Biologia Evânio Revisinal 1º bim 2015



Baixar 1,07 Mb.
Encontro13.07.2017
Tamanho1,07 Mb.
Equipe VRB

Biologia – Evânio

Revisinal 1º bim 2015
1º MÉDIO

1) Uma vez que não temos evidência por observação direta de eventos relacionados à origem da vida, o estudo científico desses fenômenos difere do estudo de muitos outros eventos biológicos. Em relação a estudos sobre a origem da vida, apresentam-se as afirmações seguintes.


I. Uma vez que esses processos ocorreram há bilhões de anos, não há possibilidade de realização de experimentos, mesmo em situações simuladas, que possam contribuir para o entendimento desses processos.

II. Os trabalhos desenvolvidos por Oparin e Stanley Miller ofereceram pistas para os cientistas na construção de hipóteses plausíveis quanto à origem da vida.

III. As observações de Oparin sobre coacervados ofereceram indícios sobre um processo que constituiu-se, provavelmente, em um dos primeiros passos para a origem da vida, qual seja, o isolamento de macromoléculas do meio circundante.
Em relação a estas afirmações, podemos indicar como corretas:

a) I, apenas.

b) II, apenas.

c) I e II, apenas.

d) II e III, apenas.

e) I, II e III.


2) Oparin acreditou que a vida na Terra poderia ter surgido a partir de substâncias orgânicas formadas por combinação de moléculas, como metano, amônia, hidrogênio e vapor de água, presentes na atmosfera primitiva de nosso planeta. Depois teriam ocorrido a síntese protéica nos mares, a formação de coacervados e o surgimento das primeiras células.

Levando-se em conta os processos de formação e as maneiras de utilização dos gases oxigênio e dióxido de carbono, a seqüência mais provável dos primeiros seres vivos na Terra é a de organismos


a) heterótrofos anaeróbicos - autótrofos - heterótrofos aeróbicos.

b) heterótrofos anaeróbicos - heterótrofos aeróbicos - autótrofos.

c) heterótrofos aeróbicos - autótrofos - heterótrofos anaeróbicos.

d) autótrofos - heterótrofos anaeróbicos - heterótrofos aeróbicos.

e) autótrofos - heterótrofos aeróbicos - heterótrofos anaeróbicos.
3) Uma professora de biologia explicou aos seus alunos que a quantidade de enzima lactase diminui muito ao longo do desenvolvimento de indivíduos originários de povos orientais, o que impede a degradação efetiva do açúcar do leite. Uma das alunas comentou que essa diminuição de lactase deveria ser causada pelo tipo de alimentação característico dos orientais: pobre em leite e seus derivados. A professora ponderou que a aluna havia expressado uma idéia que correspondia ao pensamento de

a) Darwin.

b) Morgan.

c) Lamarck.

d) Crick.

e) Mendel.


4) No início da década de 1950, o vírus que causa a doença chamada de mixomatose foi introduzido na Austrália para controlar a população de coelhos, que se tornara uma praga. Poucos anos depois da introdução do vírus, a população de coelhos reduziu-se drasticamente. Após 1955, a doença passou a se manifestar de forma mais branda nos animais infectados e a mortalidade diminuiu. Considere as explicações para esse fato descritas nos itens de I a IV:
I. O vírus promoveu a seleção de coelhos mais resistentes à infecção, os quais deixaram maior número de descendentes.

II. Linhagens virais que determinavam a morte muito rápida dos coelhos tenderam a se extinguir.

III. A necessidade de adaptação dos coelhos à presença do vírus provocou mutações que lhes conferiram resistência.

IV. O vírus induziu a produção de anticorpos que foram transmitidos pelos coelhos à prole, conferindo-lhe maior resistência com o passar das gerações.


Estão de acordo com a teoria da evolução por seleção natural apenas as explicações:

a) I e II

b) I e IV

c) II e III

d) II e IV

e) III e IV


5) A mutação gênica, nos organismos eucariontes

a) constitui a principal fonte de variabilidade genética.

b) ocorre exclusivamente pela ação de agentes mutagênicos.

c) origina apenas seres recessivos.

d) ocorre devido a alterações na molécula de DNA.

e) origina somente combinações gênicas adaptativas.


6) A pata de uma anta, a asa de uma pomba, o braço de um homem, são entre si:

a) homólogos porque realizam a mesma função.

b) homólogos porque possuem a mesma origem embrionária.

c) análogos porque possuem a mesma origem embrionária.

d) análogos porque realizam a mesma função.

e) homólogos e análogos simultaneamente


7) O uso de um mesmo antibiótico para tratar repetidas infecções causadas por mesmos tipos de bactérias tem como conseqüência a ineficácia do tratamento. Tal resultado é devido ao fato de
a) o antibiótico induzir modificações no metabolismo das bactérias.

b) as bactérias se adaptarem individualmente ao antibiótico.

c) o antibiótico selecionar, na população bacteriana, as bactérias que já eram residentes a ele.

d) o antibiótico induzir, diretamente nas bactérias, uma resistência.




Equipe VRB

Biologia – Evânio

Revisinal 1º bim 2015

2º MÉDIO

1) A análise laboratorial de uma amostra de água revelou a presença de dois patógenos (A e B) com as seguintes características:


Patógeno A ë organismo filtrável, parasita intracelular, constituído por uma capa protéica que envolve a molécula de ácido nucléico.

Patógeno B ë organismo não filtrável, que tem uma membrana lipoprotéica revestida por uma parede rica em polissacarídeos, que envolve um citoplasma onde se encontra seu material genético constituído por uma molécula circular de DNA.


Esses organismos são, respectivamente:

a) uma bactéria e um fungo.

b) um protozoário e um fungo.

c) um vírus e uma bactéria.

d) uma bactéria e um vírus.
2) Leia o texto a seguir.
"Faz um século que a comunidade científica muda repetidamente de idéia sobre a natureza dos vírus. Vistos originalmente como venenos, depois como formas de vida e mais tarde como substâncias químicas biológicas, considera-se hoje que os vírus estejam numa região cinzenta entre o vivo e o não vivo. Só conseguem se replicar com a ajuda de células vivas e podem afetar profundamente o comportamento delas. A categorização dos vírus como seres sem vida durante a maior parte da história da biologia moderna teve uma conseqüência indesejada: levou os pesquisadores a ignorá-los no estudo da evolução. Finalmente, no entanto, os cientistas estão começando a entendê-lo como peças fundamentais da história da vida".

Fonte: VILLARREAL, L.P. Ameaça Fantasma. "Scientific American Brasil".


Com base no texto e nos conhecimentos sobre o tema, é correto afirmar.

a) Nos vírus, a síntese de ácidos nucléicos, proteínas e outras atividades bioquímicas que possibilitem a sua multiplicação independem da célula hospedeira.

b) Um vírus pode replicar-se para produzir milhares de partículas virais filhas e essa replicação se dá por fissão binária e nas formas mais evoluídas pela mitose.

c) O tétano e o botulismo são doenças por um vírus que apresenta RNA.

d) Os retrovírus, como por exemplo o causador da AIDS, são assim chamados porque o DNA genômico é transcrito em RNA.

e) A enorme população dos vírus, combinada com suas taxas aceleradas de replicação e mutação, faz deles uma das maiores fontes de variação genética.

3) Considere as características das células A, B e C, em termos de presença (+) ou ausência (-) de alguns de seus componentes, de acordo com a tabela a seguir

Com base nestas características, assinale a alternativa correta.

a) A célula B é de um animal, a célula A é de uma planta e a célula C é de uma bactéria.

b) As células A e C são heterotróficas e a célula B é autotrófica.

c) As células A e B realizam a fotossíntese e a célula C realiza a respiração.

d) As células A e B são eucarióticas e a célula C é procariótica.
4) Assinale a alternativa correta.

a) As bactérias reproduzem-se, geralmente, por divisão binária, uma forma assexuada de reprodução pela qual uma única bactéria pode originar um "clone", ou seja, uma população de bactérias idênticas.

b) As bactérias e as algas cianofíceas distinguem-se de todos os outros seres vivos porque não possuem carioteca envolvendo o material nuclear, isto é, são eucariontes.

c) As bactérias só vivem isoladas, embora próximas; nunca formam colônias.

d) Em algumas espécies de bactérias observa-se o fenômeno da conjugação, isto é, um tipo de reprodução assexuada.

e) As algas cianofíceas assemelham-se às bactérias, porém são heterótrofas, isto é, produzem a matéria orgânica por fotossíntese.


5) Na embalagem de um antibiótico, encontra-se uma bula que, entre outras informações, explica a ação do remédio do seguinte modo:
O medicamento atua por inibição da síntese protéica bacteriana.
Essa afirmação permite concluir que o antibiótico

a) impede a fotossíntese realizada pelas bactérias causadoras da doença e, assim, elas não se alimentam e morrem.

b) altera as informações genéticas das bactérias causadoras da doença, o que impede manutenção e reprodução desses organismos.

c) dissolve as membranas das bactérias responsáveis pela doença, o que dificulta o transporte de nutrientes e provoca a morte delas.

d) elimina os vírus causadores da doença, pois não conseguem obter as proteínas que seriam produzidas pelas bactérias que parasitam.

e) interrompe a produção de proteína das bactérias causadoras da doença, o que impede sua multiplicação pelo bloqueio de funções vitais.


6) A figura a seguir refere-se a uma árvore filogenética que reflete a relação de parentesco entre alguns animais da ordem Perissodactyla, pertencente à classe Mammalia.

Com base nas informações apresentadas e em seus conhecimentos, assinale a opção correta :

a) Cavalos, asnos e zebras compartilham um ancestral comum com os rinocerontes e com as antas.

b) Na figura, estão representados três gêneros e quatro famílias da classe Mammalia.

c) O grau de semelhança entre cavalos, asnos e zebras é menor do que o existente entre rinocerontes de um chifre e rinocerontes de dois chifres.

d) A anta e o tapir malaio pertencem à mesma ordem, mas a famílias, gêneros e espécies diferentes.


7) Os seres vivos necessitam de uma série de elementos químicos essenciais à vida e à sobrevivência. O Nitrogênio é um exemplo destes elementos essenciais. Apesar do ar que respiramos ter 78% de N2, só conseguimos este elemento através da dieta, pois não somos capazes, como todos os animais e vegetais, de aproveitá-lo diretamente do ar. Os únicos seres capazes de fixar o N2 são as bactérias existentes no solo - as bactérias que compõem o ciclo do Nitrogênio. O Nitrogênio é importante porque ele irá compor nos seres vivos

a) proteínas e ácidos nucléicos.

b) carboidratos e nucleotídeos.

c) lipídios e carboidratos.

d) monossacarídeos e aminoácidos.

e) polissacarídeos e triglicérides.