Disciplina: economia brasileira contemporânea a



Baixar 5,44 Kb.
Encontro22.01.2017
Tamanho5,44 Kb.
DISCIPLINA: ECONOMIA BRASILEIRA CONTEMPORÂNEA A

Código: FAE 144

Nº. de Créditos: 04

Carga Horária: 60 horas

Pré-requisito: FAE 143 FORMAÇÃO ECONÔMICA DO BRASIL
I – EMENTA: A Expansão Capitalista e as origens da Formação Industrial (1880-1929). A industrialização retardatária sob Getúlio. A industrialização pesada sob Juscelino e o Plano de Metas. A desaceleração econômica dos anos 60 e o Plano Trienal. O Golpe Militar e a Modernização Conservadora: as reformas institucionais. O PAEG e o milagre econômico do 1º delfinato. A orientação geiseliana e o 2º PND. Desenvolvimento, recessão e estagnação inflacionária. Os planos de estabilização do final dos anos oitenta e o início dos noventa: Plano Cruzado, Plano Bresser, Plano Verão, Plano Collor I, Plano Collor II e Plano Real. A economia brasileira na década de 90 até os dias atuais.
II – OBJETIVOS: O objetivo da disciplina é analisar a economia brasileira na perspectiva de um processo de desenvolvimento de longo prazo. No período sob análise inicia-se a expansão capitalista e as origens da Formação Industrial (1880-1929), e abrange até meados dos anos 2000. Desta forma, pretende-se ressaltar os condicionantes e determinantes estruturais do desenvolvimento da economia brasileira. Com base na literatura produzida por diversas concepções teóricas, também são focalizadas as políticas econômicas de curto prazo que pautaram a gestão econômica no decorrer desse período.
III – BIBLIOGRAFIA BÁSICA
ABREU, M. P. A Ordem do Progresso: 100 anos de Política Econômica na República. Rio de Janeiro: Campus, 1989.

BAER, W. A Economia Brasileira. 2. Ed. Revista, atualizada e ampliada. São Paulo: Nobel, 2002.

BELUZZO, L. G. e COUTINHO, R. O Desenvolvimento Capitalista no Brasil. São Paulo: Brasiliense, 1982 (2 volumes).

CARNEIRO, R. Desenvolvimento em crise: a economia brasileira no último quarto do século XX. São Paulo: Ed. Unesp/IE-Unicamp, 2002.



GAMBIAGI, F.; VILLELLA, A.; BARROS DE CASTRO, L.; HERMMAN, J. Economia Brasileira Contemporânea (1945-2004). Rio de Janeiro: Elsevier/Campus, 2005.


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal