Efésios 4: 11 Verdade Central



Baixar 14,81 Kb.
Encontro21.08.2018
Tamanho14,81 Kb.
O MANTO APOSTÓLICO,

O Manto Apostólico – O manto de Elias, entendendo a cobertura.

Texto: “E ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e mestres.” (Efésios 4:11)

Verdade Central: Existem mantos que definem história e ministérios. O manto fala de autoridade, cobertura, poder, unção, proteção ou tenda sobre a vida. Você precisa de um manto novo para ser revestido de autoridade, poder, sabedoria e marcar esta geração com uma nova identidade, deixando o legado da autoridade com eles.

Introdução: Yeshua é o Apóstolo dos Apóstolos e Ele tem o Manto que cobre, protege, adiciona, inclui e doutrina. O Manto é um sinal para proteger pessoas, ministérios e instituições.

 A Bíblia fala do Manto Púrpura que estava em Jesus, que era o Manto da Lealdade, Fidelidade e Honra. Esse é o manto que deve estar sobre os ombros dos sacerdotes e da Geração Apostólica.

 1. Manto de Lealdade

O manto apostólico traz Lealdade. Ela é uma revelação de caráter que forma no líder a indubitável forma de trabalhar sem criar desconfortos de relacionamento. Lealdade, na Palavra, é muito mais do que andar junto, é o prazer de servir e de trazer conforto de caminhada e proteger a unção do líder.

Quando entendemos sobre Lealdade, fica claro que ela é a semente para aliança duradoura. Ser leal expressa um caráter aprovado dentro das guerras, ser inseduzível às motivações e sentimentos que levam muitos a contaminarem alianças.

O amor à aliança é provado pela Lealdade (Provérbios 27:6). Vale a pena manter a essência da aliança quando encontramos pessoas que são leais à chamada e à proposta para que seja consolidada uma geração de inegociáveis.

Jesus tinha o manto de Lealdade sobre os Seus ombros. Se Ele não fosse Leal à chamada, ao propósito e à visão, não seria o Apóstolo que foi e o Rei que é. A Lealdade é um teste no caráter para provar se somos ou não o que dizemos que somos.

Existem sons soltos, palavras mortas e rotas tortuosas, pois gerações confusas perderam esse Manto maravilhoso. Nós somos a geração da restituição, somos a geração do Manto da Lealdade. Mesmo que as feridas cheguem, a Lealdade é o bálsamo que curará as feridas adquiridas na guerra pela Honra.

 

2. Manto de Fidelidade



O manto Apostólico traz a Fidelidade. Ela é o caráter do povo curado. Cremos que precisamos nos posicionar na chamada que o Senhor tem feito. Essa chamada apostólica arde dentro de nós, nações nos esperam, povos nos aguardam e precisamos levar o bom testemunho de que somos líderes de aliança, leais e fiéis, que vão além do discurso, além de nós mesmos, além dos interesses pessoais.

A Fidelidade é encontrada no recôndito do nosso ser. Quem é fiel, é! Quem não é fiel, não é! A Geração da Fidelidade é aquela que não se rende às propostas de negociar ministério, púlpitos, discípulos, visão e geografias; que diz ‘não’ para as propostas de oportunismos e ‘sim’ para uma rota mais complicada, porém decente. Somos inegociáveis! Isso é Fidelidade! Nessa Fidelidade, encontramos classes de pessoas, como também muitos que não estão aprovados, mas outros estão selados com um caráter irrepreensível.

Vejo que alguns foram ungidos Apóstolos e tiveram um bom sinal, ficaram mais Pastores do que eram antes, outros tiveram um comportamento mais nocivo, aproveitaram a unção e romperam relacionamentos. Chegaram onde queriam. Isso mostra o caráter da geração que passará pelas mãos de tais indivíduos, que usurpam de algo tão sagrado para fazerem ministérios particulares.

A infidelidade leva o homem a ser um eterno colecionador de derrotas, pois é uma semente de desonra; onde há desonra, há calamidades. Muitos estão debaixo de pressões terríveis, perguntando-se por que tanta guerra e frustrações. É só fazer uma leitura de onde estavam e onde estão, e virem que a infidelidade é o ímã que atrai maldições.

O Manto de Yeshua é o Manto da Fidelidade. Quando olhamos para Ele, vemos Fidelidade com o Pai, com os Discípulos, com o Ministério, com sua geração e com as gerações vindouras. A nossa Geração foi beneficiada com o manto de Fidelidade de Yeshua. “Sê Fiel até à morte e te darei a coroa da vida” (Apocalipse 2:10). Só será aprovado quem for encontrado fiel.

 

3. Manto de Honra



O manto apostólico traz Honra. Ela é a semente para o êxito. Quando falamos de Honra, falamos da essência do Messias. Em tudo, Ele deu Honra ao Pai, aos discípulos, à Igreja, ao Reino e às autoridades constituídas.

Sabemos que a Terra se move por duas chaves: a chave da Honra e a chave da desonra. Tudo que temos e somos, de bom ou ruim, tem por trás uma Honra ou uma desonra. Assim como a Honra é a chave para o êxito, a desonra é a chave para as catástrofes.

A Honra abre portas, assim como a desonra fecha todas as portas que foram abertas. A Honra é a semente de acessos. Quando honramos, consciente ou inconscientemente, estamos acessando oportunidades. Quando desonramos, estamos fechando as portas das conquistas que estavam na nossa direção.

A pessoa que você Honra é a pessoa que você serve. O serviço é uma Honra, e as pessoas que servem estão honrando os que estão sendo servidos. Devemos reconhecer em Honra aqueles que nos servem. Jesus disse: Eu vim para servir, e não para ser servido (Marcos 10:45). Em outras palavras, Jesus está dizendo que a vida dEle é Honrar o Pai, a Igreja, os Discípulos, o Reino, Você e Eu. Honrar alguém é um benefício pessoal, pois estamos plantando a semente do êxito. A Honra traz milagres inimagináveis: êxito, prosperidade, riquezas, herança e saúde (Provérbios 3 8-10).

Como poderemos entender o Princípio da Honra para que esse manto repouse sobre nós? A Palavra diz que a sabedoria e a humildade precedem a Honra (Provérbios 15:33). Antes de almejar ser honrados, devemos fazer o exercício da humildade e pedirmos a Deus a sabedoria, para que sejamos aprovados no que falamos e no que fazemos.

Este Manto de Honra deverá ser desejado por todos nós, pois conhecer o Princípio da Honra é entrar na rota dos sábios. Não podemos permitir caminhos de tolos, se já recebemos a chamada para a sabedoria.

 

Conclusão

Os Mantos de Lealdade, Fidelidade e Honra são um sinal visível de que devemos nos manter límpidos na chamada que corre nas nossas veias. Somos uma Geração de Promessa e somos resposta para esta Geração. Um novo Manto sobre nós significa que seremos mais consolidados e nos moveremos pelos princípios que não podem ser equivocados.



O Manto Apostólico é um sinal da cobertura, da vida salutar que estaremos palmilhando, pois desponta uma Geração dotada de autoridade, que recebeu do Senhor Jesus o legado de ser treinada na Lealdade, Fidelidade e Honra. 

Ministrar sobre a oferta de corbã. Malaquias 1:6


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal