Ministério da educaçÃo empresa brasileira de serviços hospitalares ebserh



Baixar 1,14 Mb.
Página1/8
Encontro16.06.2017
Tamanho1,14 Mb.
  1   2   3   4   5   6   7   8


MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO



EMPRESA BRASILEIRA DE SERVIÇOS HOSPITALARES - EBSERH

Setor Comercial Sul-B, Quadra 09, Lote C

Edifício Parque Cidade Corporate, Torre C, 1º andar

CEP: 70308-200 - Brasília/DF

Telefone: (61) 3255-8900



TERMO DE REFERÊNCIA


  1. DO OBJETO

Constitui o objeto desta licitação o Registro de Preços, consignado em Ata, pelo prazo de 12 (doze) meses, para eventual aquisição de Órteses, Próteses e Materiais Especiais (Cardiologia Intervencionista, Endovascular, Hemodinâmica e Neurorradiologia) - 2013 para os Hospitais Universitários – HU’s vinculados a Instituições Federais de Ensino Superior - IFES, coordenados pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares – EBSERH, de acordo com as especificações, quantitativos e condições constantes deste Termo de Referência e seu Anexo.



2. DAS JUSTIFICATIVAS
Trata-se da aquisição de Òrteses, Próteses e Materiais Especiais (Cardiologia Intervencionista, Endovascular, Hemodinâmica e Neurorradiologia) - 2013 a serem utilizados pelos 25 (vinte e cinco) Hospitais Universitários, vinculados às Instituições Federais de Ensino Superior, solicitados de acordo com a estimativa média de consumo dos mesmos e com a devida autorização e aprovação da Autoridade competente deste Órgão.
Os itens de 01 a 23 serão adquiridos em 07 grupos, devido à necessidade de compatibilidade dos insumos, visando proporcionar segurança técnica na realização dos procedimentos. É importante ressaltar que a prática e as habilidades técnicas são características muito importantes para esses profissionais que têm suas atividades baseadas numa ampla qualificação e conhecimento. Porém, a minimização dos riscos, a otimização do tempo cirúrgico e a qualidade dos resultados dependem não só da equipe médica suficientemente habilitada para realizar o procedimento, mas, também, da  compatibilidade e garantia do fabricante para o conjunto dos materiais.
Além disso, a exigência do critério de julgamento de menor preço global de alguns materiais se deve também ao fato da funcionalidade dos mesmos estar diretamente ligada ao padrão dos fabricantes, isto é, não são compatíveis ou e/ou não se adaptam quando de marcas diferentes, ou podem trazer transtornos nos processo de trabalho dos profissionais de saúde com consequência para os clientes.
A aquisição de Órteses, Próteses e Materiais Especiais (Cardiologia Intervencionista, Endovascular, Hemodinâmica e Neurorradiologia) ocupam um papel de destaque dentro do sistema de compras nos Hospitais Universitários, uma vez que reúne um extenso, complexo e diverso conjunto de materiais e insumos imprescindíveis a uma assistência que prime pela qualidade e excelência dos serviços ofertados aos seus usuários.
Ressalta-se que inicialmente este Termo de Referência contemplava também insumos da especialidade de Eletrofisiologia, tendo esses sido abordados em Câmara Técnica e Audiência Pública. Para a realização dos procedimentos desta especialidade é necessário que se tenha disponível nos HUS a radiofrequência e o polígrafo, seja por meio de aquisição ou comodato.
Verificou-se, no entanto, que a realidade dos Hospitais Universitários acerca desses equipamentos é heterogênea. Há situações em que existe o polígrafo, todavia, realiza apenas procedimentos de hemodinâmica e outros em que não há qualquer polígrafo. Diante do exposto e da complexidade para a definição do comodato dos equipamentos supracitados, optou-se pela retirada dos insumos de eletrofisiologia, uma vez que, a opção pelo comodato acarretaria um ônus a mais sobre estes insumos, pelo custo que isso representaria para os fornecedores, devendo estes serem objeto de uma nova Ata de Registro de Preços em momento oportuno.
Ademais, considerando a Portaria MEC nº 442/2012, que delega à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares - EBSERH o exercício das competências descritas nos incisos VII a IX do art. 18 do Decreto nº 7.690, de 02 de março de 2012, além daquelas relativas ao Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais - REHUF, instituído pelo Decreto nº 7.082, de 27 de janeiro de 2010. A portaria estabelece também que as unidades do Ministério da Educação, no âmbito de suas atribuições regimentais, deverão colaborar na execução das atividades de apoio à EBSERH, até a sua efetiva implantação e o seu regular funcionamento.
Os Hospitais Universitários Federais, são instituições que, em conjunto com unidades do Ministério da Saúde, integram a assistência prestada à população, com a formação de profissionais, capacitação de pessoal e as atividades de investigação científica. Eles têm o papel de avaliar e gerar novos conhecimentos e tecnologias, pré-requisitos para a formação de Mestres e Doutores nas áreas específicas de habilitação e são assim referência para o sistema de saúde regional e nacional.
O Registro de Preço de forma concentrada tem como vantagens a padronização da aquisição e utilização de insumos e equipamentos entre os Hospitais Universitários, gerando economia financeira e a otimização de tempo, além de proporcionar aos centros universitários os recursos materiais necessários ao atendimento equânime e humanizado.
3. ESPECIFICAÇÃO E QUANTIDADE POR ORGÃO PARTICIPANTE:
As órteses, próteses e materiais especiais de que trata este Termo estão especificados em um total de 294 itens, que correspondem a 271 itens avulsos e 07 grupos (equivalentes a 23 itens) assim divididos:


  • Grupo 01- Itens 01 a 03;

  • Grupo 02- Itens 04 a 06;

  • Grupo 03- Itens 07 a 09;

  • Grupo 04- Itens 10 a 12;

  • Grupo 05- Itens 13 a 15;

  • Grupo 06- Itens 16 a 19;

  • Grupo 07- Itens 20 a 23;

  • Por itens: Itens 24 a 294

Abaixo, encontra-se o resumo da planilha, a qual permite a visualização da especificação e quantitativo total anual ora licitado, solicitados de acordo com a estimativa média de consumo dos 25 HU’s, bem como a margem de preferência estabelecida no DECRETO Nº 7.767, DE 27 DE JUNHO DE 2012, art. 1º:


Estabelece a aplicação de margem de preferência em licitações realizadas no âmbito da administração pública federal para aquisição de produtos médicos para fins do disposto no art. 3º da Lei nº8.666, de 21 de junho de 1993, e com vistas à promoção do desenvolvimento nacional sustentável.

Caso haja discordância entre o descritivo dos itens no edital e no comprasnet, prevalecerá o descritivo constante no Edital.



ITEM

GRUPOS

DESCRITIVO FINAL

APRESENTAÇÃO

CATMAT

COD SUS

MARGEM DE PREFERÊNCIA- DECRETO 7767 - 27/07/2012

TOTAL

QTD Anual

1

Grupo 01

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA BIFURCADA: - AUTO EXPANSIVEL; - COMPOSTA POR NITINOL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; DIAMETROS DO COLO PROXIMAL 22 A 34 MM (+ 2 MM); - COMPRIMENTO 120 (+/- 15) A 180 (+/- 20) MM; - DIAMETRO DAS ILIACAS 10 (+/- 2) A 16 (+/- 2) MM; - FIXACAO INFRA-RENAL SEM FREE FLOW ASSOCIADO A BARBS OU HOOKS; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417818

07.02.04.028-2

20%

461

2

Grupo 01

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO ILIACA CONTRA LATERAL: - COMPOSTA POR NITINOL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; -COMPRIMENTO 90 (+/- 20) MM A 150 (+/-30 MM); - DIAMETRO DAS ILIACAS 10 (-2) A 24 (+/- 2 ) MM; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO;

UNIDADE

417824

07.02.04.029-0

20%

461

3

Grupo 01

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO PROXIMAL: - AUTO EXPANSIVEL; - COMPOSTA POR NITINOL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; - DIAMETROS DO COLO PROXIMAL 22 A 33 (+/- 3) MM); - COMPRIMENTO 35 (+/- 15) MM; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417822

07.02.04.029-0

20%

511

4

Grupo 02

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA BIFURCADA: - COMPOSTA POR ACO INOXIDAVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; - DIAMETROS DO COLO PROXIMAL 22 A 33 (+/- 3) MM; - COMPRIMENTO DO CORPO PRINCIPAL 110 (+ / - 15 MM) A 160 ( + / - 10 MM); - DIAMETRO DAS ILIACAS 10 (+/- 2) A 20 (+/- 2) MM; - FIXACAO SUPRA-RENAL COM FREE-FLOW ASSOCIADO A BARBS OU HOOKS; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417818

07.02.04.028-2

20%

403

5

Grupo 02

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO ILIACA CONTRA-LATERAL: - COMPOSTA POR ACO INOXIDAVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; -COMPRIMENTO 90 (+/- 15) MM A 140 (+/-20 MM); - DIAMETRO DAS ILIACAS 10 (-2) A 24 (+/- 2 ) MM; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417822

07.02.04.029-0

20%

403

6

Grupo 02

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO PROXIMAL: - COMPOSTA POR ACO INOXIDAVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; -DIAMETROS DO COLO PROXIMAL 22 A 34 (+/-2) MM; - COMPRIMENTO REVESTIDO 35 (+/-15) MM; - FIXACAO SUPRA-RENAL COM FREE-FLOW ASSOCIADO A BARBS OU HOOKS - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

421607

07.02.04.029-0

20%

403

7

Grupo 03

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO PROXIMAL: - COMPOSTA POR CROMO COBALTO, NITINOL OU ACO INOXIDAVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; - DIAMETROS DO COLO PROXIMAL 24 A 34 (+/- 2) MM; - COMPRIMENTO 50 (+/- 10) A 100 (+/- 20) MM; ; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417827

07.02.04.029-0

20%

237

8

Grupo 03

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AÓRTICA BIFURCADA: - COMPOSTA POR CROMO COBALTO, NITINOL OU AÇO INOXIDÁVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; - DIÂMETRO DO COLO PROXIMAL24 A 32(+/-2)MM; - FIXAÇÃO NA BIFURCAÇÃO ILÍACA; - COMPRIMENTO DO CORPO PRINCIPAL 90 (+/-10)MM A 140 (+/- 10)MM; - DIÂMETRO DAS ILÍACAS 10 (+/-2) A 20 (+/-2)MM.

 

417818

07.02.04.029-0

20%

237

9

Grupo 03

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO ILIACA CONTRA LATERAL: - COMPOSTA POR CROMOCOBALTO, NITINOL OU ACO INOXIDAVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; -COMPRIMENTO 40(+/- 20) MM A 80 (+/-30 MM); - DIAMETRO DAS ILIACAS 12 (-2) A 16 (+/- 2 ) MM; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO;

UNIDADE

417824

07.02.04.029-0

20%

237

10

Grupo 04

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA BIFURCADA: - COMPOSTA POR NITINOL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; - DIAMETRO DO COLO PROXIMAL 22 A 36 (+/- 3) MM; - COMPRIMENTO DO CORPO PRINCIPAL 110 (+ / - 15 MM) A 160 ( + / - 10 MM); - DIAMETRO DAS ILIACAS 10 (+/- 2) A 25 (+/- 2) MM; FIXACAO SUPRA-RENAL COM FREE-FLOW ASSOCIADO A BARBS OU HOOKS; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417818

07.02.04.028-2

20%

385

11

Grupo 04

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO ILIACA CONTRA LATERAL: - COMPOSTA POR NITINOL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; -COMPRIMENTO 90 (+/- 20) MM A 150 (+/-30 MM); - DIAMETRO DAS ILIACAS 10 (-2) A 24 (+/- 2 ) MM; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO;

UNIDADE

417824

07.02.04.029-0

20%

385

12

Grupo 04

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO PROXIMAL: - COMPOSTA POR NITINOL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; - DIAMETROS DO COLO PROXIMAL 22 A 33 (+/- 3) MM; - COMPRIMENTO 35 (+/-15) MM; - FIXACAO SUPRA-RENAL COM FREE-FLOW ASSOCIADO A BARBS OU HOOKS; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417827

07.02.04.029-0

20%

385

13

Grupo 05

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO ILIACA CONTRA-LATERAL: - COMPOSTA POR ACO INOXIDAVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; -COMPRIMENTO 90 (+/- 15) MM A 140 (+/-20 MM); - DIAMETRO DAS ILIACAS 10 (-2) A 24 (+/- 2 ) MM; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417822

07.02.04.029-0

20%

381

14

Grupo 05

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA BIFURCADA: - COMPOSTA POR ACO INOXIDAVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; - DIAMETROS DO COLO PROXIMAL 22 A 33 (+/- 3) MM; - COMPRIMENTO DO CORPO PRINCIPAL 110 (+ / - 15 MM) A 160 ( + / - 10 MM); - DIAMETRO DAS ILIACAS 10 (+/- 2) A 20 (+/- 2) MM; - FIXACAO SUPRA-RENAL COM FREE-FLOW NÃO ASSOCIADO A BARBS OU HOOKS; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

 

421673

07.02.04.029-0

20%

381

15

Grupo 05

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO PROXIMAL: - COMPOSTA POR ACO INOXIDAVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; -DIAMETROS DO COLO PROXIMAL 22 A 34 (+/-2) MM; - COMPRIMENTO REVESTIDO 35 (+/-15) MM; - FIXACAO SUPRA-RENAL COM FREE-FLOW NÃO ASSOCIADO A BARBS OU HOOKS - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417824

07.02.04.029-0

20%

381

16

Grupo 06

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO ILIACA CONTRA-LATERAL: - COMPOSTA POR ACO INOXIDAVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; -COMPRIMENTO 90 (+/- 15) MM A 140 (+/-20 MM); - DIAMETRO DAS ILIACAS 10 (-2) A 24 (+/- 2) MM; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417822

 

20%

681

17

Grupo 06

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO PROXIMAL: - COMPOSTA POR ACO INOXIDAVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; -DIAMETROS DO COLO PROXIMAL 22 A 34 (+/-2) MM; - COMPRIMENTO REVESTIDO 35 (+/-15) MM; - FIXACAO SUPRA-RENAL COM FREE-FLOW ASSOCIADO A BARBS OU HOOKS - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417824

07.02.04.029-0

20%

681

18

Grupo 06

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA MONOILIACA: - COMPOSTA POR ACO INOXIDAVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; - DIAMETROS DO COLO PROXIMAL 22 A 33 (+/- 3) MM; - COMPRIMENTO DO CORPO PRINCIPAL 100 (+/- 25) MM; - DIAMETRO DISTAL 14 MM (+/- 2) MM; FIXACAO SUPRA-RENAL COM FREE-FLOW ASSOCIADO A BARBS OU HOOKS; INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417830

07.02.04.029-0

20%

681

19

Grupo 06

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA OCLUSOR: - COMPOSTA POR ACO INOXIDAVEL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; - DIAMETROS 12 (+/-2) A 24 (+/-2) MM ; - COMPRIMENTO 35 (+/-10) MM; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

421560

07.02.04.029-0

20%

681

20

Grupo 07

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO ILIACA CONTRA LATERAL: - COMPOSTA POR NITINOL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; -COMPRIMENTO 90 (+/- 20) MM A 150 (+/-30 MM); - DIAMETRO DAS ILIACAS 10 (-2) A 24 (+/- 2 ) MM; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO;

UNIDADE

417824

07.02.04.029-0

20%

265

21

Grupo 07

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA EXTENSAO PROXIMAL: - COMPOSTA POR NITINOL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; - DIAMETROS DO COLO PROXIMAL 22 A 33 (+/- 3) MM; - COMPRIMENTO 35 (+/-15) MM; - FIXACAO SUPRA-RENAL COM FREE-FLOW ASSOCIADO A BARBS OU HOOKS; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417824

07.02.04.029-0

20%

265

22

Grupo 07

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA MONOILIACA: - AUTO EXPANSIVEL; - COMPOSTA POR NITINOL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; - DIAMETROS DO COLO PROXIMAL 22 A 34 MM (+/- 3) MM; COMPRIMENTO DO CORPO PRINCIPAL 110 (+/- 20) MM A 160 (+/- 20) MM; - DIAMETRO DAS ILIACAS 12 A 20 MM ( MM) - FIXACAO SUPRA-RENAL COM FREE-FLOW ASSOCIADO A BARBS OU HOOKS - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417830

07.02.04.029-0

20%

265

23

Grupo 07

ENDOPROTESE INTRALUMINAL AORTICA OCLUSOR: - COMPOSTA POR NITINOL; - REVESTIMENTO EM DRACON OU PTFE; - DIAMETROS 10 (+/-2) A 24 (+/-2) MM ; - COMPRIMENTO 35 (+/-10) MM; - INTRODUTOR OU CORPO DA ENDOPROTESE COM REVESTIMENTO HIDROFILICO.

UNIDADE

417832

07.02.04.029-0

20%

265

24

 

AGENTE EMBOLIZANTE HEMOSTATICO TIPO GELATINA ABSORVIVEL:- ESTRUTURA DE CELULOSE;- GRANDE;- MEDINDO 10 CM X 20 CM;- ESTERIL; - POSSÍVEL DE SER FRAGMENTADO.

UNIDADE

279593

-

 

974

25

 

AGENTE EMBOLIZANTE LIQUIDO A BASE DE BUTIL CIANOACRILATO, COM CAPACIDADE DE POLIMERIZACAO APOS O CONTATO COM IONS; ESTERIL.

FRASCO 1 ML

331577

07.02.05.010-5

 

2254

26

 

AGENTE EMBOLIZANTE LIQUIDO DE ACAO TEMPORARIA, A BASE DE OLEO DE PAPOULA, RADIOPACO; ESTERIL. AMPOLA 10 MG / 10 ML

AMPOLA 10 ML

310452

-

 

1114

27

 

AGENTE EMBOLIZANTE LIQUIDO DEFINITIVO, NAO ADERENTE, FEITO A BASE DE COPOLIMERO DE ETILENO VINIL ALCOOL (EVOH) 6% E 8%, DIMETIL SULFOXIDO (DMSO) E TANTALUM. KIT CONTEM: FRASCO COM 1,5 ML DO AGENTE EMBOLIZANTE, 1,5 ML DILUENTE, UMA SERINGA ESPECÍFICA DE LIBERACAO (RESISTENTE AO DMSO), EQUIPAMENTO DE HOMOGENEIZAÇÃO E ADAPTADOR PARA SERINGA. APRESENTAÇÃO: CONJUNTO COM 3 SERINGAS PARA APLICAÇÃO.

CONJUNTO COM 3 SERINGAS

366437

-

 

1021

28

 

AGENTE EMBOLIZANTE TIPO MICROESFERAS COM TAMANHOS REGULARES, ESFERICOS, CARREADORAS DE QUIMIOTERAPICOS:- ESTERIL;- NAS DIMENSOES DE 100 A 700 MICRONS; - DISPONIBILIZADAS EM FRASCOS DE ACORDO COM AS DIMENSOES. APLICAÇÃO PARA QUIMIOEMBOLIZAÇÃO

UNIDADE

386813

-

 

1074

29

 

AGENTE EMBOLIZANTE TIPO MICROESFERAS COM TAMANHOS REGULARES, ESFERICOS, COM CAMADA EXTERNA EM HIDROGEL PERMITINDO SUA DEFORMACAO TEMPORARIA:- ESTERIL E APIROGÊNICA; NAS DIMENSOES DE 40 A 1200 MICRONS; - USO ÚNICO. DISPONIBILIZADAS EM FRASCOS DE ACORDO COM AS DIMENSOES. APLICAÇÃO PARA EMBOLIZAÇÃO. APRESENTAÇÃO SERINGA DE 20 ML CONTENDO 2 ML DE MICROESFERAS.

UNIDADE

386813

07.02.05.042-3

 

1106

30

 

AGENTE EMBOLIZANTE TIPO MICROESFERAS COM TAMANHOS REGULARES, ESFERICOS, COM CAPACIDADE DE EXPANDIR SEU TAMANHO APOS CONTATO COM CONTRASTE OU SOLUCAO SALINA E MOLDAR EM BIFURCACOES VASCULARES:- ESTERIL;- NAS DIMENSOES DE 40 (+/-10) A 200 MICRONS; - DISPONIBILIZADAS EM FRASCOS DE ACORDO COM AS DIMENSOES. APLICAÇÃO PARA EMBOLIZAÇÃO

UNIDADE

382933

07.02.05.042-3

 

786

31

 

AGENTE EMBOLIZANTE TIPO MICROESFERAS COM TAMANHOS REGULARES, ESFERICOS, COM CODIFICACAO DE COR DAS ESFERAS E SEU TAMANHO:- ESTERIL; NAS DIMENSOES DE 40 A 900 MICRONS;- ACONDICIONADAS EM SERINGAS OU FRASCOS- NAS DIVERSAS APRESENTACOES DE MICROESFERAS . APLICAÇÃO PARA EMBOLIZAÇÃO

UNIDADE

382933

07.02.05.042-3

 

786

32

 

AGENTE EMBOLIZANTE TIPO MICROESFERAS COM TAMANHOS REGULARES, ESFERICOS, DE CO-POLIMERO ACRILICO E CAMADA EXTERNA EM GELATINA HIDROSSOLUVEL:- ESTERIL; NAS DIMENSOES DE 40 A 1200 MICRONS;- ACONDICIONADAS EM SERINGAS- NAS DIVERSAS APRESENTACOES DE MICROESFERAS. APLICAÇÃO PARA EMBOLIZAÇÃO

UNIDADE

382933

07.02.05.042-3

 

850

33

 

AGENTE EMBOLIZANTE TIPO MICROPARTÍCULAS DE POLIVINIL ALCOOL (PVA); - COM FORMATO IRREGULAR; - ESTERIL E APIROGÊNICO;- NAS DIMENSOES DE 100(+/-50) A 1100 MICRONS; - DISPONIBILIZADAS EM FRASCOS DE ACORDO COM AS DIMENSOES, USO ÚNICO. APLICAÇÃO PARA EMBOLIZAÇÃO

UNIDADE

382933

07.02.05.042-3

 

2121

34

 

AGENTE EMBOLIZANTE TIPO MICROPARTÍCULAS DE POLIVINIL ALCOOL (PVA), COM FORMATO REGULAR:- ESTERIL E APIROGÊNICO;- NAS DIMENSOES DE 100(+/-50) A 1100 MÍCRONS; - DISPONIBILIZADAS EM FRASCOS DE ACORDO COM AS DIMENSOES, USO ÚNICO. APLICAÇÃO PARA EMBOLIZAÇÃO

UNIDADE

382933

07.02.05.042-3

 

1094

35

 

AGULHA PARA PUNCAO TRANSEPTAL TIPO BROUCHEN-BROUGH PARA VALVULOPLASTIA MITRAL:- EM ACO INOXIDAVEL.

UNIDADE

272558

07.02.04.001-0

 

236

36

 

BAINHA PARA PUNCAO TRANSEPTAL: CONJUNTO INTRODUTOR VASCULAR TIPO MULLINS:- REVESTIDA EM DACRON; - COM 60 CM DE COMPRIMENTO (+/- 5 CM) E DIAMETRO DE 7F E 8F, COM VALVULA HEMOSTATICA E LUBRIFICADA, COM PONTA RADIOPACA E ATRAUMATICA; COM DILATADOR, COMPAT͍VEL COM FIO-GUIA 0,035".

UNIDADE

364138

07.02.04.003-7

25%

551

37

 

CATETER BALAO NAO-DESTACAVEL PARA TESTE DE OCLUSAO TEMPORARIO OU REMODELAGEM DE ANEURISMA CEREBRAL DO TIPO COMPLASCENTE:;- GUIADO POR FIO GUIA 0,010";- COM DIÂMETROS DE 03 A 05MM NOS COMPRIMENTO DE 10,15,20 E 30MM.

UNIDADE

331669

07.02.01.018-9

25%

646

38

 

CATETER BALAO NAO-DESTACAVEL PARA TESTE DE OCLUSAO TEMPORARIO OU REMODELAGEM DE ANEURISMA CEREBRAL DO TIPO SUPERCOMPLASCENTE:- GUIADO POR FIO GUIA 0,010":- COM DIAMETROS DE 04 E 07MM E COMPRIMENTO DE 07MM .

UNIDADE

242110

07.02.01.018-9

25%

621

39

 

CATETER BALAO PARA ACOMODACAO DE ENDOPROTESE, QUE NAO DETERMINE OCLUSAO TOTAL DO FLUXO. COMPLACENTE, EM SILICONE OU POLIURETANO, OVER THE WIRE, NAO DESTACAVEL, COMPATIVEL COM FIO GUIA 0,035", COMPRIMENTO DE 100 CM (+/-20), COM CAPACIDADE DE INSUFLACAO MAIOR QUE 40 MM DE DIAMETRO.

UNIDADE

363178

-

25%

536

40

 

CATETER BALÃO PARA ANGIOPLASTIA CORONÁRIA, DE BAIXO PERFIL, SISTEMA DE TROCA RÁPIDA, SEMI-COMPLACENTE, COM PONTA AFILADA (PERFIL DE ENTRADA MENOR QUE 0,44 MM), DUAS MARCAS RADIOPACAS E BAIXO PERFIL DE CRUZAMENTO (MENOR QUE 0,65 MM), COM DIÂMETRO DE 2,5 A 4 MM (COM TODOS OS TAMANHOS DO INTERVALO, COM, NO MÁXIMO, 0,5 MM ENTRE ELES) E COMPRIMENTO DE 7 A 30 (+/- 2) MM (COM TODOS OS TAMANHOS DO INTERVALO, COM, NO MÁXIMO, 5 MM ENTRE ELES)

UNIDADE

311455

07.02.04.007-0

25%

4626

41

 

CATETER BALÃO PARA ANGIOPLASTIA CORONÁRIA EM ARTÉRIAS CALIBROSAS, DE BAIXO PERFIL, SISTEMA DE TROCA RÁPIDA, SEMI-COMPLACENTE, COM PONTA AFILADA (PERFIL DE ENTRADA MENOR QUE 0,44 MM), DUAS MARCAS RADIOPACAS E BAIXO PERFIL DE CRUZAMENTO, COM DIÂMETRO DE 4,5 E 5 MM E COMPRIMENTO DE 7 A 20 (+/- 2) MM (COM TODOS OS TAMANHOS DO INTERVALO, COM, NO MÁXIMO, 5 MM ENTRE ELES)

UNIDADE

311453

07.02.04.007-0

25%

3257

42

 

CATETER BALÃO PARA ANGIOPLASTIA CORONÁRIA EM ARTÉRIAS FINAS, DE BAIXO PERFIL, SISTEMA DE TROCA RÁPIDA, SEMI-COMPLACENTE, COM PONTA AFILADA (PERFIL DE ENTRADA MENOR QUE 0,44 MM), COM MARCA RADIOPACA E BAIXO PERFIL DE CRUZAMENTO (MENOR QUE 0,65 MM), COM DIÂMETRO DE 1,25, 1,5 E 2 MM E COMPRIMENTO DE 7 A 20 (+/- 2) MM (COM TODOS OS TAMANHOS DO INTERVALO, COM, NO MÁXIMO, 5 MM ENTRE ELES).

UNIDADE

311454

07.02.04.007-0

25%

3557

43

 

CATETER BALÃO PARA ANGIOPLASTIA CORONÁRIA "OVER THE WIRE" (OTW);- BAIXO PERFIL;- COMPATIVEL COM FIO GUIA 0,014" E CATETER GUIA 6 F;- DIAMETRO: 1,5 A 2,5 MM (COM TODOS OS TAMANHOS DO INTERVALO, COM, NO MAXIMO, 0,5 MM ENTRE ELES);- COMPRIMENTO: 7 A 20 (+/- 2) MM (COM TODOS OS TAMANHOS DO INTERVALO, COM, NO MAXIMO, 5 MM ENTRE ELES).

UNIDADE

383154

07.02.04.007-0

25%

2234

44

 

CATETER BALÃO PARA ANGIOPLASTIA CORONÁRIA: NÃO-COMPLACENTE, DE BAIXO PERFIL, SISTEMA DE TROCA RAPIDA, RESISTENTE A ALTAS PRESSÕES, COM PONTA AFILADA (PERFIL DE ENTRADA MENOR QUE 0,47 MM), DUAS MARCAS RADIOPACAS E BAIXO PERFIL DE CRUZAMENTO (MENOR QUE 0,65 MM), COM DIAMETRO DE 1,5 A 5,0 MM (COM TODOS OS TAMANHOS DO INTERVALO, COM, NO MAXIMO, 0,5 MM ENTRE ELES) E COMPRIMENTO DE 6 A 30 (+/- 2) MM (COM TODOS OS TAMANHOS DO INTERVALO, COM, NO MAXIMO, 5 MM ENTRE ELES)

UNIDADE

377976

07.02.04.007-0

25%

13115

45

 

CATETER BALÃO PARA ANGIOPLASTIA DE DOENÇA ATEROSCLERÓTICA DOS VASOS INTRACRANIANOS COM COBERTURA HIDROFÍLICA, SEMI COMPLACENTE COM ENCHIMENTO SOB BAIXA PRESSÃO DE 06ATM, DIÂMETROS VARIANDO DE 1,5 A 4,0 MM NOS DIVERSOS COMPRIMENTOS, COMPATÍVEL COM FIO GUIA 0,014'', COM SISTEMA "OVER THE WIRE".

UNIDADE

392213

-

25%

11636

46

 

CATETER BALAO PARA ANGIOPLASTIA DE VASOS CERVICAIS, TROCA RAPIDA, COBERTURA HIDROFLICA, SEMI-COMPLASCENTE, COMPATIVEL COM FIO GUIA 0,014'' ATE 0,018", NOS DIAMETROS DE 03(+/-1) A 07MM.

UNIDADE

350422

07.02.04.007-0

25%

1509

47

 

CATETER BALÃO PARA ANGIOPLASTIA PERIFERICA:- COM REVESTIMENTO HIDROFILICO DISTAL E MARCAS RADIOPACAS;- SEMI-COMPLACENTE;- PONTA ATRAUMATICA;- BALAO COM AS SEGUINTES DIMENSOES: DIAMETRO DE 1.5 A 4.0 MM E COMPRIMENTO DE 20 A 150 MM;- RÁPIDA TROCA (RX); -PARA USO COM FIO GUIA 0.014";- EXTENSAO DE 130 CM (+/-20) - COMPATIVEL COM INTRODUTOR DE 4F.

UNIDADE

348872

07.02.04.007-0

25%

2375

48

 

CATETER BALÃO PARA ANGIOPLASTIA PERIFERICA:- COM REVESTIMENTO HIDROFILICO DISTAL E MARCAS RADIOPACAS;- SEMI-COMPLACENTE;- PONTA ATRAUMATICA;- BALAO COM AS SEGUINTES DIMENSOES: DIAMETRO DE 1.5 A 4.0 MM E COMPRIMENTO DE 20 A 150 MM;- SOBRE FIO GUIA (OTW);- PARA USO COM FIO GUIA 0.014";- EXTENSAO DE 130 CM (+/-20) - COMPATIVEL COM INTRODUTOR DE 4F.

UNIDADE

350440

07.02.04.007-0

25%

2427
  1   2   3   4   5   6   7   8


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal