Iiii informaçÃo de imprensa 26/03/2018



Baixar 160,47 Kb.
Encontro09.11.2018
Tamanho160,47 Kb.



IIII

INFORMAÇÃO DE IMPRENSA


26/03/2018



Pneus MICHELIN vencedores nos mais recentes ensaios e testes comparativos

Os pneus MICHELIN continuam a dar mostras das suas prestações e rendimento, ao saírem vencedores em diversos comparativos e testes realizados por organismos e revistas especializadas. Os MICHELIN Primacy 3 impõem-se no ADAC Test Summer 2018, sendo os mais valorizados entre os 16 pneus examinados. Os MICHELIN Pilot Sport 4 são os vencedores nos dois comparativos entre pneus desportivos realizados pelas revistas alemãs Automotor und Sport (AMS) e Autozeitung. Os MICHELIN CrossClimate+ impõem-se num teste específico da Autozeitung, e no comparativo com pneus all-season da AutoBild, que compara a performance com diferentes fases de desgaste. Por seu turno, os MICHELIN ENERGY Saver+ são líderes em longevidade no comparativo de pneus de verão da revista AutoBild, que também atribui a classificação “exemplar” ao MICHELIN Alpin 5 no seu comparativo de pneus de inverno.

MICHELIN Pilot Sport 4 e MICHELIN CrossClimate+ vencedores no teste da Autozeitung

A Michelin supera os seus concorrentes nos comparativos realizados pela revista alemã Autozeitung. A publicação especializada realizou um comparativo de pneus desportivos, em que o MICHELIN Pilot Sport 4 foi o melhor composto dos seis participantes no teste. A medida eleita foi 225/45-17.

O pneu desportivo da Michelin demostrou todo o seu potencial em testes sobre piso seco, molhado e de distância de travagem. O veredito do comparativo consagrou o MICHELIN Pilot Sport 4 como “o melhor em piso seco e em piso molhado, sendo claramente o vencedor do teste”. Nos testes sobre piso molhado, o pneu da Michelin obteve as melhores pontuações nas provas de resistência ao aquaplaning, tanto em linha reta como em curva, no comportamento em estrada e em segurança. Sobre piso seco, o MICHELIN Pilot Sport 4 impôs-se nos testes de travagem e de segurança, e também no comportamento em estrada e no slalom.

Desta forma, o MICHELIN Pilot Sport 4 superou largamente os seus concorrentes na classificação final elaborada pela Autozeitung. Os rivais do pneu da Michelin eram o CONTINENTAL Premium Contact 6, o FALKEN Azeris FK 510, o GOODYEAR EfficientGrip Performance, o HANKOOK Ventus Prime 3 K125 e o GITI Sport S1. Face a todos eles, os especialistas da Autozeitung foram unânimes em considerar o Pilot Sport 4 como o pneu com a “menor distância de travagem”, que, além do mais, oferece “uma direção precisa, sendo extremamente rápido, mas mantendo o controlo a todo o momento”.

Este não foi o único teste da revista alemã em que um pneu da Michelin saiu vencedor. Na mesma prova, e utilizando a mesma dimensão, a Autozeitung incluiu para a sua avaliação comparativa os MICHELIN CrossClimate+, pneus de verão com certificação de inverno, juntamente com outros dois pneus all-season: o CONTINENTAL All-Season Contact e o GOODYEAR Vector 4 Seasons Gen-2. Nesta prova, os pneus MICHELIN CrossClimate+ confirmaram a sua excecional performance, liderando no teste de travagem em piso seco, e igualando os seus rivais da Goodyear e da Continental na travagem em piso molhado. A conclusão da Autozeitung, que nesta prova não realizou o teste sobre neve, destaca as prestações dos MICHELIN CrossClimate+ sobre piso seco, por comparação com os pneus de verão, lembrando que os MICHELIN CrossClimate+ podem continuar a ser utilizados em situações nas quais um pneu de verão requere o uso de correntes. O teste da Autozeitung nem sequer analisa a duração do pneu, um critério em que os MICHELIN CrossClimate+ também dispõem de uma clara liderança, com uma vantagem, em média, de 25% face aos principais concorrentes do segmento all-season.

MICHELIN CrossClimate+ primeiro classificado no comparativo da AutoBild

No comparativo realizado pela revista AutoBild, os pneus MICHELIN CrossClimate+ impõem-se face a outros cinco pneus all-season na medida 185/65-15, sendo os vencedores absolutos de um teste em que se avaliou a performance dos pneus novos e com diferentes níveis de desgaste (profundidade do piso de 4 mm e de 2 mm). Os MICHELIN CrossClimate+ impuseram-se neste teste aos GOODYEAR Vector 4Seasons Gen-2, HANKOOK Kinergy 4S, NOKIAN Weatherproof, PIRELLI Cinturato All Season e VREDESTEIN Quatrac 5. Além de oferecerem as melhores prestações apesar do desgaste, os MICHELIN CrossClimate+ exibiram a maior vida útil, com 50 100 km até alcançarem o limite legal de desgaste, superando pelo menos em 10 000 km o segundo classificado neste particular.



MICHELIN Pilot Sport 4 vencedor no teste da AMS

No teste realizado pela Auto Motor und Sport (AMS), os pneus MICHELIN Pilot Sport 4 repetiram a primeira posição alcançada no comparativo de pneus desportivos realizado pela revista alemã em 2017. Nesta ocasião, para o seu teste de 2018, a AMS submeteu a ensaio 11 pneus do segmento desportivo na medida 225/45R17. Os concorrentes dos MICHELIN Pilot Sport 4 no teste foram os seguintes: CONTINENTAL Premium Contact 6, FALKEN Azenis FK510, PIRELLI PZero, GOODYEAR Eagle F1 Asymmetric 3, NOKIAN Line, GITI Sport S1, TOYO Proxes Sport, COOPER Zeno CS8, NANKANG Sportnex AS-2 e VREDESTEIN Ultrac.

Na prova sobre piso molhado, os MICHELIN Pilot Sport 4 alcançaram a melhor classificação em travagem (com 0,5 m de vantagem sobre o seu principal rival, 1,3 m de distância sobre o Pirelli e 2,1 m sobre o Continental), e também terminaram no primeiro lugar do ranking em aderência lateral e slalom. Sobre piso seco, confirmaram a sua superioridade ao manterem-se entre os melhores nas provas de slalom e troca de faixa, liderando a classificação de travagem, com uma vantagem de 0,8 metros sobre o segundo classificado, o Pirelli. Para a AMS, os MICHELIN Pilot Sport 4 foram os únicos pneus do comparativo merecedores da classificação “altamente recomendados”, graças ao seu excelente controlo e alto nível de reatividade, e à sua elevada segurança em piso molhado.

MICHELIN Energy Saver+ líder em longevidade no teste da AutoBild

No comparativo de pneus de verão realizado pela AutoBild, na medida 195/65-15, os pneus MICHELIN Energy Saver+ fazem parte da seleção final de um painel de 51 pneus, entre os que se elegeram 20 com base nas suas prestações sobre piso seco e nos resultados dos testes de travagem em piso molhado. Concretamente, os MICHELIN Energy Saver+ obtêm duas menções especiais por parte da AutoBild neste comparativo, uma pelas suas “prestações equilibradas” e outra pela sua “reduzida distância de travagem e precisão em seco”.

Além do mais, os MICHELIN Energy Saver+ posicionam-se como líderes do comparativo em longevidade, com diferenças que vão desde os mais de 5000 km (+5460 km por comparação com os BRIDGESTONE Turanza T005, ou +6240 km por comparação com os PIRELLI Cinturato P1 Verde) até aos quase 13 000 km sobre os seus rivais premium mais diretos (+12 480 km face aos GOODYEAR EfficientGrip Performance, e +12 870 km por comparação com os DUNLOP sport BluResponse). Neste comparativo, os MICHELIN Energy Saver+ também se classificam com a segunda melhor nota no teste de resistência ao rolamento.

MICHELIN Alpin 5 classificado como “exemplar” no teste de pneus de inverno da AutoBild

Até 50 diferentes pneus de inverno, na medida 225/50-17, ensaiou a revista AutoBild no seu “Winter Test 2017”. Após uma primeira ronda de classificação, foram selecionados 20 finalistas para o comparativo final, de acordo com os resultados dos testes de travagem sobre piso molhado e sobre neve, descartando os 30 pneus com piores resultados.

Os 20 pneus finalistas foram submetidos a exigentes testes sobre neve (travagem, tração e slalom), sobre piso molhado (travagem e aquaplaning em reta e em curva) e sobre piso seco (travagem, conforto e ruído de rolamento), além de avaliar o custo para o utilizador tendo em conta a durabilidade e o preço. Os pneus MICHELIN Alpin 5 classificaram-se no segundo lugar absoluto, recebendo o selo da AutoBild que reconhece este pneu como “exemplar”.

MICHELIN Primacy 3 líder no Summer Test 2018 da ADAC

No Summer Test 2018 realizado no mês de março pela ADAC, incluindo 16 pneus de verão na medida 205/55 R16 91V, a gama Primacy da MICHELIN confirma a liderança que mantém neste teste desde 2015, com uma novidade: confirma a sua supremacia nos testes também quando o pneu está desgastado. Os pneus MICHELIN Primacy 3 utilizados nos testes da ADAC terminaram na primeira posição do ranking face aos seus 15 competidores, alcançando a classificação “GUT”, a mais elevada atribuída pela ADAC, que sublinhou “a manutenção das prestações deste pneu à medida que se desgasta, a sua performance particularmente boa em piso seco e como mantem, também, boas prestações em piso molhado”.

Desde o início de 2018, está já disponível o novo MICHELIN Primacy 4, substituto do MICHELIN Primacy 3, que já foi testado pelos organismos de certificação alemães TÜV SÜD e DEKRA, provando ser o número um em longevidade1 (18 000 km mais do que a média dos seus concorrentes), e garantindo uma travagem em piso molhado, quando o pneu está usado, 2,8 metros melhor do que a média dos seus concorrentes2.

(1) Teste de travagem em piso molhado de 80 a 20 km/h, realizado pelo TÜV SÜV Product Service, a pedido da Michelin, entre junho e julho de 2017, na medida 205/55 R16 91V, num VW Golf 7, comparando o MICHELIN Primacy 4 com os seus concorrentes BRIDGESTONE Turanza T001 Evo; CONTINENTAL Premium Contact 5; DUNLOP Bluresponse; GOODYEAR Efficient Grip Performance e PIRELLI Cinturato P7 Blue. Quando usado (refere-se a uma profundidade do piso de 2mm) é co-líder com o BRIDGESTONE Turanza T001 Evo.
(2) Teste realizado pelo DEKRA TEST CENTER, a pedido da Michelin, entre junho e julho de 2017, na medida 205/55 R16 91V, montada num VW Golf 7, comparando o MICHELIN Primacy 4 com os seus concorrentes BRIDGESTONE Turanza T001 Evo; CONTINENTAL Premium Contact 5; DUNLOP Bluresponse; GOODYEAR Efficient Grip Performance e PIRELLI Cinturato P7 Blue. Teste de longevidade realizado em condições reais (D50) num percurso de 10 000 km. Duração estimada até chegar ao limite legal de desgaste do pneu (1,6 mm).

A Michelin, empresa líder no sector dos pneus, dedica-se a melhorar, de forma sustentável, a mobilidade dos seus clientes. Para tal, a Michelin concebe e distribui pneus, serviços e soluções apropriadas para as respetivas necessidades. A Michelin disponibiliza, igualmente, serviços, mapas e guias digitais destinados a ajudar a enriquecer as suas viagens e deslocações, e a torná-las experiências únicas. A Michelin desenvolve, também, materiais de alta tecnologia destinados a servir a indústria da mobilidade. Com sede em Clermont-Ferrand, França, a Michelin está presente em 170 países, emprega 111 700 colaboradores e opera 68 centros de produção em 17 países, que, no seu conjunto, fabricaram mais de 187 milhões de pneus em 2016. (www.michelin.es).






©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal