Secretaria Municipal de Educação Subsecretaria de Ação Pedagógica Coordenadoria de Educação Especial Roteiro para investigação do comportamento adaptativo



Baixar 4,74 Mb.
Página40/40
Encontro15.09.2018
Tamanho4,74 Mb.
1   ...   32   33   34   35   36   37   38   39   40

3) USO COMUNITÁRIO





Av.Inicial

1°Bm

2°Bm

3°Bm

4°Bm

1-A família e a comunidade acreditam na sua potencialidade

N

N

N

N

N

2-Demonstra ingenuidade ao lidar com outras pessoas

S

S

S

S

S

3-Faz pequenas compras sozinho próximo de casa

N

N

N

AV

AV

4-Faz compras em supermercado ou shopping

N

N

N

N

N

5-Vai ao médico ou terapia somente acompanhado

S

S

S

S

S

6-Vai ao médico ou terapia a pé, sozinho

N

N

N

N

N

7-Vai ao médico ou terapia utilizando ônibus ou metrô

N

N

N

N

N

9-Freqüenta playground ou parquinho sozinho

N

N

N

N

N

11-Freqüenta ensino regular

S

S

S

S

S

12-Freqüenta instituição

N

N

N

N

N

13-Freqüenta classe especial em escola regular

N

N

N

N

N

14-Gosta de ir a lanchonetes

S

S

S

S

S

15-É capaz de escolher seu próprio lanche na lanchonete

S

S

S

S

S

16-É totalmente dependente para lanchar em público

S

S

S

S

S

17-É independente no lanche

S

S

S

S

S

18-Gosta de ir ao cinema

S

S

S

S

S

19-É capaz de concentrar-se no filme, quando o mesmo for apropriado a sua idade e interesse

S

S

S

S

S

20-Freqüenta alguma atividade desportiva sozinho

N

N

N

N

N

21-Participa de celebrações religiosas junto à família e à comunidade

N

N

N

N

N

22-Reconhece a rua onde mora

S

S

S

S

S

23-Reconhece a sua casa

S

S

S

S

S

24-Sai de casa somente acompanhado

S

S

S

S

S

25-Reconhece através de cores ou símbolos os ônibus

AV

AV

AV

AV

AV

26-Reconhece através de leitura os meios de transportes

N

N

N

N

N

27-Reconhece os ônibus ou os meios de transportes que deva utilizar para chegar a casa

N

N

N

N

N

28-Apresenta dificuldade para permanecer em um coletivo

N

N

N

N

N

29-Demonstra alegria ao andar de ônibus, trem ou metrô

S

S

S

S

S

30-Demonstra medo ou pânico ao andar de coletivo

N

N

N

N

N

31-Sai de casa sozinha sem utilizar meio de transporte

N

N

N

N

N

32-Sai de casa sozinho utilizando algum meio de transporte

N

N

N

N

N

33-Reconhece símbolos que identificam lugares, como banheiro Masc/Fem , refeitório

S

S

S

S

S




Aval.Inicial



DESCREVA INFORMAÇÕES QUE CONSIDERE

NECESSÁRIAS:




APOIOS /SUPORTES/ACESSIBILIDADE AO CURRÍCULO




A aluna apresenta condições de sair de casa porém só acompanhada.

-----------------------------










1° Bim

Apresenta medo ao atravessar a rua e demonstra insegurança.

-----------------------------



















2°Bim

Apesar da idade é muito ingênua nesta questão.

-----------------------------



















3°Bim

---------------------------------






















4°Bim

-------------------------------------



OBSERVAÇÕES GERAIS:



A aluna possui um relativo grau de dependência é ingênua demais para sua idade. .




Duque de Caxias,______/______/_______


Professora da SR/CE: Shirley A. Cabral Professor (a) ER: Camile
Profissional ELO: Raquel OE) Diretor: Marcelo de Jesus Pereira
Responsável:_______________________________________________
Coordenação de Educação Especial: ____________________________

Referências Bibliográficas:


AAMR. Retardo mental: definição, classificação e sistemas de apoio/ American Associationon Mental Retardation. Tradução Magda França Lopes- 10ªed- Porto Alegre: Artmed, 2006.

FERNANDES,E O modelo multifatorial da Associação Americana de Retardo mental aplicado a estudos de caso de portadores da síndrome de Williams. Anais do 10o Congresso Nacional da Federação Nacional das Sociedades Pestalozzi-O Portador de Deficiência e os Desafios da Atualidade. NOTABENE Editora, 2002.

___________Estudo de caso descritivo da implantação do Paradigma da Associação Americana de Retardo Mental na Comunidade de Barro Branco. Tese de Doutorado. Instituto Fernandes Figueira/ FIOCRUZ, 2000.

________ A revisão do conceito de retardo mental pela Associação Americana de Retardo Mental: possibilidades de convergência teórica com o paradigma da escola inclusiva. In: Anais do III Congresso Íbero – Americano de Educação Especial. Foz do Iguaçu: Ministério da Educação e do Desporto, pp 198 –200, 1998.

__________________ Educação para todos – saúde para todos: a urgência da adoção de um paradigma multidisciplinar nas políticas públicas de atenção a pessoas portadoras de deficiências. In:Benjamin Constant / MEC, ano 5, n. 14, p. 3- 10. Rio de Janeiro: IBCENTRO, 1999.

___________________O modelo multifatorial da Associação Americana de Retardo mental aplicado a estudos de caso de portadores da síndrome de Williams. Anais do 10o Congresso Nacional da Federação Nacional das Sociedades Pestalozzi-O Portador de Deficiência e os Desafios da Atualidade. NOTABENE Editora, 2002.

FERNANDES,E.M; CORREA,M .Processo de ensino-aprendizagem do aluno com necessidades especiais- Deficiência Mental. Rio de Janeiro: UNIRIO,2008,384p.

LUCKASSON,R et. alli.Mental Retardation: definition, classification, and systems of supports– worbook. Washington: American Association on Mental Retardation, 1992.

____________________. The changing conception of mental retardation:implications for the field. In: Mental Retardation, vol. 32, no 3, june,pp 181 – 193, 1994.

_______________________.Mental Retardation: definition, classification, and systems ofsupports – worbook. Washington: American Association on Mental Retardation, 2002.



_________________________et al. The Renaming of Mental Retardation: Undestanding the Change to the Term Intellectual Disability. In Intelectual and Developmental Disabilities. Vol 45, mumber2: 116-124, april, 2007.
1   ...   32   33   34   35   36   37   38   39   40


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal