Aqui nunca estamos sozinhos



Baixar 199,88 Kb.
Página2/2
Encontro27.11.2016
Tamanho199,88 Kb.
1   2

CAPELA DA SERRA 10 ANOS
Jundiaí, 4 de junho de 2016


LITURGIA DA ÁGUA E DE HÁ-BRAÇOS







Preparação:

[Do espaço, do corpo, do coração...]

♫ Prelúdio:

[A comunidade permanece em oração]

Intróito:

[Salmo 51.15]



Abre, Senhor, os nossos lábios,
e a nossa boca manifestará os teus louvores.

♫ Recebe-me, Senhor:

[John Bell; Vers.: Luiz Carlos Ramos e Liséte Espíndola]



♫ Ó recebe-me, Senhor,
Torna-me como tu és;
Sela o meu coração
E habita em mim.

Saudação e acolhida:

[Boas-vindas às/aos presentes e apresentação dos motivos que inspiram esta celebração]




Assim nos explicava o nosso querido e saudoso Luciano Lima: Conta-se que o oficial romano, que mais tarde ficaria conhecido como São Martinho de Tours, quando cavalgava certa noite pela neve, viu um mendigo. Movido por compaixão, rasgou em duas partes e deu metade de sua capa, transformada agora em uma capela (pequena capa), para o homem que padecia de frio. A partir de então, uma edificação destinada a acolher o Cristo no acolhimento dos irmãos, passou a designar-se “capela!”.

A CAPELA DA SERRA COMPLETA 10 ANOS de compromisso com o Reino de Deus e a sua justiça; de oração e vivência da unidade cristã; e de celebração de uma espiritualidade sacramental historicamente enraizada e culturalmente encarnada.

Nossa primeira celebração aconteceu no dia de Pentecostes de 2006. Desde então, nosso compromisso com uma espiritualidade historicamente enraizada e culturalmente encarnada, nos permitiu vivenciarmos em nossos encontros muitas e variadas emoções.

Hoje queremos dedicar tempo para meditar e recordar (trazer de volta ao coração) essa história, principalmente por meio dos cânticos litúrgicos que tanto nos inspiraram.



♫ Cantai, bendizei:

[República de Camarões; Versão: Fábio H. da Silva]



♫ Cantai, bendizei, o Senhor e Deus. Aleluia!
Cantai, bendizei, aleluia!, o Senhor e Deus. Aleluia!

LITURGIA DA PALAVRA E DA LUZ







♫ A tua luz envia-me:

[John Bell; Vers.: Luiz Carlos Ramos e Liséte Espíndola]



♫ A tua luz envia-me pra me guiar
E me conduza até o lugar onde estás

Primeira Leitura:

[Deuteronômio 6]



Escute, povo de Israel! O SENHOR, e somente o SENHOR, é o nosso Deus. Portanto, amem o SENHOR, nosso Deus, com todo o coração, com toda a alma e com todas as forças. Guardem sempre no coração as leis que eu lhes estou dando hoje e não deixem de ensiná-las aos seus filhos. Repitam essas leis em casa e fora de casa, quando se deitarem e quando se levantarem. Amarrem essas leis nos braços e na testa, para não as esquecerem; e as escrevam nos batentes das portas das suas casas e nos seus portões. [...]

No futuro os seus filhos perguntarão: “Por que foi que o SENHOR, nosso Deus, nos deu estes mandamentos e estas leis?” Aí vocês responderão: “Nós éramos escravos do rei do Egito, mas o SENHOR, com o seu grande poder, nos tirou de lá.”

♫ Senzenina [o que foi que fizemos? —África do Sul]

“Nós vimos com os nossos próprios olhos os grandes milagres e as coisas espantosas que Deus fez quando nos libertou da opressão do rei dos egípcios e toda a gente do seu palácio.  E Deus nos tirou do Egito para nos trazer aqui e nos dar esta terra prometida aos nossos antepassados. Ele nos orientou a obedecer a todas estes preceitos e sempre temer o SENHOR, nosso Deus. Se fizermos isso, ele nos guardará de todo mal, como tem feito até hoje, e tudo sempre correrá bem para nós.”

♫ Kyrie eleison [Ghana]

E, se tivermos o cuidado de obedecer a todas estas leis que o SENHOR, nosso Deus, nos deu, a nossa vida agradará a ele.



♫ Salmódia:

[Salmo 150]



Louvai a Deus no Templo, louvai a Deus nos Céus. Aleluia!
Louvai-o por seus feitos, porque ele é grande. Aleluia!

♫ Louvai-o com trombetas, saltério e harpa. Aleluia!


Louvai-o com tambores, com gritos e danças. Aleluia!

♫ Com instrumentos de cordas, também com flautas. Aleluia!


Com címbalos sonoros ou retumbantes. Aleluia!

♫ Todo ser que respira também louve ao Senhor. Aleluia!



Leitura da Epístola:

[Romanos 15.7]



Acolhamo-nos uns aos outros,
como também Cristo nos aceitou, para a glória de Deus.

♫ Aleluia [África do Sul]



Leitura do Evangelho:

[Mateus 18.5]



Quem recebe uma criança em meu nome, a mim me recebe.

Oh! Aleluia!


Ele ampara os pobres e a cada dia sobre a mesa dá o pão
Porque o Senhor é bom!
Oh! Aleluia!

E aos que sofrem
dores traz esperança e com ternura dá a paz.
Porque o Senhor é bom!
Oh! Aleluia!
[Liséte Espindola]

Reflexão partilhada

[Diálogo a partir da vida do Evangelho e do Evangelho na vida.]

A proposta da CAPELA DA SERRA, se apoia em quatro pilares fundamentais: 


"(1) a oração, elemento constante de nosso culto e aprendizado cristão; 
"(2) o trabalho, que se expressa em nosso compromisso público de amor ao próximo; 
"(3) o estudo, manifestado nas pesquisas de nossas práticas litúrgicas e no permanente convite a integrá-lo em nossa prática regular, não apenas de questões e temas teológicos, mas de todas as dimensões humanas e suas elaborações literárias e científicas; 

"(4) e o silêncio/contemplação, que nos recorda o indispensável descanso do Deus criador e a necessidade e legitimidade de nossos momentos introspectivos. 


"Colocados nessa ordem Trabalho—Estudo—Oração—Silêncio, os quatro pilares formam o acróstico 'TEOS', que soa semelhante a Theós, 'Deus', em grego." [2010]

LITURGIA DA MESA E DO PÃO







Credo

CREIO em Deus, criador de tudo o que é bom,
Que me ama com amor maior que o de pai
E cuida de mim com ternura maior que a de mãe.

CREIO em Jesus Cristo, amigo mais chegado que irmão,
Que por amor padeceu a minha dor
E convidou-me para ser-lhe
Companheiro no cálice e no pão,
Na cruz e na ressurreição.

CREIO no Espírito Santo, terno consolador,
Que me enxuga dos olhos toda lágrima
E me inspira nos lábios o sorriso.

CREIO na comunidade de fé, mutirão de fiéis,
Operários de um novo tempo,
Gestantes do novo céu e da nova terra.

CREIO no Reino pleno da vida abundante,
Na ressurreição dos corpos oprimidos,
Na eternidade do amor
E na solidariedade divino-humana. Amém!

♫ Agnus Dei quitolis peccata mundi, miserere nobis, Domine. [John Bell]



Preparação e ofertório:

Amigos e amigas, Jesus está presente em todos os lugares onde há hospitalidade e acolhimento fraternal. Por isso sabemos que o Senhor está entre nós, nos mesmos gestos de solidariedade e partilha, que hoje repetimos com saudade, e haveremos de repetir até o último dia.

♫ Abraça, Senhor, os nossos corações


Que ofertamos com fé esperança e amor [Luiz Carlos Ramos e Liséte Espíndola]

Sursum corda:


O Senhor esteja com vocês. | Ele está no meio de nós.
Elevemos o nosso coração. | Ao Senhor o elevamos.
Rendamos graças ao Senhor. | Sim, é justo e bom render graças a Deus.

Nós te rendemos graças, nosso materno Pai, porque vens para partilhar conosco o pão da tua vida. Por isso te saudamos, cantando:

♫ Santo, Santo, Santo, Senhor Deus onipotente,
Terra e céus estão cheios da tua glória,
Glória a ti Senhor!*


Memorial:
Anamnese

Recordamos agora, o Memorial da plena comunhão que Jesus nos ensinou, do qual ninguém será excluído e pelo qual ninguém ficará com fome, ninguém ficará sozinho:

Na noite em que seria traído, Jesus tomou o pão, abençoou-o, e, tendo dado graças, o ofereceu a todos, até ao traidor, dizendo: Isto é o meu corpo que reparto com e por vocês: comam em memória e com saudades de mim.

♫ Bendito sejas para sempre!*

Depois de cear, Jesus tomou um cálice, abençoou-o, e, tendo dado graças, o ofereceu dizendo: Este gesto de oferecer o cálice, é a partilha da minha própria vida, a vida da nova aliança, transbordada por e para vocês; bebam em memória e com saudades de mim.

♫ Bendito sejas para sempre!*


Consagração:
Epiclese:

Eterno Deus, nosso materno Pai, nós humildemente te suplicamos que envies sobre nós e sobre estes alimentos o teu Espírito Santo e cumpras a tua Palavra, a fim de que o pão que vamos comer seja para nós a comunhão no corpo de Cristo, e o vinho que vamos beber seja a comunhão na vida de Cristo; é o que te pedimos em ação de graças; por Cristo, com Cristo, e em Cristo. Amém!

Mysterium fidei:

♫ Cristo morreu e ressuscitou, breve voltará!*

Partilha eucarística:



O pão pelo qual damos graças é a reconciliação no corpo de Cristo;
O cálice pelo qual damos graças é a comunhão na vida de Cristo.

♫ Em memória de mim:

[Letra: Ragan Courtney;


Trad.: Jon Sutton
Música: Buryl Red]




  1. Em memória de mim, comei.
    Em memória de mim, bebei.
    Em memória de mim, orai
    que seja feita a vontade de Deus.

  2. Em memória de mim, sarai.
    Em memória de mim, reparti.
    Em memória de mim, abri
    a porta para o irmão entrar, ele entrar.

  3. Pão, nele vos consolai.
    Vinho, lembrai-vos também
    que este é meu corpo e meu sangue
    que dei por vós, dei por vós.




  1. Em memória de mim, pelejai.
    Em memória de mim, sempre amai.
    Em memória de mim, buscai a Deus
    no coração,  não no céu,
    no coração, buscai.

  2. Sempre em memória de mim.
    Sempre em memória  de mim.
    Em memória de mim.

LITURGIA DO VENTO E DO A-DEUS

Despedida:

Na primeira celebração que tivemos, naquele Pentecostes de 2006, nós dissemos: “Estamos chamando o espaço no qual nos reunimos de ‘Capela’ porque o nosso sonho é que este seja um lugar onde Cristo seja acolhido no acolhimento que fizermos uns dos outros, umas das outras, e, já que estamos ecologicamente situados ao pé da Serra do Japi, pareceu-nos apropriado designar este lugar de ‘Capela da Serra’. Além disso, há aqui um encontro maravilhoso da natura com a cultura: as serras são edificações geológicas divinas que naturalmente vão ao encontro do céu, enquanto as capelas são edificações humanas nas quais sobre(-)naturalmente Deus vem ao nosso encontro.”

Assim, podemos agora nos despedir, na certeza de que, ao longo destes 10 anos, Deus esteve e ainda está conosco e de que nós estamos em Deus.


♫ Canção da noite:
[Luiz Carlos Ramos e
Liséte Espíndola]

♫ Finda o dia
Ó bom Deus
E o sol já se escondeu
As estrelas no céu
Brilham para nos acalentar

♫ No teu colo vamos repousar
Nos teus braços queremos dormir
’Té que dia renasça
E inunde a todos com a tua luz
E a tua doce paz

Partida:
(cf. Deuteronômio 6.24-26]

O SENHOR te abençoe e te guarde;
O SENHOR faça resplandecer o rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti;
O Senhor sobre ti levante o rosto e te dê a paz.

♫ Oração dos pequeninos:
[Liséte Espíndola]

Meu Jesus Querido
Guarda minha vida
Hoje e para sempre.
Amém.

*
* * *
*


“Aqui nunca estamos sozinhos: Capela da Serra 10 Anos”, Capela da Serra, Jundiaí, 4 de junho de 2016, foi preparada por Luiz Carlos Ramos, é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Não Adaptada. Permissões além do escopo dessa licença podem estar disponíveis em http://www.luizcarlosramos.net
 Pianista: Liséte Espíndola;  Regente: Neusa Cezar e Elenise Ramos  Ambientação: Vastí Ferrari Marques  Fotografia: Carlos Nagumo e Walfrido dos Santos;
 Diagramação: Luiz Carlos Ramos  Arte do convite: Juliana Mesquita  Ilustração: Luiz Carlos Ramos
*Cânticos do Ritual Eucarístico são de Liséte Espíndola
Para ter acesso a outras liturgias da Capela da Serra e para ver fotos das celebrações anteriores, acesse: http://www.luizcarlosramos.net
1   2


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal