Intercâmbios acadêmicos entre pesquisadores, programas e universidades



Baixar 45,85 Kb.
Encontro14.01.2017
Tamanho45,85 Kb.
- INTERCÂMBIOS ACADÊMICOS ENTRE PESQUISADORES, PROGRAMAS E UNIVERSIDADES

Desde 2007, atividades desenvolvidas pelo Programa possibilitaram articulações com outros programas e pesquisadores em nível nacional e internacional e foram intensificadas nos últimos dois anos, conforme descrição a seguir:


1. Intercâmbios Acadêmicos, Redes e Grupos de Pesquisa em âmbitos Nacionais e Internacionais:


    1. Intercâmbio Acadêmico com Universidades da Venezuela:

a) Intercâmbio Acadêmico com a Universidade Central de Venezuela – UCV: Em 2007, iniciaram-se as atividades junto ao Centro de Estudios del Desarrollo (CENDES), sediado na Universidade Central de Venezuela. Várias atividades de intercâmbios foram previstas e realizadas.
b) Intercâmbio Acadêmico com a Universidade Bolivariana Venezuelana e a Fundação Venezuelana de Planejamento: Em 2009, com a vinda do Reitor da UBV, Luis Fernando Damiani Bustillos, foi assinado o Protocolo de Intenções para a Cooperação Acadêmica entre a UNIOESTE e a Fundação Venezuelana de Planejamento da Venezuela - Escuela Venezolana de Planificación.
c) Intercâmbio Acadêmico com a Universidade Latinoamericana e do Caribe – ULAC: O processo de intercâmbio que se iniciou a partir de 2010 para o estabelecimento de Convênio de Cooperação Acadêmica com a Universidade Latinoamericana e do Caribe-ULAC- CARACAS-VE e a instalação do Observatório da América Latina, vinculado como parte da Rede do Observatório Social, foi concretizado em 2011. Para a concretização do intercâmbio e a Instalação do Observatório da América Latina, em abril de 2011, o professor e presidente do Conselho Universitário da ULAC, esteve na Unioeste - PPGE, Felinto Del Carmen Duran Chuecos, selando os contatos acadêmicos iniciados em 2010 com a Venezuela com a ida da professora Francis Mary Guimarães Nogueira, para cursar pós-doutoramento e atuar como professora convidada no CENDES-UCV. A instalação do Observatório da América Latina congrega propósitos definidos em Reunião da Junta Diretiva do Parlamento Latinoamericano – PARLATINO, que integra a representação política e institucional de países da região. A instalação do Observatório da América Latina no Oeste e Sudoeste do Paraná, integra a UNIOESTE e UNILA – Universidade da Integração Latino Americana, com sede em Foz do Iguaçu, PR, sob a direção do reitor Hélgio Trindade, do Brasil e do vice-reitor, Gerónimo de Sierra, do Uruguai.
d) Maestría en Educación Comparada: Como parte dos intercâmbios entre a Unioeste e Universidade Bolivariana da Venezuela (Caracas) a docente Francis Mary Guimarães Nogueira passou a compor, na qualidade de professora visitante, o corpo docente do Programa de la Maestría en Educación Comparada – proyectos Grannacionales ALBA-EDUCACIÓN. Assim, sua primeira atividade docente se deu por meio da Conferência “Investigación sobre cambio educativo universitario en Venezuela”, no dia 29 de novembro de 2012, como parte do Curso/ Disciplina Metodología de la Educación Comparada.
e) Observatório Social da América Latina:

Em reunião em Caracas realizada nos dias 26, 27 e 28 de novembro de 2012, a representante do Convênio entre Unioeste - Programa do Mestrado em Educação, professora Francis Mary Guimarães Nogueira, discutiu-se centralmente o encaminhamento de uma nova solicitação de financiamento para o PNUD, reformulando a proposta inicial, encaminhada a esta Secretaria da ONU do orçamento previsto, prevendo somente o custeio para iniciar um Banco de Dados sobre a Legislação em Educação Superior no Brasil e Venezuela (2002-2010). Estes dados já estão sendo organizados e compilados desde o início de 2012.


1.2. Intercâmbio Acadêmico com Universidade de Portugal
Intercâmbio com a Universidade Nova de Lisboa, em Portugal - INET-MD, Instituto de Etnomusicologia - Centro de Estudos em Música e Dança, unidade de investigação multidisciplinar e poli-nucleada da Universidade Nova de Lisboa, em Portugal. O pesquisador Alexandre Felipe Fiuza realizou uma conferência no INET e está programada a publicação de sua tese por este Instituto. Continua realizando intercâmbio e contato com pesquisadores desse Centro. Em julho de 2012, o docente participou de reunião de trabalho em Portugal e rediscutiu uma proposta de organização de um Congresso sobre música, mas que acabou sendo encampado unicamente pelo nosso PPGE, mediante a organização do I Congresso Internacional de Estudos do Rock, que ocorrerá entre 25 e 27 de setembro de 2013.
1.3 Intercâmbio Acadêmico com Universidade espanhola

Departamento de Historia Contemporánea de la Universidad Autónoma de Madrid, onde o docente Alexandre Felipe Fiuza realizou o pós-doutorado entre 2007 e 2008. Em setembro de 2011, mediante convite de seu ex-orientador de Pós-Doutorado Manuel Pérez Ledesma, participou do Congresso III Encuentro de Jóvenes Investigadores de Historia Contemporánea, em Vitoria-Gasteiz, Espanha, mediante apresentação de comunicação oral. Este evento foi organizado pela Asociación de Historia Contemporânea, cujo Vice-presidente e Diretor da revista da Asociación é o mesmo Prof. Ledesma. Em 2012, o docente do PPGE se reuniu novamente com o Professor Ledesma para planejar outras pesquisas junto ao Arquivo Geral da Administração da Espanha, prevista para ser realizada de 8 a 12 de julho de 2013, com recursos da Fundação Araucária, já aprovados em edital.
1.4 Intercâmbio Acadêmico com Universidades Argentinas e do Cone Sul
a) Projeto Internacional Jovens diante da História: Ensino, aprendizagem e consciência histórica de jovens de 15 anos no Brasil e na Argentina: Possibilidades para um survey intercultural. Coordenado pelo professor Luis Fernando Cerri, do Programa de Pós-Graduação em Educação da UEPG com participação do docente Alexandre Felipe Fiuza do PPGE. O projeto é financiado pela Fundação Araucária (PR), Universidad Nacional de La Plata e Universidad Nacional del Litoral. Em setembro de 2010, o projeto teve nova aprovação de financiamento pelo CNPq, viabilizando insumos, softwares e viagem dos representantes do projeto na Argentina, Paraguai, Uruguai e Venezuela para o Brasil. Em 2011 foi realizada uma reunião de trabalho na UEPG para ultimar ações do Projeto. Em 2012, a pesquisa ganhou maior impulso com a entrada da Venezuela no rol de países envolvidos, em particular com o trabalho do Prof. Dr. Ramón Vicente Casanova Mattera (Universidade Central de Venezuela/UCV/CENDES), que foi professor visitante no nosso PPGE (Convênio 200/2008 - Fundação Araucária - Período: 15/02/2009 à 15/06/2009). A coordenação e a logística da aplicação do questionário nas escolas públicas e privadas em Cascavel foram feitas pelo professor do nosso PPGE.
b) Intercâmbio acadêmico Universidad Nacional de General Sarmiento (UNGS) e Universidad Nacional de La Plata (UNLP), Provincia de Buenos Aires, Argentina. Intercâmbio iniciado em 2009, sendo que em março de 2010 recebemos a visita do professor argentino Ernesto Lázaro Bohoslavsky, da Universidad Nacional de General Sarmiento, Provincia de Buenos Aires, Argentina, que ofereceu uma disciplina especial: Problemas da história do Estado e da política na Argentina (1853-1976) e a conferência Anticomunismo e liberalismo nas direitas argentinas e brasileiras (1943-1959). Em 2011, o docente do PPGE, Alexandre Felipe Fiuza, participou de reuniões, bem como atuou nos dois Programas de Mestrado argentinos (da UNLP e da UNGS), o que possibilitou em 2012 a vinda do Professor Doutor Emmanuel Nicolás Kahan, professor da UNLP e pesquisador do Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas (Conicet), na qualidade de professor visitante no nosso PPGE. Assim, em 2012, o professor ministrou uma disciplina especial de trinta horas e uma palestra homônima: “Perseguição política e vigilância sobre a sociedade civil na Argentina através do Arquivo da Dirección de Inteligencia de la Policía de la Provincia de Buenos Aires (DIPBA): 1930-1998”. Entre os temas abordados, destacaram-se a repressão ao movimento estudantil e ao sindicalismo docente, entre outros temas relacionados à Educação durante a ditadura argentina.
1.5 Intercâmbio Acadêmico com a Universidad del Occidente – México

Os grupos de pesquisa HISTEDOPR e História e Historiografia na Educação (HHE), vinculados ao PPGE, iniciaram em 2009 a articulação com pesquisadores de outros países, como o México, da qual resultou a publicação de coletânea no México em 2010, com o título: Educación Superior y Cooperativismo, organizada por Marcela Rebeca Contreras Loera e Aída Alvarado Borrego, da Ediciones del Lirio S.A. Retomadas as pautas para a intensificação do intercâmbio entre programas e pesquisadores das instituições dos dois países, o Grupo de Pesquisa em História, Sociedade e Educação no Brasil – GT da Região Oeste do Paraná – HISTEDOPR – da Unioeste em parceria com a pesquisadora da Universidad de Occidente (Culiacán – México), reuniu treze produções, integrando um total de 28 pesquisadores do Brasil, da Argentina, do México, da Venezuela, de Cuba, da Espanha e da Alemanha, no intuito de dar uma contribuição para a discussão sobre o Ensino Superior, sua história, a especificidade da universidade, o papel da pós-graduação, a função social da universidade e suas possibilidades em contribuir com o desenvolvimento local. Tal intercâmbio resultou na coletânea: História, sociedade e educação: o ensino superior e o desenvolvimento local. Campinas: Navegando, 2011. Organizada pelos docentes do PPGE André Paulo Castanha, Paulino José Orso e João Carlos da Silva, e com a professora mexicana Marcela R. C. Loera. Em 2012, este grupo novamente se organizou para realizar outro projeto editorial sobre o Ensino Superior na América latina, preparando na Venezuela uma terceira coletânea intitulada: “Estado, Universidad y Sociedad: mirando la educación universitaria desde el desarrollo endógeno”, com previsão de publicação para o final do primeiro semestre de 2013. Essa publicação reunirá uma série de estudos sobre os avanços teóricos e empíricos obtidos na América Latina, no Caribe e na Europa, sobre o estado atual da educação universitária e o papel que assume o Estado em relação ao modelo de desenvolvimento que interfere na sociedade. Desta feita a publicação ficou a cargo do Programa de Investigación de la Universidad Nacional Experimental Rafael Maria Baralt, em Maracaibo, Venezuela.


1.6 Intercâmbio Acadêmico entre Programas de Pós-Graduação em Educação da UFPR, UNIOESTE e Programa de Pós-Graduação em Tecnologia da UTFPR

Intercâmbio Acadêmico entre Programas de Pós-Graduação em Educação da UFPR, UNIOESTE e Programa de Pós-Graduação em Tecnologia da UTFPR, nasceu do desenvolvimento do projeto de pesquisa Interinstitucional Demandas e potencialidades do PROEJA no estado do Paraná: (Apoio e financiamento CAPES/MEC/SETEC). O projeto foi concluído em 2012 e previa a identificação das demandas e potencialidades do PROEJA no Estado do Paraná, o desenvolvimento de metodologias para referenciais pedagógicos, o desenvolvimento de itinerários formativos com organização curricular integrada para Educação de Jovens e Adultos/Ensino Médio/Educação Profissional, e a formação de recursos pós-graduados com foco de pesquisa na temática. O projeto reuniu pesquisadores de 3 programas, bem como os Grupos de Pesquisa à eles vinculados. Desde 2007 até dezembro de 2011, foram defendidas 16 dissertações e uma tese de doutorado dos alunos pesquisadores vinculados a pesquisa e aos Programas da UTFPR, UFPR e UNIOESTE. Apesar da conclusão do Projeto sobre o PROEJA, o Intercâmbio teve continuidade, inclusive os pesquisadores estão concorrendo a novos editais para financiamento de novas pesquisas.


1.7 Participação do PPGE na IX ANPEDSUL (2012)

O nosso PPGE participou da organização e realização do IX Seminário de Pesquisa em Educação da Região Sul (ANPEDSUL), realizado no período de 29 de julho a 1º de agosto de 2012, na Universidade de Caxias do Sul - UCS, em Caxias do Sul - RS. O evento foi organizado pela UCS, por meio do Programa de Pós-Graduação em Educação, com a participação dos 35 PPGEs da Região Sul, que integram o Fórum Sul de Coordenadores de Programas de Pós-Graduação em Educação.

O evento teve como tema central: "A Pós-Graduação e suas interlocuções com a Educação Básica". O Seminário marcou os 40 anos da pós-graduação em Educação na Região Sul e, no âmbito de sua programação, abrigou também o III Fórum de Editores de Periódicos em Educação da Região Sul e o VII Fórum de Secretários(as) de Pós-Graduação em Educação da Região Sul.

Consolidando-se como um evento de referência na divulgação de resultados de pesquisas desenvolvidas na área da Educação nos três estados do sul do país, a ANPEDSUL acolheu, em sua 9ª edição, 2152 inscritos e 1624 participantes credenciados, entre estudantes, docentes de programas de Pós-Graduação e pesquisadores da área da Educação. O evento contou com o apoio financeiro da CAPES, FAPERGS e SINPRO Caxias do Sul.

O evento empregou os mesmos procedimentos de submissão e de avaliação de trabalhos que é adotado na Reunião Nacional da ANPEd. O evento adotou a mesma estrutura dos 23 GTs da ANPEd, com um coordenador de GT, um membro do Comitê Científico e um corpo de pareceristas ad hoc, todos docentes de PPGEs da Região Sul. Coube ao nosso PPGE, a coordenação do GT de História da Educação e o Comitê Científico do GT de Políticas Educacionais.

No seu todo foram inscritos 1704 trabalhos, os quais foram submetidos através de sistema online, com preservação de anonimato, seguindo as normas gerais da ANPED, procurando uma avaliação criteriosa quanto à qualidade e mérito dos trabalhos. Ao final do processo de avaliação 939 trabalhos foram aprovados entre trabalhos completos e pôsteres, organizados na sequência entre 223 sessões de apresentação de trabalhos.

Quanto aos produtos da IX ANPED SUL, foram disponibilizados os seguintes aportes, todos publicados no site do evento e no Portal da ANPED SUL:

a)Vídeo com a conferência de abertura;

b)E-book (A Pós-Graduação e suas interlocuções com a Educação Básica: múltiplos olhares), com os textos dos convidados das sessões especiais de cada GT. O e-book foi organizador por Flávia B. Ramos, Neires Maria S. Paviani, Tânia Maris de Azevedo (Organizadores), editado pela Editora da Universidade de Caxias do Sul - EDUCS e Casa Leiria.

c)Anais com a publicação de todos os trabalhos completos e pôsteres (ISSN 2238-9229);

d)Portal da ANPED SUL (www.portalanpedsul.com.br), com recuperação da memória dos eventos anteriores, links com todos os PPGs e periódicos da Região Sul, em espaço virtual, configurando-se um importante canal de acesso à informação para os docentes e discentes da Pós-Graduação.

Paralelamente à programação geral e de cada GT, aconteceram reuniões das seguintes entidades:

- Fórum de Coordenadores de Programas de Pós-Graduação em Educação da Região Sul - FORPRED SUL

- III Fórum de Editores de Periódicos da área da educação da Região Sul - FEPAE SUL

- VII Fórum de secretários(as) de Pós-Graduação em Educação da Região Sul

- Reunião Regional da Associação Nacional pela Formação dos Profissionais da Educação - ANFOPE SUL

Em termos de aprofundamento da chamada protagonizada no título do evento - A PÓS-GRADUAÇÃO E SUAS INTERLOCUÇÕES COM A EDUCAÇÃO BÁSICA – pode-se afirmar que uma mobilização bastante intensa aconteceu no espaço acadêmico da instituição que sediou o evento – a Universidade de Caxias do Sul - e também na comunidade em geral, chamando atenção das políticas públicas, dos órgãos de imprensa e da comunidade acadêmica, científica e escolar em geral. Acredita-se que a IX ANPED SUL protagonizou um estreitamento das interlocuções entre a Pós-Graduação e a Educação Básica, a partir não somente da socialização das pesquisas desenvolvidas nos diversos programas de Pós-Graduação da Região Sul, mas, também, pelas ricas discussões que aconteceram nos diversos espaços do evento, fortalecendo a identidade da pesquisa e da Pós-Graduação em Educação da Região Sul.
1.8 Intercâmbio de Cooperação Acadêmica Ampla entre Programas de Pós-Graduação em Educação

Esse Intercâmbio, firmado em 2009 e ampliado em 2010, congrega sete (7) Universidades da Região Sul: Universidade Estadual de Ponta Grossa, Universidade Estadual do Oeste do Paraná/PR, Universidade Estadual de Londrina/PR, Universidade do Vale do Itajaí/SC, Universidade Estadual de Maringá/PR, Universidade Federal de Santa Maria/RS, UNICENTRO - Universidade Estadual do Centro Oeste (a partir de 2011), tornou viável, institucionalmente, a promoção de ampla cooperação técnica e científica para o desenvolvimento de projetos e ações conjuntas de ensino, pesquisa e inserção social viabilizando melhor acesso e uso da infraestrutura disponível nas instituições envolvidas e melhor promoção da mobilidade docente e discente dos cursos de pós-graduação stricto sensu. As ações desenvolvidas congregam organização conjunta de eventos, publicações, estágios de pós-doutorado e redes de pesquisa.

Desde 2009, quando o Convênio foi firmado, ocorreram diversas ações que levaram ao fortalecimento do intercâmbio interinstitucional possibilitando que, no ano de 2011, pesquisadores das diferentes instituições se envolvessem em um trabalho de publicação conjunta dos resultados das pesquisas desenvolvidas. Em virtude do convênio, pesquisadores atuaram como membros titulares em bancas de defesa nestes Programas de Pós-Graduação em Educação, participaram de reuniões de Grupos de Pesquisa e proferiram palestras. Realizaram-se, em 2011, dois grandes eventos envolvendo as instituições conveniadas: o V Seminário Nacional Estado e Políticas Sociais (PPGE UNIOESTE/CASCAVEL) e o X Seminário de Pesquisa do PPE (PPE/UEM/MARINGÁ). Em 2012, o Seminário de Pesquisa Interinstitucional entre os Programas, realizou-se na UEM, nos dias 7 a 9 de maio de 2012, contando com a presença de pesquisadores nacionais (Giovanni Alves, Jefferson Mainardes, Edla Eggert e Amarildo Trevisan) e internacionais (Yulia Solovieva/México e Joni Ramón Ocaño de la Fuente/CERP-Uruguai), com palestras, mesas-redondas, exposição de resultados dos Grupos de Pesquisas e comunicações provenientes de pesquisadores dos sete Programas conveniados. Destacamos, ainda, as seguintes atividades, ações e iniciativas:

a) Foram organizados seis livros com as seguintes temáticas: Livro 01 – Políticas Educacionais (Lançado na ANPED SUL); Livro 02 – Currículo; Livro 03 – Formação de Professores; Livro 04 – História da Educação; Livro 05 – Práticas Educativas; Livro 06 – Ensino e Aprendizagem, provenientes de pesquisas dos Grupos de Pesquisas. Estas publicações foram planejadas conjuntamente em 2010, desenvolvidas no decorrer de 2011 e encontram-se, em 2012, em fase de revisão final e impressão.


b) A Revista Imagens da Educação On Line nasceu como parte do intercâmbio e cooperação acadêmica entre os programas e pesquisadores das instituições envolvidas. E vem potencializando o intercâmbio de resultados de pesquisas das IES conveniadas, bem como recebido regularmente artigos de outras IES, do país e do exterior. As demais revistas, pertencentes aos programas de pós-graduação envolvidos, em decorrência do convênio, tiveram um forte incremento no processo de recebimento de artigos provenientes das pesquisas desenvolvidas e dos eventos realizados nestes Programas.

c) A coordenação e os docentes do Intercâmbio trabalharam na preparação da ANPEDSUL - IX Seminário de Pesquisa em Educação da Região Sul, que foi realizada na Universidade de Caxias do Sul, em julho/agosto de 2012. O evento, que foi organizado pelos PPGEs da região, sob a coordenação do Fórum Sul Coordenadores de PPGEs da Região Sul, Prof. Dr. Jefferson Mainardes – UEPG e UCS, reuniu docentes e pós-graduandos para a apresentação e discussão de resultados de pesquisa, bem como questões relacionadas à Pós-Graduação e suas relações com a Educação Básica. O tema da ANPEDSUL foi: A Pós-Graduação e suas interlocuções com a Educação Básica. Esta temática pretendeu aprofundar o debate sobre a pesquisa, a pós-graduação e a educação básica e, ao mesmo tempo, celebrou os 40 anos da Pós-Graduação em Educação na Região Sul.

d) A UNIOESTE e a UEM desenvolveram um projeto de pesquisa conjunto, modalidade bolsa de pós-doutorado, Edital 016/2011, aprovado pela Fundação Araucária (Fundação de Amparo à Pesquisa no Estado do Paraná) com o título: Estado e Política Pública de Educação Profissional: os motivos socioeconômicos e políticos e as razões educacionais e teórico-ideológicas da política educacional paranaense, desenvolvido no ano de 2012, com a participação dos professores Roberto Antonio Deitos (PPGE/UNIOESTE) e Angela Mara de Barros Lara (PPE/UEM).

e) Os professores Jefferson Mainardes (UEPG), Roberto Antonio Deitos (UNIOESTE), Doris Bolzan (UFSM), Terezinha Oliveira (UEM), Valéria Silva Ferreira (UNIVALI), Sueli Edi Rufini (UEL), Elisete Tomazzetti reforçaram o comitê editorial da Revista Contrapontos, da Revista Educere et Educare e da Revista Imagens da Educação.

f) As pesquisas conjuntas desenvolvidas por professores e alunos no âmbito das instituições conveniadas têm resultado em textos, capítulos de livros e artigos divulgados nos veículos de comunicação dos Programas que compõem o convênio (Revista Eletrônica Imagens da Educação; Revista Acta Scientiarum Education; Revista Teoria e Prática as Educação; Práxis Educativa da UEPG; Contrapontos da UNIVALI; Educere et Educare da UNIOESTE e Educação da UFSM).
1.9 Intercâmbio Acadêmico com a Rede Brasileira de Estudos Latino-Americanos (REBELA) - Instituto de Estudos Latino- Americanos do Centro Sócio-Econômico da UFSC

Desde 2005, o PPGE, por meio do GPPS - Grupo de Pesquisa em Políticas Sociais integra a Rede Brasileira de Estudos Latino-Americanos (REBELA), que é parte do Instituto de Estudos Latino- Americanos do Centro Sócio-Econômico da UFSC, coordenado pelo professor Nildo Ouriques. O GPPS participa das Jornadas Bolivarianas, promovidas anualmente pelo IELA e tem dialogado de diferentes formas com os integrantes da Rede. O professor Nildo Ouriques participou das cinco edições do Seminário Nacional Estado e Políticas Sociais no Brasil, promovido pelo nosso PPGE e pelo GPPS, e em outros momentos de discussões específicas com os membros do Grupo para definir temáticas e recortes de pesquisas articuladas. O GPPS também mantém articulações com o Grupo de Estudos sobre Política Educacional e Trabalho (GEPETO), da UFSC. O diálogo tem se dado por meio da ida de pesquisadores do GPPS para qualificação e desenvolvimento de atividades de pesquisa em Florianópolis e a vinda de membros do GEPETO em eventos promovidos pelo GPPS como palestrantes, apresentando trabalhos e realizando discussões conjuntas. Intercâmbio acadêmico viabilizado por meio do Protocolo Normativo de Cooperação que prevê intercâmbio de professores, de estudantes e de material bibliográfico com CENDES - Centro de Estudios del Desarrollo (CENDES), sediado na Universidade Central de Venezuela.


1.10 Intercâmbio Acadêmico com a Rede de Pesquisa: Grupo de Pesquisa em História, Sociedade e Educação no Brasil, com sede nacional na UNICAMP. O HISTEDBR integra o Grupo de Estudos e Pesquisas sobre História, Sociedade e Educação no Brasil (HISTEDBR), de abrangência nacional, com sede na UNICAMP, sob a coordenação de Dermeval Saviani. O grupo de pesquisa HISTEDOPR - Grupo de Estudos e Pesquisas sobre História, Sociedade e Educação do Oeste do Paraná encontra-se articulado como o HISTEDBR, que integra aproximadamente 40 grupos de pesquisa, espalhados pelos quatro cantos do país e praticamente em todos os estados brasileiros. Atualmente, o HISTEDBR no Paraná conta com grupos de pesquisa na região Oeste do Paraná (UNIOESTE) – HISTEDOPR –, Ponta Grossa (UEPG), Maringá (UEM), Palmas (FACEPAL), Curitiba (UFPR). Em 2012, foram realizadas videoconferências, palestras, Colóquio, publicação de duas coletâneas, entre outras atividades. Destaca-se a realização do “II Colóquio de Pesquisa: Arquivos, Instituições Escolares e Memória Histórica” ocorrido no dia 31 de agosto de 2012, com o apoio do nosso PPGE, do CNPq, da Secretaria Municipal de Educação de Cascavel e do Núcleo Regional de Ensino.
1.11 Intercâmbio Acadêmico com a Universidade de Würzburg - Alemanha

O PPGE, por meio do grupo de pesquisa HISTEDOPR - Grupo de Estudos e Pesquisas sobre História, Sociedade e Educação do Oeste do Paraná encontra-se articulado com o HISTEDBR, que, por sua vez, vem desenvolvendo atividades acadêmicas com o pesquisador da Universidade de Würzburg – Alemanha, Prof. Peter Johann Mainka. Em 2011, foram mantidas conversações com o professor para sua vinda ao Brasil, no segundo semestre de 2012, para uma segunda atividade concentrada no nosso PPGE. Contudo, a pedido do professor, essa atividade foi transferida para o segundo semestre de 2013.


1.12 Intercâmbio Acadêmico da Rede de Pesquisa sobre Educação do Campo das Instituições de Ensino Superior do Estado do Paraná

Interlocução com Grupos integrantes da Rede de Pesquisa em Educação do Campo, que congrega Programas e Pesquisadores das Instituições de Ensino Superior do Paraná: UEM, UEL, UNIOESTE, UNICENTRO, UEPG, UFPR, UTFPR, UEPR, UFFS, Univ. TUIUTI, além da participação de representantes da SETI – Secretaria de Estado, da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná e SEED - Secretaria de Estado da Educação do Paraná. Também como parte dessas interlocuções a rede paranaense de pesquisa em educação participou de várias atividades com as universidades que implementaram o Curso de Licenciatura em Educação do Campo por intermédio dos seminários promovidos pela SECAD/MEC. Em 2012, a exemplo do ano anterior, foram realizadas reuniões de trabalho entre as Universidades paranaenses para a consolidação da Rede de Pesquisa sobre Educação do Campo. A responsável do PPGE por essa articulação é atualmente a Pró-Reitora de Graduação da UNIOESTE, a professora Liliam Faria Porto Borges.


1.13 Projeto Alfa III – Universidades Estratégicas - Período: 2013/ atual: O ALFA III é um projeto interinstitucional, apoiado pela Comunidade Europeia, iniciado em janeiro de 2012, com previsão inicial para término em dezembro de 2015, com efetivação da participação da UNIOESTE em agosto deste mesmo ano, a partir da assinatura do Acordo de Cooperação institucional entre nossa instituição e a Fundación Universidad Católica del Norte (UCN), da Colômbia, instituição coordenadora do projeto na América Latina e Caribe. O projeto envolve 09 Universidades Latino-americanas, do Caribe e da Comunidade Europeia, as quais foram convidadas para participação na proposta, no final do ano de 2011, por uma Unidade de Coordenação de Projetos Estratégicos da Comunidade Europeia, as quais são:

1) Fundación Unversidad Católica Del Norte – Colômbia

2) Universidade Estadual do Oeste do Paraná – Brasil

3) Universidad Nacional de Asunción – Paraguay

4) Universidad Nacional de San Martin – Argentina

5) Universidad Nacional del Litoral – Argentina

6) Universidad de Antioquia – Colômbia

7) Universidad Católica del Táchira - Venezuela



8) Centro de Formación Florida – Espanha

9) Universidade del Molise – Itália.


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal