembro de 2014, que estabelece os parâmetros para discussão, formulação e deliberação dos planos decenais dos direitos humanos da criança e do adolescente em âmbito estadual, distrital e municipal, em conformidade com os princípios e diretrizes da Política Nacional de Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes e com os eixos e objetivos estratégicos do Plano Nacional Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes e altera os prazos dispostos na Resolução N.º 161, de 03 de dezembro de 2013.

  • Que os Conselhos Municipais de Direitos da Criança e do Adolescente terão até 03 de dezembro de 2016 para elaborar e deliberar o seu respectivo plano decenal dos direitos humanos de crianças e adolescentes.

  • A aprovação da Resolução do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Governador Celso Ramos, em 25 de abril de 2016.

DECRETA:
Art. 1º. Criar a Comissão Intersetorial para Discussão e Elaboração do Plano Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes, que terá as seguintes atribuições:
I – definir plano de atividades para discussão e elaboração do plano decenal, bem como elaborar a proposta do plano decenal dos direitos humanos de crianças e adolescentes, no seu âmbito de atuação;

II – articular junto a órgãos e entidades integrantes do Sistema de Garantia de Direitos objetivando sua participação na discussão e na elaboração do plano decenal dos direitos humanos de crianças e adolescentes;

III – assegurar a participação efetiva de crianças e adolescentes no processo de discussão e elaboração do plano decenal dos direitos humanos de crianças e adolescentes;

IV – propor e acompanhar a realização de diagnóstico da situação local referente à promoção, proteção e defesa dos direitos da criança e do adolescente; e

V - submeter a minuta de plano decenal à consulta pública local, seja por audiência pública, consulta virtual ou outro mecanismo participativo equivalente.
Art. 2º. A Comissão será composta dos seguintes seguimentos e seus respectivos representantes:
02 representantes do Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente, sendo 01 governamental e não governamental:

- Ismael Valese;

- Ivanir Maria Taffarel.
02 representantes do Conselho Tutelar:

- Arinete Alves do Nascimento;

- Rita de Cássia Cunha.
02 representantes do Conselho de Assistência Social, sendo 01 governamental e não governamental;

- Carolina Schaefer Lunardini;

-Felipe da Costa.
02 representantes da Secretaria de Assistência Social:

- Catiani Mirian Cardoso;

- Danila Nauci Marques.
02 representantes da Secretaria de Educação:

- Carmen Lucia Lopes Martins;

- Ana Paula Bitencourt da Costa.
03 representantes da Secretaria de Saúde, sendo 01 da Vigilância Sanitária:

- Maicon Alcides de Souza;

- Joice Evalda Stiehler;

- Mauro Cesar dos Santos.


§ 1º A Comissão poderá, no intuito de qualificar os debates e encaminhamentos, convidar profissionais e especialistas na temática para participarem de suas reuniões.
§ 2º Representantes do Ministério Público, do Poder Judiciário, da Defensoria Pública e de outras instituições públicas poderão participar da Comissão Intersetorial na condição de convidados em caráter permanente, com direito a voz e voto.

§3º Compete ao membro indicado pelo CMDCA a coordenação da Comissão Intersetorial.
Art. 3º. Compete ao Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente:
I – aprovar e deliberar o respectivo plano decenal dos direitos humanos de crianças e adolescentes;

II – apoiar e articular a implementação das ações do plano decenal dos direitos humanos de

crianças e adolescentes;



III – articular com os órgãos dos Poder Executivo e Legislativo visando à inserção de ações constantes do plano decenal dos direitos da criança e do adolescente no plano plurianual e na lei orçamentária;

IV – definir instrumentos de avaliação e monitoramento da implementação do plano decenal dos direitos humanos de crianças e adolescentes; e

V – encaminhar o respectivo plano decenal dos direitos humanos de crianças e adolescentes ao Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente.
Art. 4º. Esta Resolução entre em vigor na data de sua aprovação.

Governador Celso Ramos, Santa Catarina, em 03 de maio de 2016.




AUGUSTO ARISTO DA SILVA

Prefeito Municipal em Exercício


Catálogo: arquivosbd -> atos
atos -> Presidente: Sanderson Almedci de Jesus pmdb
atos -> O prefeito municipal de são bento do sul, no uso de suas atribuições legais, resolve baixar as seguintes Portarias
atos -> O prefeito municipal de são bento do sul, no uso de suas atribuições legais, resolve baixar as seguintes Portarias
atos -> O prefeito municipal de são bento do sul, no uso de suas atribuições legais, resolve baixar as seguintes Portarias
atos -> O prefeito municipal de são bento do sul,no uso de suas atribuições legais, resolve baixar as seguintes Portarias
atos -> Lei nº766, de 16, de dezembro de 2014
atos -> Estado de santa catarina prefeitura municipal de jacinto machado
atos -> O prefeito municipal de são bento do sul, no uso de suas atribuições legais, resolve baixar as seguintes Portarias
atos -> O prefeito municipal de são bento do sul, no uso de suas atribuições legais, resolve baixar as seguintes Portarias
atos -> O prefeito municipal de são bento do sul, no uso de suas atribuições legais, resolve baixar as seguintes Portarias

Baixar 82.29 Kb.

Compartilhe com seus amigos:




©bemvin.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
CÂmara municipal
ensino fundamental
ensino médio
concurso público
catarina município
Dispõe sobre
reunião ordinária
Serviço público
câmara municipal
público federal
Processo seletivo
processo licitatório
educaçÃo universidade
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
ensino superior
Relatório técnico
Universidade estadual
Conselho municipal
técnico científico
direitos humanos
científico período
espírito santo
pregão eletrônico
Curriculum vitae
Sequência didática
Quarta feira
prefeito municipal
distrito federal
conselho municipal
língua portuguesa
nossa senhora
educaçÃo secretaria
segunda feira
Pregão presencial
recursos humanos
Terça feira
educaçÃO ciência
agricultura familiar