Centro social nossa senhora da assunçÃO – castelo. Sede: Rua da escola Castelo Castelo 6100-096 Sertã Contribuinte



Baixar 60,08 Kb.
Encontro19.08.2018
Tamanho60,08 Kb.

Centro Social Nossa Senhora da Assunção – Castelo
IPSS – Instituição Particular de Solidariedade Social sem fins lucrativas


Plano de Atividades e Orçamento 2015

Denominação Social: CENTRO SOCIAL NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO – CASTELO.

Sede: Rua da escola Castelo

Castelo


6100-096 Sertã

Contribuinte: 503 627 887

Atividade Principal: Ação Social à pessoa idosa sem alojamento.

CORPOS GERENTES

Direcção

Vice-Presidente – Carlos Mateus Marques Lopes

Secretário – José António Lopes Martins

Vogal – José Domingos da Costa

Tesoureiro – Maria Emília Ferreira Pires Lopes

1ª Vogal – Maximina Fernandes Pires



Conselho Fiscal

Presidente – Luís Alves Dias

1ª Vogal – Maria Santana Silva Martins

2º Vogal – Natália Dias Mata



  1. Introdução


O Plano de Atividades e orçamento para 2015 encontra-se, uma vez mais, a ser apresentado à consideração e discussão da Assembleia Geral, conforme estipula o compromisso desta instituição.

Conscientes das nossas potencialidades mas também das nossas limitações, associadas a uma conjuntura globalmente pouco favorável, propomos um conjunto de medidas cuja implementação nos parece possível e desejável, no quadro das necessidades identificadas na Instituição. Estes projetos e medidas foram definidos em função da disponibilidade de recursos instituição e das necessidades concretas percebidas nos planos dos equipamentos, do funcionamento, da organização e da gestão.

Assim, no plano dos equipamentos, prevemos terminar a construção do novo lar, equipá-lo, bem como criar espaços verdes no exterior. Entende-se assim, ser possível ainda durante o ano proceder ao início da atividade do Lar.

No Centro Social Nossa Senhora da Assunção - Castelo, prevemos embelezar os espaços exteriores. Substituição de algum material de cozinha, como por exemplo, máquina de lavar loiça, triturador etc., de modo a assegurar uma maior funcionalidade. Compra de material de escritório e material para a lavandaria, como por exemplo ferro de engomar e máquina de secar roupa.

No plano administrativo, iremos proceder à realização dos processos individuais de saúde de cada utente, informatização dos serviços e recenseamento das quotas dos sócios.

Iremos propor uma alteração ao método de trabalho, através da concepção de cronogramas de serviços, afim de, aumentar a funcionalidade e autonomia de cada colaborador.

No que se refere aos serviços, constitui nosso objectivo manter a qualidade dos Serviços de Apoio Domiciliário e Centro de Dia.

Visando a melhoria contínua dos nossos serviços, a qualificação dos nossos colaboradores e o contributo para o desenvolvimento local, através da formação e empregabilidade dos nossos jovens e adultos, continuaremos a promover serviços de educação/formação destinados a jovens e adultos desempregados.

O ano 2015 ficará ainda marcado pela início de projetos, que consideramos pertinentes para esta Instituição. Será concebido o Plano de Emergência, em primeiro lugar para o Centro de dia e posteriormente para o Lar.

Apoio a Idosos




  1. Centro de Dia

2.1. Serviço de Coordenação do Centro de Dia

O presente projeto de trabalho terá em conta a aplicação do Plano do ano anterior, o que implicará a continuidade de alguns objetivos e a revisão doutros, por razões práticas, tanto de aplicabilidade, como de rentabilização de tempo e de eficácia.


Assim, tendo como objetivo principal uma melhoria constante do serviço propõe-se:
Objetivo
Continuar a investir na melhoria do relacionamento das chefias, tendo a

certeza que dessa forma será mais fácil resolver problemas do dia-a-dia que vão surgindo, como também será mais fácil trabalhar de forma coordenada e assim assegurar uma maior eficácia.


Atividade
Disponibilizar “tempo” e “espaço” para ouvir as funcionárias dos diversos sectores sempre que sintam necessidade.
Objetivo
Ter como prioridade dar atenção às prestações dos funcionários e às reivindicações ou necessidades que vão expressando, tanto no sentido de aferir o seu grau de competência (que pode e deve ser estimulado), como poderá implicar uma reorganização do serviço de forma a rentabilizá-lo e a torná-lo mais eficaz e humano.
Atividade
Organizar e calendarizar visitas regulares aos diversos sectores, cozinha do Centro, lavandaria entre outros.


  • Elogiar o trabalho prestado e a atitude certa sempre que se justifique.

  • Disponibilizar “tempo” para ouvir os funcionários sempre que se justifique.

Objetivo
Criar um ambiente em que o relacionamento com os utentes seja agradável permitindo-lhes ter, confiança suficiente para recorrerem aos meus serviços sempre que deles necessitam.

Atividades
Semanalmente: - Ir ao refeitório.

- Ir à sala de convívio.

- Ir aos sectores.

Objetivo
Dar sempre prioridade à necessidade de melhorar relação custo/qualidade das refeições.


Atividades


  • Procurar sempre a melhor proposta aliada à qualidade.

  • Atualizar com regularidade as propostas.

Objetivo
Continuar a sensibilizar e a impor o cumprimento de Segurança e Higiene no setor da Cozinha do Centro e Apoio ao Domicílio.


Atividades


  • Fazer cumprir as normas e regras de higiene.

  • Colaborar com a Técnica de Higiene e Segurança no Trabalho de forma a atingir o objectivo referido.

Conclusão


Todos esses objetivos têm de funcionar constantemente como metas a atingir, pois permitem estruturar o trabalho e rentabilizar os recursos disponíveis de forma eficaz, melhorar a comunicação, resolver prontamente os problemas e ultrapassar as dificuldades que vão surgindo, num ambiente de respeito em que todos dão o seu melhor, de forma consciente e valorizada, em que se respeite as normas de segurança e se invista na qualidade, tendo em conta os preços, é um processo que se tem de renovar ano após ano.

2.2. Sala de Convívio


Introdução
Este documento constitui um plano de Atividades de Ocupação e Animação para desenvolver durante o ano de 2015 com os Idosos de todas as Respostas sociais do Centro Social Nossa Senhora da Assunção - Castelo.

Tendo em conta que Animação significa dar ânimo e alma, as propostas aqui apresentadas, pretendem ir de encontro aos desejos, potencialidades e dificuldades de cada Idoso, com o intuito de contribuir para uma melhor integração e envolvimento destes na vida da Instituição e no bem estar geral de

cada um.

Considerando o trabalho que já tem sido desenvolvido e as propostas que os Idosos e Funcionários vão apresentando, este plano apresentará um leque diversificado de atividades que ao longo de todo o ano tentarão estimular as competências físicas/motoras, cognitivas e emocionais dos Idosos.

Neste entendimento, tentaremos dar continuidade a algumas atividades rotineiras do interesse dos Idosos, bem como a comemoração de datas marcantes do calendário.

Deste modo, prevê-se a dinamização dos espaços da Instituição com atividades para/e com os Idosos..

O plano de actividades, apesar de já definido poderá, ao longo do ano, sofrer algumas alterações de acordo com acontecimentos não programados e/ou com novas atividades.
Plano de Atividades anual


  • Participação no lanche-convívio aquando do aniversário de um utente;

  • Proporcionar actividades de animação;

  • Estimular a mobilidade dos Idosos

  • Promover o contacto e trocas entre Idosos Institucionalizados e outros

Idosos, Crianças Jovens e Comunidade em geral.

  • Proporcionar uma maior ligação entre os Idosos e a Família, reforçando

os laços afectivos entre eles.

  • Comemoração do dia das Comadres e dos Compadres;

  • Comemoração do Carnaval;

  • Comemoração do dia Internacional da mulher;

  • Comemoração do dia Mundial da Floresta – Plantar uma Arvore;

  • Realização de Jogos Tradicionais;

  • Comemoração do dia do idoso;

  • Sessão de Esclarecimentos no dia Mundial da Saúde;

  • Visionamento de filmes;

  • Lanche convívio com os familiares dos utentes no dia Internacional da Família;

  • Comemoração do dia dos Avós;

  • Comemoração do dia Nossa Senhora da Assunção;

  • Elaboração da roda dos alimentos;

  • Realização de um Magusto;

  • Realização da Festa de Natal.

Objetivos




  • Fazer com que os utentes se sintam úteis no meio em que vivem.

  • Promover a auto estima do utente.

  • Fazer com que não percam o interesse pela vida no interior e no exterior da instituição.

  • Fazer com que se interessem pelas actividades a desenvolver na instituição.

  • Fazer com que se interajudem uns aos outros.

  • Fazer com que não se sintam aprisionados ao entrarem para a Instituição.

Conclusão


Espera-se que este plano de atividades se realize, e que os idosos se interessem pelas atividades propostas.

Sabe-se que existirão algumas dificuldades em realizar algumas atividades, visto que alguns idosos estão a ficar muito debilitados.


Plano de Atividades diário




  • Jogos de dominó/cartas e outros

  • Construção de Puzzles;

  • Atividades lúdicas e recreativas;

  • Pinturas variadas utilizando técnicas e materiais diferente ;

  • Leitura de jornal /ver televisão;

  • Atividades Semanais;

  • Cuidar das plantas e do espaço da sala de convívio com a

colaboração dos Idosos;

  • Jogos com bolas ou outros materiais com o intuito de promover

a atividade física;

  • Ensaios de canções: (Projeto Musical) com o apoio da Prof. Libéria;

  • Visionamento de filmes, se possível em Português;

  • Canções e Cânticos Litúrgicos;

  • Atividades Mensais;


2.3. Apoio Domiciliário

Introdução


O Plano de Atividades para este Serviço, para o ano 2015, assenta numa preocupação de avaliação e de melhoria contínua da organização e funcionamento dos serviços prestados.
Plano de Atividades
O Serviço de Apoio Domiciliário desenvolverá as seguintes atividades

durante o ano 2015:




  • Participação nas discussões conducentes à revisão e atualização da tabela de comparticipações a aplicar neste serviço;

  • Realização de visitas domiciliárias de avaliação da satisfação com o serviço prestado e auscultação dos utentes tendo em vista o levantamento de potenciais novos projetos;

Conclusão


O Serviço de Apoio Domiciliário desta Instituição beneficia duma vasta experiência junto dos idosos e das famílias da freguesia do Castelo. A simpatia e o profissionalismo das ajudantes familiares domiciliárias constituem a sua imagem de marca.

O seu futuro passará, inevitavelmente, pela sua expansão, pela diversificação dos seus serviços e pelo seu funcionamento integrado, tendo em vista a satisfação, numa perspectiva holística, das necessidades das pessoas idosas e das suas famílias.

Serviços Administrativos

O Plano de Atividades dos Serviços Administrativos pretende ser um instrumento de trabalho, no qual estão estabelecidos os objetivos gerais dos Serviços Administrativos do Centro Social Nossa Senhora da Assunção para o ano 2015, que se passam a enunciar:

Objetivo 1: Reestruturação do espaço físico dos Serviços Administrativos, em ordem a melhorar o ambiente de trabalho, proporcionando desta forma melhores condições de trabalho aos nossos colaboradores e um atendimento mais personalizado ao público em geral.

Para o efeito, será ampliado o espaço de atendimento ao público, remodelado o mobiliário equipamento informático existente.

Objetivo 2: Proporcionar aos colaboradores ações de formação profissional adequadas à sua qualificação, com vista a promover a valorização e atualização profissional.

Objetivo 3: Elaborar fichas de descrição de funções dos postos de trabalho, o que irá contribuir para a melhoria dos procedimentos, e envolver todos os colaboradores nas atividades desenvolvidas, bem como facilitar a comunicação interna.

Orçamento 2015

Ç



Plano de Atividades e Orçamento - 2015 Página



©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal