1. Texto e tradução: Pericópe Nm. 22-27 1 Conteúdo do Original na Bíblia Hebraica Stuttgartensia



Baixar 18,48 Kb.
Encontro03.12.2017
Tamanho18,48 Kb.


1. - Texto e tradução: Pericópe - Nm. 6.22-27

1.1 - Conteúdo do Original na Bíblia Hebraica Stuttgartensia:













1.2 - Tradução do hebraico para o português, conforme aluno:

(22) E falou Yahweh a Moisés, e disse-lhe:

(23) Fala a Aarão e a seus filhos, dizendo-lhes: Assim, abençoarão aos filhos de Israel, falando-lhes:

(24) Yahweh te abençõe e te guarde.

(25) Yahweh resplandeça seu rosto sobre ti, e te dê graça.

(26) Yahweh volte seu rosto sobre ti, e te dê paz.

(27) E porão meu nome sobre os filhos de Israel, e Eu lhes abençoarei.

2. - Diagramação do conteúdo:

A – Deus se comunica com Moisés:

Yahweh fala com Moisés, e lhe diz: fala a Aarão e a seus filhos, dizendo-lhes:

Assim, abençoarão aos filhos de Israel, falando-lhes:

B – Deus instrui como o povo de Israel deve ser abençoado em seu nome:

Yahweh te [povo Israel] abençõe e te guarde [ou proteja].

Yahweh resplandeça [ilumine] seu rosto [face] sobre ti [povo Israel], e te dê graça.

Yahweh volte [mova] seu rosto [face ou olhos] sobre ti [povo Israel], e te dê paz.



C – Deus conclui as instruções de bênçãos, através da qual, o povo de Israel será abençoado com o nome de Yahweh, por Moisés, Aarão, e os filhos de Aarão:

E porão [ou colocarão] meu nome sobre os filhos de Israel, e Eu [Yahweh] lhes

abençoarei.

3. - Comentário histórico do livro de Números:

O livro de números no capítulo 6 e versículos de 22 a 27, fala sobre as instruções ou ensinamentos que Yahweh (Deus de Israel) ensina a Moisés, e a Aarão e seus filhos, de que forma o povo de Israel deverá ser abençoado através de seu nome.

O fato histórico ocorre c.1400 a.C, e sabe-se que a autoria do livro é atribuída a Moisés, pouco antes de sua morte. No capítulo 33.2 é feita uma referência especifica a Moisés, registrando pontos sobre a viagem no deserto.

No original hebraico, números tem o significado bem oportuno “no deserto”, e sabe-se que o povo de Israel lá permaneceu por quarenta anos desde a saída do Egito, descrita no livro de Ex 19.1, Israel deixa o Sinai em Nm 10.11.

Números têm duas divisões principais: A) a seção contendo instruções enquanto ainda no Sinai (1.1-10.10); B) a viagem no deserto que cobre o itinerário do Sinai até as planícies de Moabe através do Jordão da Terra Prometida (10.11-36-13).

As instruções no Sinai lidam com a preparação para a viagem, e o resto do livro conta a viagem em si. As instruções no Sinai (1.1-10.10) cobrem uma variedade de tópicos, mas aqueles que lidam com o preparo da viagem dominam. Os caps. 1-4 lidam com uma série de instruções para numerar (fazer o censo de) vários grupos, seguido de um relatório de concordância com o mandamento.

Os caps. 5-6 lidam com a imundície ritual, a infidelidade marital, e os nazireus.

No cap. 7, os líderes do povo trazem ofertas para o tabernáculo. O cap. 8 fala da consagração dos levitas. O cap.9 lida com a Páscoa e a nuvem e o fogo; o motivo do preparo é reconsiderado em 10.1-10, onde são dadas instruções para que sejam feitos sinais com as trombetas.

A seção de Nm que lida com a viagem (10.11-36.13) tem duas partes principais. Em primeiro lugar, 10.11-25.18 descreve a destruição de geração que vivenciou a libertação do Egito por meio do Senhor. Os pontos-chave nesta parte são os relatos das queixas, rebeliões e desobediência da primeira geração, que levou à morte deles.

A segunda subseção (26-36) narra a preparação da segunda geração para a entrada na Terra Prometida. Começa com um novo censo (comparar com o cap. 1), observando que toda a primeira geração, exceto Josué, Calebe, e Moisés que morreu no deserto. Essa seção termina com a distribuição da terra entre as tribos depois de terem entrado na Terra Prometida.



3.1 – Esboço do Livro de Números:

I. Instruções para a viagem do Sinai 1.1-10.10

Relato sobre a tomada do censo 1.1-4.9

1) Censo militar 1.1-2.34
2) Censo não militar: levitas 3.1-4.49
Instruções e relatos adicionais 5.1-10.10

1) Cinco instruções 5.1-6.27


2) Ofertas dos líderes 7.1-89
3) Levitas dedicados 8.1-26
4) Segunda Páscoa 9.1-14
5) Direção pela nuvem e fogo 9.15-23
6) As trombetas de prata 10.1-10

II. Relato da viagem do Sinai 10.11-36.13

Rebelião e punição da primeira geração 10.11-25.18

1)Relato da primeira marcha do Sinai 10.11-36
2) Queixas do povo 11.1-3
3) Ansiando por carne 11.4-35
4) Desafio para Moisés 12.1-16
5) Recusa a entrar na Terra Prometida 13.1-14.45
6) Instruções relacionadas às ofertas 15.1-41
7) Desafios à autoridade de Arão 16.1-18.32
8) Leis da purificação 19.1-22
9) A morte de Miriã e Arão 20.1-29
10) Do monte Hor às planícies do Moabe 21.1-35
11) Balaque e Balaão 22.1-25.18
Preparo da nova geração 26.1-36.13

1) Um novo censo 26.1-65


2) Instruções relacionadas à herança, ofertas e votos 27.1-30.16
3) Vingança sobre os midianitas 31.1-54
4) As tribos da Transjordânia 32.1-42
5) Itinerário do Egito até Moabe 33.1-49
6) Instruções para a ocupação de Canaã 33.50-36.13


©bemvin.org 2016
enviar mensagem

    Página principal