Edital de seleçÃo para programas de pós-graduaçÃo da uenf



Baixar 1,57 Mb.
Página8/11
Encontro25.04.2017
Tamanho1,57 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11






  1. Os candidatos ao nível de Mestrado que obtiverem Nota Final inferior a 5,0 (cinco) estarão eliminados do processo seletivo, não podendo estar na lista de espera;




  1. Os Candidatos ao nível de Mestrado que obtiverem Nota Final igual ou superior a 5,0 (cinco) serão relacionados em ordem decrescente das notas finais dentro do número total de vagas abertas de acordo com a linha de pesquisa.

.

  1. Em caso de igualdade de notas serão adotados, sucessivamente, os seguintes critérios de desempate:



    1. Candidatos ao Mestrado:

      1. Nota da Prova de Conhecimentos;

      2. Nota de avaliação do Currículo, Histórico Escolar e cartas de recomendação;

      3. Nota do Exame de Língua Inglesa.




  1. Os candidatos ao nível de Doutorado que obtiverem Nota Final inferior a 6,0 (seis) estarão eliminados do processo seletivo;




  1. Os Candidatos ao nível de Doutorado que obtiverem Nota Final igual ou superior a 6,0 (seis) serão relacionados em ordem decrescente das notas finais dentro do número total de vagas abertas de acordo com a linha de pesquisa.



  1. Em caso de igualdade de notas serão adotados, sucessivamente, os seguintes critérios de desempate:




    1. Candidatos ao Doutorado:

      1. Nota de avaliação do Currículo, Histórico Escolar e cartas de recomendação;

      2. Nota de avaliação da Entrevista / Seminários;

      3. Nota do Exame de Língua Inglesa.



  1. A ausência do Candidato na prova de conhecimento e/ou na entrevista/seminários resultará na eliminação automática do Candidato do Processo Seletivo;




  1. As vagas serão preenchidas de acordo com a ordem de classificação dos candidatos, depois de aplicados os critérios de desempate, até o preenchimento total do número de vagas oferecidas, havendo criação de lista de espera;




  1. Havendo disponibilidade de bolsas de estudo (mestrado e doutorado) para os ingressantes, será obedecida a ordem de classificação geral de notas como critério de distribuição;




  1. O Programa de Pós-Graduação em Ciências Naturais funciona em regime de tempo integral (40 horas/semana). A critério da Comissão Coordenadora poderão ser aceitos alunos em regime de dedicação parcial (com no mínimo 20 horas/semana dedicadas ao Programa) após solicitação formal;




  1. A documentação pessoal entregue para fins de inscrição pelos candidatos não aprovados ficará a disposição dos mesmos na Secretaria do PPGCN do CCT, pelo prazo de noventa (90) dias, contados a partir da divulgação do resultado final. Após este prazo, toda documentação será encaminhada para o descarte;




  1. Os casos omissos ou situações não previstas serão resolvidos pela Comissão Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Ciências Naturais;


ANEXO I
ANÁLISE DOCUMENTAL
TABELA DE PONTUAÇÃO
MESTRADO

Item

Pontuação

DETALHAMENTO

Nota

Experiência profissional
    1. até 1,0


Experiência profissional em atividades de interesse do Programa (Meses x 0,5 / 12); (mínimo, 4 meses)




Histórico escolar da Graduação

(O histórico deve contemplar disciplinas das áreas de interesse do programa)



até 2,0

CR ≤ 6,5 – 0,0 ponto




CR 6,6 a 7,5 – 0,5 ponto

CR 7,6 a 8,4 – 1,0 ponto

CR 8,5 – 2,0 pontos

Curso de Graduação

até 2,0



2,0 para cursos de Instituições com nota de 4 a 5 na avaliação do MEC.




1,0 para cursos de Instituições com nota 3 na avaliação do MEC

0,0 para os demais cursos,

Iniciação Cientifica; Extensão; Monitoria, Outros (artigos, prêmios, congressos)

até 5,0

Iniciação Científica (0,25 por semestre letivo);




Bolsa PIBID (0,25 por semestre letivo)

Participação em projetos de extensão (0,25 por semestre letivo);

Monitoria em disciplinas (0,125 por semestre letivo);

Intercâmbio no exterior (0,25 por semestre);

Resumos em Anais de Congresso (0,05 para eventos locais e 0,2 para os demais eventos);

Trabalhos completos em Anais de Congresso com mais de 3 páginas (0,05 para eventos locais e 0,25 para os demais eventos);

Prêmios (0,25 cada);

Artigos publicados e/ou aceitos em revistas indexadas (número do artigo vezes o fator de impacto)*

Especialização “Lato Sensu” relacionada ao Programa, com carga horária mínima de 300 horas; (1,00)




*Se o artigo não tiver fator de impacto, ele será classificado no item Trabalhos completos em Anais de congresso.
ANEXO II
ANÁLISE DOCUMENTAL
TABELA DE PONTUAÇÃO

DOUTORADO

Item

Pontuação

DETALHAMENTO

NOTA

Experiência profissional
    1. até 1,0


Experiência profissional em atividades de interesse do Programa (Meses x 0,5 / 12); (mínimo, 4 meses)




Histórico Escolar do Mestrado
O histórico deve contemplar disciplinas das áreas de interesse do programa.


até 2,0

0,0 para CR < 2,00




0,5 para 2,00  CR  2,24

1,0 para 2,25  CR  2,49

1,5 para 2,50  CR  2,74

2,0 para CR  2,75

Curso de Mestrado

até 2,0


  1. +0,05 para cada mês de antecipação de defesa, limitado ao máximo de dez (10) meses:




  1. -(0,05) para cada mês que exceder ao prazo de vinte e quatro (24) meses

1,5 para cursos de Instituições de nota ≥ 4,0 na CAPES e que se relacionem com as Linhas de Pesquisa do PPGCN.




0,5 para cursos de Instituições de nota igual a 3,0 na CAPES.

0,0 para os demais cursos.

Produção científica, Extensão; Monitoria, Outros (artigos, prêmios, congressos)

até 5,0

Atividades docentes e tutorias dentro da própria instituição do mestrado) (Meses x 0,5 / 12); (mínimo, 4 meses)




Resumos em Anais de Congresso (0,05 para eventos locais e 0,2 para os demais eventos);

Trabalhos completos em Anais de Congresso com mais de 3 páginas (0,05 para eventos locais e 0,25 para os demais eventos);

Prêmios (0,25 cada);

Artigos publicados e/ou aceitos em revistas indexadas (número do artigo vezes o fator de impacto)*

Patentes com número de registro (2,0 cada); Patente depositada (0,5 cada)

*Se o artigo não tiver fator de impacto, ele será classificado no item Trabalhos completos em Anais de congresso.

ANEXO III
Bibliografia recomendada para a prova de conhecimento do PPGCN.


  1. Equações diferenciais com aplicações em sistemas físicos, químicos e biológicos –

    1. Okuno, E. Caldas, I.L., Chow, C. Física para ciências biológicas e biomédicas, Ed. HARBRA. Capítulo 5.

    2. Dennis G. Zill. Equações Diferenciais com Aplicações em Modelagem. Editora Thomson. Capítulo 1.

    3. James Stewart. Cálculo. Volume 2. Editora CENGAGE Learning. Capítulo 17.

    4. Baird, C. e Can, M. Química Ambiental, 4ª. ed. Porto Alegre, Artmed, 2011. Capítulo 9.

  2. Conservação da energia

    1. Halliday, D. Resnick, R. Walker, J. Fundamentos da Física, 4a Ed., Editora LTC, Rio de Janeiro, vol. 1, capítulo 8.

  3. Estrutura eletrônica dos átomos

    1. Brown, Theodore L. Química a Ciência Central; tradutor Robson Matos, São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2005 – Capítulo 6

    2. R. Eisberg e R. Resnick, Editora Campus, Edição 9, 1994 – Capítulos 5, 8 e 9.

    3. Baird, C. e Can, M. Química Ambiental, 4ª. ed. Porto Alegre, Artmed, 2011. Capítulo 6.

  4. Propriedades das soluções –

    1. Brown, Theodore L. Química a Ciência Central; tradutor Robson Matos, São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2005 – Capítulo 13;

    2. Baird, C. e Can, M. Química Ambiental, 4ª. ed. Porto Alegre, Artmed, 2011. Capítulo 13.

    3. Girard, J.E. Princípios de Química Ambiental, 2ª. ed. Rio de Janeiro, LTC, 2013. Capítulo 9.

  5. Características da radiação eletromagnética e ambiente

    1. Atkins, P.W.; Jones, L. Princípios de química: questionando a vida moderna e o meio ambiente. 3ª. ed. Porto Alegre: Bookman, 2006, cap. 1.

    2. Girard, J.E. Princípios de Química Ambiental, 2ª. ed. Rio de Janeiro, LTC, 2013. Capítulo 3.

    3. Okuno, E. Caldas, I.L., Chow, C. Física para ciências biológicas e biomédicas, Ed. HARBRA. Capítulo 6.

    4. Raven, P.H., Evert, R.F., Eichhorn, S.E. Biologia Vegetal, 6ª.ed. Rio de Janeiro, Ed. Guanabara, 1999. Capítulo 7.

    5. Baird, C. e Can, M. Química Ambiental, 4ª. ed. Porto Alegre, Artmed, 2011. Capítulo 6.

  6. Calor e primeira lei da termodinâmica

    1. Halliday, D. Resnick, R. Walker, J. Fundamentos da Física, 4a Ed., Editora LTC, Rio de Janeiro, vol. 2, capítulo 20.

  7. Sistemas ácido-base na química e biologia

    1. Barreiro, E.J., Fraga, C.A.M. Química Medicinal- As bases Moleculares da ação dos fármacos – 1ª. ed., Porto Alegre, Artmed, 2002. Capítulo 1

    2. Baird, C. e Can, M. Química Ambiental, 4ª. ed. Porto Alegre, Artmed, 2011. Capítulo 13.

  8. Sistemas insaturados conjugados

    1. Bruice, P. Y. Química Orgânica, 4a. Ed. Vol 1- São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2006. Capítulo 7.

    2. Graham , Solomons and Gray Frayle, Química Orgânica,7a. Ed. Vol 1- Rio de Janeiro: LTC, 2001, capítulo 13.

  9. Reações iônicas – substituição nucleofílica e substituição

    1. Graham , Solomons and Gray Frayle, Química Orgânica,7a. Ed. Vol 1- Rio de Janeiro: LTC, 2001, capítulo 06

    2. Bruice, P. Y. Química Orgânica, 4a. Ed. Vol 1- São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2006. capítulos 10 e 12

  10. Estereoquímica

    1. Bruice, P. Y. Química Orgânica, 4a. Ed. Vol 1- São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2006. Capítulo 5.

  11. Como as Células Leem o Genoma: Do DNA a Proteína

    1. Alberts, B.;  Johnson, A.; Lewis, J.; Raff, M.; Roberts, K.; Walter, P. Biologia Molecular da Célula. 5ª Ed., Porto Alegre, Artmed 2010. Capítulo 4 e 6.


CENTRO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA - CCT

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE RESERVATÓRIO E DE EXPLORAÇÃO

INFORMAÇÕES PARA PROCESSO DE SELEÇÃO

MESTRADO E DOUTORADO

(PRIMEIRO SEMESTRE DE 2016)

1.Informações Sobre o Programa de Pós-Graduação:

Nome do programa: Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Reservatório e de Exploração

Centro: CCT

Laboratório: LENEP

Níveis: Mestrado (recomendado pela CAPES em 12/1999) e Doutorado

(recomendado pela CAPES em 02/2006), com nota-conceito 3 no triênio 2010-2012.

Número de professores orientadores: 14

Áreas de concentração: Exploração e Engenharia de Petróleo.


2. Inscrição:

Mestrado e Doutorado: É requisito à inscrição que o candidato seja graduado (Bacharel) em uma das seguintes áreas:

Engenharias, química, geologia, geofísica, física, matemática ou ciências da computação. Áreas afins, licenciatura ou curso tecnólogo serão consideradas excepcionalmente.

Período: 05/10/2015 a 13/11/2015

Horário: 9 às 11h30 e 14 às 16h30 (exceto sábados, domingos e feriados).

Local: UENF/CCT/LENEP, Rodovia Amaral Peixoto, km163, Av. Brennand s/nº Imboacica, Macaé-RJ, CEP 27.925-310 ou pelos Correios (enviar documentação para o endereço abaixo com data de postagem até 09/01/2015).

Tel.: (22)2765-6557

E-mail: ppgere_edital2015@gmail.com

Home Page: http//uenf.br/cct/lenep



Endereço para correspondências: UENF/LENEP, Caixa Postal nº119562, CEP-27910-970 - Macaé/RJ-Brasil.
3. Documentacão:

  • Requerimento de inscrição: modelo próprio disponível no endereço
    http://uenf.br/reitoria/secacad/pos-graduacao/formularios-gerais/

  • Curriculum vitae no formato Lattes;

  • Três cartas de referência (modelo próprio disponível na página da internet) subscritas por pessoas ligadas à formação universitária do candidato ou às suas atividades profissionais (encaminhamento ao LENEP/CCT/UENF em envelope lacrado anexo a documentação de inscrição);

  • Nota: no requerimento de inscrição o candidato deve assinalar apenas uma linha de pesquisa abaixo:
    ( ) Modelagem Integrada de Reservatório;

( ) Modelagem Matemática, Computacional e Laboratorial em Geofísica e Engenharia de Reservatórios;
( ) Geologia e Geoquímica do Petróleo

  • Duas fotos 3x4;

  • Cópia da carteira de identidade, da certidão de nascimento e/ou certidão de casamento, do CPF, do Título de Eleitor, do Documento Militar e da Carteira de Trabalho;

  • Comprovante de pagamento da taxa de inscrição de R$50,00 (cinquenta reais), efetuado em qualquer agência BRADESCO conta nº 302-6, Agência 6898-5, Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro.

  • Não serão aceitos depósitos efetuados em caixa eletrônico.

  • Candidatos com vínculo empregatício devem apresentar uma carta da instituição, com que mantém o vínculo, explicitando os termos da liberação de suas atividades normais para dedicação ao curso. A dedicação a Pós Graduação deve ser integral, mas casos excepcionais poderão ser avaliados pela comissão avaliadora.

  • Candidato ao mestrado:

    • Cópia do diploma do curso superior com duração plena ou documento equivalente;

    • Histórico escolar definitivo do curso superior, constando a data de colação de grau e/ou a data de expedição do diploma, devidamente assinado pela IES. O candidato que, no momento da inscrição neste edital, não possuir o histórico escolar definitivo poderá entregar histórico escolar final, condicionado a entrega da versão definitiva até a submissão da dissertação à defesa, na Secretaria do Programa.

    • O candidato ao mestrado que ainda não colou grau deverá apresentar no ato da inscrição declaração da IES contendo a data provável da colação de grau. Cabe ressaltar que o candidato selecionado somente fará matrícula se já estiver de posse do certificado de conclusão do curso de Graduação de duração plena. A matrícula é vinculada à apresentação de conclusão do Curso.

  • Candidato ao doutorado:

  • Histórico escolar definitivo do mestrado, constando a data de defesa da dissertação e/ou a data de expedição do diploma. O candidato que no momento da inscrição neste edital não possuir o histórico escolar definitivo poderá entregar um histórico escolar obtido provisório, condicionado a entrega do mesmo até a submissão da dissertação à defesa, na secretaria do Programa

  • Cópia do diploma de mestrado, ou carta do orientador em papel timbrado da própria instituição, atestando a data de defesa da Dissertação.

  • O candidato ao doutorado que ainda não defendeu a dissertação de mestrado deverá apresentar no ato da inscrição declaração da IES contendo a data provável da defesa de tese. Cabe ressaltar que o candidato selecionado somente fará matrícula se estiver de posse do certificado de conclusão do curso de Mestrado.

  • O candidato deve encaminhar na inscrição pré-projeto de pesquisa, previamente definido com orientador do programa (ver item 4.3b).

    • Observação: Para os diplomas obtidos no Brasil, apresentar comprovação de que a IES é reconhecida pelo MEC (graduação e pós-graduação);


4. Critérios de Seleção:

4.1. Pré-seleção:



  • Pré-seleção baseada na avaliação do perfil e desempenho acadêmico do candidato. Análise: do CV - Curriculum Vitae documentado (comprovantes poderão ser solicitados na entrevista), histórico escolar e cartas de referência.

  • Para ser aprovado na pré-seleção o candidato deve demonstrar alguma aptidão para pesquisa acadêmica por meio da documentação apresentada.

  • Os candidatos pré-selecionados serão convocados para prova de língua inglesa, prova específica e entrevista.

4.2. Prova da língua inglesa

  • Tipo de prova: Tradução e interpretação de texto técnico em língua inglesa.

  • Duração: até 02 horas

  • Material: Será permitido o uso de um dicionário.

  • Observação: A prova da língua inglesa não possui caráter eliminatório.

  • Nota:

    • Os alunos que apresentarem documento válido de comprovação de proficiência (egressos do PPGERE/LENEP, Cambridge, Michigan, ou equivalente), a critério da comissão avaliadora, poderão ser dispensados da prova de língua inglesa.

    • O candidato que obter na prova de língua inglesa nota superior a 8,0 estará dispensado do exame de proficiência em língua inglesa (exame necessário para conclusão do mestrado/doutorado).

4.3a. Avaliação específica (Mestrado)



  • Duração: até 2 horas.

  • Material: Será permitido o uso de até dois livros.

  • Linha de pesquisa em Modelagem Integrada de Reservatório.

  • Prova escrita de matemática e física.

  • Linha de pesquisa em Modelagem Matemática Computacional e Laboratorial em Geofísica e Engenharia de Reservatório.

  • Prova escrita de matemática e física.

  • Linha de pesquisa em Geologia e Geoquímica do Petróleo.

  • Prova escrita de geologia e química orgânica.

4.3b. Avaliação específica (Doutorado)

O candidato deve encaminhar na matrícula pré-projeto de pesquisa, previamente definido com orientador do programa. O candidato terá 15 minutos para expor sua proposta de pesquisa, contendo os seguintes itens:


  • Título

  • Introdução (escopo do problema, justificativa e objetivos)

  • Revisão bibliográfica (revisão de artigos específicos sobre o assunto)

  • Revisão conceitual (abordagem teórica sobre o assunto)

  • Metodologia (hipóteses; materiais e métodos)

  • Cronograma

  • Referências

4.4. Entrevista e análise de documentação



  • Os candidatos serão entrevistados e avaliados por uma banca de professores da linha de pesquisa selecionada. Por solicitação, devidamente aprovada pela comissão avaliadora, a entrevista poderá ser realizada "on line", conforme data prevista no Item 7.

  • A entrevista incluirá pontos do CV e histórico do candidato, podendo ser solicitada comprovação de itens relacionados no CV;

  • No caso do doutorado será também avaliado o pré-projeto de pesquisa do candidato que deverá ser apresentado oralmente por no máximo 15 minutos;

  • Para ser aprovado o candidato deve obter nota média igual ou superior a 7,0 na entrevista e análise de documentação (CV e histórico escolar);

4.5. Bibliografia recomendada



  • Prova de inglês:

  • The grammar handbook–Feigenbaun, Irwin Oxford up,1995;

  • Gramatica delfi da lingua inglesa – James Taylor. Ao livro técnico; S.Paulo- SP:1996;

  • Revistas de divulgação do seguimento de E&P de petróleo, tais como Journal of PetroleumTechnology (SPE), The Leading Edge (SEG) e First Break (EAGE).

  • Prova de matemática e física

  • Fundamentos de física; Halliday, Resnick & Walker, LTC; 8 ed., vols 1-4, Rio de Janeiro, 2006;

  • O cálculo: com geometria analítica. Leithold, HARPA;3 ed., vols 1 e 2, São Paulo, 1994;

  • Prova de geologia e química orgânica

  • Química orgânica; Vol1 e 2; Solomons, T.W.Graham; LTC; 8ed; Rio de Janeiro; 2005;

  • Decifrando a Terra; Teixeira, Toledo & Fairchild (org.); Editora Nacional; 2008.


5. Critérios de classificação, tabela de vagas:

  • A classificação final será efetuada com base no desempenho do candidato: prova específica (50%), e entrevista e análise de documentação (50%).

Observações:

  • Os candidatos selecionados para o programa serão classificados por linha de pesquisa em ordem decrescente segundo a nota final, podendo ficar em lista de espera.

  • A classificação do candidato não assegura direito de ingresso com bolsa. A disponibilidade de bolsas não pode ser prevista no percurso do processo seletivo, somente após a 1ª matrícula do aluno.

  • As bolsas serão distribuídas seguindo a classificação do candidato no processo seletivo da respectiva linha de pesquisa.



Linha de Pesquisa

Vagas de Mestrado

Vagas de Doutorado

Modelagem Integrada de Reservatório

12

12

Modelagem Matemática Computacional e Laboratorial em Geofísica e
Engenharia de Reservatórios

10

10

Geologia e Geoquímica de Petróleo

06

06

TOTAL DE VAGAS

28

28


6. Nome do professor, linha de pesquisa e áreas de atuação
Professor: Adolfo Puime Pires- adolfo.puime@gmail.com

Linha de pesquisa: Modelagem Matemática Computacional e Laboratorial em Geofísica e Engenharia de Reservatório

Áreas de atuação:


  • Fluxo em meios porosos;

  • Recuperação avançada de petróleo;

  • Termodinâmica de equilíbrio de fases;

  • Análise de testes em poços

Professor: Alexandre Sérvulo- alexandreservulo@uol.com.br

Linha de pesquisa: Modelagem Matemática Computacional e Laboratorial em Geofísica e Engenharia de Reservatórios

Áreas de atuação:



  • Dano a formação;

  • Injeção de água;

  • Estimulação de poços.

Professor: André Duarte Bueno- andreduartebueno@gmail.com

Linha de pesquisa: Modelagem Matemática Computacional e Laboratorial em Geofísica e Engenharia de Reservatórios

Áreas de atuação:



  • Modelagem de rochas reservatório de petróleo utilizando análise e processamento de imagens;

  • Desenvolvimento e otimização de algoritmos e softwares aplicados a engenharia de petróleo;

  • Pré-Processamento, filtros, reconstrução, grafos/redes;

  • Elevação e escoamento de petróleo;

Professor: Antônio A. G. Carrasquilla- abelgonca@gmail.com

Linha de pesquisa: Modelagem Integrada de Reservatório

Áreas de atuação:



  • Geofisica aplicada na exploração de águas subterrâneas e petróleo;

  • Geofísica de Poço;

Professor: Carlos Alberto Dias- dias.lenep@gmail.com

Linha de pesquisa: Modelagem Integrada de Reservatório

Áreas de atuação:



  • Geofísica Aplicada à condutividade complexa, medida laboratorial e no campo por via eletromagnética do efeito de polarização induzida, com aplicação à exploração de bens minerais, água e petróleo;

  • Caracterização de reservatórios;

Professor: Carlos Enrique Pico Ortiz- capico.lenep@gmail.com (realizando Pós Doutorado pelo período de 01 ano (06/2015 05/2016)

Linha de pesquisa: Modelagem Matemática Computacional e Laboratorial em Geofísica e Engenharia de Reservatórios

Áreas de atuação:



  • Análise de testes em poços;

  • Mecânica dos fluidos computacional;

  • Simulação numérica de reservatórios;

Professor: Eliane Soares de Souza- lilisouza88@gmail.com

Linha de pesquisa: Geologia e Geoquímica de Petróleo

Áreas de atuação:



  • Geoquímica de reservatório;

  • Biorremediação de derrames de petróleo;

  • Identificação de origem de derrames de petróleo;

Professor: Fernando Sérgio de Moraes - fmoraes.gir@gmail.com

Linha de pesquisa: Modelagem Integrada de Reservatório

Áreas de atuação:



  • Tratamento de sinais (pós-processamento),

  • Métodos geofísicos sísmicos e potenciais (3D e 4 D),

  • Teoria da inversãogeofísica,

  • Geoestatística e inferência bayesiana aplicada à caracterização de alvos exploratórios e reservatório,

  • Geofísica e monitoramento de reservatório;

Professor: Georgiana Feitosa da Cruz- geofec@gmail.com

Linha de pesquisa: Geologia e Geoquímica de Petróleo

Áreas de atuação:



  • Geoquímica orgânica molecular;

  • Caracterização geoquímica de óleos pesados;

  • Avaliação da qualidade de petróleos;

  • Incrustação de sais em reservatório;

  • Formulação de fluidos de perfuração.

Professor: HelioJ.P.S.Ribeiro- severiano.geologo@gmail.com

Linha de pesquisa: Geologia e Geoquímica de Petróleo

Áreas de atuação:



  • Estudos geológicos e geoquímicos de bacias sedimentares;

  • Estatigrafia de sequências.

Professor: Marco A.R. de Ceia- marcoceia@yahoo.com

Linha de pesquisa: Modelagem Integrada de Reservatório

Áreas de atuação:



  • Petrofísica Experimental;

  • Geofísica de Reservatório;

Professor: Roseane M. Misságia- rose.uenf@gmail.com

Linha de pesquisa: Modelagem Integrada de Reservatório

Áreas de atuação:



  • Petrofísica;

  • Geofísica de Reservatório;

  • Mecânica de Rochas;

Professor: Sérgio A. Moura de Oliveira- sergio.lenep@gmail.com

Linha de pesquisa: Modelagem Integrada de Reservatório

Áreas de atuação:



  • Modelagem sísmica;

  • Inversão sísmica;

  • Análise e processamento do sinal sísmico;

  • Geofísica de reservatório;

Professor: Viatcheslav I. Priimenko- slava211054@gmail.com

Linha de pesquisa: Modelagem Matemática Computacional e Laboratorial em Geofísica e Engenharia de Reservatórios

Áreas de atuação:



  • Modelagem matemática e computacional em geofísica e engenharia de petróleo;

  • Problemas diretos e inversos de física-matemática e suas aplicações;


7. Datas do Processo Seletivo e da divulgação dos resultados

Processo seletivo:

02/12/2015 e 03/12/2015

Pré-seleção, prova de língua inglesa, entrevista, com horários previamente marcados e divulgados por email.
Resultado Final:

Seleção para Mestrado e Doutorado - 10/12/2015.


8. Contatos com o Programa

Secretaria de Pós-Graduação:Tel: (22)2765-6557

e-mail: rose@lenep.uenf.br ou enfreire@gmail.com

Endereço: LENEP/UENF-Rodovia Amaral Peixoto, km163, Av.Brennand S/Nº- Imboacica, Macaé-RJ, CEP 27.925-310



Coordenadora do Programa: Profa. Roseane Marchezi Misságia <rose@lenep.uenf.br>

CENTRO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA - CCT

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA E CIÊNCIA DOS MATERIAIS

INFORMAÇÕES PARA PROCESSO DE SELEÇÃO

MESTRADO E DOUTORADO

(PRIMEIRO SEMESTRE DE 2016)
1. INSCRIÇÕES
Documentos para Inscrição:

- Requerimento de inscrição (modelo próprio)

- Cópia do diploma de curso superior ou documento equivalente (emitido pela instituição de

origem)


- Cópia do diploma de mestrado, para candidatos ao doutorado (ou documento equivalente

emitido pela coordenação de pós-graduação de origem)

- Histórico Escolar do curso Superior

- Histórico Escolar do mestrado, para candidatos(as) ao doutorado

- Curriculum Vitae documentado (Obs.: Para o doutorado é exigido o Curriculum Lattes)

- Três Cartas de referência (modelo próprio, colhido no site http://www.uenf.br , em pósgraduação,

formulários, carta de referência)

- Duas fotos 3 X 4

- Cópia de carteira de identidade e CPF

- Comprovante de pagamento de taxa de inscrição de R$ 50.00


Data: 05 de outubro de 2015 a 13 de novembro de 2015.

Local: Centro de Ciência e Tecnologia / Prédio P3 / ou pelos Correios (enviar

documentação para o endereço abaixo – com data de postagem até 13/novembro/2015).

 As Cartas de Referência deverão ser remetidas pelo próprio (a) declarante para:


UENF/CCT/Secretaria de Pós-Graduação - PPGECM

Avenida Alberto Lamego, 2000 /Prédio P3, Parque Califórnia

CAMPOS DOS GOYTACAZES – RJ / BRASIL

CEP: 28013-602
 Informações Adicionais: Tel: (0xx22) 2739 7149

 e-mail: ppgecm@uenf.br internet: http://www.uenf.br ou

http://uenf.br/pos-graduacao/engenharia-de-materiais/
OBS.: Documentos enviados por correio que não chegarem até a data 20/Novembro/2015 não serão considerados (enviar com antecedência).
2. NÚMERO DE VAGAS OFERTADAS POR ÁREA DE CONCENTRAÇÃO:
As vagas ofertadas não implicam em obrigatoriedade de preenchimento das mesmas. O preenchimento baseia-se nos critérios de seleção para aprovação, onde o candidato deve alcançar no processo seletivo, no mínimo, nota 6,0 (seis).

O candidato poderá se inscrever somente para uma área de concentração, uma linha de pesquisa vinculada a uma área de concentração e a um tópico vinculado a uma linha de pesquisa, conforme descrito neste edital. A inscrição do candidato em outra área de concentração, ou outra linha de pesquisa ou outro tópico que não consta deste edital, o candidato é eliminado do processo de seleção.


Serão ofertadas 23 (vinte e três) vagas para Mestrado e 16 (dezesseis) vagas para Doutorado.

ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: MATERIAIS DE ALTA DUREZA


Linha de Pesquisa

Tópico

Número de Vagas

Mestrado

Doutorado

Síntese e sinterização de materiais superduros

Estudo de materiais abrasivos em altas pressões e altas temperaturas: WC e NbC com vários aditivos

2

-

Processamento, caracterização e testes de ferramentas à base dos materias de alta dureza

Desenvolvimento de novos sistemas metálicos para a adesão de diamante.

1

1

Consolidação de materiais de alta dureza.

1

1




ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: METALURGIA FÍSICA


Linha de Pesquisa

Tópico

Número de Vagas

Mestrado

Doutorado

Estrutura, estabilidade e propriedades dos materiais metálicos

Soldagem com proteção gasosa: efeito da adição de gases redutores na transferência metálica

1

-

Soldagem de aços inox duplex e superduplex: efeito dos parâmetros de processo nas propriedades da junta soldada.

2

-

Análise de estrutura, comportamento mecânico, módulo de elasticidade e amortecimento de ligas a base de Cu-Al-Ni e  Fe-Ni, após têmpera.

1

-

Análise de estrutura, comportamento mecânico, módulo de elasticidade dinâmico e amortecimento dos ferros fundidos nodulares, produzidos pela técnica de imersão de sino,  em função de temperatura e tempo de solidificação.

1

-

Microestrutura e comportamento superplástico em ligas não ferrosas

1

-

Análise de estrutura, comportamento mecânico, módulo de elasticidade, amortecimento de ligas a base de Cu-Al-Ni e  Fe-Ni, após vários tratamentos térmicos.

-

1

Análise de estrutura, comportamento mecânico, módulo de elasticidade e amortecimento dos ferros fundidos nodulares, produzidos pela técnica de imersão de sino, no estado como recebido e após vários tratamentos térmicos.

-

1



ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: MATERIAIS E MEIO AMBIENTE


Linha de Pesquisa

Tópico

Número de Vagas

Mestrado

Doutorado

Aplicação de novos materiais na forma de filmes finos

Filmes cerâmicos para aplacação em conversão fotovoltaica de energia e pilha a combustível de óxido sólido

3

1

Análise experimental e numérica de tensões e metrologia

Simulação de controle de processo por meio da técnica case-based reasoning.

-

1

Falhas de fabricação e montagem de parafusos classe 10.9 par uso em ambiente “off-shore”.

1


-


Determinação de propriedades de torção oligocíclica em aços SAE4340 submetidos a tratamento criogênico.

1


-


Aproveitamento de resíduos industriais

Incorporação de lodo da indústria têxtil em cerâmica vermelha.

1

-

Desenvolvimento de eletrocerâmica usando resíduo sólido.

2

-

Utilização de refugo de catalisador usado nas unidades petroquímicas de craqueamento catalítico fluido (FCC) na composição de cerâmica vermelha.

-

1

Aspectos ambientais e microestruturais de rocha artificial produzida com resíduo do polimento de vidro plano.

-


1


Desenvolvimento de material cerâmico usando resíduo sólido

-


2


Materiais particulados

Caracterização por imagem de estruturas de materiais produzidos por sinterização.

-

1

Simulação de processos, técnicas e procedimentos usados na tecnologia dos pós.

-

1



ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: POLÍMEROS E COMPÓSITOS



Linha de Pesquisa

Tópico

Número de Vagas

Mestrado

Doutorado

Polímeros e compósitos a partir de recursos renováveis

Uso de nanofibras de celulose como agente compatibilizante de misturas poliméricas.

1

-

Microcápsulas contendo nanopartículas magnéticas para liberação controlada.

1

1

Nanocompósitos a partir de recursos renováveis

1




Formulação e caracterização de filmes biodegradáveis para uso na indústria alimentícia.




1

Formulação de compósitos a partir de recursos renováveis




1

Formulação e caracterização de compósitos poliméricos com diferentes cargas

Formulação de compósitos a partir de matriz termoplástica e fibras de bagaço de cana-de-açúcar.

1

-

Obtenção de biocompósitos de matriz polimérica para uso como biomaterial.

1





Caracterização de formulações epoxídicas contendo resíduos de pedras ornamentais

-

1



3. PROCESSO SELETIVO
3.1. MESTRADO:
O processo de seleção para o mestrado será constituído de duas etapas:
Primeira Etapa: prova escrita de conhecimentos gerais em Ciência e Tecnologia dos Materiais (prova eliminatória com nota mínima 5,0 (cinco)).
A prova de conhecimentos gerais em Ciência e Tecnologia dos Materiais para o Mestrado consistirá dos seguintes tópicos:
- Estrutura atômica e ligação interatômica.

- Estruturas dos metais e das cerâmicas.

- Estruturas dos polímeros.

- Propriedades mecânicas.



Bibliografia Sugerida:
- W.D. Callister Jr.; D. G. Rethwisch, Ciência e Engenharia de Materiais –

Uma Introdução, Oitava Edição, LTC, Rio de Janeiro, 2013.


- W.D. Callister Jr.; D. G. Rethwisch, Fundamentos da Ciência e Engenharia

de Materiais – Uma Abordagem Integrada, Quarta Edição, LTC, Rio de

Janeiro, 2014.
Data da Prova de Mestrado: 25/11/2015

Horário da Prova de Mestrado: 15 às 17 h

Local da Prova de Mestrado: Centro de Ciência e Tecnologia/UENF

Resultado da Prova de Mestrado: 26/11/2015
Nota: o candidato que não atingir nota na prova de mestrado  5,0 (cinco) estará eliminado do processo de seleção.
Segunda Etapa: apenas para os aprovados na Primeira Etapa:
- Análise do histórico escolar da graduação.

- Análise do curriculum vitae e cartas de referências.



RESULTADO FINAL:
Data: Até 12 de dezembro de 2015

Horário: 17:00 h

Local: Secretaria de Pós-Graduação/CCT/UENF

3.2. DOUTORADO:
O processo de seleção para o doutorado será constituído de duas etapas:
Primeira Etapa: prova escrita de conhecimentos gerais em Ciência e Tecnologia dos Materiais (prova eliminatória com nota mínima 6,0 (seis)).
A prova de conhecimentos gerais em Ciência e Tecnologia dos Materiais para o Mestrado consistirá dos seguintes tópicos:
- Estrutura atômica e ligação interatômica.

- Estruturas dos metais e das cerâmicas.

- Estruturas dos polímeros.

- Propriedades mecânicas.




Bibliografia Sugerida:
- W.D. Callister Jr.; D. G. Rethwisch, Ciência e Engenharia de Materiais –

Uma Introdução, Oitava Edição, LTC, Rio de Janeiro, 2013.


- W.D. Callister Jr.; D. G. Rethwisch, Fundamentos da Ciência e Engenharia

de Materiais – Uma Abordagem Integrada, Quarta Edição, LTC, Rio de

Janeiro, 2014.
Data da Prova de Doutorado: 25/11/2015

Horário da Prova de Doutorado: 15 às 17 h

Local da Prova de Mestrado: Centro de Ciência e Tecnologia/UENF

Resultado da Prova de Doutorado: 26/11/2015
Nota: o candidato que não atingir nota na prova de doutorado  6,0 (seis) estará eliminado do processo de seleção.

Segunda Etapa: apenas para os aprovados na Primeira Etapa:
- Análise do histórico escolar do mestrado.

- Análise do curriculum vitae e cartas de referências.



RESULTADO FINAL:
Data: Até 12 de dezembro de 2015

Horário: 17:00 h

Local: Secretaria de Pós-Graduação/CCT/UENF

• Os candidatos (as) aprovados (as) ao mestrado e doutorado, deverão apresentar

uma carta assinada por um(a) Orientador(a) Credenciado(a) pelo PPGECM, no

qual o (a) mesmo (a) o (a) aceite como aluno(a) orientado(a) (formato livre), até 18/01/2016. Esta carta deverá ser encaminhada à Coordenação do PPGECM.



4. PROFESSORES PARA CONTATO PARA INFORMAÇÕES SOBRE AS ÁREAS DE CONCENTRAÇÃO

Coordenador do PPGECM:

Prof. José Nilson França de Holanda – LAMAV - Tel (0**22) 2748-6459


ÁREA DE CONCENTRAÇÃO

Colegiado do PPGECM: Professores Responsáveis

MATERIAIS E MEIO AMBIENTE

Herval Ramos Paes Junior – LAMAV – Tel (0**22) 2748 6417

MATERIAIS DE ALTA DUREZA

Marcello Filgueira – LAMAV – Tel (0**22) 2748 6448

METALURGIA FÍSICA

Luis Augusto H. Terrones – LAMAV – Tel (0**22) 2748 6398

POLÍMEROS E COMPÓSITOS

Rubén J. Sánchez Rodriguez – LAMAV – Tel (0**22) 2748 6450

5. Professores(as) credenciados(as) no PPGECM, respectivas áreas de concentração, e e-mail, aos quais os(as) candidatos(as) podem se comunicar: http://uenf.br/pos-graduacao/engenharia-de-materiais/


6. PROCESSO DE AVALIAÇÃO
6.1. COMPONENTES E PESOS
a) Prova escrita para o mestrado (apenas para os candidatos classificados na prova escrita)
PEM: nota obtida pelo candidato na prova escrita

Peso: 4
b) Prova escrita para o doutorado (apenas para os candidatos classificados na prova escrita)

PED : nota obtida pelo candidato na prova escrita

Peso: 4
c) Curriculum Vitae


Mestrado:
CV: nota atribuída ao curriculum vitae

Peso: 3
Doutorado:


CV: nota atribuída ao curriculum vitae

Peso: 3
A comissão avaliadora analisará os currículos dos candidatos e atribuirá notas de 0 a 10. Os seguintes itens devem ser considerados na avaliação da produção científica e atuação profissional dos candidatos:


- Iniciação científica e monitoria;

- Trabalhos completos ou resumos em anais de congressos;

- Trabalhos em periódicos (Classificação QUALIS Engenharias - II);

- Prêmio de mérito científico;

- Atuação profissional anterior;

- Monografia de graduação ou equivalente;

- Patentes, capítulos de livro e livros;

- Cursos de especialização relacionados com a área de interesse.

- Participação como colaborador em projetos de pesquisa.
d) Histórico Escolar
Mestrado:
HEM = nota atribuída ao histórico escolar do candidato ao mestrado.

Peso = 3
A quantificação do HEM do candidato será feita da seguinte forma:


HEM = MTF x TGP
Onde:
MTF é a média final recebida pelo candidato durante o curso de graduação

(coeficiente de rendimento).


OBS: Caso o Histórico escolar não apresente o MTF, a comissão calculará

por meio das disciplinas afins ao programa.



TGP é o tempo para graduação:
- Até 11 semestres (ou 9, caso o curso seja de 4 anos) = 1,0

- Até 12 semestres (ou 10, caso o curso seja de 4 anos) = 0,9

- Até 13 semestres (ou 11, caso o curso seja de 4 anos) = 0,8

- Até 14 semestres (ou 12, caso o curso seja de 4 anos) = 0,7

- A partir de 15 semestres (ou 13, caso o curso seja de 4 anos) = 0,6
Doutorado:
HED = nota atribuída ao histórico escolar do candidato ao doutorado.

Peso = 3
A quantificação do HED do candidato será feita da seguinte forma:


HED = MTF x TPM
MFT é a média final recebida pelo candidato no mestrado (coeficiente de

rendimento).


TPM é o tempo de titulação para o mestrado:
- Até 24 meses = 1,0

- Até 30 meses = 0,9

- Até 36 meses = 0,8

- Acima de 36 meses = 0,6


6.2. CÁLCULO DA MÉDIA FINAL
Mestrado:
MFM é a média final obtida pelo candidato ao mestrado.
MFM = (PEM x 4) + (CV x 3) + (HEM x 3) / 10
Doutorado:
MFD é a média final obtida pelo candidato ao doutorado.
MFD = (PED x 4) + (CV x 3) + (HED x 3) / 10
1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal