Final do século XIX e século XX



Baixar 5,62 Mb.
Página21/54
Encontro30.10.2016
Tamanho5,62 Mb.
1   ...   17   18   19   20   21   22   23   24   ...   54


Esta espécie de roupas pronto-a-vestir eram pedidas através dos catálogos de venda por correspondência, que exibiam os últimos modelos. Os artigos encomendados podiam ser feitos em qualquer lugar do país e eram entregues em 24 horas pelos fabricantes.

Os americanos seguem o exemplo britânico e começam também a produzir roupas em massa ready-to-wear. Para facilitar, são padronizados os tamanhos das roupas. E são os estilistas americanos os primeiros a introduzir as etiquetas informando sobre a percentagem de fibras sintéticas que compõem os tecidos usados e dando conselhos de limpeza. Um expediente muito útil tendo em conta que algumas das novas fibras usadas no vestuário, como a fibrana, encolhiam para metade com a lavagem.

A maioria das mulheres nestes anos de guerra tem apenas um fato saia e casaco e um vestido. Mas entretanto domina o segredo de os conjugar com peças e acessórios diferentes de modo a garantir alguma diversidade.

Uma blusa simples, uma camisa diferente, lenços, um colete de malha e um pulôver, todos feitos de materiais reutilizados, são usados em momentos diferentes com cada uma das peças do fato ou a compor o vestido, de modo a aparentar trajes diversificados.

Depois, com uma escolha inteligente dos pequenos acessórios, completa-se a ilusão.



Na França ocupada pelos alemães em Junho de 1940, Paris só com dificuldade consegue manter-se a capital da moda. A Alemanha nazi quer anexar a costura parisiense, com a transferência das grandes casas e estilistas para Berlim e Viena.

Muitos dos grandes nomes da alta-costura abandonam o país, fecham as suas casas ou mudam-nas para outras cidades, sobretudo para Londres ou Nova Iorque, que está longe da destruição dos bombardeamentos.

O estilista francês Lucien Lelong, presidente da Câmara Sindical da Costura, elabora um relatório que dirige ao governo apresentando as razões imperativas por que as maisons devem permanecer em França e consegue evitar o pior.

1   ...   17   18   19   20   21   22   23   24   ...   54


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal