Eventos em lagos / janeiro 2016 nota



Baixar 155,55 Kb.
Encontro19.07.2017
Tamanho155,55 Kb.
EVENTOS em LAGOS / JANEIRO 2016
NOTA: Esta agenda de eventos está dividida nas seguintes secções: Eventos no Centro Cultural de Lagos | Outros Eventos | Atividades Desportivas | Exposições | Atividades da Biblioteca | Atividades no Espaço Jovem | Atividades no Centro Ciência Viva | Feiras e Mercados

EVENTOS no CENTRO CULTURAL de LAGOS



Dia 23 | 21h30

Concerto pela Orquestra de Jazz do Algarve com Manuela Lopes

Local: Centro Cultural de Lagos

Nota: O Centro Cultural de Lagos estará encerrado até ao dia 22 de janeiro para obras de manutenção e limpeza.

CENTRO CULTURAL de LAGOS

Rua Lançarote Freitas, n.º7

3ª feira a sábado | 10h00 às 18h00 (*)

Horário em Julho e Agosto | 15h00 às 23h00 (*)

(*) Dias de espetáculo (conforme programação) até às 24h00

Encerra domingos, segundas e feriados.

http://centroculturaldelagos.wordpress.com/

OUTROS EVENTOS



Dia 05 | 21h00

Cantar dos Reis

Local: Praça Luís de Camões (Igreja de São Sebastião - em caso de intempérie)

Org.: Freguesia de São Gonçalo de Lagos

Dia 24

Eleições para a Presidência da República
Locais de Voto em Lagos:

Freguesia de Odiáxere



  • Escola EB1 de Odiáxere (Travessa João de Deus) / secções 1 e 2

Freguesia da Luz



  • Salão do Clube Recrea., Cultural e Desportivo Luzense (Rua Direita) / secções 1 e 2

União de Freguesias Bensafrim e Barão



  • Barão - Centro Cultural de Barão (Rua da Mata) / secção 1

  • Bensafrim - Escola EB1 de Bensafrim (Rua do Rossio) / secções 2 e 3

Freguesia de São Gonçalo de Lagos



  • Escola Básica + JI Sta. Maria (Rua da Gafaria) / Secções 1 a 6 (eleitores pertencentes à ex-freguesia de Santa Maria)

  • Escola Secundária Júlio Dantas (Largo Prof. Egas Moniz) / Secções 7 à 16 (eleitores pertencentes à ex-freguesia de S. Sebastião)



Dias 23 a 30

Comemorações da Elevação de Lagos a Cidade

Org.: Câmara Municipal de Lagos


A Elevação de Lagos a Cidade, que se assinala a 27 de janeiro, representa um dos momentos mais significativos da história local, constituindo o reconhecimento claro da importância e do trajeto percorrido desde a atribuição do Foral, por D. Manuel I em 1504 até à sua elevação em 1573, por D. Sebastião. Este facto levou à instalação na cidade dos governadores do Reino do Algarve, tornando-a numa das mais importantes localidades que se destacaram na história de Portugal. Daqui partiram igualmente as primeiras caravelas, abrindo caminho às grandes navegações dos Descobrimentos, e com as mesmas a abertura da Europa e da Cristandade a todo o mundo então desconhecido.

Comemorar a Elevação de Lagos a Cidade é, por isso, motivo de orgulho e de regozijo para todos os lacobrigenses, pois foi graças ao conhecimento, saber, experiência e determinação de muitos que Lagos se tornou num centro privilegiado e de encontro de gerações, culturas e civilizações, que fizeram da Cidade a mais cosmopolita dos séculos XV e XVI, no contexto nacional.

Para assinalar esta efeméride a autarquia organiza algumas iniciativas.

PROGRAMA:
Dia 23

17h30 | Inauguração de Exposições no Centro Cultural de Lagos:

- Regeneração, de Clotilde Fava

- Património Através do Buraco da Agulha, do LAC
21h30 | Concerto pela Orquestra de Jazz do Algarve com Manuela Lopes

Local: Centro Cultural de Lagos

Dia 27

10h00 | Ação de Dinamização e Promoção Turística e Cultural de Lagos “Rotas e Património”

Local: Centro Cultural de Lagos


Oradores e Temas:

♦ José António Martins (CMLagos) | “A Ordenação Heráldica da nova Freguesia de São Gonçalo de Lagos

♦ Elena Móran (CMLagos) | Apresentação do Guia “Lagos na Rota da Escravatura

♦ Nuno Pereira (LAC- Laboratório de Atividades Criativas) | Apresentação do Projeto “ARTUR – Arte Urbana em Lagos
12h30 | Visita orientada à Frente Ribeirinha de Lagos e Torreões do Castelo dos Governadores
15h00 | Visita orientada ao Monte Molião “Vestígios Arqueológicos da Ocupação Romana de Lagos”
16h00 | Experiências Únicas de Turismo de Aventura: Visita ao WaKeSalinas

Coffe break (oferta WaKeSalinas)

Local: Aeródromo Municipal de Lagos
Destinatários destas iniciativas de dia 27: Guias-intérpretes, operadores turísticos, unidades hoteleiras, empresas de animação turística e outras com atuação na área do município.

Inscrições (gratuitas) até 22 de janeiro no Serviço de Comunicação / Helena Castaldo – 282 771 723 ou helena.castaldo@cm-lagos.pt (indicando nome, entidade/empresa que representa e contactos - e-mail e telefone).

Estacionamento gratuito no parque subterrâneo da Frente Ribeirinha, na Avenida dos Descobrimentos para os inscritos.

Dia 27



14h30 | Palestra “O Saber das Plantas”

(No âmbito do projeto “A Ciência Não Tem Idade” - parceria entre o Centro Ciência Viva de Lagos e o Projeto Saúde em Movimento, da CML)

Local: Auditório dos Paços do Concelho Séc. XXI

Dia 29



15h00 | Apresentação do Livro “5 Poetas de Lagos”

Local: Salão da Junta de Freguesia de São Gonçalo de Lagos



20h30 | Comemoração do 7º Aniversário do Centro Ciência Viva de Lagos

Apresentação dos Guias de Geologia e Paleontologia Urbana de Lagos

Local: Centro Ciência Viva de Lagos

Dia 30

15h00 | “Igreja de Santo António – Sessão Pública de Apresentação dos Trabalhos de Conservação e Restauro”

Local: Igreja de Santo António


16h00 | Concerto “Barroco em Talha Dourada” pela Academia de Música de Lagos

Local: Igreja de Santo António


16h30 | Inauguração da Exposição Obras Narrativas de Eduarda Coutinho

Local: Museu Municipal Dr. José Formosinho


ATIVIDADES DESPORTIVAS
Dia 10 | 10h00

Marcha e Corrida

Local de Concentração: Salão Sócio Cultural do Grupo Popular das Portelas

Org.: Freguesia de São Gonçalo de Lagos

Inscrições no Local

Percurso de média dificuldade: 5,2 km e 9,7 km
ATIVIDADES da BIBLIOTECA MUNICIPAL DE LAGOS
Estacionamento gratuito no Parque da Frente Ribeirinha - Avenida dos Descobrimentos


A Biblioteca Municipal, em colaboração com a FUTURLAGOS, oferece aos leitores que acedam ao empréstimo de documentação uma hora de estacionamento gratuito no Parque de Estacionamento da Frente Ribeirinha, situado na Avenida dos Descobrimentos.
Para obtenção do referido desconto o utente da biblioteca deverá apresentar, na receção do parque, o talão de estacionamento devidamente assinado e carimbado por um funcionário da Biblioteca.


EXPOSIÇÃO DOCUMENTAL

A Roda Dos Expostos de Lagos

no Arquivo Histórico de Lagos



Visitas orientadas por Maria de Fátima Santos

Patente até 8 Janeiro 2016

Na Biblioteca Municipal de Lagos

Entrada livre (sujeito a marcação prévia)



Dias 06, 13, 20 e 27

QUARTAS de CINEMA

CICLO: O Fio da Memória

21h00 Biblioteca Municipal de Lagos

Entrada gratuita

06/01 | 21h00

A Estação, de Thomas McCarthy

EUA, 2003. 88 min. Cor. M/12

• Drama
COM: Peter Dinklage, Paul Benjamin, Jase Blankfort, entre outros.

Um filme poderoso e uma estimulante experiência cinematográfica.”



Hollywood Reporter
Finbar McBride (Peter Dinklage) está a tentar viver segundo as suas próprias regras. Na esperança de que o deixem em paz, decide mudar-se para uma antiga estação de comboios numa cidadezinha no campo. Mas, tal como os funcionários que ocuparam estações de comboio antes dele, Finbar acaba por, relutantemente, deixar-se envolver na vida dos seus vizinhos, especialmente na de Olivia (Patricia Clarkson), uma artista de quarenta anos que tenta lidar com o fim do seu casamento, e na de Joe (Bobby Cannavale), trinta anos, um enorme talento para a cozinha e um apetite insaciável para conversar - queiram ou não falar com ele. A ESTAÇÃO é um filme sobre três pessoas sem nada em comum, excepto a sua solidão, até que o acaso junta as suas vidas. Assim, a partir desta esquecida estação de comboios, este triângulo de inadaptados forja laços improváveis, o que prova que, em última análise, mesmo a solidão é melhor partilhada.
PRÉMIOS: 29 prémios e 28 nomeações; nomeado para Nominated CFCA Prémio, nos Chicago Film Critics Association Awards, em 2004; vencedor de um prémio BAFTA, em 2004; vencedor de um prémio Sierra, no Las Vegas Film Critics Society Awards, em 2004, entre outros.
+ info.:

http://www.thestationagent.com/story.html

http://mag.sapo.pt/cinema/filmes/a-estacao

13/01 | 21h00

Aniki Bóbó, de Manoel de Oliveira

Portugal, 1942. 84 min. P/b. M/6

• Drama • Familiar
COM: António Palma, António Santos, António Soares, entre outros.

Dois garotos, o Carlitos (Horácio Silva) e o Eduardinho (António Santos), gostam da mesma rapariga, a Teresinha (Fernanda Matos). Um é audacioso, brigão, atrevido; o outro é de carácter tímido, bom, sossegado. A rivalidade vai-se acentuando e, um dia, para agradar à sua apaixonada, Carlitos rouba uma boneca. Teresinha sente-se inclinada para ele até que um dia, numa inocente brincadeira, Eduardinho escorrega por um talude e cai ao lado de um comboio que passa. Todos pensam que Carlitos o empurrou e todos passam a afastar-se dele, enquanto Eduardinho sofre numa cama de hospital. Carlitos pensa em fugir num barco ancorado no cais de Massarelos, mas tudo se esclarece por intervenção do dono da “loja das tentações” que vira o acidente e que, no final, tira todas as suspeitas de cima do jovem Carlitos. E os garotos lá puderam de novo jogar aos polícias e ladrões, ao jogo do Aniki-Bobó…

+ info.:

http://www.imdb.com/title/tt0034461/

https://pt.wikipedia.org/wiki/Aniki_B%C3%B3b%C3%B3

20/01 | 21h00

O Baile, de Ettore Scola

Itália, França, Argélia 1983. 106 min. Cor. M/12 | Filme Mudo

• Drama • Musical • Histórico
COM: Étienne Guichard, Régis Bouquet, Francesco De Rosa, entre outros.
Sem diálogos, o filme conta parte da história da França, da década de 1930 à década de 1980, a partir dos personagens reunidos num salão de dança. Através das recordações das pessoas, da música e da dança, o filme traça um panorama da evolução do país, da ocupação nazista ao surgimento do rock'n'roll.
PRÉMIOS 10 prémios e 3 nomeações; vencedor do Reader Jury of the "Berliner Morgenpost" e do Silver Berlin Bear, no Festival Internacional de Cinema de Berlim, em 1984; vencedor do Alitalia Award, no David di Donatello Awards, em 1984, entre outros.
+ info.:

http://www.cinema.seed.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=457

http://www.imdb.com/title/tt0085213/

27/01 | 21h00

A Música Nunca Acabou, de Jim Kohlberg

EUA, 2011. 100 min. Cor. M/12

• Drama
COM: Cara Seymour, J.K. Simmons, James Urbaniak, entre outros.
A história de um pai, Henry que, passados 20 anos, tenta restabelecer a relação com o seu filho Gabriel, a quem é diagnosticado um tumor cerebral que o impede de criar novas memórias. Com Gabriel incapaz de continuar a manter os interesses e motivações que levaram ao seu afastamento, Henry vê uma nova oportunidade ao estabelecer com ele uma ligação através da música.
PRÉMIOS 1 nomeação; nomeado para um Chlotrudis Awards, em 2012.
+ info.:

http://cinecartaz.publico.pt/Filme/320031_a-musica-que-nunca-acabou

http://mag.sapo.pt/cinema/filmes/a-musica-nunca-acabou-digital


Pólo de Leitura de Bensafrim

08/01 e 22/01

14h – público infantil  21h – público em geral

Entrada gratuita
08/01 | 14h00 – público infantil

FILME A INDICAR OPORTUNAMENTE
08/01 | 21h00 - público geral

Bekas e o Sonho Americano, de Karzan Kader

Finlândia / Suécia / Iraque, 2012. 97 min. Cor. M/12

• Drama
COM: Zamand Taha, Abdulrahman Mohamad, Diya Mariwan, entre outros.
Zana e Dana, de sete e nove anos, respectivamente, são dois irmãos a viver no Curdistão iraquiano, em 1990. Órfãos de pai e mãe, que morreram na guerra de Saddam Hussein, sobrevivem nas ruas, aos cuidados um do outro. Um dia, quando se introduzem em segredo num cinema local, descobrem a existência de uma personagem que julgam ser a solução para todos os seus problemas: o Super-Homem. Desejosos de conhecer de perto o homem mais forte e justo de que alguma vez ouviram falar – e sem nada que os prenda àquele lugar devastado –, decidem pegar em Michael Jackson, a sua velha mula, e seguir viagem rumo à América. O objectivo parece-lhes simples e sem grande margem para erro. Enquanto Zana faz a lista de pessoas que o super-herói terá de castigar em seu nome, Dana apenas tem de se certificar que chegam vivos ao outro lado do mundo.

Escrita e dirigida pelo jovem realizador curdo Karzan Kader, uma comédia dramática que usa o humor para fazer uma reflexão sobre a guerra sob o ponto de vista de duas crianças.


PRÉMIOS 2 prémios e 3 nomeações; vencedor do People's Choice Award, no Dubai International Film Festival, em 2012; vencedor do Honorable Mention, no Stockholm Film Festival, em 2012; nomeado para Muhr Arab Award, no Dubai International Film Festival, em 2012, entre outros.
+ info.:

https://www.facebook.com/bekas.film

http://mag.sapo.pt/cinema/filmes/bekas-e-o-sonho-americano

http://www.imdb.com/title/tt1733105/?ref_=fn_al_tt_1




22/01 | 14h00 – público infantil

FILME A INDICAR OPORTUNAMENTE

22/01 | 21h00 - público geral

A Boa Mentira, de Philippe Falardeau

EUA, 2014. 110 min. Cor. M/12

• Drama
COM: Reese Witherspoon, Ger Duany, Arnold Oceng, entre outros.
A vencedora ao Oscar da Academia Reese Witherspoon protagoniza, junto com o elenco de atores Sudanês, um filme que os críticos apelidaram de “Uma emocionante história sobre sobrevivência, perseverança e esperança”.

Em 1983 durante os terríveis anos da Guerra Civil que assolou o Sudão, estima-se que mais de dois milhões de pessoas tenham perdido a vida. Para além desse número, existiram os "lost boys/girls", crianças de todas as idades que, fugindo aos perigos e, muitas vezes, acompanhadas pelos irmãos, percorriam milhares de quilómetros para alcançar os campos. Alguns anos mais tarde, um esforço humanitário levou para os EUA algumas destas crianças.

A Boa Mentira” é o drama baseado em fatos verídicos sobre a vida de uma jovem sobrevivente da Guerra Civil no Sudão, que muda juntamente com mais três sobreviventes para uma cidade norte-americana, onde desenvolve uma improvável amizade com uma mulher americana.
PRÉMIOS 2 prémios e 3 nomeações; vencedor do Truly Moving Picture Award, no Heartland Film, em 2014; vencedor do Jury Special Prize, no Deauville Film Festival, em 2014; nomeado para um Black Reel, nos Black Reel Awards, em 2015, entre outros.
+ info.:

http://www.thegoodliemovie.com/

http://mag.sapo.pt/cinema/filmes/a-boa-mentira

http://cinecartaz.publico.pt/Mobile/Filmes/Index/338964
Pólo de Leitura de Odiáxere

21/01

14h e 16h – público infantil 21h – público em geral

Entrada gratuita
21/01 | 14h e 16h – público infantil

FILME A INDICAR OPORTUNAMENTE

21/01 | 21h00 - público geral

A Boa Mentira, de Philippe Falardeau

EUA, 2014. 110 min. Cor. M/12

• Drama
COM: Reese Witherspoon, Ger Duany, Arnold Oceng, entre outros.
A vencedora ao Oscar da Academia Reese Witherspoon protagoniza, junto com o elenco de atores Sudanês, um filme que os críticos apelidaram de “Uma emocionante história sobre sobrevivência, perseverança e esperança”.

Em 1983 durante os terríveis anos da Guerra Civil que assolou o Sudão, estima-se que mais de dois milhões de pessoas tenham perdido a vida. Para além desse número, existiram os "lost boys/girls", crianças de todas as idades que, fugindo aos perigos e, muitas vezes, acompanhadas pelos irmãos, percorriam milhares de quilómetros para alcançar os campos. Alguns anos mais tarde, um esforço humanitário levou para os EUA algumas destas crianças.

A Boa Mentira” é o drama baseado em fatos verídicos sobre a vida de uma jovem sobrevivente da Guerra Civil no Sudão, que muda juntamente com mais três sobreviventes para uma cidade norte-americana, onde desenvolve uma improvável amizade com uma mulher americana.
PRÉMIOS 2 prémios e 3 nomeações; vencedor do Truly Moving Picture Award, no Heartland Film, em 2014; vencedor do Jury Special Prize, no Deauville Film Festival, em 2014; nomeado para um Black Reel, nos Black Reel Awards, em 2015, entre outros.
+ info.:

http://www.thegoodliemovie.com/

http://mag.sapo.pt/cinema/filmes/a-boa-mentira

http://cinecartaz.publico.pt/Mobile/Filmes/Index/338964


12 a 30/01

Exposição de Ilustração Infantil de Marco Taylor, com apresentação do livro “O Homem Que Carregava Pedras” e sessão de contos.

Destinários: Grupos Escolares do 1.º e 2.º Ciclos do E. B. e Famílias.



Dias 11 e 12/01 | Abertura da exposição pelo autor e apresentação do livro para Grupos Escolares do 1.º e 2.º Ciclos do E. B., com venda e sessão de autógrafos.

Dia 30/01 | Apresentação e venda do livro para as famílias acompanhado por uma sessão de contos.

Horário: Exposição de Ilustração – 10h-13h; 14h-18h (3.ª a sábado)


Marco Taylor

Nasceu em 1973. Depois, fez-se homem. Foi diretor de um festival internacional de cinema de animação, dirigente associativo, fez mushing anos a fio, plantou algumas árvores e tem dois filhos. Mente inquieta. Cresceu em Lisboa, mas reside no litoral alentejano, onde leciona Educação Visual e Educação Tecnológica.


Livros publicados:

- Não, Este Livro Não Tem Nome, Edições Vieira da Silva, 2013

- A Árvore Que Paria Meninos, Alfarroba, 2014 (infantojuvenil)

- 4uatro (poesia e conto), coletânea - Cláudia Silva, Eduardo Cardoso, Marco Taylor e Rui Teixeira, edição de autor, 2015

- O Homem Que Carregava Pedras, edição de autor, 2015 (infantojuvenil)

- Abílio, edição de autor, 2015


Prémios:

Vencedor do concurso Escrita Solidária 2014, promovida pela MGEN.


+ info.: http://www.marcotaylorautor.com/sobre-o-autor/

https://www.youtube.com/watch?v=Ndc5Qxyt_hI

http://deusmelivro.com/critica/o-homem-que-carregava-pedras-marco-taylor-29-9-2015/


LeiturÁlia

café & livros, leitura ilimitada

 Paços do Concelho Séc. XXI



9h00 -17h00
LeiturÁlia é um projeto de criação de espaços informais de leitura, no concelho de Lagos, da responsabilidade da Câmara Municipal de Lagos, através da Biblioteca Municipal Dr. Júlio Dantas. “café & livros, leitura ilimitada” é o primeiro, localiza-se ao lado da cafetaria dos Paços do Concelho Séc. XXI, e destina-se a todos os trabalhadores e utentes.


Sugestão de Leitura
A RAPARIGA NO COMBOIO” / PAULA HAWKINS (Harare, Zimbabwe, 1972)

Todos os dias, Rachel apanha o comboio...No caminho para o trabalho, ela observa sempre as mesmas casas durante a sua viagem. Numa das casas ela observa sempre o mesmo casal, ao qual ela atribui nomes e vidas imaginárias. Aos olhos de Rachel, o casal tem uma vida perfeita, quase igual à que ela perdeu recentemente. Até que um dia...Rachel assiste a algo de errado com o casal... É uma imagem rápida, mas suficiente para a deixar perturbada.

Não querendo guardar segredo do que viu, Rachel fala com a polícia. A partir daqui, ela torna-se parte integrante de uma sucessão vertiginosa de acontecimentos, afetando as vidas de todos os envolvidos. De leitura compulsiva, este é o thriller do momento, absorvente, perturbador e arrepiante.

(In: http://www.fnac.pt/A-Rapariga-no-Comboio-Paula-Hawkins/a877513)



Últimas novidades… em língua portuguesa
-Onde está Teresa? / Zibia Gasparetto

-Férias em Saint-Tropez / Elizabeth Adler

-Falta de provas / Harlan Coben

-Gosto de ti, e então? / Rita Leston

-Perfume de paixão / Jude Deveraux

-Tempo de partir / Jodi Picoult

-28 minutos e 7 segundos de vida / Manuel Forjaz, e outro

-Mindfulness / Mark Williams, e outro



Últimas novidades… em língua estrangeira
-Twelve red herrings / Jeffrey Archer

-Das marzipan-mädchen / Lena Johannson




Autor do mês:
ANTÓNIO TAVARES – PRÉMIO LEYA 2015

O Prémio Leya 2015 foi atribuído a António Tavares, pelo romance O Coro dos Defuntos.

O júri escolheu esta obra, que começa em 1968 e termina no dia 25 de Abril de 1974, por unanimidade. Este é o galardão de maior valor pecuniário - 100 mil euros - para romances inéditos em literatura de expressão portuguesa.

António Tavares queria mesmo que este fosse o seu segundo romance, depois de ter sido já finalista do Prémio Leya em 2013 com o primeiro, As Palavras que me Deverão Guiar um Dia (edição Teorema, Grupo Leya). Sentiu, como disse ao PÚBLICO uma hora depois do anúncio do seu nome como vencedor deste prémio, que "era inevitável" escrever sobre o período de intensas mudanças que o país e o mundo sofreram entre 1968 e 1974. "No nosso país, isso significou muito - por um lado, o morrer de um regime e o renascer de outro. Chama-se Coro dos Defuntos porque a aldeia no centro da história, no centro das beiras, fala como um coro. E esse coro, essas pessoas, já estão moribundas. Quase defuntos, porque logo a seguir vem o 25 de Abril, vem a liberdade, o varrer de novas ideias, o abalar das crenças e convicções do mundo rural. É a última geração que vive esse momento".

O júri elogia não só a “construção sólida” do romance que em momentos toca “o fantástico”, que conduz “o leitor através de uma escrita que inscreve em paralelo o percurso do país e o do mundo ficcional”, mas também a “diversidade de personagens” criadas por António Tavares, que é actualmente vice-presidente da Câmara Municipal da Figueira da Foz.

Em O Coro dos Defuntos “estamos enterrados na Cova da Beira”, diz, com “meia-dúzia de famílias” a ver o mundo lá fora. Os últimos momentos de um modo de vida. A obra, que toca ainda “o mundo da emigração na Suíça e nos Estados Unidos”, como descreve o júri, "é uma leitura que as pessoas que vivem numa aldeia do interior beirão fazem do mundo e do país" em anos de turbulência, explica o escritor. Pessoas "carregadas de preconceitos, de superstições, com o peso da moral católica e com a sua pouca instrução, [que] lêem este mundo de constante mudança”. E exemplifica com marcos temporais e sociais: “a queda de Salazar, o advento da Primavera Marcelista e um mundo a mudar com a conquista dos direitos dos negros na América, a conquista do espaço”.

António Tavares reflecte sobre a dualidade entre o mundo voraz, lá fora, e os que estão na Beira - "tentei que [o romance] estivesse impregnado de uma grande ironia, mas também de muita ternura por essas pessoas", diz. Respeitando o “saber muito próprio dessas gentes, muito ligado à terra”.

(In: http://www.publico.pt/culturaipsilon/noticia/premio-leya-2015-1710912)




DIVERSOS
na Biblioteca

ENCONTRO DO GRUPO DOS AMIGOS DE LAGOS

Dia 07│ 17h – 18h

Org.: GAL

Apoio: CML
Ideias e projetos para 2016

No dia 7 de Janeiro o Encontro de 5ª Feira do Grupo dos Amigos de Lagos vai debruçar-se sobre ideias e projetos de iniciativa particular para levar a cabo em 2016. Foram convidados os responsáveis pelos executivos municipal e das freguesias, para que os interessados pela vida da comunidade lacobrigense, com obras para publicar ou ideias e projetos para Lagos, tenham, neste encontro, oportunidade de divulgá-los e de dialogar sobre a possibilidade de integrá-los nos planos de atividades para 2016.

O Grupo dos Amigos de Lagos completa em Janeiro vinte e três anos de vida. Já realizou duas centenas de “Encontros de 5ª Feira”, onde são debatidos temas de interesse regional e local, tertúlias sobre ideias para Lagos, exposições temáticas e dez Encontros de Poesia. Editou três dezenas de publicações destinados a melhor dar a “Conhecer Lagos” e os lacobrigenses e é de sua iniciativa o projeto “Lagos, cidade poesia”.

nos Antigos Paços do Concelho



MERCADO DO LIVRO USADO E COLECIONÁVEIS

Dias 15, 16, 17 │ 10h30 – 18h

Nos 3.ºs fins-de-semana do mês há venda de livros usados e descatalogados a cargo da Livraria Livros da Ria Formosa e outros comerciantes do livro, ou pessoas individuais. Também compra, venda e troca de tudo o que é colecionável: pin’s, selos, moedas, autocolantes, calendários, notas, pacotes de açúcar, cromos, etc..


EXPOSIÇÕES

CENTRO CULTURAL de LAGOS / CCL

Rua Lançarote Freitas, n.º7 | Terça a sábado - 10h00 às 18h00




Patentes de 23 de janeiro a 09 de abril
REGENERAÇÃO
Exposição de Pintura de Clotilde Fava



Clotilde Fava, filha do escultor Armado Mesquita e de Palmira da Costa Pinto Mesquita, nasceu em Lisboa em 1941. Com o Curso de Escultura pela Escola Superior de Belas Artes de Lisboa, iniciou a sua carreira na companhia IBM Portugal como Designer.


Entre 1964 a 1975, como artista plástica, executou várias obras em cerâmica para várias instituições. Expõe regularmente desde 1984. Entre as suas exposições mais emblemáticas figuram a do Banco BCP em Paris (2011), a do MAC – Movimento de Arte Contemporânea em Lisboa (2005), a da Casa do Brasil em Santarém (2009), a do CAE – Centro de Artes e Espetáculos na Figueira da Foz (2010) e, a mais recente, a Exposição na Fundación Caja Vital Kutxa no País Basco (2011).

Representada em diversas coleções particulares e instituições e museus. www.clotildefava.com

PATRIMÓNIO ATRAVÉS do BURACO da AGULHA

Exposição de Fotografia do LAC

Projeto do LAC que pretende valorizar – redescobrindo e reinventando a imagética da fotografia estenopeica – um diversificado horizonte de edifícios classificados e de reconhecida importância história, arquitetónica e cultural, bem como, desenvolver e preservar essa técnica primordial de registo fotográfico, que se afirma no panorama criativo da fotografia contemporânea pelas suas qualidades conceptuais e formais ímpares e inatingíveis de outra forma. Com a realização de fotografias estenopeicas de grandes dimensões pretende-se valorizar os elementos identitários e portadores de memórias coletivas, dos quais faz parte todo o património edificado: nessa perspetiva, pretende-se preservar o património, contribuir para a qualificação territorial e formação de públicos, através da criação artísticas.

>- http://pinholelab.blogspot.pt/2010/04/wppd-2010_27.html

http://pinholelab.blogspot.pt/2009/04/worldwide-pinhole-photography-day.html

MUSEU MUNICIPAL DR. JOSÉ FORMOSINHO

Rua General Alberto Silveira | Terça a Domingo – 10h00 às 12h30 / 14h00 às 17h30


Patente de 30 de janeiro a 01 de maio
OBRAS NARRATIVAS
Exposição de Eduarda Coutinho

“Obras Narrativas” é um projeto de exposição numa conceção simultaneamente literária e artística. Trata-se de expor a diegese da obra (ou seja narrar o processo de criação da mesma). Através de diferentes abordagens narrativas e conceitos, esta exposição é contada num percurso individual e coletivo, onde os visitantes são levados a provar cultural e emocionalmente o percurso da artista.

Neste projeto são propostas 9 obras de espaços e tempo divergentes, mas ainda assim interligadas entre si. Abordam o visitante como parte de um todo e culminam na catarse de um caminho. Desta forma, pode-se afirmar que “Obras Narrativas” é um projeto que revela o percurso e o momento de criação, e que nos coloca dentro da vida de Eduarda Coutinho.


ANTIGOS PAÇOS do CONCELHO / APC

Praça Gil Eanes | Segunda a sexta - 09h00 às 17h00


Patente de 20 de janeiro a 18 de março
♦ “PINTAR SEM TINTAS…EM CORES”, de Lena Rita Vansteelant
O seu fascínio por tecidos surgiu na sua infância. Durante toda a sua vida, os tecidos foram uma inspiração constante e insubstituível para os seus trabalhos de moda, teatro e circo. No “Chapitô” na escola de circo em Lisboa, surgiu a ideia de “pintar com tecidos”. Atualmente “pinta” não só com tecidos, mas também com rendas e tules. Segundo a autora, a profundidade das cores e os efeitos estruturais destes materiais não se igualam nem se podem comparar com a pintura tradicional. As cores e o brilho dos têxteis tentam obter grande expressividade das suas imagens, nas suas composições são utilizados mais de 1000 peças de tecidos.
Lena Rita Elia Vansteelant nasceu em 1950 em Torhout, Bélgica. Entre 1962 a 1970 estudou Arte de Moda em Brugge, Bélgica. Em 1983 licenciou-se em moda e design pela Academia Privada de “Marja van Riel” em Rotterdam, Holanda. De 1973 a 1995 foi criadora de moda na área do teatro – Croco Holanda, Bélgica. Em 1995 foi docente na Escola Circo “Chapitô”, em Lisboa. Entre 1999-2010 cria a empresa Flock-Deco. Desde de Janeiro de 2010, cria quadros em tecido designação que utiliza para as suas obras - “pintar sem tinta…em cor”.





GALERIA LAR
Rua Professor Luis Azevedo, nº 37 – Lagos
De 3ª a 4ª, das 10h30 à 13h30 / De 5ª a sábado, das 15h às 20h

Patente até 22 de janeiro

♦ “PADURE ILUSTRAÇÃO”

Esta exposição é uma pequena mostra de ilustrações desenvolvidas por Padure na cidade de Lagos que remonta para as influências locais por ele aqui vividas, sem nunca deixar escapar o seu sentido sarcástico.

PADURE irá desenvolver uma residência artística inserida no PRALAC – projetos de curta duração a partir de 1 de Novembro.


Padure Daniel (Roménia)
 

Licenciado em Escultura na Universidade de Artes de Timisoara, contudo foi na ilustração que encontrou a sua forma de linguagem. O universo de Padure é uma viagem de auto-descobrimento e de fantasia gráfica, pretendendo fornecer uma escapatória da sociedade de consumo em que vivemos. Uma forma de experimentar e explorar realidades a um passo da nossa vida real, partilhando livremente cultura. 
Webpage _ http://padure.org/ || Facebook _ https://www.facebook.com/padurere


FORTE PONTA da BANDEIRA
Cais da Solaria
Terça a Domingo – 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00 (a bilheteira encerra às 17h30)

Patente até 31 de março de 2016

♦ “PORTUGAL em MARROCOS. Um olhar sobre um Património Comum”. Exposição de Frederico Mendes Paula
O tema da presença portuguesa em Marrocos ultrapassa em muito os simples testemunhos edificados, como inclusivamente os próprios aspetos imateriais, consequência das vivências do nosso passado comum, assumindo formas pouco esclarecidas, por vezes mesmo desconcertantes, mas sobretudo pouco estudadas.

Existe de facto um “mito do português em Marrocos”, vulgarmente chamado “L-Bartqiz”, tema que começa a interessar a alguns estudiosos marroquinos. O mito faz referência a vestígios ou lendas em locais onde os portugueses nunca estiveram, existindo inclusivamente um sentimento de que aquilo que não tem explicação é português. Quantos de nós não fomos já surpreendidos em Marrocos com armações de habitantes locais, referindo que determinadas grutas eram habitadas em tempos remotos pelos portugueses?”

Saiba mais em www.historiasdeportugalemarrocos.wordpress.com



ARMAZÉM REGIMENTAL de LAGOS

Praça do Infante

Segunda a Sexta | 10h00 às 12h30 e 14h30 às 17h00
Patente de 27 de Dezembro a 17 de janeiro

♦ “DESTINOS” – Exposição de Presépios. Coleção de João Nuno Vaz Antunes


João Nuno Jorge Vaz Antunes nasceu em Lisboa em 13 de Maio de 1952. Desde cedo foi viver para Mafra apesar de aí não ter permanecido por muito tempo. “Cidadão do Mundo”, por razões familiares, nunca estudou dois anos consecutivos na mesma escola; de Mafra à Ericeira, Lamego, Portalegre, Oeiras, Malange (Angola), Macau, Inhambane e Lourenço Marques (Moçambique), foram alguns locais de passagem.


Oficial do Exército atingiu o posto de Tenente- General.

Coleciona conchas e búzios e em 2010 faz o seu 1º “presépio”. Daí em diante essa atividade junta-se aos seus outros hobbies e, a sua casa transforma-se em exposição permanente.

Destino (s)”, nome da exposição, é isso mesmo. Foram os diversos destinos da sua vida que o levaram a este gosto pelo colecionismo de presépios e foi o destino de Lagos que o fez descobrir esta arte.



ATIVIDADES no ESPAÇO JOVEM

O ESPAÇO JOVEM apresenta uma oferta diversificada de iniciativas. Saiba mais em: http://espacojovemlagos.wordpress.com


Morada: Rua Gil Vicente, nº 50 | 8600-596 Lagos


Telefone: 282 760 287 / 282 792 856
Email: espaco.jovem@cm-lagos.com
Horário: Segunda a Sexta das 11h00 às 13h00 e das 14h30 às 19h00

ATIVIDADES do CENTRO CIÊNCIA VIVA DE LAGOS (CCVL)


O CCVL dispõe de um espaço polivalente, capacitado para palestras, exposições e atividades várias, de um jardim de Ciência com uma excelente vista para a baía e um pequeno auditório ao ar livre. Nestes espaços dinamizam-se atividades diversificadas que estimulem em todos o gosto pela aventura do saber. Aqui, mexer é obrigatório!

Saiba mais e conheça todas as atividades do Centro em lagos.cienciaviva.pt.


CENTRO CIÊNCIA VIVA de LAGOS

Morada: Rua Dr. Faria e Silva, nº34 | 8600-734 Lagos
Telefone: 282 770 000 | Email: info@lagos.cienciaviva.pt
Horário: Terça a Domingo das 10h00 às 18h30






FEIRAS e MERCADOS



FEIRAS DE VELHARIAS
1º domingo do mês | 08h00 às 14h00

Local: Parque de Estacionamento do Complexo Desportivo de Lagos

  Org.: Lagos-Em-Forma EM SA

2º e 4º sábado do mês | 07h00 às 18h00

Local: Parque de Campismo da Trindade

Org.: Clube de Futebol Esperança de Lagos: 282 763 893 / parquecampismo@esperancadelagos.pt)

2º domingo do mês | 08h00 às 14h00

Local: Chinicato



OUTRAS FEIRAS
1º sábado do mês | Feira Mensal

Local: Terreno anexo ao Estádio Municipal

Venda de roupa e artigos diversos

4ª segunda-feira do mês | Feira Mensal em Odiáxere

Local: Largo da Alegria (junto ao Moinho de Vento)

Venda de produtos hortícolas, árvores de fruto, aves, artesanato, roupa e artigos diversos."


MERCADOS / PRAÇAS
Reforma Agrária

Todos os Sábados | 06h00 às 14h00

Local: Mercado de Levante

Venda de produtos hortícolas de produtores locais (fruta, legumes, aves, flores, mel, doces regionais, chás, ervas aromáticas, etc.)



Mercado de Santo Amaro

Segunda a Sábado | 07h00 às 15h00

Local: Lagos (Santo Amaro)

Mercado da Avenida

Segunda a Sábado | 07h00 às 15h00

Local: Avenida dos Descobrimentos (Lagos)

Mercado em Almádena (Luz)

Segunda a Sábado | 8h00 às 13h00

Local: Largo da Sociedade

Mercado em Espiche (Luz)

Segunda a Sábado | 8h00 às 13h00

Local: Rua Francisco António dos Santos

Mercado em Bensafrim

Terça a Sábado | 8h00 às 13h00

Local: Urbanização Municipal


Mercado em Barão de S. João

Terça a Sábado | 8h00 às 13h00

Local: Rua da Praça

Mercado em Odiáxere

Segunda a Sábado | 07h00 às 14h00

Local: Estrada da Barragem

Mercado de Artesanato Senegalês

Segunda a Sábado

Local: Mercado de Levante



Segunda a sexta - 09h00 às 22h30 | Sábados - 15h00 às 22h30

Venda de artesanato, trancinhas africanas, atividades culturais e gastronomia.


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal