Projeto agroindustrial



Baixar 60,4 Kb.
Encontro24.08.2018
Tamanho60,4 Kb.
PROJETO AGROINDUSTRIAL

Regente: Profa. Maria Laura Gomes Silva da Luz

Colaboradores: Prof. Carlos Alberto Silveira da Luz

Profa. Gizele Ingrid Gadotti

Prof. Mário Conill Gomes

Código: 570076

Créditos: 3

Ano: 2018

Carga horária: 51h

Semestre letivo: primeiro

Período: quinta-feira das 8h às 10h 45min

Resumo

- Projeto de Ensino Multidisciplinar

- Plano de Ensino

- Cronograma de atividades



Resumo das atividades do semestre (veja detalhes adiante)

- Primeira etapa:

Análise de mercado – público-alvo; região que abrange o projeto e seu mercado consumidor; preço médio dos últimos 5 anos neste mercado e questionário sobre o consumo na região abrangente;

Tecnologia agroindustrial - revisão bibliográfica completa, com citações de autores, conforme normas e

Legislação - quais seriam utilizadas no projeto e porque - muito bem justificado; Embalagem do produto - qual(is) seria(m) utilizada(s) no projeto e porque - muito bem justificado;

Estratégia de marketing (qual seria utilizada no projeto e porquê - muito bem justificado).

- Segunda etapa:

Correções da primeira etapa;

Memorial descritivo - explicar quais seriam as operações e os equipamentos utilizados no projeto e porquê - muito bem justificado;

Balanço de massa detalhado (fluxograma e dados numéricos com unidades compatíveis);



Layout (croquis em escala, com dimensões de equipamentos e espaços, mas sem muito detalhamento, porém com pessoas e animais – se for o caso - vistos de cima, áreas de recepção e expedição demarcadas, legendas para identificar locais e equipamentos);

Quadro de funcionários com funções no tempo;

Orçamentos do projeto.
- Terceira etapa:

Correções da segunda etapa;

Plantas baixa, 3D, corte(s) detalhado(s) e dentro das normas;

Fluxo de caixa, cenários e respectivos índices de viabilidade econômica, preço mínimo do produto neste projeto.



Introdução

A disciplina de Projeto Agroindustrial está integrada, mediante um Projeto de Ensino intitulado “Projeto Multidisciplinar Agroindustrial”, com as seguintes disciplinas:

Operações Agroindustriais I

Operações Agroindustriais II

Análise Econômica de Projetos

Os professores que estão integrados na disciplina de Projeto Agroindustrial e avaliam a disciplina são:

Profa. Dra. Maria Laura G.S. da Luz (regente)

Prof. Dr. Carlos Alberto Silveira da Luz

Profa. Gizele Ingrid Gadotti

Prof. Dr. Mário Conill Gomes

De acordo com este Projeto de Ensino, os alunos de Projeto Agroindustrial serão os líderes dos grupos de trabalho e os das Operações Agroindustriais serão os liderados.

Os grupos serão sorteados.

Os líderes devem repassar tarefas, cobrá-las, repassar conhecimento, interagir.

É obrigatória a presença de todos (líderes e liderados) durante todas as apresentações de projetos.

O desempenho da liderança será avaliado para recebimento de certificado de participação e horas no Projeto de Ensino.

Ementa

Aspectos econômicos e legais de instalações de unidades agroindustriais.

Critérios técnicos na implantação de unidades agroindustriais e infraestrutura.

Elaboração de projetos agroindustriais, unidades de conservação e de beneficiamento de grãos e de sementes.

Órgãos de incentivo e financiadores do desenvolvimento agroindustrial.

Objetivo Geral

O aluno deverá adquirir conhecimentos sobre os aspectos econômicos e legais de instalações de unidades agroindustriais, bem como sobre os critérios técnicos na sua implantação, a fim de poder elaborar projetos agroindustriais.

Dar condições aos alunos de agregar todo o conhecimento adquirido anteriormente para desenvolver um projeto agroindustrial, de forma que ele esteja dentro das normas ambientais e técnicas vigentes, com vistas a resolver problemas da área agroindustrial, centrado na sequência das etapas das operações que serão necessárias (“layout”), mercado potencial para o produto e subprodutos, dimensionamento com o seu critério econômico.

Objetivos Específicos

Fazer com que o aluno busque o conhecimento da tecnologia necessária para o desenvolvimento do projeto, pesquisar um possível mercado consumidor do produto em questão, bem como estabelecer o levantamento de recursos necessários para a implantação do projeto, verificar as normas vigentes relacionadas com o projeto.

Permitir ao aluno identificar as etapas de um projeto agroindustrial.

Gerenciar e liderar um grupo de trabalho, com colegas de outras disciplinas, obtendo e repassando informações pertinentes ao projeto.

Fazer um orçamento e uma análise econômica do projeto, para ter noção da sua viabilidade prática.

Apresentar na forma escrita e eletrônica os conhecimentos teóricos e o projeto em si para os colegas, gerando discussão e difundindo entre si o conhecimento dos diversos projetos para toda a turma.

Preparar um trabalho para ser publicado sobre o assunto pesquisado.

Conteúdo Programático

UNIDADE I - Aspectos Econômicos e Legais de Instalações de Unidades Agroindustriais

UNIDADE II - Critérios Técnicos na Implantação de Unidades Agroindustriais e Infraestrutura

UNIDADE III - Elaboração de Projetos Agroindustriais, Unidades de Conservação e de Beneficiamento de Grãos e de Sementes

UNIDADE IV - Órgãos de Incentivo e Financiadores do Desenvolvimento Agroindustrial

Procedimento Didático

O desenvolvimento do programa será feito através de orientação teórica e trabalho de grupo, podendo ser realizadas visitas ou organizadas palestras quando oportuno.

Os projetos poderão ser de livre escolha e realizados individualmente ou em duplas.

O aluno ou dupla estará(ão) responsável(is) pelo gerenciamento do grupo de trabalho, composto de colegas de outras disciplinas anteriores do curso.



Avaliações

Os alunos mesmo se realizarem projetos em duplas serão avaliados individualmente.

Cada aluno deverá obrigatoriamente tomar parte atuante nas apresentações para ser avaliado.

Serão realizadas três avaliações dos projetos.

O desempenho dos alunos da disciplina como coordenadores (líderes) do grupo de apoio será avaliado durante todas as fases do projeto.

Os alunos terão que mostrar o trabalho em cada fase para a professora da disciplina, em data marcada (orientação obrigatória), para estarem aptos a apresentarem o projeto.

A média final será a média ponderada das três notas, sendo:

20% o peso da primeira nota,

20% o peso da segunda nota e

60% o peso da terceira nota.

A terceira avaliação do trabalho será composta por:

40% o projeto em si

30% trabalho a ser publicado

30% a análise econômica final e completa

Sem a liberação da professora para a apresentação, o trabalho não poderá ser apresentado na data prevista e então o(s) aluno(s) ficará(ão) com zero naquela etapa.

É obrigatória a presença de todos (líderes e liderados) durante todas as apresentações de projetos.

Os alunos liderados serão chamados após a apresentação de cada projeto para explicarem detalhes da sua participação.

A planilha de avaliação está no site.

Os itens a serem avaliados:

- conteúdo e profundidade do tema abordado;

- dificuldade na execução do projeto;

- clareza e domínio do assunto nas apresentações escrita e oral;

- forma de apresentação escrita, qualidade da impressão, gramática correta, apresentação geral, constando dos itens enumerados, conforme descrito para cada fase do projeto;

- qualidade do material da apresentação em multimeios;

- participação com perguntas, comentários, sugestões, etc. nas aulas e nas apresentações dos outros projetos;

- postura do aluno na apresentação e maneira de vestir;

- liderança e gerenciamento do grupo de apoio de colegas, sendo avaliado o aproveitamento e a interação do grupo no projeto;

- análise econômico-financeira do projeto.



Pesquisa - 1ª Nota

Apresentação escrita

Apresentação oral

Forma de apresentação: escrita

O material pesquisado deverá conter:

- Introdução geral e histórico, se for o caso

- Objetivos, mencionando o tamanho do projeto (exemplo: vai beneficiar 30.000 kg/dia; vai confeccionar 300 L/h, etc.)

- Justificativa do projeto (impacto que o projeto trará)

- Localização justificada do projeto com:

- planta de situação (pode ser foto do Google Maps com indicações);

- planta de localização (pode ser foto do Google Maps com marcação da agroindústria);

- Dados de produtividade atualizados com a respectiva fonte (exemplo: IBGE, FAO, IRGA)

O material pesquisado deverá conter:

- dados e estado de mercado e projeção de vendas;

- dados do mercado consumidor, concorrente e fornecedor;

- pesquisa que evidencie o tamanho do projeto;

- todo o detalhamento da tecnologia envolvida (operações unitárias) em todos os processos a serem utilizados no projeto;

- lista de referências com todas as fontes consultadas, inclusive ‘sites’ da internet, listados conforme a ABNT (livro no site: wp.ufpel.edu.br/mlaura);

- nos anexos: normas (só a primeira página), regulamentos importantes para o projeto.

O material escrito deverá ser entregue:

- 1 cópia digital (ou impressa, se o aluno preferir), conforme diretrizes, na data marcada para a Profa. M.Laura (m.lauraluz@gmail.com) até às 18 h, após será considerado atraso

- 1 cópia para Prof. Conill, conforme estabelecido por ele na disciplina dele

- 1 cópia digital para cada um dos demais professores: Carlos e Gizele (carlossluz@gmail.com; gigadotti@gmail.com)



O material escrito deverá ser:

- digitado com espaçamento de no mínimo 1,5, fonte Arial ou Times New Roman, fonte 12, com capa padrão (ver modelo no site);

- impressão frente e verso das folhas (exigência na última versão, impressa);

- com os itens numerados em ordem lógica;

- paginado e com sumário (índice) (encadernado se impresso);

- preparado com as citações das referências nos locais pertinentes no texto e a listagem delas, conforme norma (ver livro no site).

Catálogos, fotos, gráficos, desenhos, etc. poderão constar para enriquecer as explicações.

Sempre que colocar uma tabela, numerá-la e colocar seu título na parte superior. A fonte, se não for confeccionada pelos autores, deve constar na parte inferior.

Sempre que colocar um gráfico, figura, foto, etc., referir-se como Figura, numerá-la e colocar seu título na parte superior da mesma e fonte, se for o caso, na parte inferior (Norma ABNT 2012).

Obs.: Tabelas têm só três linhas horizontais (antes e depois do cabeçalho e no final da tabela), não possuindo, portanto, nenhuma linha vertical. Figuras não têm bordaduras (contornos).

Sempre fazer comentários sobre tabelas e figuras no texto, enfatizando os pontos que são importantes.

Nunca deixar um título ou subtítulo sozinho no final de uma página.

A maneira de fazer a citação das referências é de acordo com a ABNT ou pelas normas da UFPel (procurar no site da Biblioteca): Teses, dissertações e trabalhos acadêmicos: manual de normas da Universidade Federal de Pelotas / Carmen Lúcia Lobo Giusti et al., 2006.

Poderá ser consultado o livro: “Metodologia da Pesquisa Científica e Produção de Textos para Engenharia” para auxiliar na redação do projeto e dos resumos (se utilizar este material, por favor, citar os autores). Disponível em: wp.ufpel.edu.br/mlaura/

A cópia digital do trabalho escrito, enviada para o e-mail dos professores, deverá ser idêntica à escrita e que ficará arquivada para consulta sobre as modificações propostas.

Forma de apresentação: oral

Em data marcada (ver cronograma no site), a apresentação se iniciará com projeção de slides de:

- título, autores e colaboradores;

- objetivos gerais;

- localização e situação;

- tamanho do projeto;

- revisão bibliográfica (tecnologia, dados, processos, etc.);

- pesquisa de mercado;

- projeção de vendas (quantidades e preços);

- normas importantes relativas ao projeto.

Usar software tipo Power Point ou similar, com auxílio do projetor multimídia.

Duração: 15 minutos para cada projeto e 15 minutos em média para perguntas.

Se exceder o tempo da apresentação, o aluno ou grupo será penalizado porque irá prejudicar a próxima apresentação. Isto vale para todas as apresentações.

Se houver ficha de avaliação dos coordenadores sobre o grupo de alunos colaboradores, esta deverá ser preenchida e entregue durante a manhã de cada apresentação.

O funcionamento do equipamento de multimeios é de responsabilidade de cada grupo e deverá ser verificado antecipadamente.

O grupo que não conseguir apresentar por problemas de equipamento ou “software” ou outro será penalizado na nota, conforme citado anteriormente.

Se o conteúdo da apresentação oral não coincidir exatamente com o escrito, o grupo será penalizado com 50% da nota.

Ante-projeto – 2ª Nota

Apresentação escrita

Apresentação oral

Forma de apresentação: escrita

Entregar o material escrito da primeira fase já com as correções feitas (1 via impressa (opcional) + 1 via digital) + vias digitais aos outros profs. ou conforme pedido por eles.

Acrescentar aos itens da primeira fase:

- fluxograma do projeto e balanço de massa (podem estar juntos ou não);

- quadro de funcionários (funções x tempo);

- orçamento;

- investimento do projeto e fluxo de caixa;

- planta baixa simplificada, cotada, com pessoas, com espaços destinados, por exemplo, para recepção e armazenamento dos produtos.



Forma de apresentação: oral

Entregar antes da apresentação, avulso, em 4 vias, em tamanho A4, ou maior, o croquis da planta baixa (1 por prof.). Ver datas no cronograma divulgado no site.

Este material será utilizado pelos professores para propor modificações, fazer anotações e será guardado para ser confrontado com a última apresentação.

Em data marcada, a apresentação se iniciará com projeção de slides de título, objetivos gerais e informações importantes a critério do grupo, para relembrar o assunto do projeto.

Duração: 15 minutos para cada projeto e 15 minutos em média para perguntas. O aluno do grupo que não participar ativamente da apresentação ficará com zero, pela impossibilidade de ser avaliado.

Utilizar o projetor multimídia e os softwares AutoCAD e Power Point ou similares.

Apresentar: (idem ao escrito)

- parte introdutória como na primeira fase;

- o fluxograma do projeto para estudar o “layout”;

- o balanço de massa;

- o quadro de atividades dos funcionários no tempo.

Após, será feita a exposição oral da parte prática do projeto desenvolvido, baseada em croquis das instalações que estão sendo projetadas:

Finalmente, será apresentado:

- o orçamento detalhado do projeto;

- o investimento necessário;

- os custos operacionais (fluxo de caixa).



Projeto Final – 3ª Nota

Apresentação escrita

Apresentação oral

Publicações



Forma de apresentação: escrita

Entregar o material escrito da segunda fase digital (impresso opcional):

- já com as correções feitas (1 via se impresso)

- com capa padrão (ver no site)

- na data marcada

- impresso frente e verso (na data final)

- espaço simples

- com cópias digitais aos demais professores.



Acrescentar:

- Memorial Descritivo (com plantas, fluxograma e balanço de massa incluso nele)

- Memorial de Cálculo

- Análise econômica final com decisões, cenários e detalhes comentados e com indicadores econômicos comentados por escrito

- Conclusões

- Opcional – após as conclusões Sugestões

- Referências

- Apêndices

- Anexos

Acrescentar dentro do item Memorial Descritivo:

- planta de situação (do terreno)

- planta de localização (da planta no terreno)

- planta baixa com detalhamento na linha do projeto agroindustrial, cotada e legendada

- no mínimo um corte longitudinal na linha agroindustrial.

Acrescentar nos Apêndices (após a lista de referências):

- formulário da FEPAM (ou outro órgão ambiental pertinente) preenchido para licenciamento ambiental do projeto para gerar o valor a ser pago que constará na análise econômica;

- questionários de pesquisa de mercado (se houver);

- outros apêndices (materiais produzidos pelos autores), se for o caso.



Acrescentar nos Anexos (após os Apêndices):

- normas importantes para o projeto (www.abntcolecao.com.br/ufpel) – só a primeira página;

- catálogos ou referências dos fabricantes dos equipamentos utilizados;

- outros anexos, se for o caso.



O material escrito final deverá estar:

- encadernado, paginado, com sumário;

- escrito em espaço simples, sem espaços em branco desnecessários, para economia de papel, impresso frente e verso;

- as plantas também deverão estar encadernadas, dobradas em A4, conforme a norma, dentro do item Memorial Descritivo, portanto, no corpo do trabalho (Atenção: a dobradura deverá ser A4 perfeitamente, sem exceder as bordas do trabalho encadernado).



Forma de apresentação: oral

Em data marcada, a apresentação se iniciará com projeção de slides de título, objetivos gerais e informações importantes a critério do grupo, para relembrar o assunto do projeto.

Duração: 15 minutos para cada projeto e 15 minutos em média para perguntas. O aluno do grupo que não participar ativamente da apresentação ficará com zero, pela impossibilidade de ser avaliado.

Utilizar o projetor multimídia e os softwares:



- Power Point ou similar para apresentar a parte introdutória;

- AutoCAD ou similar para apresentar as plantas;

- Planilha Excel ou similar para apresentar a análise econômica.

Obs.: outros softwares e inovações criativas serão muito bem-vindas!

Publicações

Após concluído o projeto, serão preparadas publicações na forma de:

- 2 resumos expandidos e

- 2 pôsteres.

Obs.: Outros tipos de publicações adicionais serão bem-vindas.

Resumo expandido 1

É feito em 4 páginas – foco no projeto agroindustrial.

Consta dos itens: Título, Autores, Introdução, Material e Métodos, Resultados e Discussão, Conclusões e Referências.

Deverá apresentar uma ideia do projeto em questão e sua solução, a quem se destina, devendo conter fluxograma, planta(s) e análise econômica resumida (como investimento necessário, indicadores, tempo de retorno, viabilidade). Texto com citações de autores (4 ou 5).



Resumo expandido 2

É feito em 4 páginas – foco na análise econômica do projeto.

Deverá ter os mesmos itens comentados no outro resumo.

Deverá apresentar uma ideia do projeto em questão, a quem se destina, devendo conter algum esquema ou fluxograma, cenários estudados, planilhas de análise econômica resumidas ou gráficos. Texto com citações de autores (4 ou 5).

Deve ainda constar o resultado comentado da análise econômica realizada, como investimento necessário, cenários, indicadores, tempo de retorno, viabilidade ou não.

Pôster 1

O pôster deverá apresentar:

- uma parte escrita (Introdução, Procedimentos e Conclusão) com no máximo 2.500 palavras – foco no projeto agroindustrial;

- o fluxograma do projeto (balanço de massa);

- uma planta baixa com legendas e cotas;

- uma conclusão sobre os resultados da análise econômica;

- pelo menos 4 referências;

- apresentação visual colorida e atrativa.



Pôster 2

O pôster 2 deverá apresentar:

- uma parte escrita (Introdução, Procedimentos e Conclusão) com no máximo 2.500 palavras – foco na análise econômica do projeto;

- o fluxograma do projeto (balanço de massa);

- tabelas da análise econômica/cenários;

- conclusões sobre os resultados da análise econômica/cenários;

- pelo menos 4 referências;

- apresentação visual colorida e atrativa.



Apresentação em CD

Até o dia marcado deverá ser entregue um CD com:



    • Projeto agroindustrial completo (.doc);

    • Apresentações (3) feitas em Power Point (.ppt);

    • 2 Pôsteres prontos para apresentação em Congresso (.ppt);

    • 2 Resumos expandidos de 4 páginas (.doc);

    • Todas as plantas em AutoCAD (.dwg) ou outro software de desenho.

PROGRAMAÇÃO PARA O SEMESTRE

Em arquivo com o nome “Cronograma”



SUGESTÃO DE ROTEIRO DO PROJETO FINAL

1.INTRODUÇÃO - apresentação de dados e situação econômica regional da área envolvida no projeto; capacidade de oferta de matéria-prima; capacidade de consumo do produto beneficiado, dados gerais (produção, área, etc.) em que o projeto está inserido.

2.OBJETIVOS - objetivos do projeto; objetivos sociais; tamanho do projeto.

3.JUSTIFICATIVA – mostrar o impacto que o projeto trará, suas consequências.

4.LOCALIZAÇÃO - macro e microlocalização, fazendo referência ao local, vias de acesso e facilidades de escoamento, razões da escolha do local, colocar aqui as plantas de situação e localização.

5.REVISÃO BIBLIOGRÁFICA - apresentar toda a revisão bibliográfica realizada e corrigida, com todos os itens sobre a tecnologia envolvida para transformar a matéria-prima no produto final pretendido, com citações de autores.

6.MERCADO - análise do mercado do projeto, mostrando o fornecedor, o consumidor, o competidor, etc., preços e demais dados de análise econômica. Estratégias desenvolvidas em análise econômica, como SWOT ou outra.

7.MEMORIAL DESCRITIVO - explicação detalhada do fluxograma do projeto; balanço de massa, descrição detalhada dos equipamentos e materiais a serem usados no projeto, mão-de-obra necessária, bem como demais detalhes pertinentes a cada tipo de projeto. Inclui aqui as plantas como a seguir. Explicar em detalhes como a empresa irá funcionar quanto ao produto e o pessoal envolvido.

PLANTAS - as plantas que deverão constar no projeto são:

de situação e de localização (no item referente à localização, após a Justificativa)

baixa e corte(s) (no Memorial Descritivo)

Deverão ser feitas com o uso do AutoCAD ou similar, com todos os detalhamentos, inclusive dos equipamentos (em planta baixa e cortes), cotadas e em escala adequada à boa visualização dos detalhes. Os cortes deverão ser feitos passando no meio da linha principal do produto em estudo. Estas plantas deverão ser dobradas conforme as normas e serem encadernadas no corpo do trabalho (ou seja, no Memorial Descritivo).



8.MEMORIAL DE CÁLCULO - apresentação dos cálculos usados para dimensionamento dos espaços e dos equipamentos; (além dos equipamentos envolvidos no processo de produção, dimensionar os equipamentos para a infraestrutura necessária, como: transformador, caldeira, água, frio, efluentes, etc. de maneira geral, por exemplo, citando a quantidade necessária ou volume daquele item no projeto).

9.ANÁLISE ECONÔMICA – planilhas de cálculos de investimentos que se fizerem necessários (terreno, infraestrutura, equipamentos); insumos necessários (mão-de-obra, custos sociais, energia, manutenção); receitas; fluxo de caixa; ponto de nivelamento; taxa interna de retorno, indicadores. Estudo de cenários e suas premissas. Comentar e explicar cada tabela com texto.

10.CONCLUSÕES - conclusões técnicas, viabilidade; tempo mínimo de retorno; payback.

11.REFERÊNCIAS - citar todo o material utilizado para o projeto, inclusive apostilas, panfletos, catálogos, sites na Internet, anotações de aula, segundo as normas da ABNT ou da biblioteca da UFPel.

12.SUGESTÕES - sugestões de outras alternativas; melhorias, etc. que tenham sido feitas durante a última apresentação.

13.APÊNDICES - todo o material extra confeccionado para o projeto (questionários, análises, formulário FEPAM preenchido, etc.)

14.ANEXOS – normas; tabelas; catálogos; legislação, pequenos textos de artigos, etc. se necessário.

REFERÊNCIAS

ANDERSON, J.R.; DILLON, J.L.; HARDAKER, B. Agricultural decision analysis. Iowa State University Press, 1977.

BARNARD, C.S.; NIX, J.S. Farm planning and control. Cambridge University Press, 1973.

BRENNAN, J.G. et al. Food engineering operations. 2.ed. Essex: Applied Science, 1976. 532p.

BROOKER, D.B.; BAKKER ARKEMA, F.W.; HALL, C.W. Drying and storage of grains and oilseeds. New York: AVI, 1992. 450p.

CAMARGO, R. et al. Tecnologia dos produtos agropecuários: alimentos. São Paulo: Nobel, 1984. 180p.

CHITARRA, M.I.F.; CHITARRA, A.B. Pós-colheita de frutos e hortaliças: fisiologia e manuseio. Lavras: ESAL/FAEPE, 1990. 293p.

CHRINTENSEN, C.M. Storage of cereal grains and their products. St.Paul: American Association of Cereal Chemists, 1974.

COMPANHIA ESTADUAL DE SILOS E ARMAZÉNS. Grãos: beneficiamento e armazenagem. Porto Alegre: Sulina, 1974. 148p.

CONYERS, D.; HILLS, P. An introduction to development planning in the third world. John Wiley & Sons, 1984.

CRUESS, W.V. Produtos industriais de frutas e hortaliças. v.1. São Paulo: Edgard Blucher, 1973. 446p.

GAVA, A.J. Princípios da tecnologia de alimentos. São Paulo: Nobel, 1978. 284p.

HENDERSON, S.M.; PERRY, R.L. Agricultural process engineering. 3.ed. Connecicut, 1980. 442p.

HIRSCHFELD, H. Planejamento com PERT-CPM. Atlas, 1970.

HOLANDA, N. Planejamento e projetos. 12.ed. Fortaleza: Edições UFC, 1983. 402p.

HALL, C.W. Equipo para processamiento de produtos agrícolas. Peru: Editorial IICA, 1968. 220p.

KAUFMAN, A. A ciência da tomada de decisão. Rio de Janeiro: Zahas, 1980.

MOREIRA, J.M.B. Controle de qualidade na indústria alimentar. Brasília: STI/CIN/CEPAI, 1985. 60p.

NEWKIRK, R.T. Environmental planning. Aubor Science, 1986. 199p.

POTTER, N.N. Food science. 2.ed. Connecticut: AVI, 1970. 749p.



PUZZI, D. Abastecimento e armazenagem de grãos. Campinas: Instituto Campineiro de Ensino Agrícola, 1986. 603p.



©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal