Código da Disciplina



Baixar 29,38 Kb.
Encontro06.02.2017
Tamanho29,38 Kb.

Clássicos da Sociologia da Religião





Código da Disciplina: 900.5217-1

Carga horária: 48 horas

Créditos: 04




Objetivo

A partir dos clássicos da Sociologia tais como: Émile Durkheim, destacar a relação entre religião, teoria do conhecimento, anomia, consciência coletiva, sagrado e profano. Karl Marx: destacar os conceitos de luta de classes, alienação, fetiche e ideologia. Max Weber: destacar os conceitos de sociologia compreensiva, tipo ideal, seita e ética e desencantamento do mundo. Amparado nos clássicos, a disciplina visa ainda destacar alguns pensadores modernos da sociologias da Religião



Ementa

A disciplina visa oferecer ao aluno os fundamentos básicos da Sociologia da Religião, a partir das posturas teórico-metodológicas dos autores considerados os seus clássicos: Karl Marx, Émile Durkheim e Max Weber. Visa ainda, possibilitar ao aluno a utilização destes conceitos como ferramentas de estudo do fenômeno religioso, estimulando assim, a aplicação crítica deste instrumental teórico no desenvolvimento de suas pesquisas sobre o fenômeno religioso



Conteúdo Programático

A importância de Durkheim para o estudo da religião. A permanência de conceitos durkheimianos no estudo da religião.

1ª Parte

Apresentação do Curso e comentário bibliográfico. O contexto social do surgimento da Sociologia. Durkheim e a construção da Sociologia como disciplina autônoma. Religião e teoria do conhecimento. Religião como primeira explicação do mundo

2ª Parte

Marx e seu ambiente intelectual e histórico. Dados biográficos. Marx e os Manuscritos. Seu impacto na revisão da leitura de O capital. Classes sociais, alienação e ideologia. A permanência dos conceitos marxianos no estudo da religião.

3ª Parte

A importância de Weber para a Sociologia da Religião. As repercussões do pensamento weberiano na atualidade.

A Sociologia Compreensiva. Os tipos puros. Os tipos de dominação. Seitas e capitalismo. Desencantamento do mundo. Análise sucinta de A ética protestante e o espírito do capitalismo.





Bibliografia

DURKHEIM, Emile. A divisão do trabalho social: Solidariedade mecânica e solidariedade orgânica - Várias edições.

__________As regras do Método Sociológico. 14 ed., São Paulo, Ed. Nacional, 1990

__________As formas elementares da vida religiosa – Várias edições.

__________Lições de Sociologia, São Paulo,Martins Fontes, 2002

__________Coleção Grandes Cientistas Sociais. São Paulo: Ática, 1978.

__________O suicídio. Rio de Janeiro: Zahar, 1982.

MARX, Karl. – O Capital, Coleção Os Economistas, Ed. Abril Cultural, SP

__________ – A Ideologia Alemã. Ed. Hucitec, SP.

__________ A questão Judaica, São Paulo, Ed Moraes, 1991

__________ Manuscritos econômicos e filosóficos. Lisboa, Portugal: Ed. 70. 1989.

__________ Karl Marx Obras escolhidas. São Paulo: Alfa-Ômega, 1957. Contribuição à crítica da economia política. São Paulo: Martins Fontes: 1983

MARX, Karl e ENGELS Friedrich (Ed. Preparada por H. Asmann e R. Mate). Sobre la Religión I. Salamanca, Sígueme, 1979.

__________ Manifesto do Partido Comunista. Rio de Janeiro: Vozes, 1988

WEBER, Max - Economia e Sociedade., vol. I, Brasília, Ed. Universidade de Brasília, 3ª ed., 1994.

__________A Ética Protestante e o Espírito do Capitalismo. 4 ed., São Paulo, Pioneira

__________A ‘objetividade’ do conhecimento nas Ciências Sociais, in Cohn, Gabriel – Weber, Ed. Ática, Coleção Grandes Cientistas Sociais, 2001.

__________Os três tipos puros de dominação legítima, 5 ed., in Cohn, Gabriel, Max Weber, 1991

__________Ensaios de Sociologia. Rio de Janeiro: Zahar, 1974.

Complementar


ARON, Raymond. As etapas do pensamento sociológico. São Paulo: Martins Fontes, 1982

BENDIX, Richard. Max Weber - Um perfil intelectual. Brasília: UnB, 1986

CHAUÍ, Marilena. O que é ideologia. São Paulo: Brasiliense, 1981.

COHN, Gabriel. Crítica e resignação. São Paulo: Queiroz, 1979.

FERNANDES, Florestan. A Revolução Burguesa no Brasil. Rio de Janeiro: Zahar, 1976.

__________ (org.). “Marx e Engels.” Coleção Grandes Cientistas Sociais. São Paulo: Ática, 1984.

FEUERBACH, Ludwig. A essência do cristianismo: Campinas: Papirus, 1988.

FREUND, Julien. Sociología de Max Weber. Rio de Janeiro: Forense, 1980

MCLELLAN, David. Karl Marx, vida e pensamento. Petrópolis: Vozes, 1990.

MARTELLI, Stefano. A Religião na Sociedade Pós-moderna. São Paulo. Paulinas, 1995

WEBER, Marianne. Biografia de Max Weber. México: Fondo de Cultura Econômica, 1995.

COHN, Gabriel. Sociologia: para ler os clássicos. Rio de Janeiro: Técnicos e Científicos, 1977.

DURKHEIM, Emile. As formas elementares da vida religiosa – Várias edições.

HERVIEU-LEGER, Danièle. Sociologia e Religião: Abordagens Clássicas. Aparecida, SP,

Idéias & Letras, 2009

WEBER, Marx. A Ética Protestante e o Espírito do Capitalismo. 4 ed., São Paulo, Pioneira



WEBER, Marx. A ética protestante e o “espírito” do capitalismo. 2004-Edição comemorativa centenário da 1 publicação . Ed Antonio Flavio Pierucci. Companhia das Letras

MARX, Karl. Karl Marx Obras escolhidas. São Paulo: Alfa-Ômega, 1957. Contribuição à crítica da economia política. São Paulo: Martins Fontes: 1983


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal