1. segmentação; mórula; blástula; gástrula; nêurula



Baixar 1.48 Mb.
Página5/17
Encontro01.11.2016
Tamanho1.48 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   17

17. Em anfíbios, realizaram-se experimentos em que os núcleos de células embrionárias foram transplantados para ovos de anfíbios, que tiveram seus núcleos retirados. Considerando-se o total de ovos que não rejeitaram o núcleo transplantado, foi montado o gráfico a seguir.

A explicação para a diferença refletida no gráfico é que: a) os núcleos de mórula estão em um estágio em que todos os genes estão reprimidos. b) os núcleos de mórula são geneticamente distintos dos outros núcleos em questão. c) os núcleos de blástula e gástrula não receberam os estímulos citoplasmáticos necessários para o desenvolvimento do embrião. d) os núcleos de blástula e gástrula têm seus produtos gênicos eliminados por mecanismos de regulação. e) os núcleos de gástrula já se encontram em estágio de diferenciação.


18. UFPel-RS Chamadas de “células da esperança”, as células tronco são como uma folha de papel em branco, sobre a qual se podem escrever os mais diferentes textos. Essa versatilidade as torna a grande promessa para o tratamento de doenças graves – como, por exemplo, doenças cardíacas (como as decorrentes de infarto e do mal de Chagas) e doenças autoimunes (como diabetes do tipo I). Para aquelas, as pesquisas estão mais avançadas. Para efeito de comparação, no que se refere a sua versatilidade, é como se cada célula-tronco tivesse em seu interior inúmeros botões de liga-desliga. No processo de formação de células específicas, um desses botões é acionado e os demais são desligados para sempre. Uma parte das células do organismo permanece sendo tronco. Algumas delas ficam localizadas no cordão umbilical, outras incrustam-se na medula óssea. É com esse material que os cientistas andam promovendo a maioria de suas experiências. Já as células-tronco embrionárias vêm sendo menos estudadas, por questões éticas. Entretanto, elas são mais versáteis do que as outras, pois mantêm-se indiferenciadas por mais tempo durante o processo de reprodução em laboratório.

Com base no texto e em seus conhecimentos, é correto afirmar que: a) a comparação das células-tronco com “uma folha de papel em branco” revela metaforicamente a capacidade de essas células, originalmente indiferenciadas, transformarem-se em células especializadas e, por mitose, comporem qualquer tecido do corpo humano. b) as células-tronco são chamadas conotativamente de “células da esperança” por serem um potencial de cura para várias doenças, como a diabetes do tipo I – caracterizada pela redução acentuada de células-alfa das ilhotas de Langerhans, localizadas no fígado, o que inibe a produção de insulina. c) os “botões de liga-desliga” referem-se denotativamente à capacidade de diferenciação das células-tronco, que formam, a partir de um comando genético, um único tipo de célula para um determinado tecido – processo que, no desenvolvimento embrionário, inicia-se na fase de formação da mórula. d) o texto contrapõe as características das células tronco embrionárias às do cordão umbilical, destacando a superioridade daquelas em relação a estas, pois aquelas apresentam, num mesmo indivíduo, características genéticas diferentes e superiores às das outras, o que garante sua maior versatilidade. e) a palavra aquelas refere-se a doenças cardíacas, como o infarto – lesão que pode ser recuperada quando as células-tronco se multiplicam, na região afetada, pelo processo meiótico de divisão celular, conhecido como citocinese, que ocorre após a anáfase.


19. Em relação à classificação embriológica dos animais, assinale a alternativa que indica, respectivamente, animais que são: celomados, acelomados, pseudocelomados. a) celenterados, vermes e cordados. b) poríferos, artrópodes e aves. c) anelídeos, platelmintos e nematelmintos. d) cordados, platelmintos e poríferos. e) moluscos, equinodermos e cordados.
20. Fatec-SP Um estudante coletou alguns animais e separou-os em três categorias. I. coral-cérebro/ medusa/ anêmona II. solitária/ planária/ esquistossomo III. barata/ gafanhoto/ cupim As categorias foram estabelecidas de acordo com as características embrionárias relacionadas a seguir: A. triblástico acelomado B. diblástico C. triblástico celomado Assinale a alternativa que associa a categoria com a respectiva característica embrionária. a) I – B; II – C; III – A. b) I – C; II – A; III – B. c) I – B; II – A; III – C. d) I – A; II – C; III – B. e) I – A; II – B; III – C.
21. As figuras a seguir são representações esquemáticas de cortes transversais dos três tipos corporais básicos de animais triblásticos quanto à presença de cavidade corporal. Identifique os folhetos embrionários e as cavidades indicadas em cada figura e, a seguir, classifique os animais quanto ao nível de organização da cavidade corporal.




Baixar 1.48 Mb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   17




©bemvin.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Prefeitura municipal
santa catarina
Universidade federal
prefeitura municipal
pregão presencial
universidade federal
outras providências
processo seletivo
catarina prefeitura
minas gerais
secretaria municipal
CÂmara municipal
ensino fundamental
ensino médio
concurso público
catarina município
Dispõe sobre
reunião ordinária
Serviço público
câmara municipal
público federal
Processo seletivo
processo licitatório
educaçÃo universidade
seletivo simplificado
Secretaria municipal
sessão ordinária
ensino superior
Relatório técnico
Universidade estadual
Conselho municipal
técnico científico
direitos humanos
científico período
espírito santo
pregão eletrônico
Curriculum vitae
Sequência didática
Quarta feira
prefeito municipal
distrito federal
conselho municipal
língua portuguesa
nossa senhora
educaçÃo secretaria
segunda feira
Pregão presencial
recursos humanos
Terça feira
educaçÃO ciência
agricultura familiar