Uso estratégico da informaçÃo tecnológica de patentes estudo setorial do uso de silicones em cabos elétricos resistentes à chama



Baixar 2,42 Mb.
Página5/6
Encontro20.08.2018
Tamanho2,42 Mb.
1   2   3   4   5   6

Resultados: análise dos pedidos de patente de cabos elétricos contendo silicone resistentes à chama


Foram identificados 208 documentos de patente de silicone em cabos elétricos resistentes à chama e ao calor. Estes documentos foram analisados e categorizados de acordo com:

- o tipo de produto final ao qual o documento se refere;

- o tipo de produto de silicone descrito no documento de patente;

- o papel do silicone na composição ou tipo de composição;

- o setor de aplicação final do cabo (quando mencionado no documento).
Em relação ao tipo de produto final, os 208 documentos foram divididos nas seguintes categorias:


  • Material para cabo: documentos de patente sobre composições para revestimento dos cabos ou pedidos de patentes sobre material utilizado para fazer o cabo;

  • Cabo em si: documentos de patente (em geral modelos de utilidade) sobre o cabo em si, ou seja, sobre a disposição, tamanho de camadas entre outras características do cabo.

Neste sentido, foram identificados 133 documentos de patente de material do cabo e outros 78 sobre o cabo em si.
      1. Análise dos pedidos de patente de material para o cabo


Foram identificados 133 documentos referentes a composições de materiais para fazer cabos. A análise dos países da prioridade desses documentos, ou seja, país do primeiro depósito (Tabela 6) permite visualizar possíveis polos de geração de tecnologias de materiais para fabricação de cabos. A China concentra grande parte dos depósitos na área, sendo responsável por 78% dos documentos de patente. O Japão, segundo colocado, apresenta somente 16%.

Tabela 6: País de prioridade dos documentos de patente de material para fazer cabos resistentes à chama utilizando silicone



Número de documentos de patente

País da prioridade

104

China

21

Japão

5

Polônia

1

Escritório Europeu de Patentes

1

França

1

Federação Russa

Fonte: Elaboração própria.

Entre os pedidos de patente depositados prioritariamente na China e no Japão, poucos deles também foram depositados em outros países, como pode ser observado na Tabela 7. Isto denota que a maior parte dos depositantes da área busca proteção das referidas tecnologias apenas em seus próprios mercados.



Tabela 7: Relação entre país de prioridade x país de depósito dos pedidos de patente de material de cabos elétricos resistentes à chama e calor




Países de depósito

China

WIPO (PCT)

Japão

Escritório Europeu de Patentes

Estados Unidos

República da Coréia

Polônia

Federação Russa

Canadá

França

Taiwan

Total

Países de Origem

China

104

2

1

1

1

1
















104

Japão

1

6

18

1

1

1













1

21

Polônia



















5













5

Escritório Europeu de Patentes

1







1

1







1

1







1

França




1






















1




1

Federação Russa






















1










1

Total

106

9

19

3

3

2

5

2

1

1

1




Fonte: Elaboração própria
Os 10 principais depositantes de patente, ou seja, aqueles com 4 ou mais documentos, contabilizam 45 documentos (cerca de 34%) na área, o que mostra que não há concentração tecnológica no mundo.

Tabela 8: Principais depositantes de pedidos de patente de silicone para cabos elétricos resistentes à chama



Depositante

Número de documentos de patente

FUJIKURA LTD

15

WHHU HANGTIAN SPECIAL CABLE FACTORY

7

ANHUI JINQIAO CABLE CO

5

SHENZHEN WOER HEAT SHRINKABLE MATERIALS

5

AKAD GORNICZO HUTNICZA IM STA*

5

INST INZYNIERII MATERIALOW POLYIMEROWYCH*

5

POLITECHNIKA LODZKA*

5

NINGBO YIZHOU PLASTICS CO LTD

4

ORIGINAL DOW ADVANCED COMPOUNDS SHANGHAI

4

TONGLING TONGDU SPECIAL CABLE PLANT

4

Fonte: Elaboração própria

*Cabe ressaltar que a Akad Gorniczo Hutnicza Im Sta (AGH University of Science and Technology), o Inst Inzynierii Materialow Polyimerowych (Institute for Engineering of Polymer Materials & Dyes) e a Politechnika Lodzka (Lodz University of Technology), todos poloneses, são co-depositantes nos 5 pedidos de patente que aparecem no ranking.


Os documentos foram separados de acordo com o tipo de composição a qual se referiam, incluindo:

  • composições contendo borracha de silicone (onde a borracha é a base da composição, ou somente uma parte menor da composição)

  • composições onde o silicone é o lubrificante

  • composições de outros silicones que não borracha, entre outros tipos.

As composições descritas nos pedidos de patente são, em sua maioria (49), à base de borracha de silicone. Estes pedidos contemplam aqueles em que a borracha de silicone é a base da composição (maior percentual) e os pedidos em que a borracha de silicone é parte composição, mas não o componente principal.

No que diz respeito ao papel do silicone nas composições descritas nos 133 documentos de patente analisados, a tabela 9 traz o resultado encontrado, destacando-se o uso de silicones, que não são borracha, nas referidas composições para fabricar ou revestir cabos elétricos.

Tabela 9: Papel do silicone nas composições utilizadas no revestimento ou manufatura de cabos elétricos


Papel do silicone na composição

Número de documentos de patente

Composições contendo outros silicones (não borracha)

35

Composições em que o silicone é o lubrificante

30

Composições em que borracha de silicone é a base

26

Composições contendo borracha de silicone

23

Composições em que o silicone é agente de processamento

7

Compósitos de silicone

5

Ceramização de silicone

4

Silicone como agente de tratamento de superfície

4

Composições em que o silicone é aditivo ou estabilizante

3

Composições em que outros silicones (não borracha) são a base

3

Composições em que o silicone é o "antidripping" (acho que vale nota de rodapé explicando o que é antidripping)

1

Espuma de borracha de silicone

1

Fonte: Elaboração própria

A amostra de 133 documentos de patente também foi analisada quanto ao tipo de silicone descrito em cada um dos documentos. Observa-se na tabela 10 que diversos tipos de silicone, com distintas funções, podem ser empregados na manufatura de cabos elétricos resistentes à chama.

Tabela 10: Principais tipos de silicone empregados em composições para manufatura de cabos elétricos resistentes à chama


Papel do silicone na composição

Tipos de silicone – produto

(Número de documentos de patente) -

Composições contendo outros silicones (não borracha)(35)

silicone modificado(6);

silicone orgânico (6);

silicone em pó (5);

silicone masterbatch (3);

óleo de dimetil silicone(3)


Composições em que o silicone é o lubrificante (30)

silicone masterbatch (7);

silicone oil (5);

silicone (não especificado) (4);

silicone orgânico (3);

silicone de alto peso molecular (3)


Composições em que borracha de silicone é a base (26)

Borracha de metil vinil silicone (15);

borracha de silicone (5);

borracha de vinil silicone (3);

borracha de fenil silicone 2);

silicone orgânico (1)


Composições contendo borracha de silicone (23)

borracha de silicone (15);

borracha de silicone modificada(4);

silicone (não especificado) (2);

borracha de fenil silicone (1);

borracha de dimetil silicone (1)


Composições em que o silicone é agente de processamento (7)

silicone (não especificado) (2);

silicone masterbatch (1);

óleo de silicone (1);

silicone de alto peso molecular (1);

óleo de dimetil silicone(1);


Compósitos de silicone (5)

silicone composites (2);

methyl vinyl silicone rubber (1);

silicon-containing polymer composite (1);

resina termoplástica de silicone (1)



Ceramização de silicone (4)

Compósitos de silicone (2);

Borracha de metil vinil silicone (1);

resina termoplástica de silicone (1)


Silicone como agente de tratamento de superfície (4)

silicone (não especificado) (1);

silicone orgânico (1);

óleo de metil hidrogênio silicone (1);

superfície tratada com hidróxido metálico tratado com silicone (1)



Composições em que o silicone é aditivo ou estabilizante (3)

silicone (não especificado) (2);

pó de silicone (1)



Composições em que outros silicones (não borracha) são a base (3)

óleo de dimetil silicone(1);

borracha de silicone modificada(1);

óleo de metil silicone(1)


Composições em que o silicone é o "antidripping"(1)

silicone (não especificado) (1)

Espuma de borracha de silicone (1)

borracha de silicone (1)

Fonte: Elaboração própria

Quanto à aplicação final a que se destinam os cabos elétricos resistentes à chama, apenas 28 documentos apresentam esta informação, destacando-se o setor automotivo (tabela 11).

Tabela 11: aplicação final dos pedidos de patente de material para cabos elétricos resistentes à chama


Aplicação final dos cabos elétricos resistentes à chama

Número de Pedidos de Patente

Automóveis

10

Eletrônica e comunicação

5

Indústria nuclear

5

Aparelhos elétricos

2

Cabo ótico

2

Cabos elétricos de interiores

2

Ferroviário

2

Barcos

1

Cabos de transformadores de alta tensão

1

Gerador de energia eólica

1

Instrumentos médicos (desinfecção por irradiação)

1

Mineração

1

Fonte: Elaboração própria
      1. Patentes de cabos em si


Esta amostra, com 75 documentos, reúne os pedidos de patentes que descrevem a disposição das camadas dos cabos elétricos. São, em sua maioria, pedidos de patente de modelo de utilidade6.

Esta amostra, assim como a analisada na seção anterior (pedidos de patente sobre materiais para fabricação de cabos elétricos resistentes à chama) é representativa de tecnologias, em sua maioria, geradas na China (Tabela 12).

Tabela 12: Polos de geração das tecnologias de fabricação de cabos elétricos resistentes à chama


Polos de geração das tecnologias de fabricação de cabos elétricos resistentes à chama

Número de pedidos de patente

China

45

Japão

13

Federação russa

9

República da Coréia

6

Estados Unidos

2

Austrália

1

Escritório Europeu de patentes

1

Itália

1

Fonte: Elaboração própria

Entre os 75 documentos de patente analisados, a maioria descreve cabos elétricos contendo camadas de borracha de silicone, como pode ser observado na tabela 13.



Tabela 13: Tipo de silicone descritos nos documentos de patente referentes a cabos elétricos resistentes à chama

Número de Pedidos

Produto de silicone

37

Borracha de silicone

9

Borracha de silicone reticulada

4

Silicone orgânico

3

Borracha de silicone modificada

3

Silicone

3

Adesivo de silicone

2

Óleo de dimetil silicone

2

Borracha de metil vinil silicone

2

Compósito polimérico contendo silicone

2

Compósitos de silicone

1

Silicone de alto peso molecular

1

Copolímero de polyeterimida/siloxana

1

Silicone em pó

1

Gel de silicone

1

Hidróxido de silicone; espuma de silicone

1

Masterbatch de silicone

1

Óleo de silicone

1

Pó de silicone

Fonte: Elaboração própria
  1. Conclusões


O presente trabalho apresenta os resultados do estudo elaborado para sensibilizar as empresas da comissão setorial de silicones da Abiquim quanto à importância estratégica da informação tecnológica disponível em documentos de patente.

O uso estratégico da informação de patentes envolve, entre muitos outros, a identificação de tendências tecnológicas em distintos setores, o mapeamento de competências existentes, além da verificação das tecnologias que estão livres para serem exploradas no País.

Para o presente estudo, foram analisados apenas os documentos de patente na área de química referentes a produtos de silicone.

Em relação às tendências tecnológicas, observa-se que o silicone é um produto químico com aplicações diversas, que perpassam distintas áreas do conhecimento. Isso se reflete no grande número de pedidos de patente de silicone publicados no mundo nos últimos dez anos, cujas tecnologias pertencem a grandes empresas químicas, estão, em sua maioria, disponíveis para exploração no Brasil. As principais aplicações dos silicones destacadas nos referidos documentos são em semicondutores e em composições para revestimentos.

Ao se analisarem as tendências tecnológicas no uso de silicones para fabricação de cabos elétricos resistentes à chama, observam-se dois grandes grupos: o de composições para manufatura dos cabos (133 documentos de patente) e o de cabos propriamente ditos (78).

Por meio também das análises dos pedidos de patente deste estudo, foi possível concluir que o silicone pode ser utilizado de diversas formas na fabricação de cabos elétricos resistentes a chama, como, por exemplo, entre as camadas dos referidos cabos ou em composições para seu revestimento. Além disso, tipos diferentes de silicone podem ter papéis distintos nas composições de fabricação e revestimento dos cabos, tais como, o uso como lubrificante ou como parte auxiliar do cabo.



Sugere-se como desdobramento do presente estudo, o uso de sua metodologia na análise de patentes de silicones com outras aplicações em distintos setores.
  1. Anexo 1: Classificação Internacional de Patente referente a silicones





1   2   3   4   5   6


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal