A exploraçÃo do ouro no brasil



Baixar 18.34 Kb.
Encontro21.11.2022
Tamanho18.34 Kb.
#146684
A exploração do ouro no Brasil e no Amapá
Os quatro princípios da mordomia bíblica

A EXPLORAÇÃO DO OURO NO BRASIL
Não é de hoje que conhecemos o Brasil como uma terra rica em minerais e o ouro é um deles, afinal, desde o tempo da colonização portuguesa ele já era retirado do Brasil.
Os primeiros grandes depósitos de ouro foram encontrados em Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso. Dessa forma, após o declínio da exploração da cana-de-açúcar, a descoberta do ouro no brasil impulsionou a extração e exportação dos minérios, tornando essa atividade a principal desta fase colonial.

Status atual do ouro no Brasil (2021)


Segundo o relatório do IBRAM, em 2020 a produção de ouro no Brasil foi obteve um faturamento de R$ 23 bilhões, já em 2021 esse faturamento passou para R$ 27 bilhões, dessa forma, a extração de ouro correspondeu a 8% do faturamento total desse setor no país.

Onde o ouro pode ser encontrado no Brasil?


Os principais estados brasileiros onde o ouro pode ser encontrado são os estados do;Pará, Goiás, Mato Grosso e Minas Gerais, havendo também na Bahia, Amapá e Maranhão. Porém, como a geologia de detalhe do Brasil ainda não é conhecida, podem existir jazidas de ouro em outros estados.

Que tipo de rocha se encontra ouro?


  • Depósitos hidrotermais epigenéticos, que são formados associados a soluções salinas aquecidas;

  • depósitos porfiríticos, que ocorrem próximo de intrusões dioríticas ou graníticas de textura porfiritíca;

  • depósitos metamórficos de contato (escarníticos) formado pela intrusão de rochas plutônicas em calcários impuros;

  • depósitos de óxidos de ferro-cobre-ouro (IOCG);

  • depósitos de placer, nos quais os minerais são removidos, transportados e se concentram a partir de suas propriedades físicas, sendo comum em leitos de rio.

Quanto ouro ainda existe no Brasil?


Na média, a extração de ouro no país movimenta R$ 14,2 bilhões por ano no Brasil

Como encontrar ouro no Brasil?


  • Leitos de Rios;

  • Musgos e Raizes;

  • Rejeitos de garimpos antigos;

  • Cascalhos;

  • Buracos e fendas de rochas.

A EXPLORAÇÃO DO OURO NO AMAPÁ
quando passou a ser Território Federal. As atividades relacionadas a garimpagem do ouro iniciaram nos anos de 1890, com o início das atividades nos garimpos do Lourenço, até hoje em atividade, principalmente administradas pela Cooperativa dos Garimpeiros do Lourenço (COOGAL).
com o início da exploração garimpeira de ouro no munícipio, as empresas Mineração Novo Astro (MNA) e Mineração Yukio Yoshidome S/A (MYYSA) passam a explorar o metal na região, realizando a exploração de ouro primário (oriundo da rocha matriz, e que pode ser explorado por meio de métodos de lavra subterrânea), secundário (resultante do ouro primário e modificado pelo intemperismo, presente nas camadas acima da rocha matriz) e o aproveitamento de rejeitos.
A empresa Mineração Novo Astro chegou a investir em Lourenço cerca de US$ 53 milhões, com a produção total declarada de 20 toneladas de ouro.
Por um pouco mais de cinquenta anos (1940 – 1995), o Estado experimentou um bom momento na mineração, decorrente das grandes empresas atuantes no Estado, com bons indicadores sociais e boa implementação de infraestrutura industrial.
No entanto, em decorrência do encerramento de alguns desses empreendimentos, a economia do estado passou por um tempo de frustração, até que em 2005 iniciou-se um novo ciclo mineral no Amapá, quando a Mineração Pedra Branca do Amapari – MPBA dá início a exploração de ouro no município de Pedra Branca, apresentando um potencial alternativo para o desenvolvimento econômico local e regional.
Esta mina está em funcionamento até os dias atuais, entretanto, está sendo atualmente gerenciada pela empresa Beadell Brasil Ltda.
De acordo com MONTEIRO (2005), o setor minero-metalúrgico brasileiro enfrenta um período de dificuldades em consequência da crise internacional, mas os bens minerais continuam constituindo um dos mais importantes segmentos no desenvolvimento sócioeconômico do Estado do Amapá.

A Agência Nacional de Mineração (ANM) autoriza exploração de ouro no Garimpo do Lourenço, um dos mais antigos do Norte 09/09/2021


autorizou a exploração de ouro e tantalita por 2 anos no garimpo do Lourenço, na Zona Rural de Calçoene, a 374 quilômetros de Macapá. A permissão foi assegurada por um despacho publicado no Diário Oficial da União

REFERÊNCIAS: https://g1.globo.com/ap/amapa/noticia/2021/09/09/anm-autoriza-exploracao-de-ouro-no-garimpo-do-lourenco-um-dos-mais-antigos-do-norte.ghtml
https://www.geoscan.com.br/blog/ouro-no-brasil/
Baixar 18.34 Kb.

Compartilhe com seus amigos:




©bemvin.org 2022
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
ensino médio
CÂmara municipal
ensino fundamental
concurso público
catarina município
Serviço público
Dispõe sobre
reunião ordinária
câmara municipal
público federal
processo licitatório
educaçÃo universidade
Processo seletivo
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
ensino superior
Universidade estadual
Relatório técnico
técnico científico
Conselho municipal
direitos humanos
científico período
Curriculum vitae
espírito santo
língua portuguesa
Sequência didática
pregão eletrônico
distrito federal
Quarta feira
conselho municipal
prefeito municipal
educaçÃo secretaria
nossa senhora
educaçÃO ciência
segunda feira
Pregão presencial
Terça feira
Escola estadual
agricultura familiar