Luciana mieko sunano



Baixar 6,85 Mb.
Página4/40
Encontro11.12.2017
Tamanho6,85 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   40

2.3 O Computador e a Analogia


Para atingir o objetivo de fortalecer a base intelectual dos alunos ingressantes em cursos voltados para a programação com conceitos de lógica computacional e algoritmos, o Objeto de Aprendizagem em questão irá simular a estrutura básica de um computador. A história dos computadores, de acordo com Stallings (2002), é comumente dividida em gerações, como mostra a Tabela 1, mais especificamente em cinco gerações que são divididas segundo a tecnologia de hardware empregada e a cada evolução desses grupos de computadores com tecnologias base semelhantes nota-se maior velocidade, maior capacidade de memória e menor tamanho se comparados com suas gerações antecedentes.

Tabela 1 – Geração de Computadores.


Fonte: STALLINGS, 2002, p. 21.

Historicamente, de acordo com Stallings (2002), em 1943 a primeira proposta de um computador eletrônico digital foi apresentada, aceita e iniciada em 1946. Esse projeto foi finalizado e entregue, dando início à primeira geração de computadores, que eram arquitetados com válvulas eletrônicas. O computador em questão foi batizado de ENIAC (Computador e Integrador Numérico Eletrônico — Electronic Numerical Integrator and Computer), teve como criadores John Mauchly e John Presper Eckert da Universidade de Pensilvânia. O ENIAC ocupava um espaço de aproximadamente 140 metros quadrados com suas mais de 18 mil válvulas, pesava aproximadamente 30 toneladas e sua operação consumia cerca de 140 quilowatts de energia elétrica, porém era muito mais veloz do que qualquer computador eletromecânico existente na época, já que conseguia executar 5 mil adições por segundo, aproximadamente. O autor diz que, inicialmente, ele foi projetado para ser utilizado durante a guerra pelo Laboratório de Pesquisas Balísticas do Exército americano (Army’s Ballistics Research Laboratory — BRL), no entanto, ao ser finalizado em 1946, já era tarde demais para ser usado durante a guerra e o BRL decidiu utilizá-lo para outros fins até 1955, ano em que o ENIAC foi desativado.

Como consequência ao fato do ENIAC ter a necessidade de carregar e modificar um programa, o que tornava a experência tediosa, surge um outro projeto, o EDVAC (Computador Variável Discreto Eletrônico — Electronic Discrete Variable Computer). O EDVAC foi proposto e formulado por um matemático chamado John von Neumann, que também era um dos consultores do projeto antecessor a este (STALLINGS, 2002). Segundo Murdocca e Heuring (2000) com essa nova proposta, von Neumann trouxe um novo conceito que veio em oposição aos computadores que armazenavam seus programas em memórias externas, o Programa Armazenado, que consiste em armazenar um programa na memória do computador, juntamente com os dados a serem processados pelo mesmo.

Posteriormente, em 1946, von Neumann juntamente com o Instituto de Estudos avançados de Princeton (IAS — Institute of Advanced Study), do qual era integrante, começou o projeto de mais um computador que foi batizado de IAS (Figura 4), assim como o Instituto, que acabou se tornando um protótipo para todos os computadores de propósitos geral subsequentes.


1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   40


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal