Piraquara, 25 de fevereiro de 2016 Informativo: 022/2016



Baixar 123,84 Kb.
Encontro30.10.2016
Tamanho123,84 Kb.




  • Piraquara, 25 de fevereiro de 2016

  • Informativo: 022/2016

  • Assunto: Avisos gerais


Prezada Família

O COLÉGIO CIDADÃO DO AMANHÃ inicia mais um ano letivo de parceria família-colégio-aluno, buscando a excelência de qualidade nos serviços prestados e contribuindo para escrevermos juntos mais um capítulo na história dessa Instituição e na história de nossos alunos. Temos consciência de que o papel da escola vai além da relação ensino-aprendizagem. Assim, solicitamos que observem as orientações abaixo, pois elas nortearão a nossa convivência ao longo do ano letivo. Bem vindos!



ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS

LIÇÃO DE CASA PRA QUÊ?

Muitas pessoas têm perguntado a respeito de lição/tarefa de casa. É preciso fazer mesmo? Por que fazer? Não é melhor brincar, descansar, divertir-se? Vamos às respostas. A aprendizagem compõe-se de algumas fases bem definidas. A primeira delas é a construção do conhecimento (quando você faz suas próprias descobertas) ou a recepção deste, quando você entende o que lhe foi explicado. Nessa fase, os conceitos são armazenados no cérebro em um sistema denominado memória de trabalho, ou memória de curto prazo. Essa memória não dura muito. Você esquece tudo em pouco tempo, em poucas horas. Em seguida, depois da escola, em casa, quando você faz uma tarefa, uma lição de casa, uma "revisão", quando relê o caderno ou o livro, o cérebro consegue levar as informações que estão na memória de curto prazo para a memória de longo prazo, isto é, para a memória "permanente". Esse processo só acontece quando o cérebro é estimulado a fazer isso. Ou seja, quando você "revisita" mentalmente o que aprendeu na escola. No entanto, o processo de aprendizagem ainda não está completo. Falta fixar na memória de longo prazo essas informações recém-chegadas. Essa fixação ocorre durante o sono profundo. Nesse período, nosso cérebro recebe a liberação do hormônio do crescimento, da ieptina, do cortisol, entre outros elementos. Essa química toda ativa a fixação das informações que estão na memória de longo prazo impedindo-as de serem esquecidas. Pelo menos não enquanto forem necessárias. Essa fixação ocorre, portanto, durante um período do sono de qualidade, do sono restaurador. Portanto, dormir bem é importantíssimo. Se você não dorme adequadamente, acaba não passando por todas as horas de sono de que o seu corpo necessita. Sendo assim, seu cérebro não grava, não fixa, não retém, não memoriza o que anda aprendendo na escola ou no dia a dia. Além disso, se você não faz lição/tarefa de casa, não revisa o que aprendeu, não cria, não "revisita" os conceitos e, então, durante o seu sono profundo não há nada na memória de longo prazo a ser fixado. Você percebeu como a lição/tarefa de casa é importante?


O USO DO UNIFORME

O uniforme é obrigatório e ajuda na assimilação de normas e regras, contribuindo com o aprendizado da organização e da disciplina, indispensáveis para o desenvolvimento do aluno.

O uso diário do uniforme cria um distanciamento entre o momento de estudo e os momentos de lazer. Isso, de certa forma, influencia no comportamento e na responsabilidade.


PONTUALIDADE

Trânsito, pequenos incidentes domésticos, despertador que não toca... Claro que todo mundo está sujeito a um imprevisto, mas atrasos recorrentes dos filhos na escola podem se tornar um problema sério na vida das crianças. Essa falta de pontualidade, inevitavelmente, acabará refletindo no aproveitamento dos alunos.

A pontualidade deve ser regra. Chegar no horário, ou com alguns minutos de antecedência, é importante por várias razões. A principal delas é a contribuição para a formação de um indivíduo capaz de respeitar regras e normas e conviver de forma adequada em sociedade.
O Colégio Cidadão estipula um horário limite para que os alunos possam entrar na sala de aula após o sinal de entrada (13h15), esse período de tolerância será até às 13h25 (em casos onde haja justificativa do responsável e desde que seja esporádico). Ressaltamos, porém, que essa prática não deve ser constante, pois traz prejuízos a vida escolar do aluno.

  • Horário de entrada – 13h 15

  • Horário de saída – 17h 25

  • Crianças de Período integral:

Entrada: a partir das 07h

Café da manhã: 08h às 08h 30

Atividades lúdicas e pedagógicas

Almoço: 11h 10 às 11h 30

Descanso: 11h 45 às 12h 50

Higiene e encaminhamento para sala de aula: 12h 50

Algumas informações do Regimento Escolar:

SISTEMA DE AVALIAÇÃO

Atendendo a legislação, o regimento do Colégio Cidadão foi atualizado e aprovado pelo Núcleo Regional de Educação da Área Metropolitana Norte.

Desta forma, em 2016 as avaliações terão peso 8,0 cada uma das provas do bimestre, denominadas AV1 e AV2, as quais serão somadas aos 4,0 pontos referentes aos trabalhos, seminários, tarefas, participação, aula de campo etc. realizadas durante o bimestre.

As disciplinas de Arte, Filosofia, Inglês e Educação Física não farão a AV1, somente a AV2 com peso 6,0 que serão somados aos 4,0 pontos referentes aos trabalhos, seminários, atividades práticas, aula de campo etc.). As notas serão multiplicadas por 2 e divididas por 2 para se obter a média.


Para os alunos que não atingirem a média 14 pontos nos resultados do 1º semestre e 14 pontos no resultado do 2º semestre, será realizada uma Recuperação Periódica (de Notas) após o término de cada semestre letivo. Para este caso será aplicado a seguinte fórmula:

Resultado da soma do semestre + a nota da recuperação periódica divididos por 3.

Após a Recuperação Periódica prevalecerá a maior média.

Ao término do ano letivo, fechado os quatro bimestres, caso o aluno não alcance a média anual o mesmo terá direito a Recuperação Final – com prova valendo 10,0 pontos. A média anual será multiplicada por 2 e somada a nota da Recuperação Final e dividida por 3. Após todas estas etapas se a média for igual ou maior que 7,0 o aluno estará aprovado, se menor, o aluno terá seu caso analisado em Conselho de Classe.
ACOMPANHAMENTO ESCOLAR

Reforçamos a importância do acompanhamento do rendimento escolar de seu(sua) filho(a). Participe das reuniões bimestrais, acompanhe o horário de estudo e acesse o Portal Educacional onde os senhores terão informações sobre notas, tarefas de casa etc.



AULAS DE CAMPO

Esse tipo de metodologia possui grande eficácia no processo ensino aprendizagem, permitindo, aos alunos, um contato com aspectos mais amplos referentes aos temas trabalhados em sala de aula. Informaremos com antecedência os valores para que os senhores possam se organizar, visto a importância da atividade.



DOS DIREITOS, DEVERES, PROIBIÇÕES E AÇÕES EDUCATIVAS

PEDAGÓGICAS E DISCIPLINARES DOS ALUNOS
Art. 271 Ao aluno, além dos direitos outorgados por toda a legislação aplicável, serão asseguradas as seguintes prerrogativas:

I. ter a garantia de que a Instituição cumpra a sua função no que determina o Projeto Político Pedagógico;

II. usufruir de igualdade de atendimento, independente da diferenciação de condições de aprendizagem em que se encontre;

III. ter ensino de qualidade ministrado por profissionais capacitados para o exercício de suas funções e atualizados em suas áreas de atuação;


IV. utilizar as dependências, das instalações e dos recursos materiais da Instituição, desde que solicitem autorização;

V. sugerir aos diversos setores do colégio, medidas que viabilizem melhorias das atividades;


VI. participar das aulas e demais atividades promovidas pela instituição, solicitando orientação aos professores, Coordenação Pedagógica, sempre que necessário;

VII. solicitar no prazo estabelecido neste Regimento, o pedido de revisão dos resultados do aproveitamento escolar;


VIII. ser respeitado à condição de ser humano, usufruindo da igualdade de atendimento, sem sofrer qualquer tipo de discriminação;

IX. requerer e realizar provas de segunda chamada, caso tenha perdido a prova por motivo de doença, luto, casamento, convocações cívicas ou jurídicas e impedimentos religiosos, conforme legislação vigente;

X. tomar conhecimento da verificação do rendimento escolar e dos resultados obtidos em provas, trabalhos, médias e frequência, nos prazos estabelecidos, podendo, sempre que julgar necessário, solicitar revisão de provas no prazo de 48 horas, a partir de sua divulgação;

XI. requerer transferência, quando maior de idade, ou através da família ou responsável, quando menor de idade;

XII. receber no ato da matrícula, informações sobre as disposições contidas neste Regimento e no Projeto Político Pedagógico, incluindo a matriz curricular.
SEÇÃO II

DOS DEVERES
Art. 272 Ao aluno, além de outras atribuições é dever:

I. manter e promover relações cooperativas no ambiente escolar;

II. executar tarefas definidas pelos docentes que venham a colaborar no processo de aquisição do conhecimento;

III. cooperar na manutenção da higiene e na conservação das instalações escolares, responsabilizando-se por danos ao patrimônio da instituição que vier a causar;

IV. respeitar seus colegas e todos os profissionais da instituição;

V. participar das atividades programadas e desenvolvidas pela instituição;

VI. comparecer às atividades de recuperação:


  1. o não comparecimento de forma sistemática e contínua, e após os vários apelos, junto aos alunos, quando maior de idade, demonstrando a importância desse comparecimento, implicará, por parte do colégio, na comunicação ao Conselho Tutelar, Ministério Público ou ao Núcleo Regional de Educação, como registro das oportunidades ofertadas aos alunos, pelo colégio.

V. cumprir as determinações da direção pedagógica, dos professores, da coordenação pedagógica e da equipe administrativa dentro dos respectivos âmbitos de competência;

VI. cumprir os horários e o Calendário Escolar;

VII. providenciar e dispor o material básico solicitado para o desenvolvimento de atividades pedagógicas;

VIII. ser honesto na apresentação das tarefas e trabalhos, nas atividades e atitudes do dia-a-dia;

IX. respeitar professores, funcionários e colegas, bem como as normas disciplinares, comportando-se adequadamente;

X. estudar, realizar as tarefas, portar todo o material escolar solicitado e guardar os livros didáticos, provas e redações realizadas até o final do ano letivo;

XI. apresentar-se diariamente devidamente uniformizados em todas as atividades escolares, inclusive no contra turno e em atividades extraclasse;

XII. entregar à família ou responsável as correspondências enviadas pelo colégio, devolvendo-as assinadas, caso seja necessário, no prazo determinado;

XIII. respeitar os símbolos nacionais e participar da hora cívica;

XIV. cumprir as disposições previstas no Projeto Político Pedagógico e neste Regimento.


SEÇÃO III

DAS PROIBIÇÕES
Art. 273 É vedado aos alunos:

I. permanecer nas dependências da escola sem atividade específica e sem ordem da Direção Geral;

II. trazer para a escola jogos, brinquedos, aparelhos eletrônicos, MP3, skates, caneta lazer, telefone celular, máquinas fotográficas e similares;

a. os equipamentos eletrônicos serão autorizados para uso pedagógico.

III. ausentar-se durante o horário de aula sem autorização da Direção Geral;
IV. ocupar-se, durante as aulas, de material alheio à matéria, ou portar material estranho;

V. atrapalhar ou tumultuar a aula com conversas, atitudes e vocabulário impróprio;

VI. apelidar, xingar ou expor a situações embaraçosas professores, funcionários e colegas;

VII. utilizar camisetas de times de futebol ou de seleção de qualquer país;

VIII. gravar, pintar, escrever, pichar ou desenhar nas carteiras, paredes, assoalho ou qualquer outra parte da instituição;

IX. retirar e utilizar, sem a prévia permissão, materiais pertencentes à equipe escolar e colegas;

X. receber, sem autorização da Direção Geral ou da Direção Pedagógica, pessoas estranhas à instituição;

XI. entrar em sala após o professor ou dela sair sem prévia autorização;

XII. promover jogos, reuniões, excursões, listas de pedidos ou campanhas de qualquer natureza, amigo secreto, aniversários de colegas e professores;

XIII. formar grupos ou promover algazarra e distúrbios em qualquer dependência da escola, durante o período de aula e nas proximidades da instituição;

XIV. divulgar, por qualquer meio, assuntos que envolvam, direta ou veladamente, o nome da instituição, professores e alunos ou funcionários, sem autorização da Direção Geral;

XV. utilizar da imagem de professores, colegas e funcionários, em sites de relacionamento ou afins, sem prévia autorização da pessoa interessada;

XVI. distrair a atenção dos colegas com objetos, ditos ou por qualquer outra forma;

XVII. utilizar-se de livros, impressos ou gravuras atentatórios à formação moral;

XVIII. promover ou participar de movimentos de hostilidade ou desprestígio à instituição, seus integrantes e às autoridades constituídas;

XIX. rasurar ou omitir boletins, circulares e outros documentos de sua vida escolar;

XX. fumar em qualquer dependência do colégio;

XXI. utilizar-se de qualquer meio fraudulento na elaboração e produção de trabalhos escolares;

XXII. promover brigas ou algazarras;

XXIII. participar de brincadeiras de mau gosto com consequências imprevisíveis;

XXIV. desacatar professores, inspetores e funcionários ou colocá-los em situação vexatória;

XXV. descaracterizar o uniforme escolar cortando mangas e alterando comprimentos, entre outros;

XXVI. danificar bens materiais pertencentes à instituição;

XXVII. praticar ato obsceno em desrespeito aos demais colegas, professores e demais funcionários da instituição;

XXVIII. caluniar, injuriar, difamar colega, professor ou funcionário da instituição;

XXIX. agredir fisicamente colegas, professores, Direção Geral, Direção Pedagógica, Coordenação Pedagógica ou qualquer outro funcionário, ou quem encontre-se dentro do recinto da instituição;

XXX. constranger ou induzir alguém a praticar ato libidinoso no recinto da Instituição;

XXXI. trazer para a instituição qualquer tipo de armas, material explosivo ou que atente contra a integridade física de quem quer que seja;

XXXII. instalar programas computacionais não legalizados em qualquer computador da instituição;

XXXIII. instalar programas computacionais sem autorização prévia da Direção Geral;

XXXIV. acessar a rede internacional de informações a internet, em sites não relacionados com as atividades pedagógicas sites eróticos, bate-papo, entre outros;

XXXV. alimentar-se na sala de aula, durante os horários de aula com qualquer tipo de bebida ou alimento;

XXXVI. circular pelas dependências da instituição durante as aulas;

XXXVII. permanecer no recinto escolar em momentos diversos aos de suas atividades escolares, sem autorização;

XXXVIII. incitar colegas a transgredir as normas de convivência escolar ou o Regimento Escolar;

XXXIX. falsificar documentos ou assinaturas;

XL. ausentar-se da escola sem permissão;

XLI. praticar jogos de azar, ingerir bebidas alcoólicas na escola, substâncias tóxicas ou psicotrópicas, armas e objetos que representem perigo à comunicada escolar.


SEÇÃO IV

AÇÕES EDUCATIVAS

PEDAGÓGICAS E DISCIPLINARES
Art. 274 Nas aplicações das medidas de ações educativas pedagógicas e disciplinares serão levados em consideração a gravidade da falta, as circunstâncias e os registros cumulativos do aluno.

Art. 275 Conforme a gravidade ou a reiteração das faltas ou infrações são aplicadas as seguintes ações educativas pedagógicas e disciplinares:

I. orientação verbal;

II. orientação disciplinar com ações pedagógicas, definidas pelo professor, Coordenação Pedagógica e Direção Pedagógica;

III. registro escrito dos fatos ocorridos envolvendo o aluno, com a sua assinatura, quando maior de idade;

IV. comunicado por escrito, com ciência e assinatura dos pais ou responsáveis, quando se trata de alunos menores de idade;

V. encaminhamento à projetos de ações educativas, no âmbito escolar;

VI. convocação dos pais ou responsáveis, quando alunos menores de idade, com registro e assinatura, e/ou termo de compromisso dos mesmos;

VII. esgotadas todas as possibilidades será concedida a transferência protetiva ao aluno;


VIII. se comprovada a fraude na elaboração e produção de trabalhos escolares ou avaliações, o aluno não terá direito de realizar a segunda chamada.
Art. 276 Todas as ações disciplinares propostas no Regimento Escolar, deverão ser registradas e apresentadas aos responsáveis e demais órgãos competentes para ciência das ações tomadas.

Art. 277 As ações disciplinares são aplicadas sempre observando a formação integral da criança, do adolescente e do jovem.

Art. 278 São vedadas as ações que atentarem contra a dignidade pessoal, contra a saúde física e mental ou que prejudicarem o processo formativo.

Art. 279 Todo aluno que estiver sendo imputado como tendo transgredido qualquer das normas definidas neste Regimento Escolar, é dada a oportunidade de apresentar as suas razões de defesa perante a Direção Geral, Direção Pedagógica e Coordenação Pedagógica no prazo de 48 (quarenta e oito) horas após o ato indisciplinar.

§ 1º Cabe recurso ao aluno que pode manifestar-se por escrito à Coordenação Pedagógica, quando maior de idade, e pelos pais ou responsáveis quando menor de idade.

§ 2º Cabe recurso ao aluno como última instância à Direção Geral.

Art. 280 Em caso de inadaptabilidade do aluno às normas internas e após efetivo trabalho com a família e a Direção Pedagógica, Coordenação Pedagógica, Corpo Docente e Equipe Administrativa, poderá ser solicitado a transferência do aluno para outra instituição, na forma da lei vigente.

Parágrafo único - Depois de ouvido o Conselho de Classe e anuência dos pais ou responsáveis ocorrerá a participação ao Conselho Tutelar e, na falta deste, do representante do Ministério Público.

Informações Importantes

  • Seguir rigorosamente o horário;

  • Sugerimos que as meninas venham com o cabelo preso;

  • Usar sandálias sem salto, presa aos pés;

  • Uso do tênis nas aulas de movimento;

  • Estar atento ao clima, mandando roupas adequadas;

  • Informar a professora com antecedência sobre as comemorações de aniversários, bem como seguir as orientações entregues para este evento;

  • Manter atualizado o número de telefone dos familiares, pessoas autorizadas e caso precise vir alguma pessoa buscar a criança e que não esteja autorizada, mandar por escrito via agenda e solicitar que a mesma apresente documento com foto;

  • Manter a mochila sempre organizada;

  • Assinar as agendas diariamente;

  • Apresentar receita médica caso seja necessário ministrar medicação durante o horário escolar e solicitar que um adulto entregue o medicamento para a professora;

  • Explorar junto com o filho(a) o Portal Educacional. Login e senha encontram-se na agenda. No Portal Educacional vocês encontrarão cronograma, calendário, notícias etc.

Atendimento de Pais
Considerando que a coordenadora está frequentemente observando aulas, participando da hora atividade junto com os professores etc, gostaríamos de contar com sua colaboração em agendar quando necessário horário para atendimento nas terças-feiras (08h 30 às 11h30) e nas quintas-feiras (14h às 16h30).

Deixamos também o e-mail da coordenação à disposição dos senhores: reni.coordenacao@colegiocidadaodoamanha.com.br



Em caso de urgência a coordenação estará à disposição, caso esteja em sala de aula fará o retorno o mais breve possível.
Atenciosamente,

Direção e Coordenação Pedagógica


Chore com seus filhos e abrace-os. Isso é mais importante do que dar-lhes fortunas ou fazer-lhes montanhas de críticas. - Não forme heróis, mas seres humanos que conheçam seus limites e sua força. - Faça de cada lágrima uma oportunidade de crescimento. - Estimule seu filho a ter metas. - Lembre-se: conversar é falar sobre o mundo que nos cerca. - Dialogar é falar sobre o mundo que somos. - Abraçar, beijar, falar espontaneamente. - Contar histórias. - Semear ideias. - Dizer não sem medo. - Não ceder a chantagem. - Para educar é necessário paciência.” Içami Tiba


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal