Cip-brasil. CatalogaçÃo na publicaçÃo sindicato nacional dos editores de livros, rj


O PRIMEIRO “S” DOS SALVADORES DE VIDA



Baixar 0.82 Mb.
Pdf preview
Página7/11
Encontro05.08.2020
Tamanho0.82 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11

O PRIMEIRO “S” DOS SALVADORES DE VIDA
Não, não é “sono”. Desculpe-me. Apesar de saber que muitas pessoas adorariam poder dormir no
caminho para o sucesso, a vida simplesmente não funciona dessa maneira — a menos que você tenha
sido congelado criogenicamente e esteja esperando uma grande herança quando for descongelado.
Eis aqui seis práticas poderosas e comprovadas de desenvolvimento pessoal conhecidas como
Salvadores de vida que você utilizará para obter acesso às forças poderosas — que já existem dentro de
você — que o capacitarão a alterar, modificar ou transformar qualquer área de sua vida. Vamos ver cada
uma das seis ferramentas de desenvolvimento pessoal que constituem os Salvadores de vida e como cada
uma o ajudará a se tornar a pessoa que precisa ser para atrair, criar e viver facilmente a vida mais
extraordinária que jamais imaginou.
Salvadores de vida
SILÊNCIO
Na atitude de silêncio a vida encontra o caminho sob uma luz mais clara, e o que é elusivo e enganador
resolve-se em uma clareza cristalina.
— MAHATMA GANDHI
Você pode aprender mais em uma hora de silêncio do que em um ano de livros.
— MATTHEW KELLY
Silêncio é a primeira prática dos Salvadores de vida, e pode ser uma das áreas mais importantes para
melhorar nossos ruidosos estilos de vida, acelerados e superestimulados. Refiro-me ao poder
transformador de vida do Silêncio intencional. “Intencional” significa simplesmente que você está se
engajando em um período de Silêncio com um propósito altamente vantajoso em mente — não apenas

por fazê-lo. Como Matthew Kelly afirma tão eloquentemente em seu livro best-seller O ritmo da vida:
“Você pode aprender mais em uma hora de silêncio do que em um ano de livros.” Essa é uma afirmação
poderosa, de um homem muito sábio.
Se você quer reduzir imediatamente seus níveis de estresse, para começar o dia com o tipo de calma,
clareza e paz de espírito que lhe permitirá permanecer concentrado no que lhe é mais importante, e até
dançar à beira da iluminação — fazer o oposto do que a maioria das pessoas faz —, comece cada manhã
com um período de Silêncio intencional.
Os benefícios do Silêncio que melhoram a vida têm sido bem-documentados ao longo da história.
Do poder da oração à mágica da meditação, algumas das maiores mentes da história usaram o Silêncio
intencional para transcender as próprias limitações e criar resultados extraordinários.
COMO SUAS MANHÃS COSTUMAM COMEÇAR?
Você investe tempo em se centrar e criar um estado mental ideal para lhe conduzir pelo resto do dia?
Ou costuma esperar para acordar até ter algo para fazer? As palavras calma, tranquila ou
rejuvenescedora descrevem sua manhã média? Se sim, parabéns! Você já está um passo à frente do
restante de nós.
Para a maioria de nós, palavras como apressada, agitada, estressante ou até mesmo caótica podem
descrever melhor nossa manhã típica. Para outros, lento, preguiçoso e sonolento podem ser uma
descrição mais precisa de como nosso dia começa. Qual desses cenários reproduz melhor suas manhãs?
Manhãs, para muitos de nós, são tipicamente bem agitadas e apressadas. Em geral, estamos correndo de
um lado para o outro, tentando nos aprontar para o dia, e nossas mentes, muitas vezes, estão infestadas
por diálogos internos sobre o que precisamos fazer, para onde temos de ir, quem precisamos ver, o que
nos esquecemos de fazer, o fato de que estamos atrasados, uma discussão com nosso parceiro ou parente.
Outros têm dificuldades para simplesmente seguir em frente na maioria das manhãs. Sentem-se lentos,
preguiçosos e improdutivos. Portanto, para a grande maioria de nós, as manhãs ou são estressantes e
apressadas, ou lentas e improdutivas. Nenhuma das duas representa a maneira ideal de começar nosso
dia.
O Silêncio é uma das melhores maneiras para reduzir o estresse imediatamente, enquanto aumenta
sua autoconsciência e proporciona a clareza que lhe permitirá manter o foco em seus objetivos, suas
prioridades, e o que é mais importante: para sua vida, a cada dia.
Aqui estão algumas das minhas atividades preferidas para você escolher e praticar durante seu período
de Silêncio, em nenhuma ordem específica, seguidas por uma simples meditação para você começar:
Meditação
Oração

Reflexão
Respiração Profunda
Gratidão
Em algumas manhãs, faço apenas uma dessas atividades, em outras, eu as combino. Todas essas práticas
relaxarão sua mente e seu corpo, acalmarão seu espírito e permitirão que você esteja totalmente presente
e aberto para receber os benefícios que virão dos demais Salvadores de vida que constituem o restante
de seu Milagre da manhã.
É muito importante que você não fique na cama para fazer isso, e que, preferivelmente, saia de seu
quarto. O problema em permanecer na cama, ou até mesmo no quarto, onde sua cama aconchegante
está bem à vista, é que é muito fácil passar de sentado em Silêncio para se recostar e mergulhar de volta
no sono. Sempre me sento no sofá da minha sala de estar, onde já tenho arrumado tudo que preciso para
meu Milagre da manhã. Minhas afirmações, diário, DVD de yoga, o livro que estou lendo — tudo
tem seu lugar e está pronto para mim a cada dia para que, de manhã, seja fácil mergulhar de cabeça e
engajar-me no meu Milagre da manhã, sem precisar procurar por nada.
MEDITAÇÃO
Como já existem muitos ótimos livros, artigos e websites que se concentram em meditação, não entrarei
em muitos detalhes ao descrever os benefícios comprovados e as diversas abordagens dessa prática. Em
vez disso, apenas citarei alguns dos quais acredito que sejam os benefícios mais significativos, e lhe
darei um passo a passo para meditação que você poderá começar a usar imediatamente.

A essência da meditação é tão só silenciar ou concentrar a mente por um espaço de tempo. Você pode ou
não estar ciente dos benefícios extraordinários da meditação para a saúde. Estudos e mais estudos
mostram que meditação pode ser mais eficaz do que medicação, e ligam meditação regular a melhorias
no metabolismo, pressão arterial, atividade cerebral e outras funções corporais. Ela pode aliviar o
estresse e a dor, promover o sono, ampliar o foco e a concentração, e até aumentar a expectativa de vida.
Meditação também exige pouquíssimo tempo. Você pode se beneficiar dos efeitos da meditação com
apenas poucos minutos de prática por dia.
Celebridades, presidentes de companhias e gente de muito sucesso como Jerry Seinfeld, Sting, Russell
Simmons, Oprah e muitos outros declararam publicamente que meditação regular, muitas vezes diária,
tornou-se parte inestimável de suas vidas. O presidente da Tupperware, Rick Goings, disse ao Financial
Times que tentava meditar pelo menos 20 minutos todos os dias. Ele afirma: “Para mim é uma prática que
não apenas elimina o estresse como também me dá uma visão renovada para clarificar o que está
realmente acontecendo e o que realmente importa.” Oprah disse ao Dr. OZ que a Meditação
Transcendental a tem ajudado a “conectar-se com o que é Deus”, segundo o Huffington Post.
Existem muitos gêneros e tipos de meditação, mas, de modo geral, pode-se dividi-la em duas categorias:
a meditação “guiada” e a meditação “individual”. Meditações guiadas são aquelas nas quais você escuta
a voz de outra pessoa e recebe instruções para ajudar a orientar seus pensamentos, sua
concentração e consciência. Meditações individuais são simplesmente aquelas que você faz sozinho, sem
assistência de ninguém.
MEDITAÇÃO DO MILAGRE DA MANHÃ
Eis aqui uma meditação simples, passo a passo, que você pode usar durante seu Milagre da manhã,
mesmo que nunca tenha meditado.
Antes de iniciar sua meditação é importante preparar seu estado mental e estabelecer suas expectativas. É
um momento para você tranquilizar sua mente e abandonar a necessidade
compulsiva de estar o tempo todo pensando em algo — seja revivendo o passado, ficando estressado ou
preocupando-se com o futuro —, mas nunca vivendo plenamente o presente. Esse é
o momento de abandonar seus estresses, deixar de se preocupar com os seus problemas e estar
plenamente presente neste instante. É um momento para acessar a essência de quem você de fato é
— de mergulhar mais profundamente do que você tem, do que faz ou dos rótulos que aceitou como sendo
“quem você é” —, o que a maioria das pessoas jamais sequer tentou fazer. Acessar essa essência de
quem você realmente é costuma ser chamado de “apenas ser”. Sem pensar, sem fazer, apenas ser. Se isso
lhe parece estranho, ou é “new age” demais, tudo bem. Eu costumava me
sentir da mesma maneira. Na certa é porque você nunca tentou. Mas, graças a Deus, você está prestes a
tentar.
Encontre um lugar silencioso e confortável para se sentar — no sofá, em uma cadeira, no chão ou
em uma almofada.

Sente-se ereto, de pernas cruzadas. Você pode fechar os olhos ou olhar para o chão, cerca de sessenta
centímetros à sua frente.
Comece concentrando-se em sua respiração, respirando profunda e demoradamente. Inspire pelo
nariz e expire pela boca, e assegure-se de que esteja respirando com a barriga, não com o peito. A
respiração mais eficaz deve fazer sua barriga se expandir, não seu peito.
Agora, comece a ritmar sua respiração; inspire lentamente contando 3 segundos (1, 2, 3)... segure
por 3 segundos (1, 2, 3)... depois expire, lentamente, contando até 3 (1, 2, 3). Sinta seus pensamentos e
suas emoções se acomodando enquanto se concentra na respiração. Esteja ciente de
que, enquanto tenta acalmar sua mente, pensamentos ainda o visitarão. Apenas os reconheça, depois,
deixe-os ir embora, sempre retornando a concentração para sua respiração.
Lembre-se de que esse é um momento para você abandonar a necessidade compulsiva de estar
constantemente pensando em algo. Esse é um momento para abandonar seu estresse e parar de se
preocupar com seus problemas. Esse é o instante para estar plenamente presente neste momento.
Isto costuma ser chamado de apenas ser. Sem pensar, sem fazer, apenas ser. Continue a seguir suas
respirações, e imagine estar inspirando energia positiva, amorosa e tranquila e expirando todas as suas
preocupações e o seu estresse. Desfrute o silêncio. Desfrute o momento. Apenas respire...
Apenas seja.
Se você descobrir que tem um fluxo constante de pensamentos, concentrar-se em uma única palavra ou
frase e repeti-la de novo e de novo para si mesmo enquanto inspira e expira poderá ajudá-lo. Por
exemplo, você pode tentar algo como: (inspire) “Eu respiro em paz...”; (expire) “Eu
expiro amor... eu respiro em paz...”; (inspire) “Eu expiro amor...”; (expire)... Você pode trocar as
palavras paz e amor por qualquer outra coisa que acredite precisar mais em sua vida (confiança, fé,
energia, crença etc.) e o que você sentir que quer dar mais ao mundo.
Meditação é um presente que você pode dar a si mesmo todos os dias. É realmente um presente
incrível. O tempo que passo meditando tornou-se uma das partes favoritas do meu dia. É um momento
para estar em paz, experimentar gratidão, e um instante de liberdade das coisas que nos
estressam e nos preocupam no cotidiano. Pense na meditação diária como férias temporárias de seus
problemas. Sim, seus problemas continuarão existindo quando você terminar sua meditação diária, mas
você descobrirá que está muito mais centrado e mais bem-equipado para solucioná-los.
PENSAMENTOS FINAIS SOBRE SILÊNCIO
Não existe apenas uma única maneira correta para passar o tempo em Silêncio. Você pode rezar, meditar,
concentrar-se nas coisas pelas quais é grato, ou até mergulhar em pensamentos profundos.

Para mim, ficar sentado em Silêncio — especialmente meditar — foi bastante difícil no começo, talvez
porque sofro do que os médicos diagnosticaram como TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção com
Hiperatividade). Não sei se concordo com o diagnóstico ou mesmo com a ideia de que TDAH seja um
“distúrbio” (essa é uma conversa para outro momento), mas posso testemunhar que é, definitivamente, um
desafio ficar sentado quieto e acalmar a mente. Pensamentos tendem a ir e vir rapidamente, quicando
como uma bola de fliperama, quase sem parar.
Portanto, apesar de eu ficar sentado em silêncio, minha mente não parava de disparar. O fato de que
permanecer sentado imóvel e clareando a mente era tão difícil para mim foi precisamente o motivo pelo
qual precisei me comprometer a dominar a técnica. Levei de três a quatro semanas praticando Silêncio
todo dia, até me sentir competente. Eu chegava a um lugar no qual permitia que pensamentos viessem, eu
os reconhecia tranquilamente, e depois os deixava tranquilamente ir embora, sem ficar frustrado.
Portanto, não se desencoraje se passar tempo em Silêncio, ou meditar, for um desafio para você no
começo.
Em relação a quanto tempo você deve praticar seu período de Silêncio, recomendo começar com 5
minutos, apesar de que no próximo capítulo vou lhe ensinar como experimentar os benefícios do
Silêncio que melhoram sua vida em apenas 60 segundos por dia! Quando comecei essa prática, eu
permanecia sentado em Silêncio, calmo e relaxado, fazia uma oração, meditava, ponderava sobre as
coisas pelas quais eu era grato, e apenas respirava profundamente, por 5 minutos. É uma maneira tão
tranquila e perfeita para começar cada dia!
Salvadores de vida
AFIRMAÇÕES
É a repetição de afirmações que leva à crença. Quando essa crença se torna uma convicção profunda, as
coisas começam a acontecer.
— MUHAMMAD ALI
Você será um fracasso até gravar no subconsciente a convicção de que é um sucesso. Isso é realizado
fazendo uma afirmação, a qual dá um estalo.
— FLORENCE SCOVEL SHINN
“Sou o maior!” Muhammad Ali afirmava estas palavras repetidamente — então, ele se tornou o maior.
Afirmações são uma das ferramentas mais eficientes para se tornar rapidamente a pessoa que você
precisa ser para conquistar tudo o que deseja na vida. Afirmações permitem que você projete e depois
desenvolva o estado mental (pensamentos, crenças, concentração) de que precisa para levar qualquer
área de sua vida para o próximo nível.
Não é coincidência que algumas das pessoas mais bem-sucedidas em nossa sociedade —

celebridades como Will Smith, Jim Carrey, Suze Orman, Muhammad Ali, Oprah e muitos outros —
tenham, todas, falado sobre sua crença em que o pensamento positivo e o uso de afirmações as têm
ajudado em sua jornada rumo ao sucesso e à riqueza.
Quer você se dê conta ou não, falar incessantemente consigo mesmo não é apenas para os loucos.
Cada um de nós possui um diálogo interno que ocorre dentro de nossas cabeças, quase sem parar.
Grande parte dele é inconsciente, ou seja, não escolhemos conscientemente o diálogo. Em vez disso,
permitimos que nossas experiências passadas, tanto boas quanto ruins, passem de novo. Isso não é apenas
completamente normal, é um dos processos mais importantes que cada um de nós deve aprender e
dominar. Contudo, pouquíssimos assumem a responsabilidade de escolher ativamente elaborar
pensamentos positivos e proativos que agregarão valor às suas vidas.
Li há pouco uma estatística de que 80% das mulheres têm pensamentos autodepreciativos em relação a si
mesmas (imagem corporal, desempenho no trabalho, a opinião que outras pessoas têm delas etc.) ao
longo do dia. Tenho certeza de que os homens também os têm, apesar de poder ser em número menor.
Seu diálogo interno exerce dramática influência sobre seu nível de sucesso em todos os aspectos da sua
existência — confiança, saúde, felicidade, riqueza, relacionamentos etc. Suas afirmações ou estão
trabalhando a seu favor ou contra você, dependendo de como as está utilizando. Se você não projeta e
não escolhe conscientemente suas afirmações, está suscetível a repetir e a reviver os medos, as
inseguranças e as limitações de seu passado.
No entanto, quando você projeta e escreve ativamente suas afirmações para que estejam alinhadas
com o que deseja realizar e com quem você precisa ser para realizar tais coisas — e compromete-se a
repeti-las diariamente (de preferência em voz alta) —, elas são gravadas imediatamente em sua mente
subconsciente. Suas afirmações funcionam para transformar a maneira como você pensa e sente para que
possa superar suas crenças e seus comportamentos limitadores, e substituí-los por aqueles que necessita
para ter sucesso.
COMO AFIRMAÇÕES MUDARAM MINHA VIDA
Minha primeira exposição na vida real ao poder das afirmações aconteceu quando eu morava com um
dos meus amigos mais bem-sucedidos, Matt Recore. Quase todo dia eu ouvia Matt gritando no chuveiro,
em seu quarto. Pensando que estava me chamando, eu me aproximava da porta, apenas para
descobrir que ele gritava coisas como: “Estou no controle do meu destino! Mereço ser um sucesso!
Estou comprometido a fazer tudo que preciso hoje para atingir meus objetivos e criar a vida dos meus
sonhos!” Mas que esquisitão, pensava.
A única exposição anterior que tive a afirmações foi através de uma paródia popular na década de
1990 no programa de TV de sucesso Saturday Night Live, no qual o personagem de Al Franken, Stuart

Smalley, costumava se olhar em um espelho e repetir para si mesmo: “Sou bom o bastante, sou esperto o
bastante, e, ora bolas, as pessoas gostam de mim!” Como resultado, sempre vi as afirmações como uma
piada. Matt conhecia o assunto. Como aluno de Tony Robbins, Matt vinha usando afirmações e mantras
fazia anos para criar extraordinários níveis de sucesso. Dono de cinco casas, e um dos melhores
engenheiros de rede do país (tudo aos 25 anos de idade), eu deveria ter imaginado que Matt sabia o
que estava fazendo. Afinal de contas, era eu quem estava alugando um quarto na casa dele.
Infelizmente, levei mais alguns anos para me dar conta de que afirmações eram uma das ferramentas mais
poderosas para transformar a vida.
Minha primeira experiência usando afirmações veio quando li a respeito no lendário livro de Napoleon
Hill, Pense e enriqueça (o qual recomendo muito, diga-se de passagem). Apesar de ser cético em relação
a que a repetição de afirmações fosse mesmo ter algum impacto mensurável em minha vida, pensei em
tentar. Se funcionava para Matt, poderia funcionar para mim. Assim, escolhi como alvo a crença
limitadora que eu desenvolvera após sofrer danos cerebrais significativos no meu acidente de carro:
Tenho uma memória horrível.
Se você leu meu primeiro livro, Taking Life Head On, sabe que minha memória de curto prazo se tornou
praticamente inexistente depois do acidente de carro que sofri. Apesar de isso ter levado a alguns
incidentes bastante cômicos, minha memória estava tão ruim que amigos e parentes passavam horas me
visitando no hospital, saíam rapidamente para almoçar e, quando voltavam, eu os cumprimentava como
se não os visse fazia anos.
Encarar tamanha limitação física devido a um ferimento cerebral traumático levou-me a reforçar
continuamente a crença de que tenho uma memória horrível. Sempre que alguém me pedia para me
lembrar de alguma coisa ou lembrá-lo de algo, eu sempre respondia: “Eu faria isso, mas não posso —
tenho danos cerebrais e uma memória de curto prazo horrível.”
Sete anos já haviam se passado desde meu acidente de carro, e apesar de essa crença ser baseada na
minha realidade na época do acidente, estava na hora de abandoná-la. Talvez minha memória fosse tão
horrível, pelo menos em parte, porque eu jamais fizera o esforço de acreditar que ela pudesse melhorar.
Como Henry Ford disse: “Quer você pense que pode, quer pense que não pode, você está certo dos dois
jeitos.”
Se afirmações poderiam mudar o que era, para mim, a crença limitadora mais justificada que eu tinha,
então, elas deveriam poder mudar qualquer coisa. Portanto, criei minha primeira afirmação, que dizia:
Abri mão da crença limitadora de que tenho uma memória horrível. Meu cérebro é um organismo
maravilhoso, capaz de curar a si mesmo, e minha memória pode melhorar; mas somente na proporção do
quanto acredito que ela possa melhorar. Sendo assim, a partir deste momento, manterei a crença
inabalável de que tenho uma memória excelente, e que ela continua a melhorar a cada dia.
Eu lia esta curta afirmação todo dia, durante meu Milagre da manhã. Ainda programado com minhas
crenças antigas, eu não tinha certeza de que estava funcionando. Então, dois meses depois do meu
primeiro dia recitando minha afirmação, aconteceu algo que não tinha ocorrido em mais de sete

anos. Uma amiga pediu-me para lembrar de telefonar para ela no dia seguinte, e respondi: “Claro, sem
problema.” Assim que as palavras saíram da minha boca, meus olhos se arregalaram e fiquei empolgado!
Minha crença limitadora acerca da minha memória horrível estava perdendo o poder. Eu a
substituíra, e reprogramara minha mente subconsciente com minha crença nova e capacitadora, usando
minhas afirmações.
A partir daquele ponto, tendo também acrescentado a crença de que afirmações realmente funcionam, não
apenas minha memória continuou a melhorar como também criei afirmações para cada
área da minha vida que eu queria melhorar. Comecei a usar afirmações para aprimorar minha saúde,
minhas finanças, meus relacionamentos, minha felicidade geral, minha confiança, além de toda e qualquer
crença, mentalidade e hábito que demandavam uma melhora. Nada estava fora dos limites.
Não há limites!
COMO ESTÁ SUA PROGRAMAÇÃO?
Todos fomos programados — no nível subconsciente — para pensar, acreditar e agir da maneira como o
fazemos. Nossa programação é resultado de muitas influências, incluindo o que outros nos disseram, o
que dissemos a nós mesmos e todas as nossas experiências de vida — tanto as boas quanto as ruins.
Alguns de nós têm uma programação que torna mais fácil sermos felizes e bem-sucedidos, enquanto
outros — creio que a maioria — possuem uma programação que torna a vida difícil.
Portanto, a má notícia é que, se não modificarmos ativamente nossa programação, nosso potencial
será esmagado e nossas vidas, limitadas pelos medos, pelas inseguranças e limitações do nosso passado.
Devemos parar de nos programar para uma vida de mediocridade concentrada no que estamos fazendo
de errado, sendo duros demais com nós mesmos quando cometemos erros e fazendo com que nos
sintamos culpados, inadequados e indignos do sucesso que de fato desejamos.
A boa notícia é que nossa programação pode ser modificada ou aprimorada a qualquer momento.
Podemos nos reprogramar para superar todos os nossos medos, inseguranças, maus hábitos e qualquer
crença autolimitadora e destruidora de potencial que hoje temos, para que possamos nos tornar tão bem-
sucedidos quanto queremos ser, em qualquer área da vida que escolhermos.
Você pode usar afirmações para começar a se programar para ser confiante e bem-sucedido em tudo que
faz, apenas dizendo repetidamente a si mesmo quem você quer ser, o que quer realizar e como o
realizará. Com repetições suficientes, sua mente subconsciente começará a acreditar no que você lhe diz,
desenvolverá uma ação a respeito, e, eventualmente, se manifestará em sua realidade.
Colocar suas afirmações por escrito torna possível para você escolher sua nova programação de modo
que ela o conduza na direção da condição ou estado mental desejado, capacitando-o a revisá-la

constantemente. Repetir muitas vezes uma afirmação levará à aceitação pela mente, e resultará em
mudanças em seus pensamentos, crenças e comportamentos. Como você pode escolher e criar suas
afirmações, pode projetá-las para ajudá-lo a estabelecer os pensamentos, as crenças e os
comportamentos que deseja e precisa para ter sucesso.
Baixar 0.82 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11




©bemvin.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
CÂmara municipal
ensino fundamental
ensino médio
concurso público
catarina município
reunião ordinária
Dispõe sobre
Serviço público
câmara municipal
público federal
Processo seletivo
processo licitatório
educaçÃo universidade
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
ensino superior
Universidade estadual
Relatório técnico
Conselho municipal
técnico científico
direitos humanos
científico período
pregão eletrônico
Curriculum vitae
espírito santo
Sequência didática
Quarta feira
conselho municipal
prefeito municipal
distrito federal
língua portuguesa
nossa senhora
educaçÃo secretaria
Pregão presencial
segunda feira
recursos humanos
educaçÃO ciência
Terça feira
agricultura familiar